Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Posts Recomendados

  • Respostas 267
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Colaboradores

Não conheço Barcelona, mas achei Praga sensacional, uma das cidades mais incríveis da Europa. Concordo que 6 dias é exagero, daria pra incluir outra cidade nesse tempo (Viena? Munique?), mas 3 fica de bom tamanho.

 

Gosto de sair à noite e as baladas em Praga são muito boas, o Pub Crawl é excelente, reconhecidamente um dos melhores do continente. A cidade em si é muito bonita e agradável, e a arquitetura é fantástica.

 

E discordo do Adriano quanto aos preços, fui há apenas 6 meses e achei a cidade bem em conta, comia muito bem por 5 a 7 euros, tanto que praticamente só comi fora em Praga (e no geral sou bastante pão duro). Posso afirmar com certeza que é possível achar bons restaurantes por esse preço, basta sair um pouco da zona insanamente turística que é bem fácil encontrá-los. Também paguei barato em um hostel (Old Prague Hostel) bem razoável, com uma localização perfeita (5 minutos a pé da Praça do Relógio), então no geral achei os preços na cidade bem bons.

 

Enfim, não conheço Barça, apesar de querer muito, mas Praga é demais!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Colaboradores

Paguei 22 euros no ônibus da Eurolines de Viena para Praga, então nesse sentido seria um gasto quase insignificante no total da viagem. A diferença maior seria que tanto Munique quanto Viena são consideravelmente mais caras que Praga, mas creio que valha a pena. Outra opção é incluir Cesky Krumlov, uma cidade no interior da Rep Tcheca que dizem ser muito bonita, mas que particularmente não conheço.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Gostaria de fazer um comentário sobre esta questão de quantos dias é necessário para uma cidade.

Na minha opinião não existe uma quantidade exata adequada de dias para uma cidade por uma simples razão: depende do que cada um aprecia numa viagem.

Depois de viajar algumas vezes e observar os tempos que algumas pessoas sugerem nos fóruns entendi que para muitas pessoas uma viagem significa apenas tirar uma foto na frente de um local famoso e seguir em frente.

Quem dá valor a desfrutar um pouco mais do local e da sua cultura e/ou entrar em algum museu vai sempre precisar de alguns dias.

Eu passei 4 dias inteiros em Praga a passeio e mais algumas horas quebradas em alguns dias porque fui a um congresso e tive algumas horas livres nos dias do evento. Ainda assim eu fiquei sem conhecer algumas coisas (o que é ótimo pois tenho boa desculpa para voltar lá.. rs...).

 

Fiz quase tudo a pé nos passeios (poderia ter feito tudo a pé, mas preferi ganhar tempo em 2 ou 3 situações) porque a cidade facilita isto.

Um dia foi dedicado ao castelo, indo e voltando a pé e passeando dentro do castelo.

Outro dia foi dedicado ao passeio até a torre Petrin, passando antes pela região do monastério Strahov (onde tem uma biblioteca que certamente é uma das mais lindas do mundo) e da Loreta e depois pelo observatório astronômico no parque Petrin.

Gastei a parte de uma tarde no Museu Kafka, visita imperdível para quem conhece pelo menos a parte mais famosa da obra do escritor.

A subida numa daquelas torres da ponte Carlos mostra um visual incrível, tanto à noite quanto durante o dia. Fiz as duas coisas em torres diferentes.

Um passeio no Vyšehrad, um pouco fora da região central, onde existiu um forte aproximadamente no século X, é garantia de uma tarde muito agradável com o visual da cidade de um ângulo diferente.

Quem acha interessante a obra do artista plástico David Cerny pode criar um tour específico para ver o que tem da obra dele espalhada pela cidade.

E nem falei do centro antigo, das atrações mais famosas e dos museus.

Gostaria de ter ido a Cesky Krumlov e a Kutná Hora numa daytrip para cada uma, mas não deu.

Resumindo: considerando o que eu gosto de fazer numa viagem, 6 dias em Praga está longe de ser tempo demais.

Pretendo ir lá novamente com minha família e acho que reservarei uma semana pelo menos.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 1 mês depois...
  • Membros
Obrigada pessoal! Vou mais tranquila!

 

Pessoal

Voltei de viagem, e contei sobre um golpe que quase caímos no meu relato.

 

Renatat, eu nunca respondo a uma abordagem de algum desconhecido perto de uma casa de câmbio, nem se for feita na língua portuguesa. Sempre finjo que não é comigo e sigo em frente.

Eu possivelmente teria tido problemas em Praga se tivesse dado atenção à pessoa que me abordou próximo de uma casa de câmbio. Acho que relatei aqui o problema.

 

Desculpe, mas eu acho que você foi inocente no caso da casa de câmbio. Existem alertas sobre problemas referentes a câmbio de moeda em países estrangeiros em muitos fóruns, inclusive aqui no Mochileiros. Aliás, o problema é comum em cidades de muitos países, não é exclusivo de Praga. Talvez sejam pouco comuns os relatos sobre os países que usam Euros, por exemplo, porque temos a chance de comprar euros aqui no Brasil e não temos que nos preocupar com isto no exterior.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Antes de criticar leia o relato direito: um cara abordou próximo a casa sim, mas o golpe quase rolou Dentro da casa de cambio. Quando alguém imaginaria que haveria bandidos "trabalhando " dentro de um espaço privado e ainda por cima na frente do funcionário? E com total cobertura do segurança da galeria. E como citei no meu relato li muito sobre golpes na rua, transportes públicos e restaurantes, mas dentro do local é algo novo, por isso o alerta aqui.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Colaboradores

Galera, é totalmente inútil discutir se foi ingenuidade ou não, isso não faz diferença alguma agora.

 

O mais importante é avisar aos demais viajantes que pretendem visitar Praga, que a cidade é absolutamente segura, e o caso da Renata é uma exceção. Basta ter o mínimo de cuidado que nada irá acontecer, isso é quase unanimidade entre os que já estiveram lá. Comparada com qualquer cidade brasileira, chamar Praga de cidade perigosa é uma ofensa. Saí à noite, sozinho, pelas ruas vazias, e em momento algum senti sequer um pingo de insegurança.

 

Podem ir na boa ::otemo::

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...