Ir para conteúdo

F.Fernandes

Membros
  • Total de itens

    58
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre F.Fernandes

  • Data de Nascimento 15-06-1987

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Tusayan / Grand Canyon / Route 66 Hotel Best Western Premier Grand Canyon Squire http://www.tripadvisor.com.br/Hotel_Review-g31393-d226761-Reviews-BEST_WESTERN_PREMIER_Grand_Canyon_Squire_Inn-Tusayan_Arizona.html Curti demais esse hotel, bem grande, com restaurante, bar, pista de boliche dentro... Café da manhã excelente e um dos melhores quartos que peguei de todos os hoteis da viagem! Minha primeira escolha seriam os hotéis que ficam dentro do parque, mas os preços não estavam muito legais e acabei optando por este hotel que fica em Tusayan, uma cidadezinha pertinho da entrada do parque. Só existem 5 hotéis em Tusayan, então se prepare para reservar com bastante antecedência pq lota fácil. Estacionamento gratuito, wifi de boa qualidade nos quartos, check in super rápido e ainda dá para comprar o ticket de entrada no Grand Canyon lá mesmo no balcão hotel. Paguei R$ 678 (US$219,98) por 2 diárias em um quarto com 2 camas de casal com café da manhã incluso. Grand Canyon (19/Nov - 21/Nov ) Saí de Vegas eram umas 10h da manhã e peguei a estrada até Tusayan. Este dia eu separei para curtir bastante o trecho, pois iria parar na hoover dam e em algumas partes da Route 66. A dica aqui é encher o tanque do carro! Eu peguei um trecho de umas 70 milhas de rota 66 onde não vi nenhum posto. Poderia ter optado por ir somente pelas interestaduais, mas não tem graça pegar esse caminho e não ir pelo 66! Eu recomendo fortemente passar pela hoover dam... é uma construção gigantesca no meio de nada!! Parei e fiquei curtindo a vista enquanto fazia um lanche Existem diversas placas alertando as entradas para a rota 66, na primeira que vi já peguei e ai parece que a pessoa entra em outra realidade... Estrada bem "old school" mas muito conservada, visual alucinante, pouquíssimos carros e uma sensação de sonho realizado..muito legal Cheguei no hotel já era noite...fazia frio (-2º celsius), aproveitei pra conhecer o bar, jogar um boliche e dar uma descansada pq teria pela frente um dia inteiro de Grand Canyon. Eu comprei o ticket para o Grand Canyon no próprio hotel. Paguei algo em torno de 25 U$ pelo passe válido para o veículo durante 1 semana. Esse passe vc anexa no carro e tem entrada liberada. Contemplar o Grand Canyon com certeza é uma das coisas que toda pessoa que gosta de viajar tem que fazer ao menos 1 vez na vida! Ainda nos preparativos da viagem, eu via fotos, lia roteiros e a ansiedade pelo dia só crescia. A borda sul do Grand Canyon (South Rim) é imensa.. vários pontos e mirantes e 3 linhas de ônibus exclusivos que fazem as diversas rotas. Eu optei por estacionar o carro no centro de visitantes, onde existem lojas, lanchonetes, museu, os terminais de duas linhas e onde peguei um mapa completo. O céu estava claro e a temperatura estava baixa. Praticamente em cada ponto de parada e mirante existem "bicas" onde se pode encher a sua garrafa de água. Só existem banheiros nos mirantes com maior estrutura. Existem 3 linhas de ônibus: - Laranja: Essa linha faz todos os pontos mais a direita da entrada do parque. Eu gostei bastante desse trecho pois existem algumas rotas que desembocam em trilhas com visuais incríveis! Leve descanso apreciando a vista - Azul: Esta linha percorre a parte mais central da face sul do Canyon.. é na região desta linha onde ficam o Grand Canyon Village, com os hoteis e toda a infra estrutura da vila. Pode-se optar por percorrer todo o parque de carro, moto, bicicleta..vai do que a pessoa achar melhor. - Vermelha: Este trecho ficam pra mim é ondem ficam as vistas mais insanas... locais onde se consegue chegar até a beira da borda e contemplar um visual absurdo! Neste trecho eu consegui ver o rio colorado e o contrates entre a paisagem e o rio é marcante... Por do sol pra fechar o dia Eu levei uma mochila com alguns sanduíches e garrafas de água..eu recomendo fazer isso pq eu passei o dia inteiro caminhando entre trilhas, subindo e descendo..no final do dia estava acabado. Separei somente 1 dia para curtir o parque, o que achei pouco. 2 dias completos só para a borda sul acho o ideal. A dica que eu dou é a seguinte.. se só tem poucas horas pra visitar, vá direto ao trecho vermelho e faça ele voltando.. se tem o dia todo, comece pelo trecho vermelho e não perca tanto tempo nas trilhas que descem o desfiladeiro..vai se cansar bastante. Se separou dois dias...comece no primeiro dia pelo trecho laranja e faça as trilhas.. separe o resto para o segundo dia. Bom Grand Canyon a todos que ainda vão!
