Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Londres - Amsterdam - Paris - Dezembro


Posts Recomendados

  • Membros de Honra

Em Agosto mesmo com tempo fechado, você ainda consegue uma vista boa do topo da Torre, então acredito que não terá problemas.

 

Mas de Novembro em diante, as chances de pegar alguma névoa ou neblina são bem grandes, e se fosse viajar nesta época eu recomendaria encarar a fila, mesmo custando 2 horas de tempo, pois dos 4 dias que estive lá, em 2 deles a torre ou cidade estavam meio encobertas por uma névoa chata...

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 semanas depois...
  • Respostas 227
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

Mais Ativos no Tópico

Postagens Populares

[t1]Londres[/t1]   A chegada em Londres não podia ser melhor, chegamos ao meio-dia num dia ensolarado, na aproximação para o pouso fizemos várias voltas a baixa altitude sobre o Tamisa no centro de

  • Membros
Isso mesmo, custo total, incluindo todos os pormenores, passagens, seguros, passaporte, hospedagem, alimentação, metrô, lembrancinhas, etc...

 

Mas foi uma viagem muito bem planejada e com alguma sorte nas promoções, pois consegui pegar promoções em tudo. Consegui passagens de ida e volta Curitiba X SP por R$ 120, passagens SP x Londres - Paris x SP por R$ 1.500 já com as taxas. comprei todas as passagens de trens e ferrie com 90 dias de antecedência conseguindo o preço mínimo. Também consegui promoções de hotéis no Booking e um código promocional no seguro.

 

Pelo que me lembro, fiz uns 3 ou 4 saques da conta durante toda viagem, que me custarem uns R$ 36 de tarifas no máximo, valor insignificante na soma total.

 

Juntando o planejamento, as compras antecipadas, com um pouco de sorte nas promoções e o fato de eu não ser de gastar muito com "besteiras" durante as viagens, acabou ficando bem em conta.

 

Não fiquei passando vontade de fazer nada, todos os passeios pagos que eu tive vontade de fazer eu fiz, fui almoçar em restaurantes mais caros algumas vezes, etc... O "segredo" para não gastar muito é equilibrar os gastos, por exemplo num dia gastei 40 Euros em almoço, mas no dia seguinte almocei um sanduíche de 4 euros...

 

Na viagem que fiz no ano passado para a Alemanha, Áustria e Republica Tcheca, fiquei 14 dias, e gastei aproximadamente R$ 7.000 com tudo, mas a Alemanha é bem mais barata que Londres, Paris e Amsterdam.

 

por 10 dias, podemos dizer que foi razoavel o custo final pois se vc tivesse ficado trinta dias o custo poderia ficar maior devido a diárias de hotel, alem disto o que facilitou é que voce foi em baixa temporada, dezembro é mes de frio na europa, quem gosta de frio se dá bem, pois pode pegar temporada de inverno na europa sem problemas a baixo custo, isto facilitou voce pegar um preço baixo na passagem e na hospedagem.

 

mas onde está o topico com sua experiencia na alemanha, austria e republica tcheca?

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Colaboradores

 

As 14:00 já estava no hotel (easyHotel Earl´s Court). Mas como o check-in só iria liberar as 15:00, aproveitei esse tempo para tomar um café e espantar um pouco o frio de 1ºC que estava fazendo na hora. Há vários pubs e restaurantes na rua Earl´s Court, bem pertinho do hotel.

.

 

 

Adriano

 

qual sua opinião a respeito desse hotel? Valeu a pena se hospedar nele?

Não procuro luxo, somente um hotel que seja perto de alguma estação de metro e que seja limpo e bom para dormir.

Ele fica próximo da estação Earl's court né? Pelo google maps o tempo de caminhada do hotel até essa estação é de 6 minutos. Bem próxima

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Na minha opinião valeu sim a pena me hospedar no easyHotel Earls Court, paguei o mesmo preço que pagaria num hostel com quarto e banheiro compartilhado, mas no easyHotel apesar o quarto ser minusculo e nem ter janelas, você tem quarto e banheiro privativos, e ao menos quando estive hospedado lá, era bem limpo.

