Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

07 dias em Santiago do Chile - abril 2013


Posts Recomendados

  • Membros

Olá!

 

Gostaria de deixar aqui a minha contribuição.

 

Estive no Chile em abril de 2013. Viajei com meus pais, passamos 07 dias em Santiago, em apto alugado. Visitamos alguns pontos turisticos da cidade, subimos a cordilheira e visitamos Valparaíso e Vinã del Mar. O gasto total dessa viagem, para uma pessoa, saiu em torno de R$ 2.600,00, incluindo compras. Achei um lugar muito bonito, com muitas opções de passeios e atrações turísticas. Santiago é uma cidade muito fácil de se locomover e os chilenos são muito receptivos e educados.

 

Para montar o roteiro, utilizei muito as dicas deste fórum e também sempre recomendo os seguintes blogs de viagem:

 

Matraqueando http://www.matraqueando.com.br/

Wazari http://wazari.wordpress.com/

Turomaquia http://turomaquia.com/

 

HOSPEDAGEM

 

Alugamos um apto mobiliado no centro de Santiago, com cozinha completa, quarto e uma cama-sofá na sala.

 

http://www.hotelvegas.net/depa_port/index.php

 

O apto é exatamente como nas fotos. Tudo novo e funcionando. Muito confortável e bem localizado, pertissimo de tudo (tem o bonus de ficar localizado na Rua Paris/Londres, que é quase que um ponto turístico, incrivel a quantidade de gente tirando foto na plaquinha do cruzamento). O atendimento do Hotel é muito bom tb. Tem internet no próprio apto, com sinal muito bom. Pagamos a diária de 38.700 pesos chilenos. Saiu mais em conta do que ficar em um apto triplo no mesmo hotel, por exemplo. Não tenho queixas da hospedagem, foi tudo muito bom. Recomendo altamente

 

AGÊNCIAS DE TURISMO

 

Conheci duas agências de turismo: a Turistik e a Rodotur. Recomendo as duas. Não gosto de recorrer à agências de passeios, pois ficamos presos a horários e os passeios são sempre muito corridos. Mas, ficamos com medo de subir a cordilheira sozinhos e tínhamos só um dia para passear por Valparaíso e Viña del Mar, portanto, optamos por agências.

 

Rodotur- Pagamos 15.000 pesos (por pessoa) para fazer um city tour por Viña del Mar e Valparaíso. Foi um pouco corrido, mas também são muitas atrações para conhecer. No fim do dia, valeu a pena o dinheiro gasto.

 

Turistik – Pagamos 22.000 pesos por pessoa para passar uma hora lá em cima da cordilheira. Apesar de super caro, valeu muita a pena.

 

ALIMENTAÇÃO

 

Não fomos em restaurantes caros nem famosos. Optamos por café da manhã/jantar no apartamento, e almoço fora. Almoçamos em restaurantes populares, e fizemos compras em supermercado. Conhecemos dois supermercados, o Unimarc e o Santa Isabel. Achei o primeiro melhor, e era tb o mais próximo do apto.

 

RESUMO DO ROTEIRO

 

Sábado – Chegada em Santiago (a tarde)

Domingo – Caminhada pelo centro

Segunda – Tour Palácio La Moneda e Tour Andes

Terça – Bairro Bella Vista

Quarta – Viña del Mar e Valparaíso

Quita – Feiras de artesanato

Sexta – Retorno para Recife

 

Relato

 

Sábado

Chegamos no Hotel por volta das 13h. Do aeroporto, pegamos um taxi com a transvip, pagamos 16.000 pesos para nos deixar no centro de Santiago. No hotel, fizemos chek in e fomos levados para um outro prédio (muito próximo), onde ficam os apartamentos. Super cansados, dormimos muito e só por volta das 17h é que fomos sair do apto. Fizemos compras e câmbio, e voltamos para dormir mais. (apesar de ser um sábado a tarde, as casas de câmbio da Rua Agustinas estavam abertas ainda. Neste dia, ficam abertas até as 18h, nos domingos, fecham)

