Ir para conteúdo

[Arquivo] Roma - Perguntas e Respostas


Posts Recomendados

  • Membros de Honra

Tá certo, de fato, check-ins tomam tempo também. Creio que Assis pode ser uma alternativa melhor, pois é cidade pra se ver em um dia, enquanto o sul da Itália merece uma estadia maior. De qualquer modo, caso deseje fazer o bate-volta, você pega o trem até Napoles pela Trenitalia e depois o trem de Napoles até Pompeia (estação "scavi, villa dei misteri, algo assim) pela Vesuviana. Basta digitar os nomes dessas companhias no google e entrar em seus sites oficiais. Os horários dos trens você vê lá. No canto superior do site da trenitalia tem a opção de mudar pra inglês. Na Vesuviana, é do lado direito da tela. Lá você vê os horários. No caso de ir pra Capri, você não precisa pegar o trem da Vesuviana, pega o barco direto de Napoles.

 

Os primeiro e último horários Roma-Napoles costumam ficar entre 8 e 19h, se nao me engano, mas isso é bom você checar direto no site da companhia. Dá pra fazer uma simulação, preencha os campos, coloque um dia qualquer (antecedência máxima de 60 dias pra data desejada) e veja. PRa efeito de horários, o ideal é fazer uma simulação com trens na semana atual mesmo. Procure comprar as passagens pela internet com a máxima antecedencia possível (nem sempre respeitam esse limite de 60 dias, às vezes só é possível comprar com antecedência menor). Quando antes puder comprar, mais barata sai a passagem, pela tarifa "mini" (após clicar em comprar ela aparecerá).

 

Quanto ao Vaticano, dizem que é melhor ir durante a semana pra evitar estar muito cheio, mas parece que a missa é no domingo. Alguém pode confirmar melhor.

Link para o comentário
  • Respostas 1,4k
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros

Alerau,

 

Faça isso que o nomesemuso sugeriu.

 

Adianto o seguinte: são dois trens, um Roma-Napoli e o outro Napoli-Pompeii, mas dá pra comprar de uma vez só em Roma. Nas máquinas de atendimento automático vc põe Roma-Pompeii e elas já te dão a opção com as baldeações e qdo vc compra já saem os dois bilhetes. Na época que fui (outubro/09) tinha trem saindo de Roma às 07:15h da manhã para Nápoles. E de Nápoles a Pompeia dá mais uma meia hora ou menos.

 

Da estação de trem até a entrada das ruínas são uns 2km de caminhada. Basta sair da estação e seguir à esquerda. Assim me disseram lá e assim eu fiz.

 

MAS... (e isso eu só descobri ao sair) se vc seguir a rua em frente da estação e virar à esquerda na praça da Igreja, em pouco tempo vc chega no muro que cerca as ruínas e logo adiante tem um das saídas do parque (foi por lá que eu saí), que me pareceu funcionar também como entrada. Reduz a distância pela metade. Confirme essa possibilidade na estação.

Outra coisa: pertinho dessa saída tinha um quiosque que vendia passeios até o Vesúvio. Vc pode checar os horários e ver se consegue fazer os dois, ruínas+vulcão.

Link para o comentário
  • Membros

NOMESEMUSO, muito obrigado pelas dicas e informações, que estão sendo excelentes.

 

Como vou viajar junto com minha namorada e minha mãe, decidiremos em conjunto qual (ou quais) "bate voltas" faremos.

 

Meu hotel fica bem perto da Estação Termin (se não me engano, é 100 ou 300 metros) de distância. Assim, pergunto: é preciso comprar as passagens com antecedência ou posso comprar na hora lá na própria Estação Termini?

 

E com relação ao barco para Ilha de Capri, é fácil de se achar? O trem para perto do porto?

 

Qto. ao Vaticano, estava pensando em fazer a visita da necrópole. Teria como fazer a visita, visitar o Vaticano e ainda ver parte da missa? Ou fica impraticável isso tudo?

 

Abraço!

Link para o comentário
  • Membros

Pessoal, uma duvida:

 

Eu vou fazer o tour da Necropolis no vaticano.. eu tinha visto em algum lugar que depois que termina o tour nao precisa de fila para entrar na basilica de St Pedro, está correto msm ?

eu vou terminar o meu tour +- 16:30.. a Basilica fica aberta ate as 19:00.. acho que consigo ver tudo com calma ne ??

