Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Rumo a Machu Picchu em Moto Alugada em Cusco


Posts Recomendados

  • Membros
Td na paz ?

Obrigado pela resposta talescustodio.

Está decidido, eu e um primo vamos de moto, ele já começou a treinar nas roças de Minas Gerais, pq eu não sei pilotar, hehe.

Esse roteiro está bom ???

 

Tá bem legal o roteiro...Em alguns lugares um pouco apertado, mas acho que não vais ter problemas... Só não entendi se vcs vão a Pisac de moto no dia 18 ou não. Vou te dizer como eu fiz: no primeiro dia de moto fui pelo caminho oposto ao que tu pretendes ir (passando por Pisac e visitando as ruínas, depois Calca, Urubamba, etc) e dormi em Ollanta. No segundo dia conheci as ruínas de Ollanta cedinho e fui até Santa Tereza onde deixei a moto e segui pela trilha até Aguas Calientes. No terceiro dia fui a MP e no quarto dia peguei o trem de volta para a hidrelétrica (para economizar tempo), peguei a moto em Santa Tereza e segui para Cuzco por Chinchero. Deu direitinho um dia de viagem parando nos principais lugares (Maras e Moray, Chinchero e eventuais paradas no caminho) e chegando em Cuzco lá pelas 18h.

 

Apenas atenção em relação à parte de moto! O trajeto não é brincadeira, principalmente o final do trecho. Não estou querendo assustar, mas apenas reforçar que é importante ter um mínimo de noção de pilotagem e muito cuidado no trajeto!

 

No mais, tenho certeza que será uma baita viagem! Vai escrevendo aqui suas dúvidas e na volta não esqueça de contar como foi o passeio!

 

Abraços,

 

Tales

 

Vou mudar um pouquinho meu roteiro:

1º dia com a moto: vou fazer o City: Qenko, Tambomachay, Pukapukara + Pisak e Ollanta.

2º dia com a moto: Ollanta de manhã cedo, saindo pra Santa Teresa. Saindo as 10h de Ollanta está bom ? Vc pegou a noite na caminhada nos trilhos?

3º dia de moto: Moto parada. Deixo a moto na hidrelétrica ou na cidade ? deixando na cidade tem táxi da hidrelétrica pra cidade toda hora ?

4º dia com a moto: Maras, Moray e Chinchero. Que horas tem trem pra hidrelétrica?

 

 

Muito obrigado pela ajuda !!!

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 170
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

Mais Ativos no Tópico

Postagens Populares

Pra atualizar o tópico... A última vez que estive em Cusco deve ter um ano, e a agencia da Pâmela continua funcionando, embora tenha na mesma rua, diversas agencias de aluguel de moto.  O ro

Posted Images

  • Membros

A Tornado, pede pra ela te cobrar 25 dólares ou 35 na Falcon. Já fui com as duas e a Tornado aguenta numa boa.

Com esse valor, pode pedir equipamento completo pra duas pessoas que ela te dá tranquilo. Casaco corta-vento, luvas, capacete...

 

Alguem tem atualização desses valores de data mais próxima ?

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Apenas atenção em relação à parte de moto! O trajeto não é brincadeira, principalmente o final do trecho. Não estou querendo assustar, mas apenas reforçar que é importante ter um mínimo de noção de pilotagem e muito cuidado no trajeto!

 

Final do trecho seria Santa Tereza ou a volta por Chinchero ?

 

Pois estou querendo alugar a moto pra desbravar o vale sagrado, mas não ir pra MP por causa dos vídeos da estrada que tenho visto (não tenho prática e quem vai pilotar é minha patroa kkk).

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 3 semanas depois...
  • Membros

Olá!

Vi a papo sobre locar a moto com a Pamela, como essa conversa já tem alguns anos, queria saber qual o contato desta Pamela e se recentemente vc voltou de moto pra lá.

 

Teremos apenas 4 dias em Cusco, o objetivo é ir a Machu Picchu, mas a grana é curta, meu marido é alucinado com moto, queria sair do Rio de moto pra lá, mas enfim, pode me ajudar?

 

Sinceramente fiquei receosa, sou carona e friorenta, rs.

 

Ps| iremos de 4 a 8 de julho

 

Abraços,

Carol

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Olá !

Alguém teria o preço da diária de um carro popular em Cusco e da moto tbm ?

1º Dia de aluguel: Sacsayhuamán, Qenko, Tambomachay, Pukapukara, Pisak, dormindo em Calca ou Ollanta.

2º Dia de aluguel: Ollanta e depois pra hidrelétrica, tem como deixar o carro na hidro ou tenho que deixar em Santa Teresa ?

