Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

mapaes

Parintins

Posts Recomendados

areana-big.jpg

 

OLA PESSOAL, SOU NOVO NO SITE , ADORO VIAJAR , ESTIVE EM PARINTINS EM 2004 NO FESTIVAL DOS BUMBAS E CONFESSO QUE ADOREI.

ESTOU PENSANDO EM RETORNAR ESTE ANO 2005.

GOSTARIA DE SABER SE ALGUEM TEM IMFORMAÇOES DE TRANSPORTES DE BH ATE MANAUS MAIS EM CONTA PORQUE OS PREÇOS DE PASSAGEMS AEREAS ESTÃO PEÇLA HORA DA MORTE.CASO ALGUEM TENHA IMFORMAÇÃO FAVOR ENVIALAS FICAREI AGRADECIDO , E CASO PRECIZEN DE ALGO DO MEU LADO DIGO, BH,OURO PRETO,MARIANA,TEREI IMENSO PRAZER EM RESPONDER.

OBRIGADO A TODOS

CHARLES

Compartilhar este post


Link para o post

E ai Charles, tudo certo? O melhor caminho pelo menos que eu tenho conhecimento por terra de BH-Manaus e o seguinte.

SE vc tiver tempo e grana para fazer um turismo bacana no caminho, te sugiro pegar um buzao de BH para Brasilia. Ai vc da umas voltas na Capital Federal e depois pega a Belem-Brasilia de Onibus. E uma viagem pesada e dura mais de um dia. SE vc quiser, da uma parada em Palmas, a capital mais nova do Brasil. Deve ser interessante. La perto tem o Jalapao que e maravilhoso!! Depois prossiga ate Belem. Em Belem vc pega um barco e desce o Rio Amazonas em direcao a Parintins!! Esse e o roteiro. Da pra fazer na boa... Eu nunca fiz, mas parece nao ter muito segredo. Andei pesquisando e ja vi que e bem viavel.

espero ter ajudado.

ps. o meu teclado esta todo desconfigurado, por isso nao pus nenhum acento.

abraco e sucesso na sua viagem

Bruno Scarpelli

Compartilhar este post


Link para o post

ola, Charles, estou em sao paulo, eu queria informações sobre onde vc se hospedou em parintins durante o festival, se possivel qto vc pagou e se tiver telefones , lhe agradeceria muito.

 

Dricofabio

Compartilhar este post


Link para o post

Dricofabio, não sou o fábio. Já estive em Parintins e normalmente as pessoas ficam no próprio barco que te trouxeram. Fica num valor razoavel com direito a cafe, almoço e jantar.

 

[]´s

Compartilhar este post


Link para o post
Visitante

Topic author: crikamel

Subject: EU VOU P/PARINTINS 2005-SOU DE MANAUS

Posted on: 26/03/2005 02:01:23

Message:

 

 

 

Ai,gente de todo Brasil,sou de Manaus,torcedora do Garantido e estou aqui pra ajudar a quem quiser,sobre informações sobre o Festival de Parintins...Fui no ano passado,e tenho parentes lá.Estou pesquisando tudo,pois virão dois amigos do RJ esse ano...vou ate sair na Batucada do Garantido(pra quem nao sabe é uma especie de Bateria de escola de samba)!

O que tenho a dizer é que o Festival é algo fenomenal...não tem descrição,quem já veio,volta todo ano...é um espetáculo belissimo,vc parece ficar enfeitiçado dentro do Bumbódromo, não acredita em tudo que acontecendo...È ESPETACULAR!VALE A PENA...

Um abraço a todos

 

 

Replies:

 

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: betoPE

Replied on: 01/04/2005 21:20:30

Message:

 

eu quero ir, mas preciso de algumas dicas vc tem msn

Compartilhar este post


Link para o post

Olá pessoal, vim aqui deixar minha colaboração... Já estão a venda os ingressos para o Festival Folclórico de Parintins. Os ingressos do Boi Caprichoso estão com os seguintes preços: cadeiras numeradas R$ 250.00; arquibancadas especiais R$ 350.00; camarotes (15 pessoas) variam de R$ 5 a 7 mil. Não sei ainda se o ingresso do Garantido é o mesmo preço, mas vou me informar. Um abraço e um ótimo festival pra quem vir.

