Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
Kikita

Preços e dicas - Bs As, Mendoza, San Martin, Bariloche - 18 dias

Posts Recomendados

E aí, pessoal?! Voltei há pouco de uma viagem pra Argentina e vou deixar aqui algumas impressões que tive ao longo da viagem, perrengues, roubadas, dicas e preços atualizados pra ajudar os próximos viajantes a se virarem melhor por essas bandas. Como somos um casal os preços serão sempre para 2, qdo for individual eu aviso. Vamos lá... :D

 

Ao todo foram 18 dias, partimos de BH/MG 15/08/12 com destino a Buenos Aires (aeroparque) e voltamos da capital federal 01/09/12.

 

15/08/12 - Quarta-feira

Chegamos tarde em Bs As, por volta das 22 horas, o vôo foi tranquilo pela Gol. Já tinhamos reserva no Hostel Suítes Florida, para quarto duplo privativo. Pegamos um táxi na saída do aeroporto e ai já passei raiva ::grr:: logo na chegada... Não é a primeira vez que vou pra Bs As e já sei de todos aqueles cuidados básicos de segurança: pegar táxi credenciado, dar o dinheiro certo pra evitar nota falsa, pedir pra ligar o taxímetro e tals... Mas os "ladrões" vão se aperfeiçoando. Entrei no táxi enquanto meu namorado colocava as malas no porta-malas e o banco da frente do passageiro estava todo pra frente. O taxista fingiu ligar o taxímetro, ou melhor, ligou e desligou mto rapidamente, como o banco estava mto na frente tampava o taxímetro. Logo ele tratou de começar a conversar e me distrair... Eu fiquei tranquila pensando que o taxímetro estava ligado e, para minha surpresa, qdo chegamos no nosso destino ele anunciou 145 pesos, uma corrida que aquela hora sairia em torno de 60 pesos. Briguei, xinguei, esbravejei ::vapapu:: e paguei P. da vida.

 

Hostel é bom, quarto limpo, boa localização se vc deseja o centrão de Bs As, água quente e um café da manhã bom para o padrão deles. O único chato é que vc tem que deixar 50 pesos por pessoa em dinheiro, como um "calção" para eventuais problemas, eles devolvem no check out. Outra coisa que num gostei é que qdo vc deixa sua mala naquela salinha pra guardar as mochilas até a hora de vc sair ou até a hora do check in, eles colocam um ticket, tipo de ônibus em todas, mas num conferem na hora de vc pegar. Pra que a porcaria do ticket então? Se eu poderia sair de lá com qualquer uma e qtas malas quisesse?!?!? :?:

 

Táxi: P$145

Hostel: P$280 quarto duplo privativo (não aceita reais e pra pagar com cartão + 5%)

Ida e volta BH/Bs As com taxas: R$720 por pessoa

 

16/08/12 - Quinta-feira

 

Saímos pra dar uma volta, nada muito longe, pois essa noite já seguiríamos para Mendoza. Compramos as passagens no Brasil, pela internet, no site da Andesmar para garantir, pois tinhamos um amigo que já estava lá nos esperando. Passeamos pelos arredores, Calle Florida, Corrientes e fomos comer uma pizza fugazzeta no famoso El Cuartito - Talcahuano 937, Buenos Aires, Argentina. Uma delícia a pizza!!! ::cool:::'> Compramos as passagens de Bariloche para Bs As na Chevalier. Depois fomos até Puerto Madero e vitamos o barco museo que tem lá, é interessante e bem simbólico a entrada. No fim da tarde tomamos um café na cafeteria da Milka - Av. Corriente com Maipú, mto gostoso. Já anoitinha tomamos outro táxi até o terminal de ônibus de Retiro para seguir pra Mendoza.