3º Dia de aluguel: Carro parado

4º Dia de aluguel: retorno pra Cusco passando por Maras, Salinas e Moray; e Chinchero.

Gostaria de fazer de moto, mas em Agosto o frio vai estar punk, mesmo pra mim que moro na serra gaúcha.

Obrigado pela ajuda !!!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 1 mês depois...
  • Membros

Pessoal,

to planejando encarar essa aventura no próximo mês! Vou eu e um camarada e agora, depois de comprar as passagens e etc, estamos fazendo os contatos de hostels, agencias e etc. Queria saber se alguém tem o contato da Pamela atualizado. Mandei um e-mail pra dois endereço que arrumei aqui, mas um deles o e-mail bateu e voltou na mesma hora, então fiquei meio na dúvida... ::hein:

 

Alguém já foi nessa época (fim de agosto)? O que devo levar para nao congelar em cima da motoca?

 

Abraço a todos!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
Pessoal,

to planejando encarar essa aventura no próximo mês! Vou eu e um camarada e agora, depois de comprar as passagens e etc, estamos fazendo os contatos de hostels, agencias e etc. Queria saber se alguém tem o contato da Pamela atualizado. Mandei um e-mail pra dois endereço que arrumei aqui, mas um deles o e-mail bateu e voltou na mesma hora, então fiquei meio na dúvida... ::hein:

 

Alguém já foi nessa época (fim de agosto)? O que devo levar para nao congelar em cima da motoca?

 

Abraço a todos!

 

 

Consegui contato com o e-mail do Yrving.

Pra quem tiver interessado o preço da Tornado (XR-250cc) é de 70 Soles / dia.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 4 semanas depois...
  • Membros

Olá Galera,

 

Aqui de volta ao forum. Desculpe nao ter respondido antes mas nesse meio tempo eu estava voltando da trip que fiz em 2011 depois de morar quase 2 anos no Chile.

 

Eu gostaria de deixar claro que antes da trip nao tinha experiencia nenhuma em pilotar motos em estradas de terra. Um mes antes de sair de casa pratiquei com um brother e nada mais. Fiz todo meu orçamento aqui no forum e agradeço muito. Foram nas pesquisas pela melhor maneira de chegar a Machu Picchu que encontrei a moto como uma alternativa de viver uma experiencia incrível rumo ao lugar mais visitado da américa latina. E assim foi! mesmo com os dois tombos que levei no trecho entre Santa Maria e Santa Tereza, devido as obras, barro e chuva. Na minha opiniao, o grau de dificuldade é alto.

 

A minha reclamaçao com a agencia da Pamela foi em relaçao a subjetividade com que me foi cobrado os danos que eu causei. Quero deixar claro que em momento algum eu fugi da minha responsabilidade. Inclusive, se eu tivesse pago o que me foi pedido na primeira conversa, me custaria 100 dolares a mais. Depois de um pequeno debate sobre o assunto é que o valor "morreu" em 350 dolares. Outra coisa que eu gostaria de ressaltar é que eu nao peguei a moto em perfeito estado. a Luz que indica ponto morto, por exemplo, nao funcianava, a moto estava aparentemente surrada e o foi necssário que o marido da Pamela me passasse alguns macetes da moto uns 10 minutos antes de eu sair. Isso para mim que nao tinha grande experiencia foi um complicador em muitos momentos. Um outro detalhe de que há de ter cuidado é com a moto que voce vai sair no dia combinado. Eles me apresentaram uma moto no dia do contrato mas me falaram que nao seria aquela, mas que seria igualzinha a que estavam me apresentando.

 

A Pamela me apresentou os defeitos que foram:

 

*Protetor da manete de freio rasgado;

*Adesivos da honda arranhados;

*Pedal de partida amassado;

*Borracha do acelerador desgastada.

 

A minha indignaçao realmente foi a falta de profissionalismo de ela nao ter em maos, naquele e em nenhum momento, uma lista de preços que justificasse os valores cobrados.

 

Bom, paguei, fui para o Mama Africa afogar minhas mágoas e no dia seguinte procurei outras agencias, coisa que eu deveria ter feito antes de fechar com o pessoal da Pamela. E logo na primeira agencia eles já me apresentaram a moto em perfeitas condiçoes, o contrato com tudo estipulado e me deixaram dar um role pelas ruas de cusco para testar a motoca.