 

Domingo

Era quase 11 horas quando acordamos. Reservamos este dia para conhecer o centro de Santiago, a Alameda, os paseos PASEO AHUMADA E PASEO ESTADO, a Plaza de Armas, Catedral. Lojas de departamento, Falabela e Ripley. Andamos bastante e conhecemos também o Mercado Central e o Mercado Tirso de Molina, que fica bem perto, atravessando a ponte. No mercado público, tem uma agencia da turistik, fechamos lá o passeio da Cordilheira dos Andes para o dia seguinte, a tarde. Este foi o dia da famosa Maratona de Santiago, muita, muita, muita gente no centro e a Av Bernardo O`Higgins foi interditada para os maratonistas. Neste dia, almoçamos no restaurante La Piccola Italia, que fica perto da Igreja San Francisco. Muito bom para quem quer ecopnomizar. Recomendo o bife de chorizo e a torta cheesecake de sobremesa.

 

Segunda-feira

Tinha agendado antes de viajar uma visita guiada ao Palácio La Moneda. Mandei e-mail para [email protected] solicitando um horário pela manhã. Alguns dias depois, recebi a confirmação. Às 8h30 do dia agendado, descemos a Alameda Bernardo O’Higgens para conhecer o Palácio. Conseguimos o primeiro horário, e então, às 9h o tour começou. Os passaportes ficaram retidos na entrada, portanto, cuidado para não esquecer. O tour é rápido, acho que não passa de 1h de duração. Gostamos bastante, o guia é muito esforçado no sentido de falar devagar pra brasileiro entender. Por volta das 11h, já estavámos de volta ao apto. Neste dia, como íamos subir a cordilheira, optamos por almoçar cedo no apto, fizemos uma refeição leve e bebemos pouca água, pois são muitos os relatos de mau estar e vômitos vindos de quem faz esse passeio. Também foi recomendação da atendente da Turistik. Além disso, é recomendável levar óculos de sol, protetor solar e um casaco de frio, pois, mesmo fora do inverno, lá faz muito frio e venta muito, e a exposição ao sol é muito maior. Por volta das 13h30, estávamos em frente ao hotel aguardando a van que nos levaria para os Andes. A subida é chatinha, muitas curvas. São sessenta no total, do tipo caracol. Deu pra imaginar por que o pessoal se sente mal. Como nos prevenimos, não sentimos absolutamente nada, nem na subida, nem na descida. Estávamos em dúvida se esse passeio seria realmente interessante fazer, sem ter a neve como atração. Mas a paisagem é belissíma! Foi um momento muito especial o que ficamos lá em cima. Tudo muito bonito e pudemos ver o pássaro famoso dos Andes, o Condor. Ficamos apenas 1 hora, ficaria mais tempo lá vendo a paisagem e tb tem umas trilhas pra quem quiser se aventurar. O ruim desse passeio é a viagem, é 1h30 pra subir e mais 1h30 pra descer. Lá em cima tem uma lojinha de souvenirs, mas tudo carissimo. Adorei esse passeio e recomendo apesar do custo.

 

