Ir para conteúdo

skipperj05

Membros
  • Total de itens

    29
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

1 Neutra

Sobre skipperj05

  • Data de Nascimento 22-10-1957

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Luis Barros, em 2010 passei 17 dias na Venezuela, de 02 a 19 de maio. Fui de avião até Manaus, depois de ônibus até Boa Vista, daí outro ônibus até Ciudad Bolivar, atravessando a fronteira em Santa Helena de Uiarén; outro ônibus até caracas, uma avioneta para Los Roques; retorno a Caracas, ônibus para Mérida e retorno a Caracas-Rio de Janeiro. Sabendo que a maior parte da população local detesta estadunidenses, costurei etiquetas com a bandeira brasileira na camisa e funcionou maravilhosamente. Era bem tratado (até demais... rsrsrs) em qualquer lugar; no metrô de Caracas um cara tentou abrir um dos bolsos da minha mochila, mas eu percebi e falei alto, sendo defendido pelos outros passageiros que quase lincharam o ladrão. Coisa que pode acontecer em qualquer lugar do mundo! Já naquela época, há oito anos atrás, quando a mídia de esgoto brasileira já tinha começado esta campanha de difamação/calúnias contra a Venezuela (porque lá eles não conseguiram dar golpe de estado!), já falavam sobre filas, falta de produtos em supermercados, etc. Não senti nada disso! Nos supermercados existem sim produtos para comprar, só que o preço é inacessível a muitas pessoas. Então o governo distribui cestas com alimentos e produtos de limpeza/higiene a preços subsidiados, praticamente de graça. Nestes lugares sim há filas e eventualmente falta de alguns gêneros, mas de qualquer modo isso nada tem a ver com os turistas, porque estes lugares são exclusivamente para venezuelanos, turistas não podem nem chegar perto! O povo é super amável e adoram brasileiros, acredito que mesmo agora, com o governo golpista do Temer atacando a Venezuela para pagar-pau de estadunidense! Se naquela época com os cerca de 2.000 dólares que eu levei me sentia rico, imagino que hoje em dia o câmbio paralelo seja muito mais favorável a nós. Acredite, pois apesar de lá o imposto sobre bebidas alcoólicas ser alto, bebi muito, enchi a cara, andei a cavalo, fiz muitos passeios, comi bem, etc. , enfim, me esbaldei! O leste da Venezuela (Ciudad Bolivar, Los Roques, parte de caracas) tem uma população predominantemente mestiça de indígenas, com tendência à obesidade, mais pardos; a parte oeste, Mérida por exemplo, é de mais descendentes de europeus, com a pele mais branca, mulheres lindas e super vaidosas, muitos estudantes, etc. Entretanto, tanto por uns como por outros você vai ser bem recebido (eu até cheguei a flertar com duas venezuelanas, trocando beijos com uma delas... (Tomara que minha ex-mulher não acompanhe o site...rsrsrs). Enfim, não dê ouvidos para a imprensa marrom e os "urubulinos", que criticam às vezes injustamente por interesses políticos ou simples preconceito, sem terem conhecido. Vá e viva sua viagem!
  2. Quanto se costuma dar de gorjeta para os guias do free tour? Coisa de 5 ou 10 euros?
  3. Ó Pedro, meu patrício (tenho também a nacionalidade portuguesa), não tiraste fotos desta sua viagem à Tunísia não, ó pá? Deixa-nos cá vê-las... basta anexá-las como arquivos .jpeg ou .jpg Independentemente das fotos, gostei muito do seu relato. Você tem um indiscutível talento literário, com associações elegantes e de bom gosto. Parabéns e por favor, escreva-nos mais relatos de suas viagens!
  4. skipperj05

