Ir para conteúdo

Maria Alessandra

Membros
  • Total de itens

    11
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que Maria Alessandra postou

  1. Olá luch3s1, Concordo com o Thiago, camping selvagem na Chapada não é uma coisa tão fácil de se achar. Porém, tem uma um local chamado Sertão Zen ( Alto Paraíso) que é pouqíssimo frequentado... estive lá em novembro do ano passado, é um lugar lindo e selvagem, tinha uma dupla acampada no topo da cachoeira ( acho que eram meio loucos porque estava chovendo muito). Não esqueça de levar um bom agasalho... em julho as noites são muito frias. Se precisar de mais informações sobre o local e só entrar em contato: [email protected] Tenho muitas fotos do lugar no orkut... se quiser ver é só me adicionar. Abraço
  2. Oi Grazziele, O início do período chuvoso aqui no estado de Goiás, já não mais o mesmo...kkk, em 2008 começou a chover em novembro, em 2009 em agosto, e em 2010 em outubro, então não dá para confiar. Eu já fui à Chapada duas vezes no mês de novembro (chuva) e uma no mês de agosto(seca). Nas três vezes eu adorei, mas eu sou apaixonada pelo cerrado e adoro andar na chuva. Agora uma coisa é fato, no final do período seco que pode se estender até outubro, a paisagem fica muito enfumaçada, a umidade do ar fica muito abaixo do limite suportável, o cerrado fica muito seco, e ainda há o risco das queimadas ( aconteceu em 2010) o que pode interferir nos seus planos. Coloquei algumas dicas nas postagens anteriores, talvez possa de ajudar. Tenho muitas fotos das três viagens no orkut... se tiver interesse em vê-las me adiciona: [email protected]
  3. Adorei fazer a Trilha do Sertão Zen na Chapada dos Veadeiros- GO. Mesmo com toda a chuva que enfrentei durante a trilha, digo que valeu a pena, (foram 7 horas de trilha e 7 horas de chuva. É um lugar lindo, com paisagens únicas e uma bela cachoeira no final. As trilhas da Serra da Portaria em Paraúna-GO e da Cachoeira dos Dragões em Pirenópolis-GO são muito boas também. Recomendo.
  4. Hi, Mário Márcio, A sugestão do Gabriel de vc pernoitar em Cavalcante é muito boa. Fiquei na Pousada Morro Encantado RS100,00 a diária, fica no Centro da cidade. - Cavalcante não fica perto da Vila São Jorge, na verdade Alto Paraíso fica entre os dois. - Não achei as Almécegas I e II parecidas com as Cariocas, são belezas diferentes, até porque há os Cânions, só vi um e fiquei de boca aberta. Tenho certeza de que qualquer que seja a sua escolha, mais cedo ou mais tarde vc vai acabar voltando pra conhecer a outra, foi o que aconteceu comigo. -Se vc levantar bem cedo, é possível conhecer a Santa Bárbara e a Capivara e ainda ir às Loquinhas. Verdadeiramente não acho que seja a coisa mais imperdível da Chapada, mas é um lugar muito bonito. - Entre o por do sol na Praça dos Três Poderes e as Loquinhas, eu ficaria com as Loquinhas. - Deixe o carro descansar e curta a trilha da Santa Bárbara sem temor....kkkkk....o lugar tem uma bela paisagem. Dica do dia: quando voltar à Chapada não deixe de ir às Cataratas do Rio Couros e fazer a trilha do Sertão Zen... como diria o Seu Creysson... eu agarantio. Abraços
  5. Maria Alessandra

    Jalapão

    Oi RRONYR, Se vc escolheu ir com a Norte Tur, tenha certeza de que seu passeio será marvilhoso...Fui com o Flávio dono da empresa em novembro de 2010, adorei. Eles prestam um serviço de qualidade, com grande preocupação em promover a distribuição de renda entre os moradores do Jalapão. Leve cartões e baterias extras para a máquina fotográfica... vc vai precisar. Boa viagem, aproveite o máximo... o Jalapão é encantador. Abraços.
