Ir para conteúdo

maisapr

Membros
  • Total de itens

    9
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que maisapr postou

  1. Oi pessoal! Estive no Cairo em outubro deste ano (2011) por 1 semana. Foi a última parada da minha lua-de-mel (passei antes por Londres, Paris, Berlim, Atenas e um cruzeiro de 5 dias pelas ilhas gregas) e confesso que foi a parte mais exótica, divertida, emocionante e inesquecível de toda a viagem!!!! Ficamos hospedados no Horizon Pyramids Hotel (www.horizonpyramidshotel.com), um hotel mto bem localizado (dava para ver o topo das pirâmides da sacada) com um excelente café da manhã e lojinhas no saguão com preços ótimos! Optamos por fechar um pacote com um motorista logo no aeroporto. Detalhe: seguimos as várias recomendações que recebemos e só negociamos o motorista beeeem depois das dezenas de taxistas loucos que ficam abordando os passageiros na saída do aeroporto. Ficamos surpresos com o preço: ele disse q nos levaria para o hotel - longe pra caramba do aeroporto, uns 40minutos - por 20 euros!!!! Aceitamos na hora e, durante o caminho, perguntamos se ele tinha interesse em ficar com a gente durante toda aquela semana. Ele nos cobrou 35 euros por dia, com km ilimitada!!!!! Ficamos até desconfiados, mas depois fomos entendendo o motivo do valor baixo: o combustivel lá é extremamente barato!!!!!!! Foi a melhor coisa que fizemos....todos os dias tomavamos café e lá estava o Mohamed nos esperando no saguão. Não perdemos tempo, tivemos um grande guia nos acompanhando e, além de tudo isso, um egípcio que traduzia e brigava por descontos com os comerciantes locais por nós! Conhecemos cada detalhe da cidade e arredores, visitamos fabricas de tapetes, papirus, arguile...jantamos numa embarcação durante um passeio pelo rio Nilo, fizemos compras no centro da cidade, visitamos diversos museus, andamos de camelo...enfim, tudo que uma pessoa pode fazer na cidade!!! Simplesmente nos apaixonamos por Cairo e pretendemos voltar muito em breve! Só deixo aqui algumas dicas básicas: - MULHERES, EVITEM ANDAR SOZINHAS E, CASO SEJA REALMENTE NECESSÁRIO, TENTEM SE VESTIR COMO UMA EGÍPCIA. Digo isso pq nunca havia sido tão assediada e abordada como fui lá - mesmo acompanhada de meu marido e do Mohamed! Em alguns momentos tivemos que correr e eu realmente tive medo! - CUIDADO COM A ÁGUA: Só ao chegar vc já consegue perceber como a cidade é "sujinha". O Mohamed nos disse - e a recepcionista do hotel tbm - que o sistema de tratamento de água de Cairo é bem deficiente! Não corram riscos!!!! - FAÇAM COMPRAS EM LOCAIS QUE NÃO SEJAM FREQUENTADOS POR TURISTAS: não preciso nem comentar que é preciso barganhar E MUITO para comprar algo, neh? Fazendo compras no centro da cidade, vc não precisa ficar se desgastando - eu odeio ter q pedir desconto em tudo - pois o preço já está mais próximo do real (ENTENDAM BEM, MAIS PRÓXIMO! Eles sempre conseguem diminuir um pouco mais pra quem insiste) Além disso, vc encontra maior variedade de produtos como lenços e roupas!!!! - NEM SONHEM EM ALUGAR CARRO OU ANDAR A PÉ: o transito no Cairo é completamente CAÓTICOOOOO!!!!!!!! Carros se encostando, buzinas que não cessam...um local totalmente sem leis e regras! BOM, É ISSO!!!!! Qualquer coisa é só gritar!!!
  2. Oláaaa!!! Estou de viagem marcada para Copenhagen, onde embarco num navio e farei um cruzeiro pelo Báltico. Como teremos overnight em Copenhagen, gostaria de saber o que seria interessante fazer para conhecer a cidade e seus pontos turisticos em tão pouco tempo. Chego no aeroporto as 13 hrs, acredito que até realizar o check in no navio e poder descer novamente será por volta das 16hrs. Terei até as 16hrs do dia seguinte para "desbravar" a cidade... Os pontos turisticos encontram-se noc entro da cidade ou é tudo longe? Preciso de meio de transporte???? Ahhh, também gostaria de tirar uma dúvida: qual é a melhor forma de ir p/ o Terminal de embarque no porto (partindo do aeroporto)...taxi, trem, onibus? Agradeço pela sua ajuda e atenção!!!! Um grande abs Maísa
  3. Oieee Gustavo Conforme solicitado, aqui vai o site do Hotel de Amsterdam: http://www.hotelwijnnobel.com/ Peloq ue percebi, as reservas só são feitas por telefone. No meu caso, não efetuei reserva..preferi conhecer o local antes, já q passaria varios dias na cidade e daria mto trabalho ficar mudando com 2 malas e sozinha. Por sorte, consegui quarto disponivel. Mas isso pq fui no verão europeu... seu caso já é diferente. Acredito q tb terá disponibilidade, ainda mais c estiver sozinho. De qualquer forma, os telefones e endereço p/ contato estão no site. QQ duvida, estou a disposição =) Bjs Maísa
  4. maisapr

