Ir para conteúdo

pauleands

Membros
  • Total de itens

    18
  • Registro em

  • Última visita

Sobre pauleands

  • Data de Nascimento 05-08-1991

Bio

  • Ocupação
    Futuro Economista

Conquistas de pauleands

Novo Membro

Novo Membro (1/14)

0

Reputação

  1. pauleands

    Ilha de Marajó

    Em setembro, eu viajei à ilha de Marajó e decidi me hospedar na cidade de Soure, PA, mais especificamente, na praia do Pesqueiro. Eu queria descansar e todos com quem conversei classificaram a praia como a mais bonita da ilha. Devido também indicações, eu negociei minha hospedagem com a dona do restaurante Recanto dos Guarás, um restaurante que fica na beira da praia. Dado o meu baixo interesse em pagar as pousadas caras existentes na cidade, eu armei minha rede na varanda do restaurante de graça, sendo a única contrapartida era tomar ali o café da manhã. Primeiramente, eu recomendo fortemente o restaurante. A comida é deliciosa e possui pratos típicos da região, como o filé marajoara. Caso você queira ir apenas visitar a praia do Pesqueiro, vá no restaurante Recanto dos Guarás. A dona e sua irmã, que às vezes está lá a ajudando, são super simples e simpáticas, além de sourenses nativas e com conhecimentos ímpares da história e da cultura da ilha. Caso você esteja procurando Marajó para descansar e desconectar vendo uma paisagem deslumbrante, eu recomendo fortemente a hospedagem no Restaurante. Ali você não encontrará luxo, mas o local é limpo e eu não senti falta de nada. Caso você não possua uma rede, a dona pode emprestar. Pouquíssimas pessoas dormem na praia, logo você será o único assistindo ao nascer do sol, além de dormir com um delicioso barulho de ondas. O nome do restaurante é Recanto dos Guarás e a dona chama Mirian Lima Juvenil. O telefone que ela me passou é: (91) 98284 - 5911 e (91) 98199-8054 Qualquer dúvida, podem me perguntar.
  2. Em setembro, eu viajei à ilha de Marajó e decidi me hospedar na cidade de Soure, PA, mais especificamente, na praia do Pesqueiro. Eu queria descansar e todos com quem conversei classificaram a praia como a mais bonita da ilha. Devido também indicações, eu negociei minha hospedagem com a dona do restaurante Recanto dos Guarás, um restaurante que fica na beira da praia. Dado o meu baixo interesse em pagar as pousadas caras existentes na cidade, eu armei minha rede na varanda do restaurante de graça, sendo a única contrapartida era tomar ali o café da manhã. Primeiramente, eu recomendo fortemente o restaurante. A comida é deliciosa e possui pratos típicos da região, como o filé marajoara. Caso você queira ir apenas visitar a praia do Pesqueiro, vá no restaurante Recanto dos Guarás. A dona e sua irmã, que às vezes está lá a ajudando, são super simples e simpáticas, além de sourenses nativas e com conhecimentos ímpares da história e da cultura da ilha. Caso você esteja procurando Marajó para descansar e desconectar vendo uma paisagem deslumbrante, eu recomendo fortemente a hospedagem no Restaurante. Ali você não encontrará luxo, mas o local é limpo e eu não senti falta de nada. Caso você não possua uma rede, a dona pode emprestar. Pouquíssimas pessoas dormem na praia, logo você será o único assistindo ao nascer do sol, além de dormir com um delicioso barulho de ondas. O nome do restaurante é Recanto dos Guarás e a dona chama Mirian Lima Juvenil. O telefone que ela me passou é: (91) 98284 - 5911 e (91) 98199-8054 Qualquer dúvida, podem me perguntar.
  3. Um dos melhores roteiro que li no site!!!