Terça-feira

Deixamos este dia para conhecer as atrações do Bairro Bella Vista. Saímos do apto depois das 9h30, pegamos o metro até a estação Baquedano. De lá seguimos logo para o Cerro San Cristóbal. O parque abre às 10h. Pagamos 2 mil pesos, ida/volta, por pessoa, para subir pelo funicular, se comprar separado a ida da volta, fica mais caro. A vista de lá é incrível! Tem uma feirinha (que eu achei meio cara) e lanchonetes. Depois, seguimos para o Museu La Chascona, mas só tinha vaga para às 14h. Reservamos esse horário, pagamos 8.000 pesos para 3 pessoas e fomos matar o tempo no Pátio Bella Vista. Achei o melhor lugar para comprar a pedra Lapis Lazuli, ou melhor, o lugar mais confiável, já que se vende essa pedra em todos os cantos da cidade. Tem muitas lojas, quase todas vendendo a pedra. Tem artigos feitos de cobre também. Muita coisa bonita e os preços variam de loja para loja. Recomendo duas lojas, uma que fica logo na entrada, pela Rua Pio Nono, do lado esquerdo de quem entra. Foi lá que achei os melhores preços e peças lindas de cobre. Tem outra loja que eu recomendo para quem gosta de gatos. Fica bem no meio do pátio, e tem muitos artigos com tema gatinhos. Tive que me segurar para não deixar todo o meu dinheiro nessa loja. Bom, ficamos lá até dar a hora do tour no Museu. Subimos novamente para o Museu La Chascona e esperamos o chamado do guia. Esse tour é muito bom. Foi a única casa de Neruda que conhecemos, e adoramos. O tour é bem guiado e explicado, o guia sabe tudo de Neruda e também é muito preocupado em falar devagar para os brasileiros. Deu muita pena saber que a casa tinha sido incendiada e muita coisa tinha se perdido para sempre. Foi uma visita muito boa. Depois, fomos almoçar no restaurante SchopDog, que fica na Rua Pio Nono. Saímos de lá direto para a estação de metro, no caminho passamos por uma feirinha, já perto da estação, depois voltamos para o centro. Ainda demos uma caminhada pelo centro até anoitecer.

 

Quarta-feira

Foi o dia de sair de Santiago e partir para conhecer o Oceano Pacífico. Saímos cedo do apto para pegar o metro até a estação Universidad de Santiago. De lá, compramos passagem na TurBus: ida por Valparaíso e volta por Viña del Mar - mas a o horário da volta deixei em aberto. Foi muito bom termos feito isso, pois na volta para Santiago, tivemos o embarque imediato. Pude notar que o onibus estava lotado, ou seja, se deixasse para comprar a passagem de volta depois, poderia ter que ficar esperando muito tempo na rodoviária. Bom, nosso ônibus saiu de Santiago pouco depois das 8h, não pegamos trânsito e antes de 10h30 já estávamos em Valparaíso. Ao descer do ônibus, fomos logo abordados por uma funcionária da agência Rodotour oferecendo um tour para daqui a pouco, às 11h. Como era idéia nossa fazer um city tour mesmo, embarcamos logo. Pra variar, pontualmente, o tour começou. Fomos primeiro no mirante Portales. Muito bonito, foi nosso primeiro contato com a vista belíssima do mar em Valparaíso, e tb com a vista da cidade. Depois seguimos para a ver os leões marinhos. Meio fedorento lá! Mas foi interessante. Seguimos depois para a Casa de Neruda, La Sebastiana. Não entramos, ficamos na feirinha de artesanato que tem naquela rua. Lá perto tb tem um pequeno mirante. Depois, pegamos o elevador para ver outro mirante, o do Paseo 21 de Mayo. Esse eu achei o mais bonito de todos, pois tem um passeio bem agradável e uma feirinha de artesanato, além da vista belissíma. Paramos ainda na Plaza Sotomayor, parada rápida só para fotos. Passamos também por outros pontos turisticos, mas não conto por que não foi possível descer do onibus. Encerrado Valparaíso, seguimos para Viña del Mar. Demos um giro pela cidade, paramos no relógio das flores e depois fomos almoçar. Geralmente esses restaurantes que somos levados por agências de turismo são caros e a comida é horrível. Esse foi caro, sim, mas a comida foi de primeira. O nome é La Gran Manzana, recomendo o salmão. Como o restaurante fica muito próximo da praia, aproveitamos para caminhar depois do almoço. A praia se chama Acapulco. Muito bonita. A cidade de Viña del Mar é muito linda e bem cuidada. Muito diferente de Valparaíso, que, vista de longe, parece uma grande favela. Depois da praia de Acapulco, seguimos para a Quinta Vergara. Eu adoro parques, então fiquei encantada com esse lugar. Lá é onde acontece um festival de música muito famoso, o palco é grandioso. Mas o charme mesmo são os jardins. Por conta do terremoto de 2010, o palácio está todo rachado e interditado, aguardando a reforma. Para finalizar o passeio, seguimos para o Museu Fonk, onde tem o Moai da ilha de Páscoa. A agência nos deixou na rodoviária de Viña del Mar. Como já tínhamos nossas passagens em mãos, embarcamos de cara e seguimos viagem de volta para Santiago. Saímos um pouco antes das 18h e chegamos em Santiago quase 21h, pois pegamos muito trânsito em Santiago, até chegar na estação Universidad de Santiago. Pegamos o metro de volta para o apto e o dia acabou.