  2. Las Vegas Hotel Monte Carlo http://www.tripadvisor.com.br/Hotel_Review-g45963-d97712-Reviews-Monte_Carlo_Resort_Casino-Las_Vegas_Nevada.html Eu gostei muito dele, a localização é foda. Fica basicamente no centro da melhor parte da Strip e ainda tem a disposição um mini trem que leva ao Aria e Bellagio. Cheguei já era tarde, e o check in foi super rápido. Várias lojas, 2 bares super legais, uma praça de alimentação com subway, mc donalds, etc.. O casino em si foi um dos que mais gostei. Não tem a "sofisticação" dos outros mas não é lotado e dá pra curtir um jogo tranquilo. Quarto de excelente tamanho. O único ponto negativo que pra mim pesou bastante foi não ter wifi nos andares/quartos. Estacionamento garagem gigante e gratuito, aliás Vegas em si não é pra se preocupar com vaga pra estacionar Ele vale muito a pena em relação ao custo, pois os outros Casinos vizinhos são bemm mais caros. Paguei R$ 1.400 (US$505) por 5 diárias em um quarto com 2 camas de casal. Neste valor não está incluído a famosa taxa de resort de 20 U$ por diária. Las Vegas (14/Nov - 19/Nov ) Sai de San Francisco em um voo da Southwest e cheguei em Vegas já era noite. Retirei o carro na Hertz do aeroporto e fui em direção ao hotel. Las Vegas é incrível! É o paraíso pra quem curte balada, jogo e agitação. Eu curti demais a cidade e achei os 5 dias pouco tempo pra tanta atração e local pra conhecer e curtir. A strip é um show a parte, movimentada em qualquer horário. Se prepare pra perder bastante tempo indo de Casino em Casino, mesmo que vc não seja um apreciador de jogo. Em Vegas o carro não é tão necessário, ele vai ficar a maior parte do tempo na garagem. Só usei para ir aos outlets e aos Casinos um pouco mais distantes. Dos Casinos que visitei (uns 12 ao todo), os que mais gostei em relação a ornamentação/estilo foram o Cesar Palace e o Venitian. O que interior deles é simplesmente alucinante. O Venetian é absurdo..enquanto vc passeia pelo local ficam passando as gondolas pelo canal..o céu simulando o dia...é muito legal. Eu curti demais o Aria e o Cosmopolitan...ambos tem um estilo mais jovial e tecnológico, com muita agitação, gente bonita, bares badalados e boates incríveis. Da cidade eu destaco: Passeio aos Casinos: São tantos Casinos temáticos que é impossível escolher o melhor. Eu mesmo ficando 5 dias na cidade não consegui visitar a metade deles. O espetáculo da "Dança das Águas" na fonte de frente ao Bellagio é muito foda. A noite aglomera bastante gente na frente pra curtir, vale muito a pena assistir. Aria, Cosmopolitan, Encore e Wymn eu achei os Casinos mais sofisticados..vale a pena visita-los a noite pois o clima é bem legal, com bares agitados e musica boa. Bellagio, Paris, Treasure Island, New York, Luxor, Venetian e o Cesars são Casinos que dão muito foco a ornamentação até por serem mais temáticos. Neles eu perdi bastante tempo andando e curtindo o local. No Paris dá pra subir na Eiffel Tower (não fiz o passeio), no Stratosphere tem uma montanha russa encima do Casino irada ... O MGM e tudo nele é iradissimo! Interior do Bellagio é irado! High Roller: Ano passado foi aberta a maior roda gigante do mundo, que fica atrás do Casino LYNQ. O passeio é meio salgado (Eu fiz a noite onde o ticket custou 27,50 U$ ) mas vale muitooo a pena. Faça a noite, pois a vista da Strip é surreal! É um passeio que demora uns 30 ~40 minutos. Pode-se pagar um ingresso mais diferenciado e ir em uma cabine com um mini bar dentro..é coisa de louco!! Buffet: Todo Casino tem o seu sistema de buffet. O valor vária conforme o "nível" e qualidade do buffet. Dos dias em que fiquei em Vegas, em 4 eu almocei em diferentes locais. O mais barato foi o buffet do Casino Luxor. Paguei algo em torno de 20,00 dólares. Comida, Bebida e Sobremesa a vontade. O buffet em si é gigante..tem a parte mexicana, italiana, americana, oriental..ou seja, comida para todos os gostos. Eu ainda fui no buffet do Planeta Holywood, Flamingo e Paris (este último o mais sofisticado em relação a diversidade e qualidade da comida. Foi o único que destoou um pouco do valor, paguei algo em torno de 30 dólares). Jogo: Pra quem curte jogo como eu, Las Vegas é o paraíso. Eu não consegui entrar em nenhuma Poker Room, pois os limites estavam meio altos pro meu bolso ...mas joguei em algumas mesas de Blackjack de 5 dólares. Particularmente destaco o Monte Carlo...eu perdi horas e horas lá.. Nada melhor que lucrar nos Casinos!! Balada/Night: Tem tanta boate, bar e festa na cidade acontecendo ao mesmo tempo que fica difícil escolher uma pra ir. Como eu fui no final de novembro e fazia frio, não estava rolando as famosas pool party. Das 5 noites que passei na cidade eu só fui em uma boate. Inicialmente eu e meu amigo por indicação de outros amigos que já foram, queriamos ir na XS Nightclub que fica no Encore, mas não conseguimos por o nome na lista e fomos na 2ª opção que era a Marquee Nightclub que ficava no Casino Cosmopolitan. Puta boate FODA!..Enormee e estava bem lotada, tem uma iluminação tensa e um sistema de som irado. Muitaa gente bonita e bem arrumada. Neste dia mulher estava entrando de graça nela. Foi muito bom... Se prepare pra gastar um pouco lá dentro..os drinks são bem caros.. Eu também recomendo ir em um bar chamado Bond no mesmo Cosmopolitan. É um Lounge/Bar irado, com som alto, sofisticação e muita gente bacana. No Planet Holywood tem um bar temático de esportes, onde de tão divertido fui 2x pra assistir NFL e NBA. O pessoal realmente "incorpora" os espirito da cidade..conheci pessoas de vários locais..fiz amizade com um grupo de mexicanas..conheci gente da alemanhã, canada, brasil..é mt irado o clima festeiro da cidade.. Outlet: Fui nos dois outlets da cidade. Las Vegas South e North Premium... Eu perdi um dia inteiro no outlet North. Lojas bacanas, boa variedade, preço bom..recomendo fortemente. O único problema é a quantidade de gente nele. Para o outlet South eu tinha reservado um dia mas passei só uma manhã. Não curti e em uma próxima vez iria 2x no North. Os dois não ficam longe da Strip..de carro é uma média de 10 minutos. Shows: Eu fui no show de Believe de Criss Angel no Luxor (paguei 60 $). É um bom show de ilusionismo mas eu esperava mais, talvez por já conhecer o trabalho dele na tv eu fui com um hype bem grande. Minha primeira opção era o show do David Coperfield, mas para o período que eu estava em Vegas ele não iria fazer apresentações. A cidade tem tanta atração e show que fica difícil escolher..tem para todos os gostos..deve ter uns 10 shows diferentes do cirque du soleil em vários casinos. Eu tentei comprar ticket mas estavam esgotados/indisponíveis para o Michael Jackson ONE - Cirque du Soleil que fica no Mandalay Bay. Em Vegas se prepare para não ter hora para dormir ou acordar..a cidade é realmente insana!
