Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''o que fazer em la paz''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Mochileiros.com

  • Perguntas e Respostas
    • Perguntas e Respostas
    • Destinos - Perguntas e Respostas
  • Relatos de Viagem
    • Relatos de Viagem
  • Companhia para Viajar
  • Equipamentos
  • Trilhas e Travessias
  • Nomadismo e Mochilão roots
  • Outras Formas de Viajar
  • Outros Fóruns

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


Sobre mim


Ocupação

Encontrado 1 registro

  1. Bom galera, estive na Bolívia no início deste ano (fevereiro) e gostaria de deixar minha contribuição por aqui. Antes de ir à La Paz passei por Santa Cruz de La Sierra. No meu blog (http://getoutside.com.br/?p=186) tem o relato das duas cidades, e também o álbum de fotos para vocês darem uma conferida. Fiz uma lista de 5 coisas para se fazer em La Paz e espero que ajude o pessoal que está montando um roteiro que irá passar por lá. Cheguei na Bolívia por Santa Cruz de La Sierra e, de lá, fui para La Paz em um voo da BOA, companhia aérea estatal da Bolívia. Pegamos uma aeronave certamente antiga (visto que tinha cinzeiros nos apoios de braço), mas foi um voo relativamente tranquilo, com bom serviço de bordo e tudo mais. Saímos do calor de Santa Cruz e chegamos à noite, no frio de La Paz. O plano era pernoitar em La Paz e ir na manhã seguinte para Copacabana. De Copacabanairíamos para o Peru, mas depois retornaríamos à La Paz para uma estadia de três dias. Nesse pernoite ficamos hospedados noLoki Hostel de La Paz , em um quarto duplo que custou 160Bs. Apesar de passar somente uma noite, tive uma boa impressão do Loki. No entanto, na volta do Peru resolvemos ficar hospedados noWild Rover, por sugestão de uma galera que conhecemos na trilha pra Machu Picchu. E na comparação, a atmosfera do Wild Rover me pareceu melhor, mas é importante saber que o hostel é uma festa só e isso significa bar lotado até tarde e barulho pelos corredores. Se você não se incomoda com isso, é talvez o lugar ideal. Pessoas de todos os lugares do mundo, clima divertido, BBQ, bebida, festas e tudo mais, além de uma boa localização (nesse quesito o Wild Rover e o Loki são iguais, já que ficam na mesma quadra). Churrasco organizado pelo pessoal do Wild Rover Quarto duplo que ficamos no Wild Rover Sobre a cidade de La Paz, acredito que 2 dias sejam suficientes, talvez 3 se você pretende fazer o downhill na World’s Most Dangerous Road . Acho que o mais legal de La Paz é o povo em si, já que a cidade, na minha opinião, não tem muito a oferecer (verdade que eu vim de um tempo em Cuscoe isso provavelmente contaminou meus critérios). Uma dica que dou e que foi muito legal para nós, é caminhar. Percorremos boa parte da cidade a pé e foi o jeito que achamos de conhecer a cidade melhor. Fomos do Wild Rover até o mirador Kili Kili, depois para o Estádio Hernando Siles, depois para o Witches’ Market. Cansativo, considerando a altitude, mas acho que é um dos melhores jeitos de se efetivamente conhecer um lugar. Mas enfim, vamos à lista de 5 coisas para se fazer em La Paz: [googlemap]https://maps.google.com/maps/ms?msid=216558415809335500474.0004e502ee76e77a46df5&msa=0&ll=-16.510162,-68.112831&spn=0.125742,0.154324[/googlemap] 1. El Mercado de las Brujas (witches’ market) Localizado próximo ao Wild Rover, é uma região da cidade com muitas lojas e com uma grande aglomeração de locais (e alguns turistas também). Ver os locais no seu dia a dia é que faz desse lugar uma atração interessante, na minha opinião. O nome do lugar se dá em razão das inúmeras lojas com poções, fetos de lhama empalhados, ervas e muitos outros materiais do tipo. 2. Downhill na Estrada mais Perigosa do Mundo (Worlds Most Dangerous Road ) Infelizmente e apesar de querer muito, não pude fazer esse downhill em razão do problema que tive no joelho na trilha pra Machu Picchu. De todo modo, aos que gostam de aventura, esse parece um programa imperdível em La Paz. Pelo que vi lá, existem inúmeras empresas que fazem o downhill, e os preços certamente variam muito. A empresa que me pareceu mais confiável (e talvez ela seja a mais cara) é a Gravity, mas acho que essa não é a melhor hora para economizar. Apesar de todo o aparato de segurança, acidentes podem acontecer facilmente, e o barato pode sair caro. 3. Mirador Kili Kili Apesar de ser uma caminhada sofrida para se chegar considerando a altitude de La Paz, a vista lá de cima é interessante. Dá para se ter uma boa ideia da geografia de La Paz, e uma boa vista do Estádio Hernando Siles. Um detalhe é que a região não me pareceu muito segura, apesar de não termos tido problema algum. Talvez exista algum meio de se chegar lá sem caminhar, mas nós decidimos rodar toda La Paz a pé, praticamente. 4. Estádio Hernando Siles Para quem gosta de futebol, estádios são sempre uma atração. NO meu caso, não foi diferente. Não há absolutamente nada de especial no Hernando Siles, mas posso adicionar mais esse estádio no meu currículo. A caminhada do mirador Kili Kili até o estádio é bem tranquila, pois se desce o tempo todo e a região me pareceu bem segura. Recomendo checar o horário de visitação, pois tivemos que aguardar por algumas horas até que o estádio fosse aberto. 5. Valle de la Lunna Situado a aproximadamente 10 km do centro de La Paz, conhecemos o Valle de la Lunna (moon valley) como parte de um city tour que fizemos. Achamos mais proveitoso fazer o city tour para cobrir as zonas mais afastadas do centro. O Valle é uma região com formações rochosas muito interessantes, que se formaram ao longo dos anos em razão da erosão. Abaixo algumas fotos que tirei lá:
×
×
  • Criar Novo...