 

Detalhe, eles não arrumam o quarto e nem limpam ele enquanto você estiver hospedado, então vai de você não sujar muito e deixar o quarto arrumado durante a sua estadia, o que para estadias de uns 4 ou 5 dias não é um grande problema. Outro detalhe, tudo é pago a parte, desde toalhas extras, acesso a internet, Televisão, etc, incluso no preço só mesmo o quarto e uma toalha de banho.

 

O quarto que fiquei é minusculo e não tinha nem janela, a foto a abaixo mostra o tamanho real do quarto, tirei a foto da porta do quarto. Mas como falei acima, valeu super a pena pelo preço que paguei na na época (30 Libras por noite).

 

easyhotel-london-earls.jpg

 

O hotel fica a umas 2 quadras da estação do Metrô de Earls Court, dá uns 5 minutos de caminhada. Perto do hotel há 2 supermercados, padaria, McDonalds, Starbucks, vários outros restaurantes e alguns pubs, em fim, achei a a vizinhança muito boa e bem servida para atender, e com certeza voltaria ficar hospedado lá caso volta-se a Londres nos próximos meses.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 3 semanas depois...
  • Membros
A sua postagem anterior não estava muito clara, e por acho que a gente confundiu as coisas...

 

A quantidade mínima de dinheiro que você precisa quando está entrando na Europa é de 60 Euros por dia para cada pessoa, para despesas de hospedagem, alimentação, etc...

 

Agora se você terá hospedagem gratuita, e tiver um termo de responsabilidade (garantverklaring) de um morador legalmente estabelecido na Holanda assumindo a responsabilidade pela sua hospedagem, parece que a exigência de dinheiro diminui para 35 Euros por dia.

 

Mas eu não arriscaria, iria com no mínimo 60 Euros por dia por pessoa, pois se você tem parentes morando lá e vai ficar hospedado na casa dos parentes, você será um caso que chamará bastante atenção da imigração, e muito provavelmente eles vão querer conferir tudo muito bem. pois mesmo que você não tenha a menor intenção de ficar lá, o seu perfil de viajante se encaixa perfeitamente no perfil de quem pretende ficar lá na Holanda...

 

Mais detalhes: https://ind.nl/en/individuals/residence-wizard/visa/short-stay-visa

 

Adriano, estive em contato com a tia da minha esposa que mora na Holanda e ela foi taxativa de que não precisa deste termo de responsabilidade

 

você tem alguma outra informação se HOJE as regras de imigração local não exige mais este termo de responsabilidade?

 

além deste link abaixo citado

 

https://ind.nl/en/individuals/residence-wizard/visa/short-stay-visa

 

achei este outro link

 

http://brasil.nlembaixada.org/servicos/visto-passaporte-e-outros-servicos-consulares/visto-passaporte-e-outros-servicos-consulares/minbuza%3Ashare/viajar-para-os-paises-baixos/estrangeiros-que-nao-precisam-de-visto.html

 

quais as consequências se for para la e não tiver este termo de responsabilidade?

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Como Brasileiro, sem visto de residência na Holanda, ao passar na imigração, você precisa ter obrigatoriamente algum documento que mostre que você tem onde ficar, pode ser uma reserva de hotel, ou uma "carta convite" ou "termo de responsabilidade" e que possui dinheiro suficiente para se manter durante o tempo que ficar lá.

 

Provavelmente o agente da imigração vai pedir para ver somente as reservas de passagens de volta para o Brasil, muito provavelmente não vai pedir para ver comprovantes de hospedagem ou termos de responsabilidade e nem conferir quanto dinheiro você tem. Mas se por algum motivo qualquer o agente de imigração implicar com você, ele pode pedir para ver estes documentos, e se você não tiver eles, pode ser mandado de volta ao Brasil no próximo voo disponível. Então é uma questão de você arriscar e ver o que acontece caso não leve estes documentos.

 

O que muita gente faz, quando não quer incomodar os parentes e amigos que moram na Europa, pois uma carta-convite ou termo de responsabilidade é meio cara para fazer, custa uns 70 Euros, e tem que ir na policia/prefeitura registrar ela para ter validade, é fazer uma reserva num hotel ou hostel baratino, destas que você só paga a diária do primeiro dia caso não apareça no hotel ou cancele no dia da entrada.