    Bruxelas

    BAHHHHH Só eu q não tive sorte =( Mas realmente, pra quem está em Amsterdam não custa nda dar um pulinho. Quem sabe eu não volto só pra tirar essa má-impressão??? Um abraço pessoal!
  5. Recebi um email do Ricardo por meio do site...o adequado seria enviar minha resposta tb por email, mas infelizmente o email q tenho é do site e não dele. Espero, d coração Ricardo, q vc leia esse post =) E tb pra quem quiser a dica, acho q pode ser útil: Para quem chega em Amsterdam pela estação central é mto fácil o acesso a qq lugar na área central! Olhando o mapa parece longe, mas andando normalmente em questão de 30 min é possível ir do Van Gogh Museum até a Central Station. Lembro-me de quando cheguei (by plane, mas peguei o metro no aeroporto e desci na Central Station), cansadissma após várias horas no avião e uma longa espera em Riga-Latvia (estava vindo de Helsinki), tdo parecia maluco. A Central Station é enormeeeee, mta gente e diversas saídas. Mas felizmente me deparei com um povo extremamente receptivo e vc verá isso assim q chegar lá. Os holandeses são solidários, praticamente tdo mundo fala inglês (em 2 semanas q estive em Ams não encontrei uma pessoa cquer q não falasse) e, além disso, tb não é dificil pq é bem sinalizada. Eu, sozinha, cansada, com 2 malas e o notebook, só tinha o nome, endereço e telefone do hotel. Não me tive a responsabilidade nem d pegar as "manhas" para chegar até o hotel. Um cobrador de trem q estava na estação pegou seu celular e ligou na hora para o numero q eu tinha marcado. Ai ele me explicou como chegava e não precisei mais d ajuda. ESSA DICA É PARA QUEM DESEJA IR A REGIÃO DO VONDELPARK - MAIS PRECISAMENTE AO HOTEL Q EU INDIQUEI ACIMA, O WJNNOBEL. Vc sai da central station, atravessa a rua (q é uma loucura d gente e d trens) e espera ali mesmo pelo trem numero 2 ou 5. Em horario normal eles passam a cada 15 minutos, é mto tranquilo. A passagem de trem custa 2,60 e é valida por 1 hora (caso vc queira ter acesso a trens pagando mais barato, tem como adquirir um cartão....por um tempo determinado. Não sei informar ao certo pq eu não fiz...) Vc paga direto pro motorista ou pro cobrador q fica quase no fundo do trem. Ai vc pede pra descer na estação do museu do diamante (Diamond museum..é super famoso!!!) Caso esqueça, pode dizer tb pra descer no primeiro ponto do Vondelpark. Dá na mesma =) Vc desceu do trem, NÃO COMETA O MESMO ERRO Q EU, D SEGUIR EM FRENTE. Vc vai no sentido contrario ao do trem...na segunda travessa, qdo vc ver q a rua da d frente com o parque - q é lindo por sinal - vc pode virar a esquerda sem medo. Preste atenção nos nomes das ruas, TODAS AS RUAS EM AMSTERDAM TEM A PLAQUINHA NA ESQUINA... A rua é super sossegada...mtos carros estacionados, mas poucos trafegando. O hotel é o numero 9, vc vai ver uma plaquinha na parede escrito apenas HOTEL. Ahhhh, eu aconselho a fazer reserva...tive sorte de chegar e conseguir quarto, mas no primeiro sabado já estava lotado e acabei passando uma noite no aeroporto, tdo pq nao tinha reserva..hahahahahahaha AHHH E VALE LEMBRAR Q LÁ NÃO ACEITA CARTÃO...ONLY CASH!!!!! QQ DUVIDA, SÓ ME ESCREVER =) Bjao e boa viagem!!!
  6. Rodrigo, d verdade, nem sei o q dizer. Estava me divertindo e mais uma vez me sentindo uma "perdedora" por ter vivido 4 meses em Steyr (a 40 min d carro d Linz) na Austria e não ter feito essa viagem linda q vc fez partindo de Salzburg... Mas depois d "babar" no seu texto, veio o catastrofico final, com carinha de Brasil!!! Estou simplesmente chocada e arrepiada. Meus olhos encheram de lágrima só d pensar q tdo o lado material da sua aventura, preparada com tanto cuidado, foi embora. E o arrepio foi imaginando o medo e o pavor de viver isso tdo num momento mix de sensações (excitação pra falar da viagem, saudades e ansiedade pra rever tdo mundo, cansaço..pq as longas hrs d avião são mto mto chatas). Realmente, nessas hras a gente pensa em largar tdo e ir viver num lugar decente. Mas graças a Deus tdos ficaram bem - mesmo q só fisicamente - e vc tem tda essa hist guardada com vc pro resto da sua vida - e compartilhada com quem quiser ler. Deus t ilumine sempre e mtas e mtas viagens em sua vida!! Um abração
  7. maisapr

