Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Posts Recomendados

  • Membros

Minha ida a Aruba e Curaçao não foi ao estilo mochilão, mas aqui vai o relato, pois pode ajudar alguém.

Paguei um pacote aéreo+hospedagem+transfer+seguro na Nascimento Turismo, que não indico porque deixou muitos furos conosco.

Fiquei no Renaissance em Curaçao. A localização, apesar de ser em Otrobanda, é boa pois a estrutura do hotel é muito bonita, com galeria de lojas como Diesel, Swatch, joalherias, Penha cosméticos, Swarovski; um forte (Rif Forte) onde tem vários restaurantes super charmosos, uns com piano bar, mexicano, italianos, mas tb meio caros; porto do hotel...e o hotel em si é espetacular...Porém, acredito q seja interessante ficar Punda, q é o centro e de onde podem ir andando fazer compras ou comer ali pelo comércio. Hà muitos hotéis fora de Punda e distantes da parte “central” de Otrobanda, com estrutura mto boa, e acho q vale a pena ficar, pois com transporte dá pra se virar de várias maneiras, apesar de q táxi lá é caro.

Os tours não são baratos, mas gostei do q fiz.

No 1º dia: Passeio Klein Curaçao, pela The Curacao Tour Info Center Team; Website: http://www.tourism-curacao.com; Email: [email protected] ; Callcenter: +(5999) 462 62 62. Preço: 89 dólares reservando antes.

O lugar mais inacreditável q já fui dentre os poucos q visitei...é um passeio de catamarã (1h30min de viagem) até uma pequena ilha sem nada. Nada mesmo, não tem qualquer estrutura, por isso estão incluídos almoço no barco e bebidas à vontade, alcoólicas e não alcoólicas. O almoço não é uma Brastemp, mas estava gostosinho e a tripulação era super gentil. Fica-se o dia inteiro lá, eles tb dão snorkel e máscara, dá pra pegar sol, conversar, namorar... e ver os peixinhos e tartarugas. À noite foi Mambo Beach (dia de domingo), é uma festinha legal, mas pensávamos q iríamos ver a galera pirando nos ritmos caribenhos e só tinha gente em pé bebendo, uns gatos pingados de nativos pirando sozinhos e os holandeses loucões.... mas serve pra conhecer algumas pessoas q estão visitando a ilha tb. Fomos e voltamos de táxi, $15 pra ir e $15 pra voltar..afff!

No 2º dia: manhã – ida ao Sea Acquarium, fomos de táxi e foi uma fortuna, tipo uns 15 dólares. O aquário é interessante, dá pra ver algumas espécies de peixes, moréias, tubarão-limão, shows com leões marinhos e golfinhos. Os programas de encontros com golfinhos envolvem desde só mergulho simples, como tb aqueles com snorkel e scuba diving. Pagamos 169 dólares pelo encontro com snorkel, uns 40 minutos nadando com eles, tirando fotos, não tem mta espontaneidade pq é tudo milimetricamente cronometrado, mas é uma experiência imperdível. Em todo o caribe tem encontros como esse. Essa é a única coisa q se deve reservar antes, pois se vc chegar lá na hora é possível q já estejam lotadas as “sessões” de encontros, q tem número limitado de pessoas por horário. É interessante conversar com o pessoal do aquário, pois eles explicam uma série de hábitos dos animais. Eles disseram q ao menos 1x por semana saem com os golfinhos para mar aberto, e é um risco q correm de eles não voltarem, mas q sempre voltaram. Minha amiga q é veegan, totalmente defensora dos animais, foi no aquário a contragosto, mas só pq soube q “se eles kiserem vão embora” rsss. Tarde – alugamos um carro num lobby de hotel ali por perto do Sea Acquarium e fomos conhecer a ilha, praia por praia.Dá pra alugar um bom carrinho a ótimos preços (alugamos um Toyota Yaris por 45 dólares a diária, e o seguro vc pode ver se consegue no seu cartão de crédito, caso pague a locadora com esse cartão) Curaçao tem uma beleza indescritível, cada praia é linda, e as que especialmente gostei foram Cas Abao, Kenepa e Porto Marie, nessa ordem!!) Fomos ao norte da ilha e viemos voltando e parando em cada praia, foi ótimo. Em Porto Marie, como não utilizamos a estrutura q tem lá com cadeiras, nem precisamos pagar nada. Em algumas é comum ver topless, mas não em todas. Se vc não vir ninguém fazendo, melhor não arriscar, pois o topless não é permitido, somente tolerado em alguns locais.Em muitas praias não precisa pagar pra entrar, mas algumas sim. Parávamos tb de vez em qnd pra conversar com pessoas de lá, até compramos cds de salsa e bachata numa casa onde paramos pra tirar foto...Não saímos à noite, Curaçao tem poucas opções para noite. Jantamos no forte do hotel, mesmo, no restaurante mexicano...que é mais ou menos. Gastei uns 20 dólares.