 

Ou seja, faz uma reserva de hotel, e caso o agente da imigração peça para ver, mostra o comprovante da reserva. Depois simplesmente não aparece no hotel ou cancela a reserva, e fica hospedado na casa dos parentes/amigos. Costuma ser mais barato e menos trabalhoso do que fazer a tal carta-convite ou termo de responsabilidade, e não incomoda ninguém com a a burocracia de ir na prefeitura/policia registrar o tal documento.

 

Ou seja, é uma gasto muito pequeno, para você colocar em risco toda a viagem por causa de alguns poucos Euros, pois não tem como se saber se o agente e imigração acordou de mau humor e resolveu implicar com a primeira pessoa que olhou torto para ele...

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
Como Brasileiro, sem visto de residência na Holanda, ao passar na imigração, você precisa ter obrigatoriamente algum documento que mostre que você tem onde ficar, pode ser uma reserva de hotel, ou uma "carta convite" ou "termo de responsabilidade" e que possui dinheiro suficiente para se manter durante o tempo que ficar lá.

 

Provavelmente o agente da imigração vai pedir para ver somente as reservas de passagens de volta para o Brasil, muito provavelmente não vai pedir para ver comprovantes de hospedagem ou termos de responsabilidade e nem conferir quanto dinheiro você tem. Mas se por algum motivo qualquer o agente de imigração implicar com você, ele pode pedir para ver estes documentos, e se você não tiver eles, pode ser mandado de volta ao Brasil no próximo voo disponível. Então é uma questão de você arriscar e ver o que acontece caso não leve estes documentos.

 

O que muita gente faz, quando não quer incomodar os parentes e amigos que moram na Europa, pois uma carta-convite ou termo de responsabilidade é meio cara para fazer, custa uns 70 Euros, e tem que ir na policia/prefeitura registrar ela para ter validade, é fazer uma reserva num hotel ou hostel baratino, destas que você só paga a diária do primeiro dia caso não apareça no hotel ou cancele no dia da entrada.

 

Ou seja, faz uma reserva de hotel, e caso o agente da imigração peça para ver, mostra o comprovante da reserva. Depois simplesmente não aparece no hotel ou cancela a reserva, e fica hospedado na casa dos parentes/amigos. Costuma ser mais barato e menos trabalhoso do que fazer a tal carta-convite ou termo de responsabilidade, e não incomoda ninguém com a a burocracia de ir na prefeitura/policia registrar o tal documento.

 

Ou seja, é uma gasto muito pequeno, para você colocar em risco toda a viagem por causa de alguns poucos Euros, pois não tem como se saber se o agente e imigração acordou de mau humor e resolveu implicar com a primeira pessoa que olhou torto para ele...

 

Adriano, boa tarde, grato por novamente responder a questao

 

ano passado minha sogra foi pra la e o agente nem fez questão de perguntar a respeito do termo, so pediu os comprovantes de ida e volta, por isto a tia da minha esposa disse que nao precisaria enviar, porque ano passado ela enviou para a minha sogra, e depois nao precisou apresentar.

 

vou preferir arriscar em ir sem este termo, ja comentei com minha esposa a respeito e nao quero me estressar. SE houver algo a responsabilidade é da tia, pois ela foi comunicada a respeito da situação e garante que nao haverá problema. Inclusive ela que vai nos buscar no aeroporto, deixou numero de telefone para ligar quando o aviao ja estiver partindo daqui do brasil, pois ai ela saberá mais ou menos que horas o aviao chegará a Amsterdam.

 

ela garantiu no face que os agentes hoje nao pedem mais este termo de responsabilidade e sim somente os bilhetes da cia aerea de ida e volta para comprovar quanto tempo ficará e se tem viagem marcada de volta para que o mesmo nao fique de forma ilegal na holanda.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Você só confirmou o que eu disse, a imigração geralmente não pede para conferir isto, então é um risco que você escolhe correr ou não. Provavelmente não dê nada, mas se você for o azarado e lhe pedirem para ver os comprovantes, não tem choro, será mandado de volta sem direito a argumentação.

 

A maioria das pessoas simplesmente não está disposta a colocar em risco meses de planejamento e muitos euros já gastos em passagens, seguros, reservas de hospadagem, etc, por meros 50 ou 70 euros de uma carta-convite/termo de responsabilidade ou reserva hotel. Mas se você está disposto a correr este risco, tudo bem, só posso lhe desejar boa sorte, e que corra tudo bem.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...