  6. Oi Mário Márcio, Boa escolha a sua, a Chapada dos Veadeiros é realmente linda, nunca fui no mês de abril, mas dizem que é quando o cerrado floresce. Já fui 03 vezes, 02 em período de chuva (novembro 2008 e 2010) e 01 em período de seca ( agosto 2009), cada época tem a sua beleza, e tudo depende apenas da nosso animação. Voltando às flores, é engraçado que no ano passado em novembro, eu fiz a trilha do Sertão Zen e tinha muitas flores. Já tive a oportunidade de conhecer todos esses lugares que vc listou, são lindos. Acredito que dois dias não serão suficientes para vc conhecer e aproveitar os atrativos, as trilhas do Parque tem em média 10km (ida e volta) cada. De acordo com esse site www4.icmbio.gov.br o Parque não abre às 2ª feiras. As Loquinhas ficam bem perto da cidade, a duração do passeio dependerá do seu desejo de tomar banho em cada um dos poços, são 7. As Almécegas I e II e São Bento ficam a mais ou menos 15 km de Alto Paraíso. Cavalcante fica a 80km de Alto Paraíso, nessa época a rodovia ainda deverá estar em péssimas condições (buracos, muitos buracos), e a estrada de terra que leva ao território dos Kalungas, local onde ficam as cachoeiras Santa Bárbara e Capivara, não é das melhores, tem trechos bem ruins. Sugiro o seguinte roteiro: Domingo: levantar cedo ok...e seguir para a Vila São Jorge, localizada a mais ou menos 36km de Alto Paraíso, lembre-se que a metade do trecho é de terra, a estrada não é das piores que já vi. No caminho vc verá o Morro da Baleia, o Morro do Buracão, o Jardim de Maytreia e as Escarpas do Paraíso. Em São Jorge procure um guia, e siga para o Parque, a 1km da vila. Escolha uma das trilhas do Parque ( Salto do Rio Preto (120m) e Cachoeira de 80m ou Cariocas e Cânions). Tem que começar o mais cedo possível acho que o Parque abre às 8:00h, o passeio dura em média 5 horas, então mais ou menos à 13:20 vc terá terminado. Volte para a Vila São Jorge, coma alguma coisa e siga para a Fazenda São Bento que está localizada no caminho de volta para Alto Paraíso. Então é só curtir as Almécegas I e II, e a Cachoeira São Bento, quando eu fui, resolvi fazer toda a trilha a pé, mas estava com tempo, no seu caso faça o que for possível de carro. Na volta passe no Rancho do Valdomiro que fica "no pé" do Morro da Baleia, e se delicie com a famosa Matula... se estiver sozinho peça meia porção. Será um belo anoitecer. Dicas: No Parque o guia é obrigatório, em São Jorge tem muitos, é só falar mais alto na praça que logo vc acha alguém...oute acham...kkk. Custa em média R$ 80,00 na baixa temporada e R$ 100,00 na alta, para até 10 pessoas, o ingresso custa cerca de R$ 5,00. Leve água, lanche, roupa de banho, boné ou chapéu, use roupas e tênis confortáveis... dê preferência à calça, tem um capinzinho cortante em alguns lugares. Na Fazenda São Bento não precisa de guia, o ingresso custa cerca de R$ 15,00 paa ver as 03 cachoeiras. Segunda-feira: (que inveja ... rsrsrsrs) levante bem cedo e siga para Cavalvante, chegando lá peça informações na cidade, tem um C.A.T. bem na entrada. Para chegar até o território dos Kalungas vc não precisará de guia, é tranquilo, depois que vc sair cidade verá algumas placas. Lá no território vc terá que contratar um guia, custa cerca de R$ 50,00, para te levar nas 02 cachoeiras. O ingresso custa R$ 10,00. Se o seu carro for alto, não precisa ser 4x4, dá pra ir bem perto da Santa Bárbara, caso contrário prepare-se para andar, a estrada para a Capivara e bem tranquila, a descida para a cachoeira nem tanto, acho que tudo totaliza uns 8km... acho; eu fiz quase tudo de carro, estava morta da trilha do dia anterior. Os Kalungas servem almoço... não comi lá... não sei falar da comida, mas dizem que é muito boa. Volte para Alto Paraíso e siga para as Loquinhas... não precisa de guia, o ingresso custa uns R$ 10,00 ou R$15,00 não me lembro muito bem. Lá tem 7 poços de uma água muito parecida com a da Santa Bárbara. Trilha de madeira... molezinha. À noite dê umas voltinha pela cidade, tem ótimos restaurantes. Espero ter contribuído. Abraços e boa viagem.