 

El Cuartito: P$62 (2 pedaços de pizza, 2 empanadas e 1 Stella litrão)

Barco museo: P$2 por pessoa

Cafeteria Milka: P$50 (combo:suco de laranja pqno, 2 media lunas, 1 café com leite)

Táxi para Retiro: P$24

Bus para Mendoza: P$455 por pessoa (ejecutivo)

Bus Bariloche/Bs As: P$690 (ejecutivo)

 

17/08/12 - Sexta-feira

Que mara os ônibus de viagem dos hermanos!!! Bingo, janta, café da manhã, poltronas confortáveis, almofadinha, cobertinha... nem vimos a viagem passar. Chegamos em Mendoza por volta das 10 da manhã e pegamos um táxi pro Hostel Suítes Mendoza. Pagamos mais uma vez os 50 pesos por pessoa aqui. Não lembro o lugar onde almoçamos, mas era bom e incluía saladas e sobremesa à vontade. A tarde ficamos de bobeira, só passeando pela cidade e a noite fomos em um bar Hard Lomo Rock (longe) pra ver um grupo de argentinos que tocava blues e jazz que meu amigo tinha visto em outro bar e gostou. A banda era msm mto boa e, nessa noite ocorreu uma cena hilária. Qdo nos despedíamos do pessoal um dos argentinos chegou perto do meu namorado e, como de costume deles, foi dar um beijo no rosto do meu namorado, que logo o empurrou dizendo: "Que isso cara?! Que isso?!?!" ::lol4:: Até explicar que focinho de porco num é tomada já estávamos rolando de rir da cena... :lol: Qto ao hostel é limpo, os staffs agradáveis, mas só tomei banho quente um dia!!! Os outros todos só água morninha pra fria... Além disso, deu 10 da manhã em ponto e a tia já tira tudo do café da manhã, nem pense em atrasar 1 minuto!!! ::bad:: Outro ponto legal é que o hostel é em frente ao mercado central, na esquina tem um Carrefour, na outra um café Havana e na outra um fast food 24 horas. Fome vc num passa!!!

 

Almoço: P$160

Lanches: P$33

Pão, queijo e vinho pra beliscar à noite: P$60

Hard Lomo Rock: P$100

Táxi pra voltar pro hostel: P$30

 

18/08/12 - Sábado

Acordamos mais tarde porque a noite foi boa... ::otemo:: hehehe Fomos até a rodoviária comprar as passagens para San Martin de los Andes, ou melhor para Neuquen. Só existe passagem de ônibus de Mendoza direto pra San Martin nas sextas, e esse num era nosso caso ::bad:: Logo, tivemos que ir até Neuquen e de lá para San Martin. Almoço num restaurante qualquer, tipo PF, perto da rodoviária msm. A tarde fizemos o tour das bodegas (vinhedos), sei que deve ser mto mais diverto ir de bike, mas eu sou uma negação com esse troço... O aluguel do carro num compensava, só tinha carro grande disponível. Fizemos pelo hostel msm, só pra passear msm, pois já tínhamos visitados mtas vinícolas na Serra Gaúcha em outra viagem... A novidade foi a fábrica de azeite, eu adoro, e os de lá eram uma delícia!!! ::cool:::'> Como o mercado era em frente ao hostel chegamos do passeio e fomos dar uma voltinha por lá e comer umas empanadas... A noite nosso querido amigo, nos preparou um delicioso risoto de shitake, ficamos no hostel msm comendo e bebendo vinho pra variar... ::otemo::

 

Bus pra Neuquen: P$415 por pessoa

Almoço: P$60

Lanche: P$33 (6 empanadas + 1 refri pequeno)

Bodegas: P$90 por pessoa

Empanadas: P$28

Água: P$

 

19/08/12 - Domingo

Dia do passeio Alta Montanha. Esse compensava ter feito de carro. A estrada é tranquila e vc fica o tempo que quiser em cada lugar... O passeio foi super legal, tinha mtaaaaa neve no parque Aconcagua. Veja antes de sair como está o clima, mta gente se del mal, pq num tinha levado nada pra neve. Porém, eles param em um lugar no meio da viagem pra vc alugar/comprar essas coisas, botas, casaco, calça, luvas, meias... e tomar um café! Outra coisa chata é que te levam num lugar específico para almoçar, mas nessa vilazinha tem outras opções, se vc estiver com disposição pra vasculhar, só fique atento pra num perder a saída do buzão. A noite jantamos num bar bem legal, Johnny B Good.