 

No 3º dia: Ainda com o carro alugado fomos a Punda, poderíamos simplesmente ter ido andando pela ponte Emma, q liga praticamente o Renaissance a Punda direto, mas a ponte é móvel e estava recolhida... Cuidado se forem estacionar no centro, é proibido em quase todo lugar e quase tivemos nosso carro guinchado! As compras são basicamente na Penha. A Penha cosméticos tem muita vantagem, tem loja da Mac com bons preços e bastante variedade de perfumes. A Boolchand’s tem eletrônicos a preços menores q os do Brasil, tb é boa. Comprei um Nintendo DSi com cartão de memória e de 3 jogos, por 250 dólares, na época aqui no Brasil tava uns 900 reais. As lembrancinhas tem lá pelo centro, nas lojinhas e tem preço razoável. No fim da tarde voamos de DAE para Aruba, meia horinha de vôo, num avião tipo os Penta e Meta...vá cedo pra sala de embarque porque eles são enrolados (lentos) no raio-X e imigração.

 

4º dia: Ficamos no Renaissance Marina (hotel só para adultos) em Aruba, show de bola, tinha diárias a partir de $210. Nesse dia fomos para a ilha privativa do hotel, a lancha disponibilizada pelo hotel nos pega no lobby e nos leva, a praia é td de bom, a ilha é dividida no lado família e no lado privativo, onde pode fazer top less e não tem crianças (ARGH! Rss) Tem flamingos e iguanas passeando, tenda de massagem, restaurante e aluguel de equipamentos de mergulho. À noite, é no Mambo Jambo dia de quarta. Quarta é A noite em Aruba, pois no geral não tem muita onda. Na verdade, estávamos lá numa época tranqüila, e até perguntei pro taxista se era assim mesmo, pois só via velhinhos na rua. Ele disse q a alta temporada, qnd tem muito mais gente e festas é de janeiro a abril. Fomos em dezembro...Tem uns ônibus q fazem tours na ilha e tb tours nas boates, Banana Bus e Kuko Kunuku...mas não sei qnt é.

 

5º dia: Passeio Palm Pleasure pela De Palm Tours, foi mais de 100 dólares pq fiz snuba (uma mistura de snorkel com scuba, não precisa certificado e permite q vc mergulhe mais fundo um pouco...eu fui a 14 m). Sem o snuba é $77. O passeio é show de bola, faz 3 paradas pra snorkeling, e como paguei snuba, uma das minhas paradas foi com o snuba, no Antilla, q dizem ser o maior naufrágio do Caribe...isso é o imperdível! Junto com o encontro com golfinhos foi o auge da viagem. O pessoal da tripulação tb super gente boa e paciente e o instrutor do mergulho tb. Aliás, sobre recepção de turistas as pessoas de Curaçao e Aruba tem mto q nos ensinar! A tarde demos uma caminhada por Palm Beach, q é onde fica quase todo mundo, entramos em alguns bares de hotéis, tinha música em alguns, e estava animado. Na rua atrás dos hotéis há bares, lojinhas...muito agradável. Lá fica o Iguana Joe’s e alguns outros, é animadinho, acho q de janeiro a abril deve ser bem mais,qnd fomos estava vazio rsss. À noite jantamos no Restaurante Pincho’s, perto do Renaissance (uns 2km). Maravilhoso! O dono é um inglês gente boníssima, atendimento 10, mas se quiser ver o pôr-do-sol deve ligar antes para reservar as mesas de frente pro mar, pois chegando lá essas já estão lotadas. O jantar foi $25 por cabeça, incluindo drinks e sobremesa.