  3. Half Moon Bay / San Francisco - 8º dia (10/Nov) Fiz check out no hotel e peguei a estrada cedinho.. O resto do trecho da pacific até san francisco tem várias partes que não ficam mais a "beira mar" mas nen por isso se torna menos bonito. Half Moon Bay é uma cidade pequena e muito bonita...Como ela fica em uma região onde se encontram algumas das ondas mais famosas da California, eu vi vários surfistas. Aproveitei pra almoçar em um dos muitos restaurantes italianos que tem pela cidade. Half Moon Bay San Francisco Hotel The Grant Hotel http://www.tripadvisor.com.br/Hotel_Review-g60713-d226834-Reviews-The_Grant_Hotel-San_Francisco_California.html Hotel fica em uma localização muito boa. Saindo dele, desce uma rua e já está na Union Square. Ele tem um preço mais baixo que os demais na mesma área e isto impõe alguns pontos negativos. - O staff/recepção não é muito simpático e receptivo, mas nada que comprometa a estádia. - O quarto é todo em carpete, o que algumas pessoas podem não gostar. Para mim não prejudicou em nada. - Café da manhã praticamente inexiste. Vá esperando tomar seu café da manhã fora do hotel. Ponto positivo para a máquina de água+gelo gratuita no lobby e o wi-fi de muito boa qualidade. Este hotel não possui estacionamento, porém na frente dele existe um estacionamento garagem que cobra por diária (não usei pois entreguei o carro no 1º dia na cidade. Paguei R$ 1.356 ( US$504 ) por 4 diárias em um quarto com 2 camas de casal. É uma boa opção de hotel na Union Square para quem não quer pagar mais caro em um de melhor qualidade. San Francisco (10/Nov - 14/Nov ) Eu fiquei completamente alucinado por San Francisco. Que cidade fantástica!!! Incrível como o californiano é de bem com a vida, tranquilo e super gente fina. A cidade é linda, com transporte público de qualidade, ciclovias cruzando várias partes da cidade e muitos...muitoosss parques. É um local que respira saúde e ti convida a praticar exercícios.. Paisagens lindas por todo o local e uma arquitetura impar! Ao chegar na cidade eu aproveitei para cruzar a Golden Gate com o carro já que iria entrega-lo no final do dia. A Golden Gate merece todos os melhores adjetivos que possa se pensar...que visual, que ponte incrível, que local! Cruzei ela no sentido para Sausalito e parei no 1º mirante que fica a direita. Estacionamento a vontade e uma boa vista da ponte. Depois de umas fotos fui para o mirante que fica no alto de uma montanha. De lá se tem a melhor vista dela... Fiz o check in no hotel e fui entregar o carro em uma Hertz que fica perto da Union Square. Se você vai ficar de carro em San Francisco, eu recomendo procurar um hotel que tenha disponível estacionamento. É muitoooo difícil encontrar vagas livres a não ser nos parquímetros que tem um tempo limite pequeno para deixar o carro, além de que são altos os preços para um estacionamento por lá. Eu optei por entregar o carro no 1º dia e usar transporte público. Comprei por 24 dolares um ticket de 3 dias para andar em qualquer meio de transporte pela cidade (Incluindo os Cable Car que são 6 dolares por viagem). Da cidade eu recomendo os seguintes passeios que fiz: Chinatown: A cidade tem uma das maiores colonias orientais fora da Asia..é um local bem legal! Passeio de 1 hora e alguns locais bem legais para fotos como o Chinatown Gate e as ruas todas decoradas com ornamentos orientais. Union Square: Local obrigatório para visitar! No período em que estive lá, a praça estava com uma enorme obra que fechou uma via inteira. Lá você vai encontrar lojas de grandes marcas..uma loja enorme da Macy's e da Victoria Secrets.. Para quem gosta de curtir a noite, lá vai encontrar vários bares/pubs bem legais pelas redondezas. É lá também onde passam os famosos Cable Car da cidade. Fishermans Wharf: É a zona portuária da cidade, onde ficam os diversos piers e atrações. É um bairro tradicional e lá você vai encontrar a maioria das atrações turísticas da cidade. Eu fui em um museu bem legal sobre a historia do local. Entrada free! Aproveitei e também fui no Madame Tussauds (U$ 25,00) e ganhei a entrada para uma atração chamada San Francisco Dungeon que são várias encenações de terror percorrendo cenários muito bem montados remetendo a contos sobre a cidade e com muita iteração com o público. Muito muito legal! :'> :'> Ele tava meio perdido Aquarium of the Bay: Andando um pouco chega ao Pier 39 onde fica o famoso aquarium. A entrada não é muito barata (paguei algo em torno de U$ 20,00 ) mas é um passeio bem bacana que recomendo fortemente. Pier 39: O melhor pier da região.. lá vai encontrar uma estrutura de restaurantes, bares, lojas, o Hard Rock Café, etc.. Pier 33 / Alcatraz: Do Fisherman até ele a pé eu gastei uns 15 minutos. É dele onde sai o Alcatraz Cruises (a balsa que leva até a ilha da famosa prisão). Eu comprei o ingresso antecipado pelo site e mesmo comprando com praticamente 1 mês de antecedência, não consegui o ingresso para o horário da noite. Então eu recomendo que se quiser ir, compre com bastante antecedência, porque o passeio noturno é muito concorrido. Eu paguei U$ 30,00 pelo passeio de dia. De meia em meia hora sai e volta balsas da ilha..você pega o barco no horário que agendou na compra do ingresso e volta em qualquer barco e horário. Lá na ilha não precisa de guia, pode pegar o áudio guia em português que é grátis e bater perna pela prisão. É um passeio obrigatório!! Muitoooo legal...perdi mais de 2 horas percorrendo a ilha, a prisão, suas várias histórias e assistindo um filme sobre a história do local em uma sala de videos que tem por lá. Bike + Golden Gate: Um dos passeios mais legais da viagem.. aluguei uma bike em uma lojinha na Fisherman Wharf ( U$ 36,00 + 4,00 de seguro) e passei literalmente o dia inteiro percorrendo a região, passando por parques e cruzei a ponte inteira até subir uma ladeira imensa para ir no mirante encima da montanha e fazendo o caminho inverso. A bike era para ser entregue as 18:00 horas.. eu só fui entregar poucos minutos antes da loja fechar. Nunca pedalei tanto na vida..fiquei destruído.. Eu total recomendo.. pode parecer caro a primeira vista, mas é um passeio que vai durar todo o dia, passando por paisagens e vistas incríveis, além de que você encontra várias pessoas fazendo o mesmo trajeto e acaba trocando uma ideia e fazendo uma amizade. A clássica foto! Lombard Street: Uma rápida passada para algumas fotos... O Cable Car passa de frente a descida da rua. Cable Car Vai a SF? então você não pode deixar de andar em um dos famosos bondinhos! É um sistema de mais de 100 anos... uma experiência única! Praticamente só vi turistas andando por ele. Em média eu achei SF uma cidade +- cara... Hospedagem tem um preço mais alto..então se prepare pra ficar em um local bacana (Union Square ou Fisherman) pagando um pouco mais. Gastei +- 40,00 dolares por dia de alimentação/bebida e como é uma cidade onde existem várias atrações "pagas", acaba se tornando um trecho onde vai se gastar um pouco mais de grana do que Los Angeles.
