Ir para conteúdo
carolramiro

Analândia, Brotas, Itirapina - Perguntas e Respostas

Posts Recomendados

Outra coisa, em Itirapina não tem estrutura nenhuma pro turismo! Leve tudo que precisar, nem caixa 24 hs tem...se não me engano só tem agência do Banco do Brasil e do Santander que os caixas vão até às 18 hs e nenhum lugar aceita cartão de crédito fora o posto de gasolina e o supermercado. Nem mesmo campings e hotel.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Você diria que toda a área verde da região é particular? Porque eu estou contando que ainda há alguns lugares públicos em que eu possa acampar sem ter que pedir permissão.

A ideia era montar a barraca em um lugar, visitar toda a vizinhança, dormir, desmontar a barraca pela manhã, pedalar até outro lugar, montar a barraca...

Acho que não vai ser muito trampo porque vão ser duas barracas e 4 pessoas, e as barracas são relativamente fáceis de montar/desmontar.

 

Eu fiz uma planilha de custos aproximada, jogando os preços lá em cima pra não dar chance pro azar, e em 7 dias prevejo gastar algo em torno de R$350~400. Mas entraram nessa conta almoço e janta em restaurantes todos os dias, taxa de visitação das cachoeiras e gastos extras (cerveja etc). Se almoçarmos/jantarmos só algumas vezes em restaurantes e cozinharmos o resto numa fogueira, e se conversarmos com os donos das fazendas acho que dá pra reduzir os gastos para R$250~300.

O que acham? Estou sendo muito otimista?

 

O maior gasto, pelo menos para mim, vai ser a viagem de São Paulo até Brotas, que deve sair algo em torno de R$100~120. Vou tentar arrumar uma carona pelo fórum, mas não boto muita fé.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

scyberx

 

Realmente desconheço alguma área de mata que não seja particular...não conheço toooooda a área...mas por todo caminho que passei, o único público era a estrada...tanto no asfalto quanto em estrada de terra. Praticamente, pra não dizer todas as fazendas, são turísticas (hotel fazenda, eco resort, day-use em cachoeiras, que geralmente tem quiosques com churrasqueira, campo de atividades com arvorismo e tirolesas, etc...), dificilmente vai ter contato com o dono da propriedade, e sim com funcionários.

Outra coisa, restaurante, se não for na cidade, vai ter somente em algumas fazendas, geralmente as que são hotéis. E os preços são bem salgados...algo em torno de 50 reais para cima por pessoa. :o

Pra sair de Patrimônio e ir até o centro da cidade almoçar acho que é inviável...é longe. Como o Lico disse, lá os caras exploram mesmo.

Cara...agora que to lendo toda a mensagem to até me sentindo mau...parece que quero jogar água na sua trip...quantos impecílios. ::quilpish:: Mas ao mesmo tempo não gostaria que me omitissem informações que podem custar um perrengue, então não vou fazer isso.

 

Eu, se fosse você, daria uma bela pesquisada na região no Google maps/earth, pra ter uma noção das distâncias a percorrer de bike (não sei o preparo físico do pessoal), ligaria em uma ou duas agência de turismo de aventura, pra ter uma noção de preços (eles tem tabela de preço de todas as fazendas, tanto pra day use quanto pra camping), e ligaria em algum camping para ter informação sobre os atrativos que estão em volta e na propriedade.

 

O sítio 7 quedas não é camping, mas vi uma marca de fogueira perto da cachoeira dos Quatis nessa última vez que fui, não custa dar uma ligada e perguntar se não liberam pra acampar (http://www.brotas.com.br/sitiosetequedas/), mas será selvagem, pelo menos perto da cachoeira. Mas já aviso que em dezembro esses lugares costumam ter bastante movimento, principalmente sex-sab-dom.

 

O sítio 3 Quedas tem camping e já me falaram bem do lugar, mas nunca fui. (http://www.cachoeira3quedasbrotas.com.br)

 

Ah! Outra coisa, em alta temporada, como de costume os preços costumam subir. Na semana entre natal e ano novo o pessoal costuma fechar pacote pra semana toda.

Mas apesar dos contratempos, é um lugar bacana. Só não posso dizer que é um destino muito econômico.

Se tiver outras dúvidas manda aí. Se não souber responder pergunto pros amigos aqui que também frequentam aquelas bandas.

 

Abraço!! ::cool:::'> ::cool:::'>

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ae pessoal !!!

 

No final de semana do dia 08/10/11 eu, minha namorada, minha sogra e sogro fomos para acampar em Analândia .

Saímos de Botucatu/SP e chegamos em umas 9hs lá. Sem indicação de camping, achamos o Camping do Escorrega . Bem legal, tem um banheiro bom, com chuveiro quente, restaurante, àrea sombreada para barracas e cozinha para o camping com pia e fogão de lenha. E pontos de luz para as barracas.

E o camping tem uma vista muito boa do Morro do Cuscuzeiro, do Camelo e um paredão de pedra.

