Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

Sandman

Como viajar pelo mundo sem dinheiro

Posts Recomendados

Vish... é português é... A maioria dos países você consegue tirar visto fora do seu país de origem (mas há exceções), mas muitos você precisa ir para a embaixada do país e não na fronteira.

 

Obrigado por responder. Então sendo assim uma pessoa não pode ir sem rumo, simplesmente. Tem que planear minimamente os países que quer ir..

Compartilhar este post


Link para o post

Você pode visitar a embaixada do país de destino que você quer no país onde você se encontra. É bom procurar saber das exceções, mas há muitos que viajam completamente sem planos .

 

Abs

Compartilhar este post


Link para o post

Revivendo esse tópico, vou espalhar toda a minha falta de experiência com viagens aqui e um tiquinho da minha não-tão-pouca experiência de vida.

 

É uma questão de perfil, como o Sandman falou. Só para dar um exemplo, vou falar um pouco de mim: Eu era funcionária pública. Em Brasília isso significa que você zerou a vida com todas as fases bônus. Meu salário era razoavelmente alto para uma função de nível médio (não tenho graduação) e 30 horas de trabalho semanais, por volta dos 5 mil. Mas eu odiava tudo aquilo. Odiava meu trabalho. Odiava acordar de manhã e pensar que eu iria para um emprego estável, que nada iria me exigir de desafios pessoais, que nada tinha a me oferecer. Larguei. Todos da minha família acharam que eu tinha ficado maluca por largar "um emprego tão bom". Não era para mim, viver nessa monotonia de emprego-casa-barzinho. Eu e meu marido (também desemregado) passamos por situações bizarras. Não ter grana para comer, pegar um ônibus até o hospital em caso de doença, por exemplo. Mas com o tempo nos acostumamos. Fazemos um bico aqui ou ali pra arrumar grana para internet e casa (as nossas duas únicas necessidades atuais). No mais, a gente vai se virando. Já tem quase 8 meses que vivemos sem quase nada de dinheiro.

 

Agora a gente decidiu que quer sair do país. Nenhum de nós chegou a viajar muito longe nem mesmo no Brasil. Eu fui apenas para GO, MG, SP, RJ, PR e RS. Ele, mineiro, só veio pra Brasília, foi para Espírito Santo e São Paulo. No mais, nunca pegamos estrada mesmo. Só viagens rápidas, com dinheiro suficiente pra qualquer emergência.

 

Bem, o fato é que não somos pessoas que conseguem se satisfazer com coisas simples. Não consigo nos ver, em dez anos, sossegados no mesmo lugar, pagando prestação de um financiamento da caixa de um apartamento próprio, com carro, emprego, celular, tomando café no starbucks. Não é esse ideal de vida que significa sucesso pra gente. Eu quero ir de um lado pro outro sem lugar para chamar de casa. Eu quero não ter a segurança de saber onde vou dormir amanhã. Eu quero conhecer tribos nômades, gente que vive na mata, quero passar meses aprendendo sobre como manter a pureza no meu coração e plantando o que eu for comer.

 

Hoje cedo, pensando na possibilidade de chegar à África num navio cargueiro, abri por engano um link do google de uma página que oferece cruzeiros luxuosos. Não é para mim. Não quero um navio com piscinas e quartos com alcochoado macio. Quero muito mais um quarto com mais 6 pessoas desconhecidas de diferentes lugares que estão limpando chão para viabilizar seus sonhos, sua fome de conhecer outras realidades, como eu. Tou nem aí pra cassinos e shows no estilo broadway, eu quero passar uma noite ao relento por não ter grana para um hotel. ^^

 

Para algumas pessoas segurança significa calma. Significa não ter que se preocupar com o que vai comer e poder gastar seu tempo com coisas que julgam mais prazerosas, como uma boa casquinha de siri numa praia turística. Para outras pessoas, segurança significa tédio. Significa que o mundo não vai mais te exigir nada, não vai mais pressionar voc~e para que você ultrapasse seus limites. E isso me parece estar morto! Isso me parece esta estagnado e morto! Não quero! rs