  4. Santa Clarita - 7º dia (09/Nov) Fiz check out cedo no hotel e peguei a estrada..seria um longo dia até Carmel/Monterey. Este foi um trecho bem longo, sai de Santa Claria as 08:30 da manhã e só fui chegar no hotel em Monterey as 20:00. Pacific Coast Highway / Big Sur A partir de San Luis Obispo, você vai encontrar o trecho mais incrível da estrada e também o mais perigoso. Muitas curvas fechadas e tensas, desfiladeiros, trechos praticamente sem acostamento e um visual surreal! Eu peguei um tempo meio nebuloso, com muita neblina o que exigiu mais atenção na estrada e pouca velocidade. Passei umas 60 milhas com o carro a 30 ~ 40 milhas porque não tinha condições de ir mais rápido. Ao longo da via, em alguns momentos em que ela se alonga, você vai encontrar pontos onde consegue parar o carro para tirar fotos. É um trecho em que você com toda certeza vai parar bastante. O curioso foi a quantidade de carros conversíveis fazendo esta rota. Com um visual desse, você entende a diferença que faz sobre um carro "comum". Como neste dia eu não tinha muito tempo de manobra, eu preferi não parar para almoçar. No caminho para chegar a Pacific, eu passei em uma Mc Donalds e comprei uns Cheesburguers para durar a viagem e aguentar até a noite. Uma dica que dou é para comprar uns packs de água mineral no Target. Eu comprei um pack de 24 garrafinhas de 500ml muito barato (não chegou a 5 dolares todas). Deste dia eu destaco alguns pontos: - Logo no começo do trecho onde a estrada começa a ficar cheio de curvas, existe um "parque". Encontrei vários carros estacionados e parei também. É um ponto de mata com trilhas que uma delas levam você a descer o desfiladeiro até a praia. Muitooo bonito! - Julia Pfeiffer: Surreal! Esta é a palavra que descreve esse parque. A visão que se tem de lá é algo magnifico. muito, muito...muitooo foda! É uma pena que o dia não estava completamente ensolarado. Aqui vai uma dica: antes de chegar nele, existem diversas placas avisando a distância. Fique ligado, pois você vai conseguir estacionar no próprio acostamento e aproveitar "de graça" o visual. Eu não me liguei nisso e entrei na zona do parque, onde tem uma guarita com uns fiscais e lá eles cobram 10 dolares para seu carro ficar estacionado. Nada absurdo também, pois lá você vai encontrar banheiros e uma mínima infra-estrutura, mas fica a dica para quem quiser economizar ai. - Você vai encontrar vários e vários parques ao longo do caminho e uma estrada de cinema até chegar a Bixby Bridge. Na ponte estacionar é fácil, os dois lados da via tem um espaço razoável para carros. Lindas fotos e um puta por do sol! - Eu recomendo encher o tanque do carro antes de pegar a estrada. Na Big Sur eu só me lembro de ter visto 1 ou 2 postos e com preços bem altos. Gasolina nos EUA é bem mais barato que aqui no Brasil, em média eu peguei preços de 3.10 dólares o galão. Não tem mistério para abastecer, eu tive experiência em 3 tipos de postos. 95% das vezes você vai ter que estacionar seu carro na bomba, olhar o número dela, ir na lojinha do posto falar com o atendente e dizer o número da bomba mais a quantidade em dólares ou em galões que quer encher. Vai efetuar o pagamento e ele vai destravar a bomba com o valor que deu, você vai voltar e abastecer. Se o tanque encheu e ficou sobrando gasolina, não se preocupe, ao voltar lá dentro é só falar um "too much!" e ele já vai ter registrado o valor exato do seu troco e vai lhe dar. Em toda a viagem eu só encontrei um ponto que aceitou meu travel money direto na bomba. Em todas as outras oportunidades sempre pedia um zip code e ao colocar o do brasil ou o do hotel ele não aceitava. Teve um posto em Los Angeles onde tem uma máquina de auto atendimento ao lado da bomba onde você faz todo o processo de pagamento nela, inclusive colocando cédulas... achei tão prático, infelizmente só vi 1 posto com este sistema. - Tem alguns trechos da rota onde encontrei restaurantes que ficavam na beira do penhasco, então opções de alimentação não vão faltar na sua viagem pela big sur. - Eu recomendo deixar 1 dia inteiro para big sur. Não faça toda a pacific em um dia só...vai ser cansativo e não vai conseguir aproveitar todas as paradas com calma! Em uma próxima oportunidade, eu irei montar o roteiro para dormir em San Luis Obispo, acordar cedinho, pegar a estrada com calma, aproveitando ao máximo cada parada e dormindo em Carmel/Monterey, ou vice-versa. Acho que assim é o melhor modo de maximizar o trecho...Fica a dica! :'> ! A pacific é linda, é uma estrada que vai ti conquistando a cada milha até chegar no climax da Big Sur! Vai pra California, alugou carro e ta pra fazer a pacific/big sur? Curta, curta e curta muitoooo...pq vai ser um dos momentos mais fodas que você vai passar! Carmel/Monterey - 7º dia (09/Nov) Hotel Super 8 Monterey/Carmel http://www.tripadvisor.com.br/Hotel_Review-g32737-d78400-Reviews-Super_8_Monterey_Carmel-Monterey_Monterey_Peninsula_California.html Hotel com bom custo beneficio. Só passei uma noite nele. Bom quarto e banheiro, wifi de boa qualidade nos quartos, café da manhã com pouca opção mas gostoso. Hotel padrão com uma boa localização e estacionamento gratuito. Preço: R$ 216( US$84) por um quarto com 2 camas de casal. Recomendo!
  5. Santa Barbara - 6º dia (08/Nov) Fiz check out cedo e peguei a estrada rumo a Santa Clarita onde fica o parque de montanhas russas Six Flags. Six Flags Magic Mountain O parque abre as 10:00 e fecha as 20:00. Comprando o ticket antecipadamente no site o valor fica 44.99 U$. Se deixar pra comprar na hora vai pagar 69.99. Eu também comprei antes o ticket para o estacionamento diário do parque por 20 U$. Eu tive as melhores das impressões nele, sai extremamente satisfeito. Pra quem gosta, lá é o topo da diversão em material de montanhas russas. É uma mais radical que a outra. Como o parque normalmente só abre aos sábados, domingos e dias festivos (Meses de férias ele tem abertura em dias diferenciados), as filas para os brinquedos ficam enormes. Nas montanhas russas mais famosas eu cheguei a esperar mais de 1h pra conseguir entrar. O Parque estava lotado e com várias excursões colegiais. Eles também vendem um tipo de ticket upgrade chamado The Flash Pass. Este ticket permite reservar horários na maioria das atrações. Ele vem em 3 opções: - Regular: Permite fazer uma reserva no brinquedo para o mesmo tempo da fila, ou seja, no brinquedo X o tempo de fila padrão são 45 minutos, então você vai poder reservar e embarcar nele em 45 minutos sem ter que esperar a fila. Cada brinquedo tem um tempo de fila padrão diferente. - Gold: Reduz o tempo de espera em 50% - Platinum: Reduz o tempo de espera em 90% e permite que você vá a mesma montanha russa duas vezes. Os preços variam de acordo com o dia ou se for grupo de pessoas. Normalmente os preços ficam em 40, 70 e 100U$ só para as versões do flash. Pode parecer caro a primeira vista, mas chegando lá se compreende porque ele vale tanto a pena. Eu mesmo chegando ao parque exatamente quando abriu e saindo na hora que fechou, tirando o tempo das refeições, só consegui ir em 9 brinquedos. Passei muito tempo em fila. As montanhas russas mais famosas ficam com filas imensas e me arrependi de não ter pego o flash. O parque tem uma estrutura excelente, várias praças de alimentação, sanitários e quiosques de bebidas espalhados pela área, que aliás é imensa. Eu recomendo totalmente a ida a ele, principalmente por conta dessa montanha russa do video. É tão intensa que eu demorei uns 2 minutos pra conseguir voltar ao normal mentalmente...você começa de costas e dá tanto giro que não sabe mais o que é chão ou céu... é insano! Isso só pra falar duas dos quase 30 brinquedos insanos que tem no parque. Se você gosta de emoção, com toda certeza este é seu lugar! NOTA 10! Saí do parque e fui em direção ao hotel que reservei para passar a noite. Santa Clarita - 6º dia (08/Nov) Hotel Hampton Inn Los Angeles-Santa Clarita http://www.tripadvisor.com.br/Hotel_Review-g33047-d78002-Reviews-Hampton_Inn_Los_Angeles_Santa_Clarita-Santa_Clarita_California.html Neste hotel eu tive o melhor café da manhã da viagem, muitas opções. Gostei muito dele. Quarto excelente, bastante amplo, banheiro grande(possui secador, banheira, etc), wifi excelente, estacionamento gratuito. Ele fica localizado a poucos minutos de carro do parque. Um excelente Custo/Beneficio. Fiquei uma diária: 08 Nov - 09 Nov e paguei R$ 358 (US$139) em um quarto com duas camas de casal e café da manhã incluso.