IMPORTANTE: mesmo que vc passe seu cartão na função débito, é cobrado de vc a função crédito. Fique atento!!!

 

Alta Montanha: P$170 por pessoa

Aluguel de botas de neve: P$30 o par

Lanche: P$48 - 2 chocolates quentes e 3 media lunas

Almoço no lugar indicado: P$70 - prato principal, bebida e sobremesa

Jantar: P$140

Água: P$10

 

20/08/12 - Segunda-feira

Era feriado nacional na Argentina e, como a noite a viagem seria longa, optamos por um passeio light. Alugamos umas bikes e fomos pedalar pelo parque de Mendoza. O único problema é que sou péssima com bicicleta ::lol4:: Levei tempo pra pegar o equilibrio, num conseguia fazer curva, toda vez que parava quase caía, foi uma aventura!!! Nesse dia num teve almoço, mandamos um super pancho con poncho, ou seja, um cachorro quente grande com duas fatias de presunto e mussarela huummm ::cool:::'> Depois de mtas pedaladas voltamos pro hostel (deixamos os P$50 que já tínhamos pagado no check in pra poder fazer late check out). Banho tomado, bora pra rodô que a viagem é longa...

 

Frutas e cereais pro café da manhã: P$28

Aluguel da bike: P$50 (cada uma)

Pancho com refri: P$40

Água de 1L no parque: P$12

Táxi pra rodô: P$14

 

21/08/12 - Terça-feira

Viajamos com a empresa Flecha Bus e foi tranquilo, tirando a parte que no meio da noite a polícia entrou no ônibus, mandou 3 gringos descerem e revistaram todas as mochilas deles. Ainda que eles foram com a nossa cara ::mmm: Chegamos na rodoviária de Neuquen 7 da manhã e já fomos procurar as passagens pra San Martin de los Andes. O primeiro ônibus saía às 8hs, tempo suficiente pra esticar as pernas antes de encarar mais 6 horas de viagem... Chegamos em San Martin, por volta das duas da tarde e chovia... ::bruuu:: E pegamos e outro táxi até a nossa hosteria, como era apenas uma noite ficamos num quarto triplo na hosteria Cumelen. Fiz a reserva pelo booking e lá eles nos cobraram os 21% ISS (adoro impostos!!) além do preço do site. Mesmo com chuva resolvemos dar uma volta pela cidade e comer alguma coisa. Paramos num restaurante/lanchonete numa esquina da rua principal e almoçamos, depois fomos ver se conseguíamos alugar um carro para chegar até Bariloche pelo caminho dos sete lagos sem ter que fazer excursão. O tour custa P$200 e só vai até Villa la Angostura, até chegar em Bariloche são mais 80 Km. Pra variar só tinha carro grande disponível, em torno de P$400, fora a taxa pra deixar o carro em outra cidade. Fomos até o lago Lacar, paramos na cafeteria em frente e decidimos ir pra Bariloche de buzão msm. Alguns ônibus chegam até Bariloche pela estrada dos 7 lagos e outros vão por outra estrada. Claro que pegamos o dos 7 lagos!!! ::hahaha:: A noite ainda chovia e estávamos bem cansados, comemos uma pizza perto do hotel e fomos dormir. Eu tomei um super banho depois de 3 dias sem conseguir lavar o cabelo naquela água "fria" em Mendoza.