  4. Quando organizei meu mochilão, a passagem mais barata que achei foi para Santa Cruz. Imagino que a passagem para Cusco seja muito mais cara, não? Quanto tempo você planeja ficar em cada cidade? Acho que seu mochilão está muito corrido. Às vezes, é melhor conhecer bem menos locais do que conhecer mal muitos. Mas acho que dá para fazer seu mochilão com esse tempo. Será corrido... Se você pensa em levar 3 mil fora passagens, acho que dá tranquilo.
  5. Cara, paguei o trecho. A volta não lembro bem quanto custou, eu olhei aqui mais não anotei. Lembro que compramos o primeiro trem, tip 5h manhã, foi mais barato! Em Cusco compramos um bilhete para conhecer as ruínas da cidade. Já o bilhete do Vale Sagrado, se não me engano, compramos com a agência. Pelo que anotei aqui, gastamos 70 soles com a compra do bilhete e 30 com o Vale Sagrado + City Tour. Agora fiquei na dúvida se compramos dois bilhetes ou se era um só...
  6. Fala Rodrigo, nos compramos nossa passagem para Aguas Calientes em Ollantaytambo durante o passeio do Vale Sagrado. Durante o passeio, visita-se quatro ruínas. Na penúltima ruína (Ollantaytambo) tem-se a opção de abandonar o passeio e comprar a passagem e pegar o trem para o Aguas Calientes, mas com o prejuízo de perder a última ruína. Como tínhamos pouco tempo, optamos por pegar o trem lá mesmo e pagamos U$70,00. Acho que é tranquilo comprar em Cusco! Abração
  7. No total a viagem saiu R$3000,00. Com passagens de avião e todos os imprevistos. Saindo de SPA ficou U$100,00!
  8. Claro! Qualquer coisa que quiser perguntar, eu tentarei ajudar! Só não prometo saber, hahaha
  9. Vamos às respostas: 1- 127 Bolivianos 2- 170 Bolivianos 3- 120 Bolivianos (Com o passeio das ilhas flutuantes incluso) Abraços!
  10. Bom galera, o forum já me ajudou bastante, então vou dar minha pequena contribuição. Fui para Bolívia, Peru e Chile com dois amigos do ensino médio. Nossa viagem durou 24 dia no total e, devido ao preço da passagem, resolvemos fazer um roteiro em circulo, ou seja, começamos pela Bolívia, fomos para o Peru e para o Chile e depois voltamos para a Bolívia. Fomos por Campo Grande para pegarmos o trem da morte e voltamos por Santa Cruz de la Sierra. 0º Belo Horizonte e Campo Grande: Partida Avião (Gol) Campo Grande e Partida de onibus (Andorinha) para Corumba 1º Corumba: Chegada na rodoviaria e Partida no Trem da Morte por Porto Quijarro 2º Sta Cruz de la Sierra: Hotel 3º Sta Cruz de la Sierra: Partida para La Paz 4º La Paz: Cidade. Não saimos em La Paz, ficamos somente no bar do albergue Loki. Sensacional! 5º La Paz: Tiahuanaco 6º La Paz: Vale de La Luna + Chacaltaya 7º La Paz, Copacabana e Ilha do Sol: Partida para Copacabana, partida para Ilha do Sol e dormimos na ilha (comparmos cerveja e fomos beber no quarto do albergue, tudo na ilha fecha cedo) 8º Copacabana, Puno e Cusco: Voltamos na primeira balsa para Copacabana e compramos em uma agência um tour que fazia a travessia da fronteira, nos levava para um passeio rápido nas ilhas flutuantes e, logo em seguida, levava-nos para Cusco. Para nós, o melhor custo benefício. 9º Cusco: Conhecer a cidade, fizemos o tour pela cidade. Mama Afrika de noite!!! 10º Cusco: Passeio do Vale Sagrado 11º Cusco: Andadas pela cidade e ida para Aguas Calientes! 12º Machu Picchu: Saimos bem cedo do albergue e fomos a pe para garantirmos Wayna Picchu. 12º Águas Calientes: Volta para Cusco 13º Cusco Arequipa: Ficamos na cidade e de noite fomos para Arequipa. 