    DEPORTAÇÃO

    Acho que não tem nada a ver. Apesar de pertencerem a uma associação de países (Commonwealth), os integrantes do grupo são soberanos, o que quer dizer que as administrações de suas fronteiras são totalmente independentes. Agora, isso não impede que entre estes países haja troca de informações relativas a pessoas perigosas, criminosos, etc., quando então mesmo países que não integrem a Commonwealth, como os EUA, um criminoso deportado do Reino Unido, possam usar o motivo da deportação para negar o visto. Por exemplo, os países do Tratado de Schengen tem acordo de troca de informações com os EUA, de modo que um brasileiro que tenha sido deportado da Europa por crime grave, tem alta probabilidade de ter seu visto de entrada nos EUA negado em razão do delito. Agora, se a deportação tiver sido por causas banais, como por exemplo não ter renovado visto de turista depois dos 90 dias regulamentares, estas ocorrências banais não são levadas em conta ou sequer comunicadas às autoridades de fronteira de outras nações. Espero ter ajudado...
  5. Felipe, estou adorando seu relato, mas só vou retificar um detalhe, que aliás, é insignificante para a questão turística. É mais um preciosismo bobo da minha parte! Quando você fala que experimentou disparar pistola 9 mm, está certo, mas quanto às outras armas, elas não eram 38 mm e nem 45 mm, mas sim calibres 38 e 45. A diferença é que o 38, por exemplo, é o nº de centésimos de polegadas do diâmetro máximo do cano. Assim, calibre 38 é igual a 0,38", ou 25,4/100 x 38, que é igual a 9,65mm. Da mesma maneira, calibre 45 é igual a 0,45" , ou 25,4/100 x 45, ou seja, 11,43mm. Uma arma de fogo de 38mm seria algo como um canhão automático de um blindado, e 45mm algo como um canhão antiaéreo
  6. "Você não pode tomar outra vacina de Febre Amarela de forma alguma antes que se passem 10 anos após ter tomado a primeira, pois senão ao invés de se proteger contra a doença, você pode acabar desenvolvendo-a." Isto é um absurdo! As vacinas modernas contra doenças virais são produzidas apenas com os envoltórios proteícos dos vírus que se deseja combater, tendo sido o material genético (RNA ou DNA, dependendo do vírus!) totalmente fragmentado por radiação gama. Desta forma é absolutamente impossível alguém adoecer da doença viral para a qual foi vacinada, porque os "vírus" inoculados não tem ácidos nucleicos... "Você deve procurar um posto de saúde no Brasil antes de ir para a Bolívia, pode ser qualquer posto de saúde, em qualquer cidade do Brasil. Aí lá no posto de saúde, na sala de vacinas, você explica para a enfermeira que você já tomou a vacina de Febre Amarela e precisa de um cartão de vacina novo para a sua viagem, ela irá te entregar um na hora, sem burocracia. Rapidamente você resolve isto." Outro absurdo! Informação errada! Desinformação! Aquele "papelzinho" que a enfermeira te dá quando você é vacinado, corresponde a uma certidão e caso ela lhe forneça a tal certidão sem aplicar a vacina, estará cometendo um crime capitulado no Código Penal (falsidade ideológica) e uma gravíssima infração disciplinar, se sujeitando a ser demitida a bem do serviço público... Temos que ter responsabilidade e somente informarmos para a comunidade coisas sobre as quais entendamos, ou tenhamos vivido pessoalmente, para não disseminarmos falácias, sensos comuns, superstições e outras bobagens
  7. Ei Elga, Você esqueceu de dizer o que aconteceu contigo no Hotel Cascade, em Fès, que a levou a considerá-lo tão ruim... Colchões duros? insetos no quarto? Calor infernal? Foram maltratados na recepção?
  8. As fotos não estão carregando! Houve algum problema no site onde elas estavam armazenadas. Dá para postar de novo?
  9. Aline, quando foi esta sua viagem ao Salar Uyuni? Agora em outubro de 2015? Você disse que os brasileiros que compraram o passeio de 3 dias em Uyuni pagaram R$370,00, equivale a cerca de Bs$670,00, não é isso?
  10. Mizângelo, Qual o preço das diárias dos hotéis em Hong Kong, Macau e Pequim? Como você se comunicava com os chineses? É fácil encontrar pessoas que falem inglês?
  11. skipperj05