 

6º dia Alugamos carro para conhecer a ilha, não lembro qual foi o carro, mas foi o mesmo preço de Curaçao praticamente. Fomos em Baby Beach, q é lindíssima, mas não tem estrutura nenhuma, passe antes num supermercado e compre sua água,bebidas e snacks. Fomos para o lado leste um pouco, até uma praia deserta, cheia de cataventos e com algo que parecia ser uma antiga prisão ou fortaleza. Là o mar é revolto e só serve se vc for fazer kitesurf mesmo....Fomos para o norte, passamos em Palm Beach, e vimos o pôr-do-sol no Califórnia Lighthouse, o farol da ponta norte, lindo. Tem um restaurante q todos indicam, parece q é italiano, mas dizem tb ser caro. Fomos ao shopping em Palm Beach. Tem lojas Nike, óticas, Lacoste, cinemas, restaurantes, é bonito.

 

7º dia – Passeio de meio dia em Palm Island (aprox. $40). É uma ilha da De PalmTours, o passeio inclui transfer+aluguel do snorkel e máscara, café, almoço. A ilha é o melhor lugar de snorkel. Vc pode até pegar nos peixes! Lá paguei para fazer o Sea Trek ($45), q é uma caminhada no fundo do mar, usando um capacete tipo escafandro, legalzinho, mas não é necessário. À tarde ficamos no hotel mesmo.

 

8º dia – Comprinhas no centro logo atrás do Renaissance Marina Hotel. Achei ótimos os preços das lembrancinhas em Aruba...chaveiros, imãs, etc por $1, camisas, por $7, bonés e bolsas por $10...No shopping do Renaissance tem Gucci, Lacoste e várias outras lojas de marca com preços menores q do Brasil. Fomos no Emerald Casino, dentro desse shopping tb, gastar os $5 q ganhamos do hotel pra gastar lá, gastamos tudo e fomos embora. Rsss...é um ambiente com um monte de velhinhos viciados e uma fumaça horrorosa de charuto, mas sempre o pessoal tratando a gente mto bem.

 

Telefone: Bom, telefonar é difícil pq a maioria dos telefones públicos está quebrada. Um cartão de $10 dólares dá pra falar um pouco, fiz umas 3 ou 4 ligações com ele.

 

Transporte: Há um ônibus q circula em Aruba, é baratinho q se vc kiser a Palm Beach nele pela manhã é tranqüilo, desde o centro dá uns 15 min de ônibus. À noite melhor pegar táxi.

 

Idiomas: Aproveite para aprender papiamento, a língua local em Curaçao (uma mistura de espanhol com holandês), eles são super legais e t ensinam muito se vc pedir. Mas não se preocupe. Lá todo mundo fala 4 línguas: papiamento, espanhol, inglês e holandês. Qnd nos perdemos dirigindo, pedimos informação a estudantes saindo da escola e a um velhinho numa casinha no meio da parte árida, e eles falaram inglês e espanhol facilmente.

 

Dinheiro: não comprei florins, só usei dólar, e o bom mesmo é ter dinheiro na mão pra pechinchar bastante, pois se consegue baixar bem os preços. Gaste todos os seus florins q te dão de troco lá!

 

Ouro: a maioria é ouro 14, por isso q é baratinho.

 

Água potável: tomamos água da torneira e não teve nenhum problema.