 

Ônibus Neuquen/San Martin: P$110 - por pessoa

Táxi até hotel: P$15

Hosteria Cumelen: P$360 (quarto triplo)

Almoço: P$105

Cafeteria: P$50

Ônibus San Martin/Bariloche: P$68

Pizza: P$55

 

22/08/12 - Quarta-feira

Acordamos e tomamos um café da manhã bem fraquinho, pelo preço da hospedagem e fomos andar mais um pouco na cidade antes de seguir pra Bariloche. San Martin é linda!!! ::otemo:: As construções, as ruas, o lago Lacar... lembra a cidade de Gramado/RS. E além de linda também é cara. A viagem até Bari foi sussa e a paisagem é realmente mto bonita, num deu pra descer e tirar fotos, mas tá bom. Pra mim, o lago Villarino, apesar de pequeno qdo comparado aos outros, é o mais bonito. Chegamos e Bari e outro táxi até o hostel Los Troncos. Ai eu fiquei besta, o taxímetro parecia que funcionava com Red Bull, putz, aumentava quase um peso em +ou- 40 segundos, ::ahhhh:: nunca vi um "trem" desses!!! Pensei até que tava adulterado, sem noção!!! No Los Troncos não nos cobraram os 21% de ISS ::otemo:: Adoramos o hostel, água quente, staffs super 10, café da manhã ótimo, o dono fazia pão caseiro e media luna todos os dias, a cozinha é ótima e a cerveja de litrão lá custava o msm preço do supermercado P$12!!! PERFECT!!! :D Deixamos as mochilas e bora bater canela. Comemos num fast food Rock Chicken e fomos mais uma vez ver o preço de aluguel de carro, tours e etc... Se vc estiver em Bariloche na alta temporada tente reservar um carro com antecedência, pois só tinha disponível carros de categorias mais caras, tipo mais de P$320 por dia. Com relação aos passeios/excursões o local mais barato de todos que pesquisamos foi o Tronador Turismo, a mulher que atende pela noite, esqueci o nome, é muito simpática e disponível. Vc também pode ir no Centro de Info Turística que fica no Centro Cívico, umas das atendentes é brasileira, ótimo pra quem não entende bem espanhol. Mas num é nada barato: passeio dos 7 lagos: P$320; bosque de Arrayanes e isla Victoria P$250 - fora entrada no parque P$50 e taxa de embarque no porto P$13; esqui nórdico P$300; Tour pra El Bolson P$150, Circuito Chico P$90, Villa Angostura P$150, ainda existem outros que não me lembro mais o preço... No centro cívico de Bariloche estão os cães da raça São Bernardo para tirar fotos, mas por nada menos que P$50. Os lindos "cãezinhos" também estão no Cerro Catedral. Jantamos em uma pizzaria bem perto do hostel e muito boa nessa noite, afinal a viagem cansou.

 

Táxi pra rodivária: P$10 (tava chovendo)

Chocolate: P$17

Frutas: P$11

Postais: P$12

Almoço fast food: P$85

Hostel Los Troncos: P$1620 (quarto privado)

Jantar: P$144

 

Uma dica muito importante: LEVE DÓLARES!!! Lá vc trocará por, em média, 6 pesos, ou seja, seu dindin vai triplicar...

 

23/08/12 - Quinta-feira

 

Optamos apenas por 2 excursões, o resto achamos melhor fazer por nossa conta. Em Bariloche vc compra um cartão de ônibus de plástico, carrega em supermercados, kioskos, etc. e paga só metade do valor da passagem se comprasse no ticket, mas isso só vale pros ônibus da empresa 3 de Mayo. Atenção: lá vc NÃO pode pagar sua passagem diretamente dentro do ônibus, ou compra o bilhete nos postos de venda (mais caro) ou compra o cartão de plástico por P$12 e carrega o quanto quiser. O ônibus que vai pro Cerro Catedral direto não é da empresa 3 de Mayo, então compramos o ticket e fomos de busão, já que ele te deixa na base do cerro e assim vc pode ficar o tempo que quiser. Uma excursão de meio dia vai te cobrar P$90 por cabeça!!! ::ahhhh:: Num tinha neve na cidade de Bariloche :cry: apenas na base do Catedral e na parte de trás do cerro Otto. Como não íamos esquiar nem nada, nem alugamos roupa de neve, mas se vc quiser se jogar na neve melhor alugar, sai em média P$80 o conjunto de calça, jaqueta, botas e luvas. O lugar é realmente mto bonito!!! Num tem como deixar de ir... Na volta do cerro passamos na chocolateria Rapa Nui e tomamos o melhor chocolate quente das nossas vidas!!!! Blend de chocolate Rapa Nui, é com doce de leite... delicioso!!! ::love:: Além de uma torta que chocolate que tb estava divina. Andamos um pouco e voltamos pro hostel pra tomar um banho e sairmos pra jantar. Mas na verdade não saímos, conhecemos uns argentinos "buena onda" que estavam no hostel e nos convidaram pra jantar com eles, claro que aceitamos!!! Comemos um assado argentino de medalhão, que num tem nada a ver com nosso medalhão :lol: Compramos umas cervejas no hostel msm, mesmo preço do supermercado e passamos a noite papeando com os hermanos... Nesse dia não pagamos o jantar, pois uns brasileiros que estavam por lá e iam embora no outro dia nos deram esse presente, mas só descobrimos no outro dia qdo fomos acertar as contas... ::cool:::'>