    Iquitos

    NATIVIDADE, Assisti o filme FITZCARRALDO, uma superprodução emocionante legendada em espanhol = = Excelente... Pura aventura
  12. POR AÍ disse: "Estou pensando em fazer uma viagem pelo amazonas com algumas paradas pelo caminho. Gostaria de comecar a viagem por santarém e terminar em manaus. Sabe se subir o rio é pior que desce-lo? A maioria dos comentários sao sempre no sentido manaus-belem." Em 2010 eu estive em Manaus e pretendia fazer esta viagem, quando me explicaram que como a correnteza o Rio Amazonas vai de Manaus para Belém, neste sentido as embarcações vão pelo meio o rio, onde tem menos ataques de mosquitos. Já as embarcações que fazem o percurso inverso, de Belém para Manaus, precisam fugir a correnteza principal, e portanto vão mais próximas das margens, onde apesar de verem mais animais, paisagens, etc., são mais sujeitas a ataques do temíveis carapanãs...
  13. Alex, Porra cara! Não sei o que você faz na vida, mas certamente está sendo subaproveitado. Você deveria estar sendo pago a peso de ouro para ser roteirista de programa humorístico e/ou repórter de revista de turismo... Estava lendo seu relato no barzinho, bebendo uma cerveja, e os outros frequentadores pensaram até em chamar o pronto socorro psiquiátrico, pois eu não conseguia parar de rir convulsivamente. Para quem já percorreu o interior da Argentina e da Venezuela, sabe que os nomes das cidadezinhas são mesmo hilários e piegas... Você está de parabéns, tanto pela riqueza de detalhes do seu relato, quanto pelo estilo literário (saber transmitir idéias sem cansar o leitor é um dom dificílimo de se achar!) e principalmente pelo bom humor... Um abraço Roberto
  14. "...SALINAS – MINA DE SAL, INDÚSTRIA FORTE NO PERU, MAIOR EXPORTADOR DA EUROPA. QUE É RETIRADA DE UM RIO COM 50% DE SAL, QUE AINDA NÃO TEM EXPLICAÇÃO PRECISA, PORQUE ALI NÃO ERA MAR..." Joyce, Ali ERA SIM um mar! Um mar muito antigo, que foi soterrado e depois, sobre esta terra que o soterrou, foi formado um outro oceano, que agora chamamos de Oceano Pacífico. Acontece que depois a placa tectônica do pacífico se chocou contra a placa sobre a qual está hoje a América do Sul, somente então o fundo do oceano se elevou, formando os Andes. Só que os restos daquele mar mais antigo, muito anterior ao Oceano Pacífico, com mais de 500 milhões de anos (que chamamos de pré-cambriano), se elevou também, como aconteceria se o leito do Atlântico Sul se elevasse 5.000 metros acima do atual nível do mar, caso no qual nosso pré-sal ficaria nas alturas, cerca de 3.000 m... Tente entender a superfície da Terra como uma lâmina de plástico flexível, com a consistência por exemplo de uma cortina de banheiro, flutuando sobre uma camada de água. As ondulações da água movem suavemente toda a superfície do plástico, mas as regiões das pontas são mais sujeitas a movimentos bruscos de subida e de descida, pois são os pontos onde as ondas atacam toda a massa do plástico e onde a energia acumulada pela massa de todo o plástico é subitamente liberada. O problema é que nós humanos vivemos apenas cerca de 80 anos, e mesmo nossa espécie não tem mais do que 50.000 anos (uma micharia em termos geológicos!), mas estes movimentos exigem milhões ou dezenas de milhões de anos... Quando visitei os Andes argentinos (região de "Los Penitentes"), a partir de Mendoza, os turistas se admiravam de ver rochas enormes com camadas de cores diferentes, e lá no meio delas, uma inconfundível faixa branca. Não entendiam e nem os guias conseguiam explicar porque às vezes a orientação das "faixas" eram horizontais, às vezes inclinadas para o alto e de outras vezes para baixo, e muito menos o motivo de camadas tão brancas. Aquilo lá, a mais de 4.000 m de altura, também é sal, muito provavelmente do mesmo mar que deu origem a estas salinas peruanas, só não havendo lá um "rio salgado", porque no caso deles não há um bolsão de rochas impermeáveis que colete a água do degelo e dissolva esta enorme camada salina. Na primeira parada vi uma turista inglesa comendo biscoitos "waffers", pedi a ela dois biscoitos, quebrei-os no meio e empurrei os pedaços uns contra os outros, reproduzindo no biscoito exatamente as formações rochosas que elas tinham visto no caminho, e explicando para boa parte do grupo como são formados os "mil-folhas" geológicos (saca aqueles doces de padaria?). Fatos científicos são fáceis de se explicar, pois se baseiam principalmente no bom senso! (basta ter um pouco de boa vontade...rsrsrsrs) Um abraço e parabéns pelo seu relato
  15. Sim, é mesmo nossa famosa graviola! Tenho um pé desta fruta aqui em casa, e pelo menos duas vezes por mês vem alguém aqui me pedir para catar brotos da fruta, para fazer chá... dizem que controla a glicose de diabéticos e é a panacéia dos nefropatas...
×
×
  • Criar Novo...