Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Posts Recomendados

Valeu Sergio!

 

Pois é, as vezes que entrei na Argentina por Uruguaiana, São Borja e Dionísio Cerqueira só me pediram os documentos necessários do carro/moto, nem se preocuparam com a bagagem.

Não pretendo trazer muita coisa, mas com certeza irá passar um pouco da cota, aí voltando pro Brasil por Dionísio não teria problema nenhum em não declarar e ainda economizaria 200 Km.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dede17

 

Faz tempo que comprei meu capacete (preciso comprar um novo). Qdo comprei fui ate Curitiba pois aqui na regiao estava meio ruim para encontrar um capacete Bom para viagem.

 

Hoje em CDE ja existe alguns capacete muitos bom.

no arquivo abaixo tem tres lojas onde vc pode encontrar capacetes. existe outras.

Quanto ao valor vc ira encontrar desde 50 dollares (tipo capacete de operario de obra), ate capacetes de 1000 dollares ....vai depender do bolso.

Lembre-se que os capacetes de CDE nao possui selo INMETRO.

No momento estou mais preocupado em adquirir minha proxima moto e depois irei pensar no capacete novo

 

capacetes.kmz

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Obrigado mais uma vez Sergio!

 

Lá vai outra pergunta:

Pretendo comprar um capacete de $400 a $500 e declarar para não ter problema na volta pra casa. Junto com esse capacete pretendo comprar camisas, um tenis, um celular, um perfume etc, bem turista mesmo, quando eu for declarar o capacete tenho que mostrar todas essas outras compras e declarar tb?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

dede17

 

Nao tem necessidade de declarar...pois esses produtos sao de uso pessoais. a nao ser que compre em grande quantidade.

O capacete vc pode compra-lo e voltar utilizando-o na garupa de um moto taxi.

Qto pretende vir a Foz?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sergio

 

Pensei nessa do moto taxi, mas vou com a patroa e a cunhada, não queria deixar elas sozinhas na volta...

Mas não corro o risco de cair em uma fiscalização da receita na BR voltando pra casa? Capacete novo e sem selo do inmetro...

 

Estou indo amanhã!

E já que perguntou, você me indica algum hotel bom e barato, com estacionamento e fácil de se deslocar pra CDE (de onibus ou táxi)? é só pra dormir amanhã, terça de manhã farei as compras em CDE e de tarde volto pra SC...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

dede17

 

Risco em cair em uma fiscalizaçao sempre existe.

Mas nao acredito que teria algum problema...a nao ser que o fiscal tenha brigado com a esposa na noite anterior.......rsrs....mas existe o risco sim.

 

Hotel bom e barato o pessoal aqui do forum indicam o Hotel Rouver, o Mirante, e mais alguns....

esses dois hoteis tem facilidade de onibus e estacionamento.

veja aqui outras opções de hoteis.....http://www.fozdoiguacu.pr.gov.br/turismo/725/Meios-de-Hospedagem

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sergio

 

rsrs...entendo! mas mesmo assim, como funciona o processo para declarar? Se resolvo declarar o capacete tenho que declarar todo o resto?

 

Vou dar uma olhada em algum, obrigado de novo!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

dede17

 

Desculpe a demora pra responder..mas estou em viagem.....

 

Vc pode declarar somente o capacete se quizer.

eh facil, basta preencher um pequeno formulario, DBA, disponivel na propria receita ou em algumas lojas do paragauy, a DBA vc enconta no sita da receita tbm.

Apos preencher a DBA, entregue a receita que ela ira calcular seu imposto (50% do que superar os 300 dollares)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal, aproveitando o tópico, estou indo como turista, mas minhas compras provavelmente vão exceder a cota de $ 300 (como a maioria dos que vão..rsss). Por isso tenho algumas dúvidas específicas a tirar:

 

1) Estou planejando de comprar cerca de $ 900 em eletrônicos. Estou pensando em fazer 3 idas e buscar $ 300 em cada (produtos que não cabem no bolso, mas que não são grandes). Eu sei que é $ 300 uma vez por mês, mas isso só vai acontecer se registrar o meu nome lá no sistema, não é? Nesse caso, a minha dúvida inicial é até quanto uma compra de $ 300,00 chama a atenção para me fiscalizarem (e consequentemente registrar meu nome). Já li alguns lugares que dizem que é uma boa voltar em um horário de muito movimento na ponte para diminuir as chances, outros lugares afirmam que é bom voltar da ponte de ônibus de linha, pois param mais taxis do que ônibus, já que em tese a maioria dos que estão lá dentro dos ônibus fizeram compras pequenas (se comparado aos passageiros dos taxis). Já li outros que dizem que uma compra de $300 pode passar a pé de boa, que é bem possível que vão me mandar passar reto, pois estão procurando sacoleiros e não turistas, etc... enfim, alguém pode argumentar com propriedade?