 

Ônibus p/ Catedral: P$32 (2 p, ida/volta)

Chocolate no cerro: P$30

Lanches na base do cerro: P$48 (empanadas, cachorro quente e refri)

Rapa Nui: P$45

Cerveja e água no hostel: P$40

 

24/08/12 - Sexta-feira

 

Nesse dia fomos conhecer Villa Angostura com mais calma. Como estávamos meio cansadinhos resolvemos pagar uma excursão, mas poderíamos ter pegado um ônibus até lá por 34 pesos se não me falha a memória. A vantagem do tour é que a gente num ia precisar andar muito. Não achamos nada de mais na cidadezinha... Os lagos Espejo e Correntoso, que ficam próximos da cidade são bem bonitos, mas a cidade foi muito castigada ano passado pelas cinzas do vulcão. Até hoje existe mtas cinzas na beira das estradas e não se sabe ao certo o que fazer com toneladas de cinzas que caíram na cidade e levantam uma poeira danada... ::bad:: Almoçamos em um restaurante onde o atendimento foi péssimo, na rua principal da cidade. Demorou para sermos atendidos, a batata estava encharcada e ainda cobraram uma salada que pedimos, mas eles não serviram!!! ::vapapu:: Lógico que eles retiraram da conta qdo reclamei. A noite mais uma vez rolou jantar no hostel, risoto "brasileiro", carne argentina e beijinho de sobremesa.

 

Tour Villa Angostura: P$260

Almoço: P$106

Jantar: P$70

 

25/08/12 - Sábado

 

Fizemos o famoso circuito chico de ônibus de linha. É super tranquilo!!! ::otemo:: A diferença aqui é que vc não vai até a Bahía Lopez, mas o ônibus que vai pra Colônia Suiza (outro passeio) te deixa lá, caso vc queira conhecer. Os ônibus passam a cada 20 minutos. Vc desce aonde achar mais legal, tira as fotos, fica o tempo que quiser e pega outro ônibus pra continuar o passeio. Nós fomos até o famoso hotel Llao Llao. Vc só pode entrar no hotel se agendar uma visita, que só acontece nas quartas ou se for comer algo no restaurante do hotel, ficamos com medo dos preços no cardápio e achamos por bem ficar só do lado de fora msm hehehe Paramos um pouco em Puerto Pañuelo também. Nesse dia compramos sanduíches no supermercado para poder comer qdo quissemos ao invés de almoçar. No meio da tarde voltamos pra Bariloche para dar uma volta pelo centro e decidir o que comprar. Visitamos também o Museo de la Patagonia. Logo que saímos do museu ameaçou cair uma miserinha de neve, que parou logo... :( Pela noite tivemos nossa maior decepção ::bad:: Fomos até o restaurante da familia Weiss, super tradicional na cidade. Mas a comida estava bem sem graça, num tinha tempero, bem sem gosto msm. E o garçom ainda trouxe o nosso pedido errado, mas só demos conta disso na hora que conferimos a conta. A volta pro hostel foi dura, pois fazia um frio lascado!!! ::Cold::

 

Ônibus: P$49 (cartão magnético mais recarga)

Sanduíche do supermercado: P$45

Museu: P$30

Lavanderia: P$24

Água: P$19

Cachorro quente: P$45

Jantar: P$257

 