  7. Boa Noite, meu nome é Maria Alessandra. Fiz a trilha do Sertão Zen em novembro/2010, para encerrar a minha viagem de férias, que começou em Palmas, passando pelo Jalapão, Rio Azuis, Cavalcante e por fim Sertão Zen em Alto Paraíso. Era um objeto de desejo, que planejei, planejei e quando fui fazer peguei um dia gelado, com chuva e vento de trincar os ossos. Mas, já estava lá, então era vestir a capa e encarar. Foram 7 horas de caminhada... muito divertida, chuva, belas paisagens, tombos, risos, escorregões, lanche...na chuva, vento gelaaado, e então, esperada cachoeira... linda. Quando o guia Pacheco chegou ao hotel para combinar conosco o passeio ele não acreditou muito que teríamos coragem de enfrentar o passeio com aquele tempo, mas ele não contava com a minha astúcia... uma capa e um guarda-chuva que serviu para ajudar na hora de tirar as fotos, pois com aquele aguaceiro a pobre digitalzinha não iria sobreviver...kkkk Mas falando sério... é um passeio inesquecível com ou sem chuva, a vegetação é única, os 17km (ida e volta) são cumpridos com tranquilidade. Pretendo voltar em julho/2011 para conhecer o local sem chuva, mas dizem que a cachoeira fica quase invisível por causa da seca... pretendo conferir. Adorei e recomendo.
  8. Boa noite, meu nome é Maria Alessandra. Boa escolha a de vcs... a Chapada dos Veadeiros é um espetáculo... Já fui 3 vezes e quero voltar em julho/2011... ainda tem muita coisa pra ver e fazer. -Não deixem de visitar às cachoeiras do Rio Couros, o acesso não é nada fácil, mas vale a pena. Precisa de guia. -Outro passeio inesquecível é conhecer o povoado dos Kalungas em Cavalcante - GO, cidade que fica a 80km de Alto Paraíso sentido Tocantins, onde fica as Cachoeiras Santa Bárbara e a Capivara, a água da Sta Bárbara tem uma cor de beleza ímpar. O ingresso custa 10,00 por pessoa e o guia (obrigatório contata-se no local) 60,00. -A trilha do Sertão Zen é espetacular... são 17km de caminhada (ida e volta), tem paisagens muito bonitas e uma cachoeira (170m) no final da trilha. Tem gente que vai sem guia, eu não aconselho,tem muitas bifurcações na trilha. Fui com o guia Pacheco um dos poucos que faz a trilha, gente muito boa. Na verdade na Chapada não tem nada que eu considere ruim ou mais ou menos, tudo tem a sua beleza. Aproveitem todas as oportunidades de passeio que tiverem...Ah!!! e não deixem de comer a MATULA, no Rancho do Valdomiro... figuraça. Boa viagem
  9. Oi Bruna, Não tenho muita paciência para msn, uso mais o orkut, facebook ou e-mail mesmo. Meu e-mail: [email protected] Vc tem orkut?
  10. Oi Bruna, dos lugares que vc escolheu conheço apenas a Chapada dos Veadeiros, já fui 03 vezes, é um lugar muito com uma beleza exuberante e rara...Quanto aos outros destinos também desejo conhecê-los em breve. Nunca fiz um mochilão...não sou mochileira ( ainda!!!! um dia quem sabe!!!!), amo viajar, adoro trilha e gosto muito de aventura. Gosto de xeretar esse site, pois sempre tem dicas interessantes e muito úteis. Estive na Chapada dos Veadeiros em nov/2008, ago/2009 e nov/2010. Li no seu texto que pretende ficar por lá uns 08 dias, dá para visitar os principais atrativos, tem muita coisa pra ver... por isso é melhor planejar os passeios. Deixo como sugestões alguns lugares que conheci: -Cataratas dos Couros um dos lugares mais bonitos da chapada, fica a +ou- 37km de Alto Paraíso, paga ingresso, precisa de guia, trilha de aprox. 7,5km; -Sertão Zen, trilha na Serra da Baliza, vegetação rara, passeio maravilhoso (quero fazer de novo), o início da trilha fica a 3km de Alto Paraíso, não paga ingresso, precisa de guia é muito fácil se perder (tente contratar o Pacheco- o cara é muito bom), trilha 17km; - Vale da Lua, a paisagem parece outro planeta, fica entre Alto Paraíso e a Vila São Jorge, paga ingresso, não precisa de guia, trilha de 1,3km; -Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, tem duas trilhas: 1-Salto do Rio Preto 120m, Cachoeira do Garimpão 80m e Corredeiras, trilha de 12km; e 2- Cachoeira das Cariocas e Cânions 1 e 2, trilha de 12 km, as duas trilhas são esplêndidas, fiz as duas porém, em épocas diferentes, fica a 1km da Vila São Jorge, paga ingresso, precisa de guia( geralmente se consegue formar grupo na entrada do parque, assim o valor do guia fica mais barato); -Cachoeira Santa Bárbara e Cachoeira da Capivara, belíssimas, fica a 27km de Cavalcante, no Engenho II território do povo Kalunga, paga ingresso, precisa de guia, trilhas curtas cada uma de aprox. 