14º Arequipa: Conhecemos a cidade e como não tinhamos dinheiro não fizemos o passeio do Vale del Coca. 15º Arequipa 16º Arequipa-Arica: Saimos cedo de Arequipa, fomos para Tacna, atravessamos a fronteira de Taxi e chegamos em Arica. Conhecemos a cidade de tarde, pisamos no Pacifico e de noite pegamos um ônibus direto para San Pedro. 17º San Pedro Del Atacama: Estavamos exaustos e sem dinheiro, logo ficamos pela cidade e não fizemos nenhum passeio no Atacama. Hoje me arrependo bastante. Procuramos as famosas festas clandestinas de noite e o máximo que achamos foi um bando de doidão envolta de uma fogueira... 18º San Pedro Del Atacama: Compramos o passeio do Salar. 19º Passeio do Salar Uyuni 20º Passeio do Salar Uyuni 21º Salar Uyuni e Uyunni: Partimos de noite para Potosi e lá pegariamos o ônibus para Sucre. Quando chegamos em Potossi, todos os ônibus já haviam partido e tivemos que dormir em um abrigo para no dia seguinte irmos na rodoviária e comprarmos passagens para Sucre. 22º Potosi Sucre: Chegamos na hora do almoço em Sucre e tiramos o dia para conhecermos a cidade. 23º Sucre: Achamos a cidade muito bonita e resolvemos ficar mais um dia dando voltas. 24º Sucre Santa Cruz: Resolvemos comprar uma passagem de avião por 30 dólares. Já estamos no final da viagem e achavamos que merecíamos. Minha mãe se dispôs a pagar para mim, haha! Chegamos de manhã na cidade e de noite pegamos o vôo de volta.
  11. Sensacional o relato! Com certeza vai me ajudar bastante!
  12. Eu li o topico sobre como se vestir no frio e varios outros topicos sobre roupa no inverno, mas tanta informaçao me deixou confuso. Espero que voces possam me esclarecer algumas duvidas. Estou indo agora em julho para Chile, Peru e Bolivia com mais 4 amigos. Vamos ir pelo trem da morte, ate Santa Cruz e de la seguimos para La Paz. Vamos visitar o Salar de Uyuni, Atacama, Machu Pichu e pretendemos fazer o passeio do Colca Canion. A grande duvida é que roupa levar. Sei que devo me aquecer em tres camadas e que as roupas sao mais baratas em La Paz, na Tatoo, mas como vou de trem, estou com medo de sentir frio com meus moletons comuns durante a viagem ate Santa Cruz. Voces me recomendam comprar algumas roupas aqui? Morro em Belo Horizonte, entao estava pensando comprar na internet uma camisa segunda pele e um casaco de Fleece, os dois da Solo. Voces realmentem acha que a segunda pele e necessaria, ja que eu nao vou fazer nenhum esforço fisico muito grande? Compro alguma coisa para me aquecer durante o trem, ou vou com moletons e deixo para comprar em La Paz? Espero que voce possa me ajudar.
  13. Naiane, ja te adicionei no msn, desculpa a demora para responder, mas eu estava um pouco ocupado na última semana. Bruninha, eu pretendo ir de onibus de Cusco para Arequipa e de Arequipa para San Pedro del Atacama. A primeira viagem eu estimo em 75 Bol, que da uns U$25. Ja a segunda eu sei que existe a rota, mas não tenho noção do preço. Em Arequipa há várias coisas para fazer, mas o rafting foi o que mais me interessou. Há também uma escalada no vulcão El Misti e um passeio pelo Colca Canyon. Fiquei com vontade de fazê-los, mas tive que cortar por falta de dias. Eu também estou com esse medo,por isso estou pensando em cortar Potosi e ficar mais dias em San Pedro del Atacama. Vou dar uma olhada melhor no tempo de viagem e analisar seu roteiro para ver se aproveito alguma coisa para melhorar o meu. Obrigado pela ajuda. Paulo
  14. Será que mais alguem tem mais alguma sugestão ou crítica ?
×
×
  • Criar Novo...