 

Pontos turísticos q não fomos: Curaçao - Museu Kurá Hulanda em Curaçao. Fábrica de licor Curaçao Blue (dizem q é bem simples, mas vale a pena pra comprar bebidas e conhecer). Aruba – não fomos em muitas praias do norte, pra onde vão muitos mergulhadores. Eles aconselham não deixarem equipamentos de mergulho dando sopa na praia ou no carro, pois em Aruba (e Curaçao) não há casos de assalto ou violência, mas há furtos desse tipo. Não fomos na piscina natural, porque eles dizem q não dá pra irmos dirigindo até lá e tem q pagar o tour só pra fazer isso, Não fizemos o passeio de quadriciclo e nem entramos na fazenda de avestruzes....esses 2 aí só pra quem gosta e quer muito mesmo...rsss.

 

Aruba é mais Miami, cheia de cassinos, lojas e bem estruturada. Curaçao é vencedora em belezas naturais. As duas se completam. É uma viagem super legal e romântica.

598d9f00ce116_KleinCuraao.jpg.148f5ee0b29b08a9d5a65fc0d81184ef.jpg

CasAbao.jpg.430a2dca7991ab4ec55dcc9aa747bb86.jpg

babybeach.jpg.38be0d19ab8c23e0829045df26173d30.jpg

palmisland.jpg.93235d054a8422f9a74ba555b533ab46.jpg

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 meses depois...
  • 2 meses depois...
  • 4 semanas depois...
  • 5 semanas depois...
  • Membros

Oi pessoal,

 

Sou Alexandre e voltei de uma viagem de 8 dias em Curacao e 8 dias em Aruba com esposa e filho de 5 anos. Dando este depoimento eh a unica forma que vejo em contribuir para este site maravilhoso que me ajuda em minhas viagens.

 

28/12/2011 - voo Chapeco - Caracas - Curacao

28 a 05/01/2012 - CURACAO

05 a 13/01 - ARUBA

13/01 - Aruba - Caracas - Chapeco.

 

CARACAS - sobre Caracas me surpreendi positivamente com a beleza do aeroporto. Esperava algo muito pior pelos depoimentos que li aqui e ali. Mas achei um lugar seguro, com muitos guardas, e de certo modo ate mesmo um bom atendimento. Ficamos quase 8hs entre um voo e outro e deu pra enjoar do mesmo. Levem um casaco. A refrigeracao do aeroporto eh realmente muito frio la dentro. Minha esposa e meu filho quase congelaram la dentro, eu ate que levei na boa. Esta eh uma dica importante porque este fato chamou a atencao de varios turistas com que conversamos la. Nao esqueca de colocar na mochila ou mala de mao um moleton e para criancas e mulheres ate mesmo uma calca de abrigo ou jeans. Meias e tenis porque realmente eh bem frio.

Gracas as dicas deste site me informei sobre a troca de dolares por pesos venezuelanos. Na saida do desembarque existem varios funcionarios do proprio aeroporto que te oferecem levar tuas malas em seus carrinhos. Eles mesmos te oferecem trocar dolar. Troquei U$500,00 por 7,75 peso venezuelano, o cambio oficial eh de 4,30 a 4,50 vale muito a pena trocar mas cuidem porque eh ilegal e deve ser feito com muito cuidado. Importante falar aqui porque nao li em nenhum post e fiquei sabendo so la. NENHUM OUTRO LUGAR ACEITA PESO VENEZUELANO, NEM ARUBA, NEM CURACAO NEM BRASIL. No Brasil nenhuma casa de cambio aceita essa bucha. So comprem peso venezuelano para usar la mesmo, nao pensem em trocar U$10.000 e ficar rico aqui no brasil ou em outro lugar. Na volta de Aruba cheguei no aeroporto as 11hs e nosso voo seria a noite para SP. Sendo assim pagamos meia-diaria no hotel Eurobuiding Maiquetia onde pudemos almocar bem, tomar um bom banho e descancar para a voo. Valeu muito a pena. Apesar de que a merda do hotel so permite o check-in a partir das 15hs. Eles nao abrem mao disso. Varios turistas como eu com criancas pequenas no colo esperando desde mancha cedo para fazer o check-in e eles nao deixaram entrar antes das 15. Usei bolivares e deu quase U$90 com o 3 almocos incluidos. Este hotel fica a 5 min do aeroporto e eles tem transfer a cada 20 min para levar e trzer do aeroporto sem custo. Eu recomendo.