Fechamos o camping por R$35,00 por pessoa a uma diária com café da manhã e almoço.

 

Montamos as barracas de manhã e fomos pra "Cachoeira do escorrega", dentro do camping (quem não está alojado paga R$5,00 pra entrar)

OBS1: A cachoeira do escorrega não é bem uma cachoeira, mas uma corredeira que o rio formou sobre uma pedra lisa que é possível escorregar sobre ela com bóias (alugadas no camping por R$3,00 a hora) OBS2: não tente descer a corredeira sem bóia que você vai se arrebentar. Tentei e aprendi da pior maneira ::tchann:: ... aliás, é muito legal, fiquei mais de hora descendo lá.

Depois almoçamos no restaurante do camping (comida caseira, muito boa e farta). Depois do almoço começou a chegar uma galera e montar barraca... depois de um tempo já tinha umas 8 barracas, uma do lado da outra.

 

CONTINUA...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Peguei o carro e fomos para uma cachoeira (essa sim é cachoeira) na entrada da cidade. A cachoeira e o lago são bem legais, mas a estrutura (escada, corrimão, banheiros e até um restaurante na beira do lago) estava lamentável, toda destruída, pichada e suja... abandono total.

O tempo começou a fechar e voltamos para o camping. Quase chegando lá começou uma chuva torrencial, absurda. Passava enxurrada embaxo das barracas e o vento levando e rasgando tudo ! Chegamos, paramos o carro do lado das barracas, e a chuva sem trégua. E a galera que estava acampada toda encolhida na cozinha.

 

Eu e o meu sogro pegamos uma lona que estava no carro e umas cordas e fomos fazer aquela gambiarra básica para cobrir barraca deles. Enfim, sofremos, passamos uma friaca e nos encharcamos, e quando estávamos amarrando o último ponto da lona... adivinha, a chuva e o vento passaram.

Beleza. todo mundo avaliando a desgraça...

 

No meio de todo esse tsunami, percebi algo muito bom. A minha barraca estava intacta ! Nem se mexeu e ficou sequinha ! Tá bom, é uma Discovery Light da Manaslu, mas foi o primeiro teste de vento e água que ela passou. Putz, aprovadíssima. Recomendo !!!

 

CONTINUA...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nos recompomos, tomamos um banho e fomos "jantar" na cidade = lanche da praça central (muito bom!)

 

Voltamos pro camping pra dormir... DORMIR O CARA*** :evil::evil::evil:

A galera das barracas do lado ouvindo PAGODÃO no último !!!

Depois de algumas horas de pavor dentro da barraca conseguimos dormir.

 

No dia seguinte bem cedo deu uma ventarola que quase levou a maioria das barracas (INCLUSIVE DA GALERA DO PAGODÃO :twisted::twisted: ) Confesso que fiquei feliz, porquê tiveram que acordar cedo pra arrumar o estrago ! :twisted:

 

Mais tarde arrumamos tudo e fomos pra fazenda do morro do Cuscuzeiro (R$5,00 po pessoa).

Andamos até a base do morro, e eu e a minha namorada ficamos aguados pra escalar o morro (R$30,00 por pessoa, com escalada e rapel pra voltar, +ou- 100mts), mas estávamos sem $$$ e teria que ir pra cidade tirar grana na lotérica, mas era domingo ::putz::

Fizemoas uma boa caminhada por lá e pegamos a estrada pra Botucatu. Ah, na volta pegamos uma chuva e vento iguai os de sábado, e se estivéssemos no Cuscuzeiro íamos nos ferrar bonito !

 

A cidade é muito legal ! Quero voltar com mais tempo e $$$ daqui um tempo.

 

Se eu puder ajudar, me avisem !!!

 

 

ABRAÇOS !!!!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Denis Vivan

 

Estive em Analândia nos dias 16,17 e 18...também gostei bastante da cidade. Ainda não está tudo dominado como Brotas, tem muitos atrativos que não precisam pagar, como o morro do camelo por exemplo, e os que cobram são valores simbólicos. No máximo 5 reais.

Fiz a trilha que leva ao Cuscuzeiro e também subi o morro do camelo (nas duas "corcovas"). Lá de cima tem uma vista muito bonita do Cuscuzeiro. Outro lugar legal é a Ponte Amarela, tem um riozinho bacana para banho, com quedinhas legais que formam uma hidromassagem natural. Pra quem curte, dá pra descer pelo rio até o centro da cidade e chegar nas cachoeiras.

No Morro do Camelo tem uma trilha que leva de um pico ao outro, é um pouco fechada de mato e fica beeeem íngreme no final mas a vista de lá é muito bonita. Tem até um espacinho pra acampar lá em cima e curtir o nascer do sol de camarote. Isso me dá idéias... :idea::idea:::lol4::

 

Abraço!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aê Galera!!