 

2) Perfume, tênis e camiseta entram ou não na cota de $ 300 ? Se eu comprar por ex 2 camisetas e 2 perfumes, eles serão incluídos ou não na cota ? (eu sei que vários da mesma marca caracteriza uso comercial, mas preciso saber se o pouco que pretendo trazer pode ou não ser incluído na cota, pois caso sim, irá me ferrar com os eletrônicos rssss )

 

3) Já li em algum lugar que o ideal é na última vez que for comprar, ir até a receita e tirar o DBA, porque se te pararem na estrada, e verem que seu nome está registrado e que não traz muita coisa (o que descaradamente iria caracterizar que excedeu o limite), deixam passar sem maiores problemas.

 

4) Enfim, o meu passeio é de férias, carro pequeno, apenas duas pessoas e poucas compras. Alguns falam que esse perfil dificilmente é pego para fiscalização, mas o seguro morreu de velho né..rsssss.. podem me ajudar com as dúvidas galera?

 

Abraços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Conteúdo Similar

    • Por Anderson Paz
      Para quem acha que o Paraguai é só para compras está muito enganado. Além de um povo extremamente simpático e de ser um país barato para se viajar, e Paraguai tem outros atrativos. Segue algumas dicas de locais interessantes para conhecer no país, a partir de uma viagem pelo país em fev/2011 com amigos.
       
      Ciudad del Este
      - A cidade, na parte mais próxima da fronteira, é uma grande feira de importados. Fazer compras em Ciudad del Este é muito estressante! Não dê atenção às pessoas que te abordam para te levar em lojas. Elas ficarão no seu pé e acharão ruim
      - De Ciudad del Este, é possível ir às atrações de Itaipu sem ter pagar nada, enquanto que o custo das atrações do lado brasileiro é meio carinho.
      - Saltos del Monday: a 4 km de Ciudad del Este e aproximadamente 20km da fronteira com o Brasil, encontram-se belas cataratas. É possível chegar por ônibus público.
       

       
      Reduções Jesuíticas
      - La Santísima Trinidad de Paraná: a 380 km (5 h) de Foz do Iguaçu está a mais completa das reduções jesuíticas; lindíssima! Tivemos sorte de ir em uma dia que havia visita guiada à noite, com um espetáculo de som e luz. Vale a pena! No dia seguinte ainda fizemos ainda a visita guiada diurna. Ambas as visitas foram muito bem guiadas pelos guias locais. Depois do passeio diurno, fomos com a guia ao local de onde tiravam rochas para serem usadas na construção da redução. Esse passeio porém é dispensável.
       


      - Jesús de Tavarangue: a apenas 12 km de Trinidad. Redução jesuítica também bastante imponente e interessante. Há um ônibus entre as duas localidades.

       
       
      Assunção
      - Em Assunção, conhecemos basicamente o centro histórico, que achei muito bonito, e a estação ferroviária abandonada.
      - Nos hospedamos em uma boa e econômica pensão familiar de uma senhora super atenciosa: Pension Da Silva (Eligio Ayala 843). Recomendo-a bastante.
       

       
      Conhecemos duas cidades nos arredores da Assunção: Areguá e San Bernadino.
       
      Areguá
      À 29 km de Assunção. Cidade bem agradável, com alguns prédios históricos. Sua maior atração é o Cerro Koi, que fica um pouquinho afastado do centro, que é um sítio com formações geológicas de pedra arenisca hexagonal, presente somente nesse local, no Canadá e na África do Sul.
       


      San Bernadino
      À 50 km de Assunção. Cidade balneário às margens do Lago de Yparacarai, charmosa e com algumas discotecas e diferentes opções de bares e restaurantes. É muito movimentada durante dezembro e janeiro, porém como fui em meados de fevereiro estava bem pacata e a maior parte dos estabelecimentos estava fechada.


       
       