  6. Santa Barbara É uma cidade linda.. eu fiquei bastante encantado com essa pequena cidade californiana, principalmente por causa das pessoas, sempre gentis, alegres e de bem com a vida. Hotel Marina Beach Motel http://www.tripadvisor.com.br/Hotel_Review-g33045-d119702-Reviews-Marina_Beach_Motel-Santa_Barbara_California.html Um dos melhores hotéis da viagem. Minha experiencia neste hotel começou de maneira maravilhosa ao ser super bem atendido na recepção na hora do check in. É um tipico motel americano, muito organizado e com uma localização sensacional, praticamente a beira mar. Depois do check in passei uns 30 minutos na recepção com um senhor que era um dos donos, explicando cada ponto da cidade, indicando restaurante, onde deveria ir, o que visitar. Ele abriu o mapa da cidade e saiu mostrando calmamente cada local... ele era de uma simpatia absurda. Santa Barbara me ganhava logo no check in do hotel Paguei por 2 diárias: 06 - 08 Nov um total de R$ 734 ( US$284,98 ) com café da manhã incluso. Eu sou suspeito para falar deste hotel, dei nota 10 no tripadvisor de tão bom que foi minha estadia lá. Café da manhã com diversas opções, quarto confortável, banheiro muito espaçoso (chuveiro e banheira separadas), Wifi excelente nos quartos, estacionamento gratuito, bicicleta disponível gratuitamente na recepção para voltas na cidade. Além de tudo isso ele tem uma localização incrível. Santa Barbara - 4º dia (06/Nov) Após o check in eu sai pela cidade para jantar em um dos restaurantes indicados pelo senhor da recepção. Na State St, uma das ruas principais da cidade, você vai encontrar diversos restaurantes, bistrôs e bares. Apesar de ser uma cidade pequena e costeira, eu achei super luxuosa.. gente bem vestida, locais com decoração diferenciada e uma arquitetura linda. Foi uma quebra de ritmo imenso sair da agitada Los Angeles. É uma cidade para passar uns 3 dias curtindo tranquilamente. Santa Barbara - 5º dia (07/Nov) Este dia eu aproveitei a manhã de sol e clima bom para pegar uma das bikes na recepção e percorrer a orla. Da cidade eu destaco: - Santa Barbara Harbor: É o porto da cidade, um local incrivelmente lindo. Lá você vai encontrar barcos de todos os tipos, tinham dois barcos a vela gigantes atracados que pareciam saídos de um filme de Piratas do Caribe. Existem alguns restaurantes, bares, lojas de souvenir e um museu por lá. É um local muito fotogênico, pode ter certeza que você vai produzir fotos fantásticas por lá. - Santa Barbara Pier: Local muito bonito, lembra o pier de Santa Mônica mas sem aquelas estruturas todas. Lá vai encontrar alguns restaurantes com especialidade em frutos do mar e lojinhas de souvenir. Para quem vai de carro, existe um um estacionamento gratuito se houver alguma consumação lá. É um local para ir, curtir e almoçar ou jantar. Eu almocei em um restaurante fantástico lá, chamado Santa Bárbara Shellfish Co. Atendimento incrível, comida deliciosa e um visual surreal. 30 dolares muito bem pagos! Um ponto a mencionar são as famosas "tips". Por padrão eu sempre deixava em média 15% do valor total da conta nos restaurantes, 2 dólares diários em hoteis e 10% do valor da corrida em táxis. A tarde eu fui conhecer um pouco mais da cidade. No verão a cidade deve lotar, mas nesta época que fui estava tudo muito tranquilo, sem nenhum trânsito. Santa Barbara é uma cidade com forte influência espanhola que logo percebe-se pela arquitetura, então reserve um tempo para andar sem destino pelas ruas... garanto que vai ser um passeio surpreendente. - Praia: A cidade tem uma extensa faixa de areia, um calçadão bem estruturado e você encontra muitas pessoas andando de patins, pedalando, correndo ou aproveitando o sol a beira mar. Eu passei o restinho da tarde relaxando, curtindo o visual e esperando o por do sol... e que sunset!!! Santa Barbara é uma cidade apaixonante que merece várias visitas!! A noite voltei pro hotel para descansar.. o próximo dia começaria bem cedo para mim e seria bastante cansativo.