 

Meu objetivo aqui nao é tirar os clientes da amiga do Leo, mesmo porque a grande maioria teve uma boa experiencia lá. Mas como o forum é aberto e livre par debates, acho valido reforçar a dica da galera do mochileiros.com: pesquise bem antes de fechar com qualquer agencia, hostel e etc durante a trip. O que pode ser ótimo para muitos, pode decepcionar muito a outros.

IMG_0944.JPG.11dadf187c9aaa7386f43cf243a55005.JPG

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 semanas depois...
  • Membros

É pessoal,

voltei da minha trip essa semana com boas histórias de aventuras para contar. Mas também tive uns problemas com a agência da Pamela.

 

1° problema: reservei a Tornado com 3 dias de antecedência pagando 50 Soles de sinal e no dia de partir a moto não estava lá. Acabei indo de Falcon porque depois de começar e quase fechar negocio com o concorrente ao lado, o marido da Pamela cedeu ao meu preço (85 Soles pela Falcon - que tem preço normal de 120 ou 130 Soles). A moto é boa e como eramos dois em cima dela com um mochilão, acho que andou melhor do que andaria a tornado, o ponto negativo é a altura dela e o peso, que resultou num tombinho.

2° problema: um rasguinho de 2 cm no forro do banco, que eu nao sei como apareceu lá, provavelmente descendo da moto o gancho da bota pegou ali e rasgou. Me foram cobrados 50 Soles pelo rasgo.

Obs.: depois do tombo bobo, notei uns arranhoes na caranagem plastica do tanque. Achei que tivesse sido meu tombo, mas a Pamela não cobrou nada relativo a isso e nem falou sobre.

 

Sobre o passeio: Foi uma aventura e tanta. Dois moleques de 20 anos com disposição e quase nenhuma experiência prévia em motos...

 

1 dia: chuva até Ollantaytambo. Só paramos em Tambomachay, Pukapukara e Pisac, bem rápido pq a situação na era confortavel. Demoramos pouco mais em Pisac e lá a chuva deu uma trégua... mas voltou a nos atormentar mais ou menos uma hora antes de chegar em Ollanta.

 

2 dia: amanhaceu sem chuva e com o tempo abrindo, visitamos as ruínas de Ollanta e rumamos pra hidrelétrica parando pra almoçar em Sta Maria. Chegamos na hidro as 17:45, resultado: subimos a linha do trem com nossas lanternas e num ritmo bom que nos levou a Aguas Calientes em duas horas.

 

3 dia: Partimos cedo para Machu Picchu, queriamos descer pra hidrelétrica de trem para nao perdermos tempo e nem energia, tava brabo! Ainda subimos a Waynapicchu tbm num ritmo bom, 45 min. pra subir e 35 pra descer. Pegamos a o trem 13:30 pra hidro. Chegamos lá, enrolamos pra arrumar as coisas e partimos meio atrasados, chegando em Sta Maria 16 hrs. Almoçamos e quando eram 17hrs bateu a duvida: continuar até Ollantyatambo ou ficar por lá e ir no dia seguinte!? Não achamos um hostel com agua quente, entao decidimos ir adiante e tentar achar algo melhor, não achamos. Cruzamos Abra Málaga a noite, com neblina, um frio da porra e nervosismo. Nessa hora meu amigo tava no piloto e eu só queria que chegasse logo. Chegamos em Ollantaytambo as 20 hrs, comemos, tomamos um banho quente (maldito banho quente!) e fomos descançar. Pq esse dia foi pesado demais!

4 dia: Saimos de Ollanta lá pelas 11 da manhã com destino a Cuzco e paradas em Maras, Moray e Chinchero, o dia estava bem bonito... almoçamos em Chinchero antes de visitar as ruínas e de lá, chegamos em Cuzco. O trânsito no Peru é uma merda e acho que foi nessa parte que fez falta a experiência prévia com motos. Deu pra chegar bem no centro e na agencia, mas toda hora era um carro querendo te jogar pro canto e etc...

 

Quanto aos gastos com a moto (Falcon- 400cc):

- Aluguel 4 dias = 340 Soles

- Gasolina = 95 soles (entregamos “no cheiro” rsrsrs, pra encher o tanque da Falcon gastamos 55 S./)

- forro novo para o banco = 50 Soles (segundo a Pamela, esse é o preço do genérico, um original custaria 70).

 

Além da trip de moto, fomos também até Puno, para conhecer o Lago Titicaca, as ilhas de Uros e Taquile.

 

Um abraço a todos! E obrigado aos que me ajudaram respondendo minhas perguntas pré-viagem e etc!

 

DSCN0959.JPG.cd19d473191cf1e9a71dd39f435435eb.JPG

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 3 semanas depois...

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...