 

Quinta-feira

Nosso último dia em Santiago era pra ser bem produtivo, mas acabou que foi o dia da passeata de estudantes. Perdemos muito tempo e ainda fomos atingidos por vestígios de spray de pimenta. Começamos bem o dia, acordamos cedo e pegamos o metro para a estação Pueblito Los Dominicos, chegamos lá pontualmente às 10h, que é o horário que a feira abre. Só que não. Deu 11h e a maioria das lojas fechadas. Saímos de lá de 12h30 e nem todas as lojas estavam funcionando. Mesmo assim, foi um lugar muito bom para comprar. Uma variedade de produtos, coisas lindas, caras, baratas.. a maioria das lojas aceita visa.. um paraíso.. mas acabamos perdendo muito tempo esperando as lojas abrirem. Tinha planejado conhecer o parque Florestal e o Parque das Esculturas neste dia. Já tinha cancelado o parque Florestal antes de sair do apto e, com dor no coração, cancelei também o Parque das Esculturas. Estávamos com muitos pacotes e fomos no hotel guardar tudo. Na volta, almoçamos novamente no Picola Italia e foi depois daí que o problema dos estudantes começou. Não conseguimos chegar no Cerro Santa Lucía. As ruas próximas ao Cerro estavam tomadas de estudantes e policiais. Voltamos para o centro, tapando nariz e boca por causa do ardido do spray de pimenta. Ficamos enrolando por lá, esperando as coisas se alcamarem, aproveitamos para comprar, vinhos, doces e alfajores. Passamos novamente nas lojas de departamento do Passeo Ahumada, Estado... só perto das 17h é que pudemos voltar ao Cerro Santa Lucia. Ficamos pouco tempo lá, e partimos para a feirinha de artesanato. Muito boa por sinal. Muito boa para comprar lembrancinhas. Algumas lojas aceitam visa. Muita coisa linda e baratinha. Ficamos um bom tempo lá e depois voltamos para o hotel super cansados. Aproveitei e marquei para o dia seguinte um taxi para o aeroporto recomendado pelo hotel. Custou 16.000 pesos.

 

Sexta-feira

Malas arrumadas, café tomado.. hora de ir embora. Chegamos bem cedo no aeroporto na intenção de aproveitar o duty free de Santiago e foi uma ótima ideia, pois a alfandega de Guarulhos tocou o terror.. ficamos muito tempo lá e quase que perdíamos a conexão para Recife. Não deu tempo de ver nada no duty free de Guarulhos e acabei perdendo uma reserva que tinha feito.

 

Adorei Santiago! Recomendo bastante. Foi uma viagem bastante econômica e muito proveitosa. As pessoas dizem que 4 dias inteiros são suficientes, mas eu teria ficado mais um ou dois dias. Lamentei não ter conhecido o Museu Pré-Colombiano, mas ainda estava em reforma. Gostaria de ter ido ao Teatro Municipal e ao Parque das Esculturas. Ficaram para uma próxima viagem.

 

Todo mundo fala dos vinhos, do pisco sour e do mote con huesillos, mas o que me deixou saudade mesmo foi o suco de framboesa.. muito bom!!!!

 

Fim do relato.

