Ir para conteúdo

Posts Recomendados

  • 1 mês depois...
  • Membros de Honra

Sim é obrigatório.

 

Para Londres não é obrigatório, mas para entrar na França é obrigatório possuir um seguro saúde com cobertura mínima de 30.000 Euros

 

CONDIÇÕES DE ENTRADA NA FRANÇA

 

Cidadãos brasileiros que desejam permanecer até 3 meses na França (exceto Guiana Francesa) beneficiam-se de isenção de visto.

Todo cidadão estrangeiro (inclusive os brasileiros) está sujeito a apresentar documentos que comprovem o motivo de sua viagem à França ou ao Espaço Schengen e a permissão para imigrar está sujeita às interpretações dos agentes de fronteiras locais.

Todo estrangeiro, submetido ou não a um visto de entrada para um período de curta duração que desejar ingressar na França para uma visita particular, familiar ou turística, deve apresentar, obrigatoriamente, na passagem pela fronteira:

 

COMPROVANTE DE ESTADIA

 

- Reserva de hotel / atestado de acolhimento * / voucher de excursão / contrato de aluguel

- carta da empresa (se a viagem for profissional)

 

COMPROVANTE DE CONDIÇÕES ENTRADA E SAÍDA

 

- Passagens de ida e volta

 

COMPROVANTES DOS MEIOS DE SUBSISTÊNCIA

- Dinheiro em espécie, cheques de viagem, cheques certificados, cartão de crédito internacional válido etc.

- Valores definidos: 65 € por dia para cada pessoa (ou 32,50 € por dia se a pessoa for titular de um atestado de acolhimento).

 

PASSAPORTE

 

O passaporte deve ter, no mínimo, 3 meses de validade após a data de saída do território Francês.

 

SEGURO-SAÚDE INTERNACIONAL

 

Seguro-saúde internacional e de repatriamento no valor mínimo de 30.000 € e que cubra todo o território Schengen (Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Mônaco, Noruega, Países Baixos, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia, Suíça).

Fonte: http://saopaulo.ambafrance-br.org/Bem-vindo-ao-setor-de-vistos

Link para o comentário
  • 1 mês depois...
  • Membros de Honra

Mesmo que você fique somente 1 dia em Paris o seguro é obrigatório.

 

A imigração não costuma conferir se todo mundo está com seguro, mas se você tiver o azar e lhe pedirem o seguro e você não tiver ele, é motivo para não deixar você entrar na França. Alem disto, qualquer coisa relacionada a saúde é extremamente cara na Europa.

 

A gente sempre espera que nada aconteça, mas imprevistos e acidentes ocorrem, a uns 3 anos atras, torci o tornozelo em Paris ao pisar em falso num buraco numa calçada, e só para fazer uma simples consulta, um ultrassom para ver se não tinha rompido os ligamentos e o médico receitar uns analgésicos, tive que pagar 300 Euros (quase R$ 1.000), sorte que o seguro re-embolsou tudo de maneira bem rápida quando voltei ao Brasil.

 

E um seguro saúde de 20 dias não é caro, custa uns R$ 200 ou R$ 300, é uma quantia irrisória perto do total que você vai gastar numa viagem de 20 dias por Londres, então por que correr o risco de colocar toda a viagem em risco por causa de R$ 300?

Link para o comentário

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...