 

Um brinde á diversidade de pessoas. Àquelas que desejam quartos limpos e confortáveis tomando champagne em Paris ou àquelas que acham bem mais legal visitar uma comunidade do interior onde todos cuidam dos filhos de todos e sobrevive de agricultura de subsistência e venda de artesanatos. E um brinde, seja com o champagne, seja com a água da pia do McDonnalds, ao Sandman que, rei dos sonhos ou colaborador do mochileiros.com, me ajudou muito com esse post! ^^

Compartilhar este post


Link para o post

Taisalbina, sua coragem merece admiração.

 

Largar um salário bom assim pra passar perrengue, não é pra qualquer um.

 

Mas eu entendo, esse modo de vida realmente é desprezível.

É simplesmente um não viver. Passar os dias sem aproveitar nada novo, em um rotina estagnante, limitadora e tediosa. Dentro de uma grande cidade, cheia de pessoas insatisfeitas, corruptas, longe da natureza e de qualquer contato com algo maior que reflita em nós a grandeza da vida.

 

Também tenho vontade de viver em alguma comunidade auto sustentável, estou criando coragem pra ir atrás.

Pretendo ir pro Canadá trabalhar e me virar por lá. Não sou muito radical, mas às vezes essa é a única forma de provocar uma mudança.

 

Força na sua jornada :)

Compartilhar este post


Link para o post

To indo pra BsAs essa semana e me deu umas idéias de economizar na hospedagem... Acho que vou encarar o Aeroporto hahah

Compartilhar este post


Link para o post
Gostaria de achar um louco, para se aventurar por ai .

 

haha Tem muitos "loucos" aqui mesmo no mochileiros, mas depende do tipo de viagem. Tinha um grupo aí do PR - Montanhistas de Cristo, se não me engano - que fazia muitas trips aí pelo Sul. Uma dica é você procurar o destino que interessa a você no momento (ex: Cambará do Sul) e ver os últimos posts do lugar. Diga que tem interesse em ir e quais dias estará pela cidade, etc. Muita gente já viajou assim e postou depois. É uma sugestão. Sorte!

Compartilhar este post


Link para o post

Olá!

As dicas que estou pegando aqui no site tem me ajudado e encorajado bastante, mas ainda assim tenho uma grande dúvida, me ajudem por favor: Numa viagem para a Italia de 12 dias, com quantos euros consigo sobreviver, almoçando barato e nas outras refeiçoes apenas fazendo lanches ??? Uma média de preço gente, vou fazer Roma, Florença + Pisa e depois Veneza ( no inicio de setembro).

Fico muito agradecida.

 

Susuviagem.

Compartilhar este post


Link para o post
Olá!

As dicas que estou pegando aqui no site tem me ajudado e encorajado bastante, mas ainda assim tenho uma grande dúvida, me ajudem por favor: Numa viagem para a Italia de 12 dias, com quantos euros consigo sobreviver, almoçando barato e nas outras refeiçoes apenas fazendo lanches ??? Uma média de preço gente, vou fazer Roma, Florença + Pisa e depois Veneza ( no inicio de setembro).

Fico muito agradecida.

 

Susuviagem.

 

Olá. Vi só agora a mensagem e vi também que tem procurado os tópicos corretos para obter as informações. Infelizmente nunca fui à Europa e não posso passar informações precisas. Agora que tem referências para a viagem, tudo fica mais fácil. Não sei se os restaurantes brasileiros seriam boas opções. Exemplo: http://www.tripadvisor.com.br/Restaurant_Review-g187895-d2149945-Reviews-Brasileiro-Florence_Tuscany.html

Numa dessas, pode-se encontrar algum cantinho com valores mais interessantes. Boa Sorte!

Compartilhar este post


Link para o post
Visitante
Este post está impedido de receber novas mensagens


×
×
  • Criar Novo...