 

CURACAO - ficamos hospedados no hotel Scharloo em Punda. Hotel simples mas atendimento 100%, paguei U$130 8 noites com o reveillon em um quarto luxo. O quarto tem uma varanda ampla, bom banheiro e uma otima cozinha com forno, fogao, geladeira, tudo...panelas, etc... A localizacao eh fantastica. Outro hotel tao localizado eh o plaza. Nao aconselho ficarem no bairro OTROBANDA. Eh muita muvuca, muita gente, fedorento, sujo, musica alta, etc... O melhor lugar pra ficar em Curacao eh Punda mesmo. Alugamos um carro e fizemos a festa. Eh faceil de se localizar e as pessoas sao muito prestativas com o turista. Adoramos Curacao, as pessoas, as praias, a cidade, o clima, tudo muito melhor que Aruba.

Definitivamente Curacao e Aruba nao sao lugares de muitas compras. Eletronicos tem mesmo preco que o Brasil. Roupas de marca, tenis, sao tudo com precos semelhantes que aqui. O que vale eh comprar coisas que nao tem aqui, os cremes das mulherada, camisetas, brindes, whisks muito barato, etc...

A temperatura eh muito agradavel girando sempre em torno de 28-30 C. Rompemos o Reveillon na ponte e foi sensacional. As praias sao de cair o queixo mesmo. Peguem um carro e visitem todas que puderem. Leiam os demais posts e vejam quais sao as melhores. Ficamos 8 dias em Curacao e achamos que poderiamos ficar mais 1 ou 2 dias e nao iriamos repetir praias e pontos turisticos. Ao contrario de Aruba, Curacao tem MUITA COISA PRA CONHECER. ARUBA COM 3 DIAS SE CONHECE TUDO. CURACAO NAO. Se fosse fazer novamente a viagem fariamos uns 10 dias curacao e 5 aruba.

 

ARUBA - nao gostamos. Lugar pequeno, pessoas mal educadas, arrogancia, lugar para patricinhas e mauricinhos. Quem gosta de belos resorts, restaurantes caros, iates, glamour, vai a Miami que eh muito melhor e bem mais barato. A moeda em ARUBA eh chamada Arubian e nao se aceita o Guilder de Curacao. A cotacao eh parecida com o real e o Guilder (1,80 por dolar). Ficamos hospedados 8 noites no The Mill Resort. Caro pra xuxu (paguei U$220 a diaria) eh foi uma merda de hotel. Hotel cheio de venezuelanos sujos e barulhentos, e o atendimento eh deploravel.Sou um simples sem muitas exigencias mas gosto de ser bem tratado.

O taxi em Aruba eh muito caro, em media custa U$30,00 a corrida, mas o sistema de onibus eh melhor que Curacao. Alugamos um carro em Aruba tb e foi uma otima decisao.

 

INFO GERAIS

A agua nas duas ilhas sao aguas que passam por um processo de dessalinizacao. A planta de Aruba eh a segunda amior do mundo perdendo somente para o Quait. Sendo assim, juram de pe junto que tanto em aruba quanto em curacao possuem a agua mais limpa do caribe. No inicio compramos agua mineral mas depois abrimos as torneiras e nao morremos.

Rede elretrica nas duas ilhas eh 110.

Os supermercados tanto em Aruba quanto em Curacao sao muitoooo bons. Muita variedade de alimentos, muito mais que aqui no rasil. Pq sao todos produtos importados do mundo todo e por precos muito mais baratos. Os impostos em nosso pais sao uma vergonha. Vale muito a pena fazer um rancho nos mercados e garantir um jantar ou um cafe da manha para baratear o custo e nao judiar tanto do estomago com lanches rapidos de praias e etc...

Bom, espero ter colaborado, qualquer coisa mande um post que respondo dentro do possivel.

Deixem para comprar materail de mergulho, snorkel, sapatilhas, etc... la mesmo. A nao ser que tenha pouco tempo em cada ilha ai nao compensa perder esse tempo.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 1 mês depois...
  • 1 ano depois...

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...