26/08/12 - Domingo

 

O passeio até Colônia Suiza foi super legal. Pegamos o ônibus de linha que saía as 11hs e chegamos lá ao meio dia. Fique atento pois o próximo é só às 13hs. Ai adeus Curanto... Bem em tempo de ver o preparo do famoso Curanto, uma forma de assar comida com pedras quentes. Aos domingos e quarta existe uma feira na cidade e essa iguaria é preparada por um casal em uma das barracas da feira. Super concorrido. Caso queira comer compre logo o seu ou corre o risco de ficar só babando no prato alheio.. :lol: Compramos a porção para uma pessoa e veio mtaaaa comida, ficamos super satisfeitos e tava uma delícia o prato, feito totalmente sem tempero!!! O vilarejo com ares hippies recebe mta gente "da paz" no verão. Lá é possível fazer trilhas e visitar uma parte do Lago Perito Moreno. Há uma loja de artesanato bem ao lado de um restaurante do outro lado da feira, simplesmente linda!!! Se eu pudesse e meu dinheiro desse teria comprado tudo!!! 8) Na volta paramos no Cerro Campanário, a vista mais linda da cidade sem dúvida!!! Que lugar incrível!!! De lá é possível avistar quase tudo: Colônia Suiza, hotel Llao Llao, Lago Perito Moreno, Nahuel Huapi,... Bari, satisfeitos com o passeio lanchamos outra vez na chocolateria Rapa Nui: wafles, torta de framboesa, chá de rosa mosqueta, chocolate quente... hhummmm ::love:: Passamos no supermercado para comprar frutas, verduras, água... Dessa vez eu fiz uma sopa no hostel, aprovada pelos amigos argentinos! :D

 

Ônibus: P$24

Empanadas: P$12

Curanto: P$60

Cerveja: P$10

Cerro Campanário: P$100

Rapa Nui: P$68

Supermercado: P$65

 

27/08/12 - Segunda-feira

 

E lá vamos nós pra mais um passeio de buzão em Bariloche. Apostamos em um lugar que ninguém fala Los Coihues e Lago Gutierrez. O vilarejo num tem nada, pelo menos nós não vimos, mas uma caminhada de 2 km ao redor do lado até uma pequena cachoeira e depois mais 1 km de subida até um mirante faz valer a pena. Almoçamos em um restaurante logo em frente ao ponto de ônibus que descemos, bem gostosa a comida. No caminho até o mirante vários cachorros, amigáveis, um são bernardo, outros que latiam... Ao fim da tarde compramos algumas lembranças e experimento os chocolates da loja El Turista, mto bom também. O sorvete de framboesa então... sem falar nas balas de goma deliciosas!!! Trouxe várias pra casa hehehe Para jantar fomos no famoso Boliche del Alberto. Pedimos o bife de chorizo e papas fritas, putz, tinha comida d++++!!! E mto boa! ::cool:::'> Sem falar na cerveja gelada.

 

Ônibus: P$17

Almoço: P$78

El Turista: P$40

Jantar: P$138

 

CONTINUO O RELATO...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá,

qual seu email?

Eu e uma amiga iremos viajar em novembro e pretendemos fazer o mesmo roteiro que o de vocês.

Tenho algumas dúvidas.

 

Obriigada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Olá,

qual seu email?

Eu e uma amiga iremos viajar em novembro e pretendemos fazer o mesmo roteiro que o de vocês.

Tenho algumas dúvidas.

 

Obriigada

 

 

Já enviei uma MP pra vc com meu email.

 

Qualquer dúvida é só falar...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Kikita, onde você trocou dólares lá em Bariloche??? Abraços.

 

Eu não troquei dólares em Bariloche, mas quase todas as lojas, agências de turismo, de carros, etc. aceitam dólares e te passam o câmbio na hora.

Em algumas lojas, mesmo que você não compre nada eles trocam os seus dólares por pesos. Vc compra no comércio uma canetinha que passa na nota

para ver se é falsa, se vc riscar a nota e ficar preto é falsa.

