Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

MauroBrandão

Évora - Perguntas e Respostas

Posts Recomendados



Évora é uma cidade maravilhosa, classificada pela UNESCO como Património Da Humanidade. Nela temos história, com vestigios da ocupação humana desde a pré-historia (ver cromeleque dos Almendres), foi uma inportnate cidade no império romana (ver Templo, Museu de Évora, estrada romana, termas), fui uma importante cidade da idade medial, como se constata no centro histórico e na Catedral Romanica e Gótica, do renascimento tem o Palacio D. Manuel, Igreja São Francisco e Capela dos Ossos, fonte da Praça de Giraldo, enfim uma capital regional do Alentejo, onde existem solares da aristocracia alentejana estando alguns deles ao serviço do turismo. Atenção especial ás ruas centro histórico, ás dezenas de igrejas e conventos, destaque da Cartucha e Universidade de Évora e ainda aqueduto àguas Livres e claro a Praça do Giraldo.

Compartilhar este post


Link para o post

olá!

Será que consigo conhecer Évora em apenas um dia? Estarei em Lisboa em novembro e pretendo fazer um bate e volta... é possível?

Abraços

Cristiano

Compartilhar este post


Link para o post

Olá Mochileiros!!

 

Eu sempre quis conhecer Évora por ter sido uma cidade em que viveu a poetisa FLORBELA ESPANCA, que eu sou super fã... Inclusive na cidade tem um busto em homenagem a ela. Porém não tinha conhecimento dessa grande importância cultural da cidade...

 

 

20100913111747.jpg

O busto de Florbela Espanca foi inaugurado em 1949 no Jardim Público de Évora e é da autoria do escultor Diogo de Macedo.

A poetisa Florbela Espanca nasceu em Vila Viçosa, a 8 de Dezembro de 1894. Fez os seus estudos liceais em Évora, concluindo o curso em 1917. Viveu alguns anos em Lisboa, onde frequentou a Faculdade de Direito.

Problemas de saúde, sobretudo de índole psicológica, levaram-na a cometer o suicídio, em Dezembro de 1930, no Porto. Os seus restos mortais encontram-se actualmente no cemitério de Vila Viçosa.

Da sua obra, apenas dois títulos foram editados em vida: Livro de Mágoas (1919) e Livro de Sóror Saudade (1923), tendo postumamente sido publicados os restantes, caso de Charneca em Flor (1930), Juvenília (1930); As Marcas do Destino (1931), entre outros.

 

Um poema.... um dos meus favoritos!

 

Saudades

 

 

Florbela Espanca

 

 

Saudades! Sim... Talvez... e porque não?...

Se o nosso sonho foi tão alto e forte

Que bem pensara vê-lo até à morte

Deslumbrar-me de luz o coração!

 

Esquecer! Para quê?... Ah! como é vão!

Que tudo isso, Amor, nos não importe.

Se ele deixou beleza que conforte

Deve-nos ser sagrado como o pão!

 

Quantas vezes, Amor, já te esqueci,

Para mais doidamente me lembrar,

Mais doidamente me lembrar de ti!

 

E quem dera que fosse sempre assim:

Quanto menos quisesse recordar

Mais a saudade andasse presa a mim!

Compartilhar este post


Link para o post

Gente, pra quem tiver um tempo a mais e, de preferencia, estiver de carro, recomendo a cidade de Monsaraz, no distrito de Évora. De carro, fica a uns 70 min de Lisboa e é quase na divisa com Espanha.

É uma cidade maravilhosa! Depois posso postar fotos que tirei lá, se vocês quiserem!

Abraços

Compartilhar este post


Link para o post

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...