    Bruxelas

    Nossa, realmente cada pessoa tem uma opinião diferente. Mas acho interessante expor de verdade tdo o q achamos... eu, por exemplo, não gostei de Bruxelas. Fui mal tratada - teve gente que chegou a virar as costas dizendo que só falava frances...situação que imaginei q viveria em Paris, mas não...só passei por isso em Bruxelas mesmo -, gastei horrores com alimentação e nem tive coragem de comprar souvenirs, a cidade inteira cheira a urina...pq os banheiros são cobrados, então coisa mais normal d c ver são homens fazendo das paredes um vaso sanitário, as pessoas são extremamente frias e nda amigáveis...além disso, esperava mais beleza. A cidade é um mix de modernidade e antiguidade, porem tdo meio misturado. A parte mais linda da cidade, chamada Grand Place (onde é possível encontrar a Catedral Saint Michael, a camara municipal...) é realmente fantástica! Mas pra mim....foi só! O Atomium, por ex, fica super longe. É totalmente diferente de Amsterdam, em q tdo é concentrado em uma região só. Minha intenção era ficar uns 2 dias, mas tendo em vista o preço dos hotéis - bem mais caros q em Amsterdam - e a recepção que tive ao chegar na cidade, desisti. Passei o dia inteiro lá e voltei (correndo) para Ams. A viagem de ida e volta eu fiz de coach (Eurolines) e custou, no total, 22 euros. Não conheci Brugges (infelizmente, pq tdo mundo diz ser lindaaaaaa) mas, na boa....conheci tantas cidades mais diferentes e interessantes q posso citar umas 20 e nem me lembrarei de Bruxelas. Q fique bem claro...ISSO TDO É MINHA OPINIÃO, TENDO COMO BASE TDO O Q VIVI E O DIA Q PASSEI LÁ. SE ALGUÉM SE DEU MELHOR Q EU, Q SORTE A SUA!!! E SE ALGUÉM ESTÁ PENSANDO EM CONHECER...NÃO DESANIME COM O Q ESCREVI... UM ABRAÇO
  8. Rodrigo, de boa...o seu relato foi o melhor que já li na vida!!! Estou em Istambul neste momento, curtindo meus ultimos dias pela Europa depois de 6 meses por aqui (meu voo p/ o Brasil já é sexta agora, dia 06/11/2009), e confesso q c tivesse lido um diário d viagem tão perfeito como o seu teria aproveitado mto mais, principalmente em Paris. Dediquei 4 dias inteiros por lá, achei a cidade mais linda até este momento da minha vida - e olha q já passei por mtas e mtas mesmo - mas não fiz nem metade do q vc fez. Parabéns e já estou ansiosa pelo término do diário!!!! Ahhhh, e sinto mto pela sua camera. Sorte q vc tem uma memória excelente e tdo vai continuar pra sempre em sua memória Um grande abraço!!!
  9. Oi pessoal. Resolvi me inscrever pq não acho justo só pegar dicas e não fornecê-las. Graças a um post aqui encontrei um hotel perfeito, tendo em vista tdo o q eu buscava: BOA LOCALIZAÇÃO, PREÇO BAIXO, CONFORTO E SEM BARULHOS. Encontrei, Hotel Wynnobel, situado à rua Vossiusstraat 9, quase em frente ao Hard Rock Café e EM FRENTE AO VONDELPARK. Fica perto de tdo - não pedalei ou gastei dinheiro com trens para absolutamente nada - tem café da manhã mto bom com pães frescos, manteiga, geléia e nutella, ovo, queijo e a opção de chá, café ou hot chocolate servido no quarto, banheiros (mtos) e limpos, quartos simples porém extremamente confortáveis e o melhor: eu paguei, single room, 25 euros!!! Outra ponto a favor...dos 3 recepcionistas, 2 são brasileiros e 1 portuguÊs. Isso foi ótimo, pois eles me deram diversas dicas e pude, além de conhecer coisas imperdiveis, economizar horrores. Ahhh, estive em Amsterdam super recente, do dia 20/10 a 31/10/2009 e, sinceramente, não me arrependo de ter ficado tanto tempo, e sozinha, em Amsterdam. É uma cidade incrível, cheia de mistérios e cultura e com uma população super acolhedora. O ponto negativo foi pagar por banheiro, até no MC DONALDS...ng merece, neh? rs Abraço pra tdos =)
×
×
  • Criar Novo...