 

Abraços...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
25/08/12 - Sábado

 

Fizemos o famoso circuito chico de ônibus de linha. É super tranquilo!!! ::otemo:: A diferença aqui é que vc não vai até a Bahía Lopez, mas o ônibus que vai pra Colônia Suiza (outro passeio) te deixa lá, caso vc queira conhecer. Os ônibus passam a cada 20 minutos. Vc desce aonde achar mais legal, tira as fotos, fica o tempo que quiser e pega outro ônibus pra continuar o passeio. Nós fomos até o famoso hotel Llao Llao. Vc só pode entrar no hotel se agendar uma visita, que só acontece nas quartas ou se for comer algo no restaurante do hotel, ficamos com medo dos preços no cardápio e achamos por bem ficar só do lado de fora msm hehehe Paramos um pouco em Puerto Pañuelo também. Nesse dia compramos sanduíches no supermercado para poder comer qdo quissemos ao invés de almoçar. No meio da tarde voltamos pra Bariloche para dar uma volta pelo centro e decidir o que comprar. Visitamos também o Museo de la Patagonia. Logo que saímos do museu ameaçou cair uma miserinha de neve, que parou logo... :( Pela noite tivemos nossa maior decepção ::bad:: Fomos até o restaurante da familia Weiss, super tradicional na cidade. Mas a comida estava bem sem graça, num tinha tempero, bem sem gosto msm. E o garçom ainda trouxe o nosso pedido errado, mas só demos conta disso na hora que conferimos a conta. A volta pro hostel foi dura, pois fazia um frio lascado!!! ::Cold::

 

Ônibus: P$49 (cartão magnético mais recarga)

Sanduíche do supermercado: P$45

Museu: P$30

Lavanderia: P$24

Água: P$19

Cachorro quente: P$45

Jantar: P$257

 

26/08/12 - Domingo

 

O passeio até Colônia Suiza foi super legal. Pegamos o ônibus de linha que saía as 11hs e chegamos lá ao meio dia. Fique atento pois o próximo é só às 13hs. Ai adeus Curanto... Bem em tempo de ver o preparo do famoso Curanto, uma forma de assar comida com pedras quentes. Aos domingos e quarta existe uma feira na cidade e essa iguaria é preparada por um casal em uma das barracas da feira. Super concorrido. Caso queira comer compre logo o seu ou corre o risco de ficar só babando no prato alheio.. :lol: Compramos a porção para uma pessoa e veio mtaaaa comida, ficamos super satisfeitos e tava uma delícia o prato, feito totalmente sem tempero!!! O vilarejo com ares hippies recebe mta gente "da paz" no verão. Lá é possível fazer trilhas e visitar uma parte do Lago Perito Moreno. Há uma loja de artesanato bem ao lado de um restaurante do outro lado da feira, simplesmente linda!!! Se eu pudesse e meu dinheiro desse teria comprado tudo!!! 8) Na volta paramos no Cerro Campanário, a vista mais linda da cidade sem dúvida!!! Que lugar incrível!!! De lá é possível avistar quase tudo: Colônia Suiza, hotel Llao Llao, Lago Perito Moreno, Nahuel Huapi,... Bari, satisfeitos com o passeio lanchamos outra vez na chocolateria Rapa Nui: wafles, torta de framboesa, chá de rosa mosqueta, chocolate quente... hhummmm ::love:: Passamos no supermercado para comprar frutas, verduras, água... Dessa vez eu fiz uma sopa no hostel, aprovada pelos amigos argentinos! :D

 

Ônibus: P$24

Empanadas: P$12

Curanto: P$60

Cerveja: P$10

Cerro Campanário: P$100

Rapa Nui: P$68

Supermercado: P$65

Oi kikita, tudo bom?

10 o seu relato.

Queria saber se da pra fazer o Campanario, Circuito Chico e Colonia Suiza no mesmo dia? Voce fez todo o trajeto com a linha 20 de onibus?

obrigada.

Besos

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Entre para seguir isso  



×
×
  • Criar Novo...