1,5km. No Engenho é possível conversar com os moradores que tem muitas histórias interessantes, tem sempre alguém que serve almoço sob encomenda, que vende artesanato. Muitos dos Kalungas vivem apenas das atividades relacionadas ao turismo; -Rancho do Valdomiro, fica entre Alto Paraíso e a Vila São Jorge, o Valdomiro é uma figura, contador de "causos", a comida é deliciosa, ali se come a matula, prato típico da região... hummmm!!!!! -Restaurante da Mamma, em Alto Paraíso, comida italiana de-li-ci-osa, e os vinhos também... -Gota, em Alto Paraíso, espaço de meditação, Ghetika é a proprietária, ela toca uns instrumentos alternativos e entoa mantras, funciona nos finais de semana. Fui a muitos outros lugares como: Loquinhas, Cachoeira dos Cristais, Cachoeira Água Fria, Cachoeira Raizama, Fazenda São Bento (Cachoeiras Almécegas I e II, e São Bento, Mirante de São Jorge, Jardim de Maitreya, Morro do Buracão e da Baleia, etc... É importante levar agasalho, o lugar é montanhoso faz muito frio à noite, tênis confortável ou papete, usar calça e camiseta de manga longa ajuda a proteger a pele do sol, das pontas das pedras e do capim cortante (esqueci o nome) que tem no Parque. Espero ter contribuido, caso queira perguntar alguma coisa estou à disposição. Um abraço.
  11. Expedição ao Jalapão de 07 a 09 de novembro 2010. Eu e meu marido estivemos no Jalapão recentemente... loucura... loucura...loucura. Depois de vários dias pesquisando todos os sites sobre o local, optamos por contratar a empresa Norte Tur, que nos atendeu com um profissionalismo admirável, tudo o que foi combinado por e-mail e telefone foi cumprido integralmente. A empresa se responsabilizou por encontrar outro casal que quisesse formar um grupo conosco, pois assim o valor por pessoa ficaria mais em conta... isso é bom...muito bom. O casal que dividiu a viagem conosco era do Rio de Janeiro, pessoal animado, Márcia e Roberto, gente muito boa. O nosso guia foi o Flávio, um dos sócios da empresa. É muito prestativo, organizado e cuidadoso com o bem estar do cliente. Durante a expedição de 03 dias visitamos a Praia do Borges, o Rio Sono, Morro Vermelho, Pedra da Catedral, Fervedouro de São Félix, Fervedouro de Mateiros, Cachoeira da Formiga, Povoado da Mumbuca, Serra do Espírito Santo, Morro do Chinês, Dunas do Jalapão, Rio Novo, Prainha da Velha, Cachoeira da Velha e Cânion Sussuapara. Ficamos hospedados por duas noites na Pousada Buritis em Mateiros, pousada singela, entretanto não nos faltou nada. Tomamos café-da-manhã na pousada, almoçamos e jantamos em lugares simples, mas, com uma comida deliciosa, e a empresa nos serviu lanches e disponibilizou água à vontade. Todo o trajeto do Jalapão foi feito em veículo 4x4 com ar condicionado (graças a Deus)... ô lugarzinho quente. Uma coisa que percebi e gostei muito é o fato de que a empresa Norte Tur se preocupa com a sustentabilidade do turismo local. A população residente no Jalapão me pareceu muito pobre e com poucas opções de arrecadação de renda, então o simples fato de pararmos para tomar um refrigerante ou cerveja no botequinho lá meio do mato, almoçarmos/jantarmos em fazendas, campings, ou pizzaria da região, ou mesmo de comprarmos as peças artesanais de capim dourado dos moradores da Mumbuca, torna-se fator relevante para a movimentação da economia local. Fiquei feliz por poder contribuir de alguma forma com a comunidade do Jalapão. Para quem quiser ir sem contratar uma empresa, ( o que eu não indicaria) é preciso ter um bom GPS e saber usar é claro, rezar, mas rezar muito e de joelhos... para achar alguém no meio do caminho para dar informações, porque o número de placas é zero, dispor de um veículo 4x4 e ter alguma experiência em estradas de terra e muita areia. Uma parte das estradas de terra é boa, porém entre Mateiros e Ponte Alta a coisa fica feia, poderia dizer horrível. È preciso ressaltar que para chegar à maioria dos atrativos o viajante vai se deparar com grandes trechos de estradas com muita areia. Afirmo que conhecer o Jalapão foi uma experiência maravilhosa, o lugar é lindo, cheio de belezas naturais, com um povo muito bonito com uma cultura riquíssima. Vale a pena conhecer.
×
×
  • Criar Novo...