 

Caso alguém precise de ajuda, pode entrar em contato comigo através de e-mail ou por aqui mesmo. Agradeço mais uma vez às pessoas desse forum pela ajuda.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Olá Callu...parabéns pelo relato!! Aproveitando que você esteve recentemente por lá seria possível me informar quanto gastou em média com alimentação por dia? Quanto ficou o tour em Valpo e viña? Não sou muito fã de museus e tal, o que é que rola na casa de pablo neruda, algo realmente interessante?

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 semanas depois...
  • Membros

Luciano, tirando por cima, bem por cima, não gastei mais de 50 reais por almoço. Comendo bem, com bebida e sobremesa, em restaurantes. No Schopdog, por exemplo, o almoço pra tres não chegou a 20.000,00 pesos. Eu também não tenho uma estimativa precisa dos gastos no supermercado. Mas compramos apenas o básico, pão, café, queijo, e os preços são muito parecidos com os daqui.

 

Paguei 15.000,00 pesos pelo tour por Valpo e Vina. Se você procurar mais, acha por mais barato. Eu peguei a primeira empresa que apareceu. Dá uma volta pela rodoviária e faz uma pesquisa. O valor da passagem para Valparaiso, ida e volta, tem nos sites das empresas.

 

https://www.turbus.cl/wtbus/indexCompra.jsf

https://www.ventapasajes.cl/pullmanbus/?id=1370036982388

 

Só conheci uma casa de Neruda, La Chascona. Gostei muito. Passeio rápido mas muito interessante. Somos apresentados às manias do poeta, às coleções, às histórias... temos acesso a fotos e objetos pessoais. Valeu a pena e eu recomendo esse passeio.

 

Se precisar de mais alguma informação, fique a vontade para perguntar...

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 5 meses depois...
  • Membros

Oi, Callu.

 

Gostei do seu relato, bem detalhado. Legal.

Minha intenção é viajar em Abril de 2014 para Santiago/Valpo/Viña. Gostaria de saber de você a respeito do clima nessa época do ano, pois pelo que vi, você foi em Abril também.

Fez muito frio? Choveu? Como você é de Recife, deve estar acostumada com o clima bem parecido com o meu.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 5 semanas depois...
  • Membros
Oi, Callu.

 

Gostei do seu relato, bem detalhado. Legal.

Minha intenção é viajar em Abril de 2014 para Santiago/Valpo/Viña. Gostaria de saber de você a respeito do clima nessa época do ano, pois pelo que vi, você foi em Abril também.

Fez muito frio? Choveu? Como você é de Recife, deve estar acostumada com o clima bem parecido com o meu.

 

 

Miguel, lamento a demora para responder.

 

Em abril fez frio! Não teve um dia que não precisei usar casaco ou então segunda pele. Em Valparaíso e Viña del Mar foi mais quente, não foi preciso usar casaco. Infelizmente não lembro a temperatura aproximada, mas começava o dia frio, depois ia esquentando um pouco, e ao cair da noite esfriava novamente. De toda forma, vc vai precisar levar um casaco bom se for subir para a cordilheira, lá é gelado, mesmo sem neve.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 3 meses depois...
  • Membros
Bom dia Callu.

Estou indo pro Chile agora em maio, vou ficar num total de 23 dias e estou com algumas duvidas.

Você acha que é muito um dia inteiro em Valparaíso e outro dia inteiro em Vina del mar??? Quero ver as coisas com calma e tenho tempo!

 

bjs

 

 

Isabel, contratei uma agencia e fiz um tour de um dia nas duas cidades. Começou perto das 10h e terminou de 17h30, mais ou menos. Deu pra conhecer muita coisa, mas por conta de atrasos, o guia saiu cortando algumas atrações. Não foi tão corrido quanto eu imaginei que seria. Mas eu prefiro conhecer com calma, ter liberdade de ficar mais tempo nos lugares que eu mais gostar. Mesmo que isso signifique conhecer menos lugares. Como você tem tempo, e o seu perfil é bem parecido com o meu, recomendo sim deixar dois dias para essas duas cidades. Alias, lembro que muitos relatos aqui no forum recomendam isso tb.

Espero ter ajudado.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...