    • Por amochila
      Fala Viajante,
      Quero compartilhar com vocês nossa Trip pelo Paraguay. Muitos viajantes acabam tirando esse país da sua trip por ter poucas informações de viagens e com o objetivo de contribuir aqui e quem sabe, inspirar você a conhecer esse país que é maravilhoso.
      Bom, nossa viagem começou por Foz do Iguaçu (PR) onde alugamos um carro na Localiza. Fizemos um plano que nos permitia sair do país com o carro. É um pouco mais caro, porém é mais vantajoso ir de carro do que ter que depender de ônibus no país, que ainda é meio precário. Como estávamos na fronteira do Brasil com o Paraguay, a nossa viagem pelo país começou por Ciudad del Este (CDE) mesmo.
      Em Ciudad del Este (CDE) tem muita coisa para conhecer além do setor de compras, aliás, se puder, fuja dessa parte da cidade e vá um pouco mais para dentro de CDE. Nossa primeira parada foi no Parque Saltos Monday. Como estávamos de carro, ficou mais fácil, mas dá para ir de táxi também (é bem tranquilo e barato). A entrada do Parque custou G$ 12.000 e lá dentro tem a opção de utilizar o elevador para ir a um ponto e visualizar a queda d'água lá debaixo. Vale super apena para fazer altas fotos e ter a percepção de uma pequena Cataratas só pra você. O custo do elevador foi de G$ 10.000 e pode ser pago diretamente na entrada do elevador. Ah, como estávamos de carro, tivemos que pagar o estacionamento que custou G$ 10.000.
      Se quiser saber mais detalhes sobre como é o Parque dos Saltos Monday, o que dá pra fazer nele, entre muitas outras coisas, lá no Blog da Mochila contamos mais detalhes.
      Em CDE tem um parque aberto no meio da cidade e que vale muito visitar para curtir um belo por do sol.
      De volta à estrada, dirigimos rumo à cidade de Caacupé. Essa cidade é conhecida pela Basílica de Caacupé onde milhares de fiéis paraguaios se dirigem no mês da Padroeira de Nossa Senhora de Caacupé e lotam a cidade. A cidade é pequena e não tem muita coisa para se fazer, mas vale para conhecer a Basília que traz um pouco da história do povo Guarani A Basílica é bem grande, cheia de adornos e vitrais de tirar o fôlego. Foi sem dúvida um dos momentos mais ricos e significativos da nossa viagem. Para os viajantes religiosos, a Basílica proporciona momentos de renovação da fé, mas não se preocupe se você não é nem um pouco religioso, a Basílica tem um lugar muito legal para você conhecer. Além de muitos espaços legais para apreciar um pouco da cultura religiosa do povo guarani, no alto da Basílica tem um Mirador que guarda uma grande relíquia do povo desse país.
      Do momento em que você inicia a subida até a Cúpula da Basílica, é possível se deparar com pinturas feitas nas paredes e que contam um pouco da história do povo guarani. São imagens bem bonitas e ao mesmo tempo, provoca no viajante uma reflexão do quanto o povo guarani sofreu com o processo de colonização e catequização jesuítica. Nas paredes, a história de um povo, de uma cultura única na América Latina. É simplesmente mágico! Para subir na Cúpula da Basília pagamos uma pequena contribuição de G$ 2.000 guaranis.
      Se quiser saber mais detalhes sobre como visitar a Basílica de Caacupé, acesse nosso Blog e aproveite nossas dicas desse lugar fantástico.
      Como nosso objetivo era chegar o mais rápido possível em Asunción, partimos de Caacupé rumo à Tobati que é uma cidadezinha bem ao lado.
      Mas sobre o resto da viagem fica para um próximo Post...
    • Por xmday
      Olá amigos
      Nesse curto post, vou resumir a dica de como fazer a visita à usina de Itaipu pelo lado paraguaio a custo zero, já que eles não cobram absolutamente nada.
      Eu já fiz a visita à Itaipu do lado brasileiro em 2012 (na época 20 e poucos reais) e em 2019 retornei à Foz do Iguaçu. Me assustei com o aumento do preço (42 reais) e resolvi pesquisar como ir na Itaipu paraguaia, já que ia passar um dia em Ciudad del Este.
      É muito fácil ir à Itaipu paraguaia, mas antes pesquise os horários das visitas no site:
      https://cti.itaipu.gov.py/es/node/20
      1. pegue o ônibus internacional que faz Foz do Iguaçu x Ciudad del Este. Desça próximo do ponto final e vá ao micro terminal de ônibus urbano de Ciudad del Este
      O terminal é pequeno e há muitos ambulantes dentro vendendo de tudo, rs.
      https://www.google.com/maps/place/Terminal+Bus+Urbano/@-25.5101438,-54.6162558,16z/data=!4m8!1m2!2m1!1sterminal+ciudad+del+este!3m4!1s0x0:0xd2de0bcc4d38d8f4!8m2!3d-25.5101438!4d-54.6162558
       
      2. pegue um ônibus para Hernandarias. O boleto custa 3000 Gs (cerca de 2 reais). O ônibus vai fazer +/- o percurso abaixo. Calcule pelo uns 45min de deslocamento (ônibus + caminhada) + o tempo de espera do ônibus para Hernandarias.
      Desça no ponto de ônibus do lado oposto ao posto de gasolina da Petropar (o ponto de ônibus da volta fica colado ao posto). Aguardamos uns 10min apenas para pegar o ônibus e o deslocamento durou menos de 30min.
      Ponto onde vc vai saltar:

      E o ônibus segue para Hernandarias....

      3. caminhe 650m até chegar no centro de recepção de visitantes da Itaipu paraguaia
      Só seguir as placas

      Chegamos

      4. Para voltar, pegue o mesmo ônibus no ponto colado ao posto de gasolina Petropar

       
      Aproveito para protestar sobre o alto custo da visita à Itaipu brasileira rssss


×
×
  • Criar Novo...