 

Abs e obg.

Link para o comentário
  • Colaboradores

Vi que rolaram varias mensagens sobre o que fazer com pouco tempo em Roma e resolvi reproduzir aqui uma parte do relato da ultima viajem que estou fazendo.

 

Apesar de a Itália ter sido o destino que menos gostei na Europa até hoje, não posso dizer que não aproveitei bastante...

 

Ainda falta no relato que estou fazendo, cujo link aparece abaixo na minha assinatura, os ultimos 4 dias da viajem que foram em Roma também....depois volto aqui pra colocar!

 

Saudações!!

 

Dia 13/2 Roma

 

Os planos iniciais eram pegar o motorhome em Roma e assim escapar do inverno rigoroso mais ao Norte na Europa, mas só depois de marcado o vôo que descobri que a Alemanha é quase sempre o melhor lugar para alugar um.

 

Como a diferença era grande, nem tanto pelo valor da diaria, mas pela vantagem da quilometragem ilimitada na alemanha, valeu a pena comprar pela Air France os trechos Roma - Frankfurt - Roma, já que conseguimos por R$ 400 ao todo, 2 pessoas.

 

E foi ótimo! Está na chuva? Molhe-se! está no inverno, aproveite o melhor que o inverno tem pra te oferecer. Não gostade frio? Vá em outra estação! Inverno na Europa faz frio pra caramba. E não adianta, teve dias em Roma tão frios quanto nos alpes.

 

E já que 13/2 era Domingo, e pra pegar o carro tem que ser dia de semana, nada como pegar a benção do papa para a nossa aventura. Onze e meia lá estava ele para nos abençoar:

 

20110305224137.JPG

 

Chegando antes do homem santo acordar, conseguimos pegar a praça com pouca gente e entrar sem fila na basílica:

 

20110309203555.JPG

 

Mas não deu tempo de subir as escadarias para ver o Domo de Michelangelo antes das 11:30. Já depois do papa aparecer, a fila estava enoooorme, e decidimos sair em caminhada pelos arredores, em direção ao Catel Sant'Angelo:

 

20110309204241.JPG

 

Como pretendiamos comprar o Roma Pass na volta a roma, no fim da viajem, e isso nos daria isenção ou desconto no valor da entrada no Castelo, seguimos em caminhada.

 

Atravessamos a ponte Sant'Angelo e nos deparamos com uma região super aconchegante, cheia de restaurantes de aparencia agradável e uma paz que não se costuma encontrar em Roma... talvez por ser Domingo...

 

A Caminho da Piazza Navona encontramos um restaurante brasileiro que deu agua na boca mesmo tendo acabado de almoçar. aqui também fica a embaixada brasileira.

 

20110309204918.JPG

 

A Piazza Navona tem varios artistas vendendo seus trabalhos, camelôs e umas fontes bem bonitas:

 

20110309205215.JPG

 

Seguimos então para o Pantheon, com sua majestosa cúpula:

 

20110309205649.JPG

 

A caminho da Fontana di Trevi passamos pela piazza Colonna, onde por fora observamos o Palazzo Colonna, sem grandes atrativos aparentemente:

 

20110309210248.JPG

 

A Fontana sim é muito bonita, mas falam tanto dela e é tanta gente pra ver que eu esperava mais:

 

20110309210510.JPG

 

Na Piazza Venezia um dos quase sempre estúpidos italianos, que cuidava da entrada, depois de dizer umas 3 vezes com cara de quem não faz sexo a meses que o Monumento a Vittorio Emanuele II estava fechado, me respondeu depois de eu engrossar a voz ::quilpish:: que ali fechava as 16h e que a entrada era gratuíta:

 

20110309211648.JPG

 

Aqui o negócio é assim: toma-se patada o tempo todo, mas se você der patada também, aí eles baixam a bola.