Compartilhar este post


Link para o post

Por favor, alguém sabe o e-mail ou telefone de alguma agência que venda só a parte fluvial manaus-parintins??? Todas as empresas só fazem uns pacotes super caros! Obrigada, Paula.

Compartilhar este post


Link para o post

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

  • Conteúdo Similar

    • Por Diego Minatel
      Para mim é algo realmente complicado traduzir em palavras os momentos vividos nos dias da minha viagem. Viagem esta que não se traduz num simples mochilão ou turismo de longa duração. Foi o encontro de uma pessoa comum com seu sonho de andar por terras que tanto o inspiraram, terras mãe da esperança, terras de homens e mulheres feitos de histórias e de coração, corações gigantescos. O sentimento que fica depois de quase seis meses na estrada é o de gratidão, do agradecimento as infinitas pessoas que ajudaram esse pobre viajante das mil e uma maneiras possíveis, para vocês meu muito obrigado.

      Foto 1 - A companheira de viagem
      Tinha uma vida igual a tantas outras, era bem razoável por sinal, mas a vontade de caminhar e estar frente a frente com o novo me atormentava todos os dias. Queria conhecer com meus olhos as diferenças, os sotaques, as comidas, as belezas. Desejava não ter pressa, fazer tudo no seu tempo necessário, não estar preso a rotina dos dias e principalmente aprender. Sim, aprender, não com fórmulas prontas e nem sentado dentro de uma sala de aula. Queria aprender com experiências. Queria conhecer pessoas. De alguma forma queria fugir da minha vida cotidiana, não por ela ser ruim, mas pelo desejo de se conhecer e assim, quem sabe, voltar uma pessoa melhor. Quando esse sentimento passou a ser insuportável decidi que tinha que partir.
      Por um ano ajuntei algum dinheiro, queria ficar seis meses na estrada. A grana não era o suficiente, mas suficiente era a minha vontade. Dei um ponto final no trabalho. Abri o mapa e não tinha ideia por onde começar. Decidi não ter um roteiro, apesar de ter muitos lugares em que eu queria estar.
      Assim começa a minha história (poderia ser de qualquer um). O relato está dividido da seguinte forma:
      Parte 1: de Rio Claro ao Vale do Itajaí
      Parte 2: Cânions do Sul
      Parte 3: de Torres a Chuí
      Parte 4: Uruguai
      Parte 5: da região das Missões a Chapecó
      Parte 6: Chapada dos Veadeiros e Brasília
      Parte 7: Chapada dos Guimarães
      Parte 8: Rondônia
      Parte 9: Pelas terras de Chico Mendes, Acre
      Parte 10: Viajando pelo rio Madeira
      Parte 11: de Manaus a Roraima
      Parte 12: Monte Roraima y un poquito de Venezuela
      Parte 13: Viajando pelo rio Amazonas
      Parte 14: Ilha de Marajó e Belém
      Parte 15: São Luis, Lençóis Maranhenses e o delta do Parnaíba
      Parte 16: Serra da Capivara
      Parte 17: Sertão Nordestino
      Parte 18: Jampa, Olinda e São Miguel dos Milagres
      Parte 19: Piranhas, Cânion do Xingó e uma viagem de carro
      Parte 20: Pelourinho
      Parte 21: Chapada Diamantina
      Parte 22: Ouro Preto e São Thomé das Letras
      Parte 23: O retorno e os aprendizados
      O período da viagem é de 01/10/2015 a 20/03/2016. De resto não ficarei apegado nas datas exatas em que ocorreram os relatos que irão vir a seguir, tampouco preocupado em valorar tudo. Espero contribuir com a comunidade que tanto me ajudou e sanar algumas dúvidas dos novos/velhos mochileiros.


×
×
  • Criar Novo...