  7. Los Angeles - 4º dia (06/Nov) Acordei cedo, pois o check out seria no máximo as 11h e precisava pegar a estrada para Santa Barbara. Carro arrumado, ainda deu tempo de dar uma passada rápida na calçada da fama de dia. Estacionei o carro no Hollywood & Highland Center. Um Shopping no meio da avenida. Lá tem alguns restaurantes e lanchonetes...se você consumir algo lá dentro o ticket do estacionamento sai free. Eu comi um pretzel com refrigerante e não paguei nada. vale a dica! :'> Hollywood & Highland Center Dei uma volta por lá e achei meio chato pela manhã.. muitaaaa gente, mal se consegue caminhar, gente fantasiada ti abordando toda hora oferecendo foto.. O que pra mim valeu a pena foi uma lojinha de souvenir do lado do Madame Tussaud onde tudo era 5,00 dolares. Comprei várias lembranças bem bonitas para presentear.. Recepcionando na entrada! Voltei pro carro e saí em direção a Santa Barbara pela Pacific! No trecho de Los Angeles até Santa Barbara você vai encontrar um trânsito meio chato no começo da via até a região de Malibu. Não espere limite de velocidade em 65 milhas.. só me recordo de 45 a 55 milhas, mas nada que prejudique já que com toda certeza você irá querer percorrer ela com bastante calma.. QUE estrada LINDA!! Cenários surreais!! É muito..mais muitoooo bonito o caminho. A cada curva a expressão no seu rosto vai ser = e isso pq ainda nen chegou na parte mais surreal e extraordinária da CA01 que é a Big Sur! Região de Malibu Região de Malibu Uma dica é sempre se programe pra conseguir pegar um trecho dela no por do sol.. vai ser uma das experiências mais marcantes da sua viagem! Curtindo o por do sol! Se você estiver vindo no sentido SF - LA, vai encontrar visão completa pelo caminho e inúmeros pontos de parada ao longo dela. Pode ficar tranquilo, se perdeu um ponto e não quiser dar meia volta, em pouco tempo vai encontrar outro com uma vista mais incrível ainda. Se estiver fazendo o trecho inverso (LA - SF), o trecho de Los Angeles até Santa Barbara eu achei muito tranquilo, pois foram poucas vezes onde perdi a visão da estrada e como a partir de Malibu o fluxo fica mais suave, você irá facilmente conseguir dobrar a esquerda e parar em um dos vários point view da estrada que ficam a esquerda. Era um trecho de 2 horas que eu fiz em quase 5 horas!!! Eu demorava em média uns 15 minutos em cada ponto que parava, mas tem um trecho (este especifico da foto onde a estrava fica pertinho do mar e quase no nível dele) que eu fiquei mais de 1 horas curtindo e apreciando a vista. Trecho da Pacific!
  8. Los Angeles - 3º dia (05/Nov) Neste dia, saí cedo do hotel com o desejo de chegar o mais próximo possível do letreiro. Primeiro eu fui no Griffith Observatory. É um local muito bonito, que vale a pena ir. Mesmo que só queria dar uma passada, você vai perder pelo menos meia hora lá. Se quiser curtir o local, reserve pelo menos umas 2 horas. Às seguras feitas ele fecha, então fique atento ao dia da semana que planeja ir. É um local de fácil acesso e com um estacionamento público gratuito. Eu cheguei por volta das 10:30 e tive que esperar uns 5 minutos pra conseguir vaga, o local estava lotadinho.. De lá se tem uma visão muito bonita da cidade de Los Angeles, eu curti o local mas achei a visão pro letreiro longe. Demorei +- 1h30min por lá. Peguei o carro e setei no GPS a rua Mulholland Hwy e depois a Ledgewood Dr. Do observatório até lá demora uns 20 minutos de carro. Quanto mais você se aproxima do local já vai notando o letreiro ficando mair perto. Minha ideia inicial era estacionar o carro nela e a pé tentar subir e conseguir boas posições para foto, mas chegando lá decidi ir subindo de carro até onde desse. O caminho começa a ficar bem estreito, cheio de curvas e só casarões. Não consegui chegar até onde o ponto que setei pois encontrei um bloqueio policial por conta de uma obra na via. Tive que dar meia volta e tirar fotos um pouco mais baixo. Para quem quer chegar pertinho, vale muito a pena o local, a visão que se tem é total e muito perto. Sete no GPS esta posição e tire muitass fotos!!! Já eram umas 14:00, peguei o carro, parei em um KFC no caminho e depois fui dar uma volta na região de beverly hills... local lindo, cada casa mais bonita que outra.. vale a pena dar uma parada e almoçar por lá. Eu optei por dar uma volta e carro e ir em um shopping center que ficava próximo, na W 3rd St. Foi neste shopping que encontrei a melhor Apple Store (Não confundir com a do The Grove que fica próxima) da viagem. Pouca gente, muito atendente...o atendimento foi incrível. Foi lá onde consegui encontrar facilmente o iphone 6 sem contrato que queria. (Obs: Além de Los Angeles, que fui em 3 apple store.. também fui em 1 em San Francisco e outra em Vegas. Eu consegui encontrar o iphone 6 sem contrato pra vender só nesta.. então vale a dica, quem for e tiver interessado nele, vá direto nessa apple store que é sucesso! :'> ) A noite eu tirei para aproveitar a Holywood Boulevard (aka calçada da fama).. mesmo a noite estava lotada.. Consegui achar vaga e estacionei o carro em uma rua paralela a ela (eu vi um estacionamento garagem e vários estacionamentos pagos em vias paralelas a ela). Eu passei o resto da noite em um bar super bacana lá com inúmeros telão imensos passando jogos esportivos.. Fiquei a noite curtindo feliz por ter tirado foto da estrela de Chuck Norris O trânsito em LA é pesado, então sempre leve em conta um tempo perdido nele. Também existem os Carpools, que são faixas exclusivas para quem está com 2 ou mais pessoas no veículo... então aproveitem se não estiverem só claro! Uma coisa que demorei a acostumar é que lá, se você estiver parado em uma via no sinal vermelho e for entrar a direita, se não estiver vindo nenhum carro, você pode mesmo no vermelho virar e seguir.
  9. Los Angeles - 2º dia (04/Nov) Acordei ainda meio atordoado por causa do fuso horário (-6 horas em relação a São Paulo). Este dia estava reservado para Santa Mônica, Venice Beach e a noite tinha o jogo dos Lakers no Staples Center. Depois de descer para o café da manhã, peguei o carro e fui para o pier de Santa Mônica. Absolutamente incrível o local, muito divertido, várias pessoas fazendo exercícios, um local realmente de integração das pessoas. Existe um estacionamento gigante ao lado direito do pier onde paguei 6,00 USD pela diária. Passei a manhã toda, almocei em uma lanchonete no próprio pier(existe restaurantes também por lá) e só quando deu umas 2:00 PM que peguei o carro e fui em direção a Venice Beach. Você pode optar por fazer o trecho a pé pela orla ou alugar uma bike. Eu preferi usar o carro pela rapidez mesmo. Encontrei um estacionamento na rua principal que dá acesso a praia, paguei 7 USD. Eu adorei a região do pier de Santa Mônica e ao chegar a Venice Beach logo se nota a diferença de "culturas". Achei um local mais alternativo. Tem uma pista de skate irada, uma academia a céu aberto e pessoas bem diferentes curtindo o local. É uma região de arquitetura bem singular. Eu pretendia ficar e ver o por do sol lá, mas fiquei com receio de atrasar para o jogo dos lakers, pois o transito em LA é pesado em certas horas. Saí de lá, fui para o hotel tomar um banho e fui para o jogo. Tem vários estacionamentos ao longo da via para o Staples Center..quanto mais perto maior o valor. Eu deixei o carro em um de frente para o centro de convenções de LA. Uns 5 minutos a pé até o ginásio. Paguei 15 USD. Jogo dos Lakers foi incrível!!! A atmosfera no ginásio é indescritível... Kobe Bryant joga demais.. Mesmo quem não curte NBA tem que ir um dia a algum jogo, é muitooo divertido. O americano realmente sabe como fazer um evento de entretenimento! Dentro do local tudo é organizado, cadeira marcada, um telão gigantesco no centro, várias lanchonetes dentro (Mc Donalds, etc)... Você curte o jogo e entra no clima junto com a batida do som e o tecladista com os efeitos em cada jogada. Irado d++ :'> :'> Valeu cada centavo!! Saí do jogo, peguei o carro e voltei para o hotel. Este dia gastei uns 35 USD de alimentação/bebidas e 28 USD de estacionamento (14 USD por pessoa).