 

Enfim... seguimos rumo ao Coliseo, mas não sem antes dar uma espiadinha no Foro Traiano onde aspiramos o ar da Roma antiga:

 

20110309213843.JPG

 

No caminho ainda tentamos descobrir como entrar no Carcere de São Pedro e São Paulo, mas a péssima sinalização com placas controvérsas, as nossas pernas cansadas, a má vontade do pessoal das informações e o saco cheio de tomar e dar patada, nos fez deixar pra próxima, mesmo estando em frente ao suposto cárcere:

 

20110309214551.JPG

 

Morro acima do tal carcere tinha um visual legal e algumas obras famosas como a Lupa Capitolina:

 

20110309215129.JPG

20110309215545.JPG

 

Bom, acho que o dia rendeu bastante e avistar a estação de metrô do coliseu deu vontade de jantar, tomar um vinho e voltar pro hotel. Mas um dia desse não podia acabar sem antes ser brindado pelo visual do Coliseu ao entardecer e uma bela lua ao fundo:

 

20110309220030.JPG

Link para o comentário
  • Membros

Ailherson,

Visitei Roma no começo deste ano e no dia que visitamos a basílica de São Pedro não pegamos fila,

pois chegamos bem cedo e a entrada é gratuita, lá dentro a visita pode ser rápida, normalmente

além da arquitetura, pode-se apreciar a estátua Pietà de Michelangelo e o baldaquino de Bernini.

Fila poderá ter para subir à cúpula que é paga, mas imperdível!

A capela sistina pode ser visitada quando se entra no museu do Vaticano, o ingresso já inclui a visita,

dái para ver tudo com calma é legal reservar mais tempo.

Dica para a visita no Vaticano sem tumulto:

1. Basílica (manhã bem cedo)

2. Cúpula

3. Museu do Vaticano (entrar ainda na parte da manhã), caminhar pelo lado externo da muralha, como

todos fazem, até a porta de entrada que não é longe.

Link para o comentário
  • Membros

Caminhe sem rumo. Entre num beco estreito qualquer, pra ver onde vai dar. Se perca. Se ache.

 

No meio disso, dê um jeito de passar pela Piazza San Marco, entrar na Igreja, dar uma passeada na orla ao lado. E também de, de vez em quando, passar pelo Grande Canal.

 

Se, enquanto estiver perambulando, vc acabar parando na igreja com cúpula percendo uma cebola que fica em frente à San Marco, mas do outro lado do Canal, ótimo. Aproveite então pra dar uma olhada na outra borda da ilha. Se não der, tudo bem.

 

Se, enquanto estiver perambulando, vc acabar passando na Ponte Rialto, aproveite pra conhecer o mercado que fica quase numa das pontas dela. É só uma feira livre, mas achei bacana ver a variedade e beleza dos frutos do mar e das frutas por lá. Fora que tem alguns botecos perto que vendem tiragostos e vinhos (vi um que funcionava numa portinha, não tinha onde o cliente se sentar sequer, e eles serviam o vinho em taças de vidro daquelas grandonas! Ficava o povo de pé, batendo papo, de taça na mão). Se não der pra passar por lá, tudo bem.

Link para o comentário
  • Membros

Estive em Veneza nesta semana, e usei muitas dicas aqui do site.

 

Se tiver pouco tempo, vá caminhando sem mapa, sempre seguindo as placas da Piazza San Marco e Depois que estiver por lá e quiser voltar, siga as placas da ponte Rialto e nela as placas da ferrovia. Não tem erro. Se tiver mais tempo, vale a pena explorar os becos e canais. é muito show.

 

Se o tempo é curto e só da pra ir em um lugar, eu iria no campanário. Tem elevador, custa 6 euros e da pra ver Veneza e todos os arredores lá de cima. É muito bonita a vista.

 

Quanto ao hotel, fiquei no Hotel Paris em Mestre. Fica ao lado da estação ferroviaria, o quarto era maravilhoso, o café muito bom, wi-fi gratis no quarto, e o atendimento perfeito. Foi o melhor hotel que fiquei na viagem toda, e olha que passei em vários lugares.

 

De Mestre até o aeroporto Marco Polo de taxi gastei cerca de 40 euros...tem onibus com espaço pra malas por 3 euros saindo de 20 em 20 minutos, mas eu não queria arriscar pois estava com horario apertado e fui de taxi.

 

Abraço,

Fernando

Link para o comentário
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.

×
×
  • Criar Novo...