Estive agora em Brotas do dia 26.12 até 29.12

Para quem quer ir para lá, e acampar, fiz uma planilha no excel que contém informações sobre os principais camping da região (Cachoeira Escorregador, Camping Raio de Sol, Cachoeira 3 quedas, Fazenda das Palmeiras e Camping do Jacaré). As informações contidas são:

-Preço

-Wi-Fi

-Cachoeira dentro da fazenda

-Microondas

-Tomada

-Banheiro

-Reserva

-Distância do Centro (onde estão localizadas as agências)

-Distância até o Patrimônio de S. Sebastião (onde estão localizadas as cachoeiras)

-Condição das vias

-Telefone

-Endereço

-Site

 

Comentários adicionais:

-Camping do Jacaré: cuidado com a época que você vai. Achei comentários muito negativos na internet de pessoas que acamparam no local na época do carnaval e ano novo. O lugar vira uma bagunça e colocam um número de pessoas maior do que são capazes de acomodar.

-Camping Raio de Sol: fiquei neste camping, então posso falar sobre ele com maior precisão. Uma família é dona do camping (MUITO simpáticos e atenciosos) e posso dizer que administram muito bem. Tem uma infraestrutura muito boa (um poste de iluminação perto de cada barraca, tomada, banheiros muito limpos, piscina, etc). Vivem lá também 2 cachorros, o Bóris e o Kuma. O Bóris é um cachorro brincalhão que adora roubar a atenção dos visitantes, ocasionalmente roubando seu chinelo, fazendo você correr atrás dele e que gosta de entrar na piscina para brincar com as pessoas. Esse camping fica no Patrimônio de São Sebastião mas é muito rápido para chegar de carro até o Centro da cidade. Recomendo muito.

-Camping Cachoeira Escorregador: Fique neste se não tem planos de ir para o centro de Brotas. O camping fica no patrimônio, mas para chegar lá tem que percorrer um longo caminho de estrada EEE mais um trecho de estrada de terra em condições bem ruinzinhas. A vantagem é que lá tem vários quiosques que você pode reservar e usar como uma extensão, ou até mesmo proteção para sua barraca.

 

Sobre as outras não tenho nenhuma opinião.

 

Falow mochileiros!!

camping.brotas.xls

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fui para Brotas recentemente e fiquei num hotel chamado Miragua Refúgio estrutura muito boa.

http://www.miraguarefugios.com.br/ recomendo, existem várias atrações na cidade e eu fiquei no esquema de descer

o rio de boat e visitar umas cachoeiras e a fazenda onde fica a areia que canta, eles cobrar R$ 15 por pessoa para entrar lá

e o restaurante dentro da fazenda é meio caro, mas se o tempo tiver bom vale a pena.

Não deu para fazer mas esportes radicais por que eu estava com crianças e não tinha com quem deixa-las ficou o gostinho de quero mas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa Noite para todos os mochileiros de Plantãoo!!!

Pessoal estou querendo passar uma semana na cidade de brotas, alguém poderia me dar dicas de pousadas (mais baratas de preferencias, sou estagiário ainda kkk), destinos de aventura, trekking... tudo que seja referente aos esportes de aventura que a cidade pode-me proporcionar.... Desde já agradeço, Abraços!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ola Luiz... vc ja realizou sua viagem? Brotas eh show... recomendo!!! Mas tem passeios q gastará um din din... exemplo: Para visitar as cachoeiras em sua maioria e cobrado uma taxa... que varia conforme negociação, mas vale a pena... vá na areia que canta que e muito legal, faça rafting, resumindo, se adora aventura, esta região eh top!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal desculpem o coveiro aqui, porém preciso de informações :

 

Pretendo fazer de bicicleta as cidades de Analandia, Itirapina e Brotas. Pergunto aos que conhecem a região, existem estradas rurais como alternativas a rodovia para circular entre estas tres cidades ? Se possivel me informarem em qual lugar ou bairro estas estradas de terra começam.

 

Muito obrigado pela ajuda !

 

Rodrigo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em janeiro vou estar de passagem pela região, mas sem carro. Dá pra fazer algum passeio em Analândia por agência, ou tem algum mototaxi que leve pras cachoeiras?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Salve [email protected]!

 

Estou buscando lugares para camping mais isolados no interior de SP.

Dicas de algum camping MENOS estruturado, mais perto de mato e rio aí na região de Brotas, Itirapina e Analândia? To fugindo de carro com som, churrasqueira, piscina e mil tomadas disponíveis... rsrs

 

Abração!

 

Lara

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Lara, faz tempo que morei na região e estou voltando agora.

 

Duvido que haja um camping assim nessas cidades. Já há uns 6 anos, não conseguia encontrar nada assim pela região, especialmente Brotas. A chance maior seria em Analândia, que é menos badalada. Se houver algum lugar, gostaria muito de saber também.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá para todxs!

 

Dá pra conhecer Brotas sem carro? Tenho lido que somente alguns passeios tem o transfer incluído e algumas distâncias são consideráveis se tiver que pegar táxi (ida e volta pagando sozinha).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×