  10. Los Angeles Achei LA incrível, por vezes me sentia dentro do GTA San Andreas! hahahaha.. Cidade bem estruturada para carros, ou seja, não vejo vantagem nenhuma em usar o transporte público nela. Pelas distâncias, você vai precisar de um carro! A cidade tem muito local pra visitar e cutir... gente bonita e bem arrumada aos montes. O californiano é de bem com a vida, então não se preocupe e sempre que tiver dúvida, peça ajuda! Eles são muito amigáveis com turistas. Não peguei balada em LA. Foi uma cidade que foquei bastante dia e tarde e deixei a noite para descansar. Hotel Super 8 Los Angeles / Culver City Area http://www.tripadvisor.com.br/Hotel_Review-g32655-d248239-Reviews-Super_8_Los_Angeles_Culver_City_Area-Los_Angeles_California.html Fiquei em um quarto com duas camas de casal. R$ 894 - US$354,45 total. Como viajei com um amigo e os custos em hospedagem foram divididos, saiu +- 59 dolares por noite para mim. Preço que achei muito bom pelo hotel. Boa localização, relativamente perto da praia de Santa Mônica, estacionamento gratuito, frigobar no quarto, banheiro pequeno mas bom, quarto bastante espaçoso. Cama confortável. CheckIn super rápido. Café da manhã tem poucas opções mas nada que prejudique. Com certeza ficaria novamente nele. 3 diárias: 03/11/2014 > 04/11/2014 04/11/2014 > 05/11/2014 05/11/2014 > 06/11/2014 Los Angeles - 1º dia ( 03/Nov) Minha imigração em Los Angeles foi relativamente tranquila, o fiscal fez várias perguntas (Dias que iria ficar, quando iria voltar, motivo da viagem, quanto levava de dinheiro em cash, se tinha pago os hoteis em cartão de crédito, o que iria fazer lá, por onde iria passar, se conhecia alguém nos eua, com quem viajava, porque não estava viajando com familia ou namorada e o que pretendia fazer por lá). Todas foram respondidas tranquilamente e em menos de 5 minutos já estava indo em busca das malas. Saí do desembarque, atravessei a rua e existe uma parada onde passam os ônibus das companhias de aluguel de carro. Subi no da Hertz e fui retirar meu carro. Os atendentes da Hertz sempre tentam ti empurrar seguros diários e outras coisas, então fique atento para não pagar a mais. Com a chave em mãos, fui direto em uma apple store (The Grove) e depois em uma best buy para então parti para o Camarillo Outlet Premium. É uma viagem de +- 1h 30min http://www.premiumoutlets.com/outlets/outlet.asp?id=20 Gostei demais dele, boas marcas, bom espaço e preço. Como fui em um segunda feira, tinha bem pouca gente. A dica é ir no site e imprimir os cupons de desconto e também o cupom que dá direito a retirar grátis um folder de descontos la na recepção do local. Camarillo possui um espaço de alimentação com 5 ou 6 lanchonetes. Almocei e jantei por lá (pizza e afins)...gastei em torno de 25 dolares. Perdi o dia inteiro nele, saí meia hora antes de fechar (09:00 PM é o horário de fechamento). Na volta ainda passei em uma Target para comprar alguns itens para deixar no frigobar. Voltei pro hotel e fui descansar de um dia longo. Meu gasto diário neste dia foi em torno de 35,00 ~ 40,00 USD.
  11. Olá pessoal, Voltei de viagem a dois dias e venho aqui começar a relatar a minha experiência nesta que até agora para mim, foi a viagem da vida! Eu fiz esta viagem em companhia de um amigo, então alguns custos que eu relatar foram divididos. Vou começar falando um pouco dos gastos gerais e posteriormente relatarei dia a dia! Roteiro Final: 02/Nov - São Paulo - Los Angeeles chegando às 06:30 - 03/Nov 03/Nov - Los Angeles 04/Nov - Los Angeles 05/Nov - Los Angeles 06/Nov - Los Angeles - (Pacific Coast Highway) - Santa Barbara 07/Nov - Santa Barbara 08/Nov - Santa Barbara - Santa Clarita (Six Flags Magic Mountain) 09/Nov - Santa Clarita - (Pacific Coast Highway) - Big Sur - Carmel/Monterey 10/Nov - Carmel/Monterey - Half Moon Bay - San Francisco 11/Nov - San Francisco 12/Nov - San Francisco 13/Nov - San Francisco 14/Nov - San Francisco - Las Vegas 15/Nov - Las Vegas 16/Nov - Las Vegas 17/Nov - Las Vegas 18/Nov - Las Vegas 19/Nov - Las Vegas - Route 66 - Williams - Tusayan (Grand Canyon) 20/Fev - Tusayan - (Grand Canyon South Rim) 21/Fev - Tusayan - Seligman - Route 66 - Los Angeles 22/Fev - Los Angeles 23/Fev - Los Angeles - São Paulo Ao final da viagem, o que posso falar sobre este roteiro é que Los Angeles e São Francisco os dias ficaram de bom tamanho, Las Vegas passaria mais uma semana fácil fácil!! haha ãã2::'>... Santa Barbara é tão linda que passaria mais dias e me arrependo de não ter passado mais tempo em Carmel. Grand Canyon precisa de uns dois ou três dias inteiros pra curtir tranquilo o parque sem pressa. Só peguei balada em Vegas, então não posso falar sobre isso em cidades como LA e SF. Sobre o sentido do trecho LA - SF pela Pacific, eu posso falar que sim, é melhor faze-lo ao contrário (descendo) porque você fica com uma visão completa mesmo dirigindo. Porém, isto não atrapalhou em nada a trip, pois existem inúmeros pontos de parada ao longo do percurso. Mesmo a pessoa fazendo a trip subindo, tem-se a oportunidade de fazer várias paradas para curtir o visual e mesmo subindo o motorista tem uma visão excelente do cenário/mar sendo poucas as vezes que você perde a visão em um "corte" de estrada. Custos: Eu separei em torno de 80 dolares/dia para alimentação, transporte diversos, estacionamento, tickets comprados lá e outros gastos diversos. Deste valor não entram gastos de hospedagem, carro/combustivel, compras e tickets que comprei ainda no Brasil. Eu detalharei os gastos em cada post por dia, mas adianto que para o meu estilo, foi um valor que foi suficiente para uma viagem tranquila. O que encarece sua viagem são os gastos em alimentação, ou seja, vai depender muito do estilo de viagem a que você se propõe a fazer. Passagem Aérea: - Viajei de American Airlines em um voo direto (Boeing 777-200). Valor da Passagem: 1957,00 R$ com taxas inclusas. Apesar do avião ser grande e bem estável, eu não gostei do "conforto" da classe econômica e achei péssimo o sistema de entretenimento da AA. Em uma próxima viagem optaria por outra companhia. A meu ver, o único diferencial foi realmente o voo ser direto. - Passagem San Francisco - Las Vegas (Southwest Airlines - 107.10 USD). Gostei bastante desta empresa. Bom atendimento, bons preços e avião confortável. O diferencial deles é que não tem local marcado no voo, você ao fazer o check in garante uma posição na fila para embarque, ou seja, quanto mais cedo fizer o check in, melhor será sua posição de embarque e consequentemente melhor serão as poltronas disponíveis para escolher. Hóteis: - Todos marcados pelo Booking. Fiquei satisfeito com todos, poucos pontos negativos que relatarei ao longo do relato com o valor pago em cada um e um descritivo sobre eles. Carro: - Realizei duas reservas de carro, todas com os seguintes seguros incluídos: Sua Reserva com a HERTZ Inclui: LDW - Cobertura Total ao Veiculo Alugado (roubo/acidente) LIS - Cobertura a Terceiros (1 milhão) AD - Permite 1 Motorista Adicional Km - Sem Limite de Kilometragem Impostos - Todos os Impostos e Taxas Locais Assistência - ao Veículo (falha mecânica/acidente) Los Angeles -> San Francisco (Nissan Altima) | Locadora: Hertz Valor: 232.32 USD Las Vegas -> Los Angeles (Nissan Altima) | Locadora: Hertz Valor: 263.04 USD Excelente carro... estável, confortável, responde muito bem! Peguei um preço muito bom nele em uma promoção da hertz online. Fiquei totalmente satisfeito mas em uma outra oportunidade teria pago mais e pego um camaro ou mustang conversível.. senti uma pontinha de "inveja" do pessoal passando com a capota baixa apreciando o visual da big sur... hahaha Tickets comprados no Brasil: (Valor por pessoa) - Staples Center: Los Angeles Lakers @ Phoenix Suns - 32,00 USD - Cirque du Soleil: Criss Angel Believe at Luxor - 64,90 USD - Six Flags Magic Mountain - 49,99 USD - Six Flags Parking - 20,00 USD - Alcatraz day Tour - 30,00 USD Agradecimentos: - Quero deixar aqui meu agracedimento a grande ajuda da usuária Manahzinha. Valeu pelas dicas que foram de grande ajuda! :'> Espero que gostem e qualquer dúvida só perguntar
  12. Nesse tempinho fechamos o roteiro e já agendamos todos os hoteis! rsrs Agora estamos na fase de "procurar o que fazer" em cada dia nas cidades. Encaixar um roteiro com plano A e B e deixar confortável pra conhecer e aproveitar tudo com calma. Algumas dúvidas que estou: - Tu já fez o passeio de Alcatraz? Eu li que a galera marca com bastante antecedência pra conseguir pegar vaga. É um passeio de manhã ou tarde toda ? - Assistiu algum jogo dos Lakers no Staple Center? - Realmente vale a pena fazer a visitação lá no aquário que fica em Monterrey? Já foi alguma vez por lá? - Recomenda algum show especifico em Vegas? Dos que eu procurei, me interessei muito pelo do Michael Jackson que se não me engano é no Hotel/Cassino Rio. - Já fez alguma vez o Death Valley? Recomenda alguma rota ou como fazer um bate volta que não fique tão cansativo? - Recomenda alguma atração que ache imperdível e que não se enquadre nas atrações "Mainstream" do roteiro?
  13. Então..aqui vão algumas dúvidas e questionamentos. Eu viajo pros EUA final do ano e como é uma viagem que vai passar por locais de belas paisagens e além disso os preços de lá são bem menores, eu vou aproveitar pra trazer um equipamento bacana. Eu dei uma pesquisada e olhei alguns fóruns especializados para tirar algumas dúvidas e conhecer um pouco mais a fundo das cameras e lentes. Pelas pesquisas de preço que fiz na BestBuy, surgiram alguns questionamentos: Hoje eu estou propenso a ir de Canon, uma T3i provavelmente. A grande dúvida é se eu pego ela com a lente do kit básico 18-55mm e aproveito e adiciono talvez uma 55-250mm f/4-5.6 IS. Outra possibilidade é pegar ela só com a 18-135mm. A última opção, que seria a mais custosa e não sei se realmente iria me dar ganhos significativos, visto que só sou um amador que quer tirar boas fotos nas viagens. Esta opção seria pegar a T3i só o corpo e mais a Tamron - SP 17-50mm f/2.8 Di II VC. Alguma dica ou sugestão?
  14. Então..conversei com meus amigos. A questão do sentido na highway 1 vai ser difícil alterar, pois por mais que o sentido SF - LA seja o melhor caminho, a turma faz questão de deixar Vegas como o "Fechamento da Viagem", entende... Todos concordamos que o Yosemite é um destino fantástico, mas queríamos faze-lo no verão. Pelas circunstancias envolvidas possivelmente será um destino para próxima ida por lá. Para nós, pesa contra ele 2 fatores: Primeiro o tempo, que por já ser inverno e tendo como base este último inverno por lá, o pessoal não quer pegar neve/praia em uma mesma viagem. Segundo que o deslocamento em si, que para faze-lo teria que ser como um ponto de parada em uma viagem de carro até Vegas e ninguém quer pegar o carro de San Francisco para Vegas .. e não faria sentido ir até lá e voltar para San Francisco. Eu dei a dica a eles sobre Palms Springs e vamos pesquisar mais sobre o local em si. Pode ser uma adição ao roteiro. Todos falam sobre o Camarillo... tem outros melhores? Eu sei que tem dois em Vegas que parecem ser bastante bons também. Esta questão de Carmel/Monterrey/Santa Barbara ainda está em aberto. Ainda não definimos onde ficar e agora incluímos também San Luis Obispo nas pesquisas. Recomenda alguma região para ficar em Los Angeles? Eu estava procurando hoteis por Santa Monica e West Hollywood que me pareceram boas opções de locais. Em Las Vegas, costuma ficar por onde?
×
×
  • Criar Novo...