Ir para conteúdo

Acampando com crianças (bebe de 1 ano) em Itu


Posts Recomendados

  • Colaboradores

A muito tempo não acampava, a mais de 15 (ou 20) anos, e que nem pensava mais no assunto, mas este ano resolvi acampar, confesso que um pouco de nostalgia e um pouco de achar que meu filho tem que ter contato com espaço aberto, e nada melhor que começar cedo!

Cismei que a família iria acampar e comecei a pesquisar, primeiro item: camping, por estar com bebe tinha que ter uma boa estrutura, não ser longe de onde moro e ...... aceitar cachorro, claro família completa.

Ficamos entre 3 camping e optamos por um em itu, Camping Fazenda Paineiras, muito bom, os espaços de camping bons, banheiros limpos, bom espaço para lavar roupa e louça, boas piscinas e bom restaurante! Recomendo este camping sem dúvida! dois poréns: precisaria de mais postes de elétrica (220v) e não tem churrasqueira no camping.

Fiquei com vontade de ter um motorhome, neste camping tem uma estrutura bem legal e tinham uns 4, mas aí é outra história.....

Segundo item: barraca, nossa barraca antiga é uma iglu que mal cabem 2 pessoas com as malas, além da idade (mais de 20 anos), então começamos a procurar.... optamos por uma com sala e um quarto, com alguns detalhes: quarto que caibam um colchão de casal e um de solteiro, sala com piso e altura que desse para ficar de pé! Como não sabíamos se ia dar certo optamos por uma com custo benefício bom, optamos pela Quenchua Arpenaz 4.1. Boa escolha!

Com o camping escolhido e e barraca comprada, foi hora de organizar todo o resto:toalha de picnic e banheirinha inflável agente já tinha; cadeiras, colchão de ar de casal , saco de dormir para o bebe (que dobrado ao meio dá um bom tamanho e ficou fofo para ele dormir), caixa térmica, fogãozinho de duas bocas e gás emprestados do meu pai; aí compramos só pratos e copos de plástico e um kit de lanternas led para barraca (iluminam bem, prendem com imã ou no suporte para pendurar, controle remoto e recarregáveis em USB), e extensão. A principio queria uma de 20 metros, mas achei muito caro, achamos que uma menor daria, mas não deu ::putz::

Montamos o carro na quinta (fomos viajar na sexta), malas, roupas de cama, kit cozinha, kit ferramentas, kit comidas, frutas, carne e comidas do meu filho congeladas, e arroz com frango e feijão tropeiro pra só esquentar no camping. Assim saímos cedo na sexta, chegamos ao camping umas 10:30.

Ao chegar no camping, primeira dúvida era onde montar a barraca: mais perto da árvore, ou perto do poste de luz que não ficava perto de sombra, na área perto do lago ou de cima, e onde o iria ter sombra a tarde????.... discute, discute, discute, resolvemos num lugar que imaginamos bater sombra a tarde, mas não muito longe da luz. Começamos a montar a barraca, e enquanto montávamos o sol já estava subindo, bem no alto, quase 1/2 dia...... e bate aquelas porcaria de estaquinhas, sem ponta, que entortam, chão duro (imagino que pela seca em SP), martelo de borracha ::putz:: (outra burrada, precisa bater mil vezes mais pra entrar a estaca), já era hora de dar almoço pro meu filho, ele no sol, sem protetor solar e a barraca ficando um forno.... aí já comecei a estressar :x

Enquanto isso meu cachorro se esfregando na grama e meu filho pra lá e pra cá, "ajudando' a martelar as estaquinhas, a puxar os cabos, eles de boa, na maior diversão. E meu marido nas estaquinhas, em baixo de sol (sim, ao meio dia e meia a barraca tava no sol).

Hora da pausa: comido pro filho, cerveja pro marido e suco pra mim, mas confesso que ainda estressada, precisava montar todo o resto: colchão de ar, tirar as coisas do carro, montar fogão para esquentar nossa comida..... e Nessa meu marido falando em mudar a barraca de lugar, depois de tanta discussão a barraca estava no sol, longe do ponto de luz, nossa extensão era curta e não alcançava a barraca, e nada da sombra chegar na barraca como havíamos planejado. E meu filho todo sujo, suado com sono e sem querer dormir..... Quem tem filho sabe o que é esta combinação nas crianças.... Já me arrependendo de ter comprado a barraca e chamando tudo de programa de índio ::vapapu::

Eu e meu filho entramos no chuveiro e ambos acalmamos, era hora de trocar a barraca de lugar.....

Um pouco pro lado, mas onde havia sombra de manhã e de tarde também, tudo mudado e......... ::ahhhh:: carrapato (outra burrada, escolhemos a área perto do lago..... onde costuma ter carrapato!!). Desencanamos deles, tiramos as coisas do carro, montamos o colchão de ar, a alegria do meu filho entrando no quarto da barraca, como deve ter achado aquilo incrível! fomos para piscina.

Eu e meu marido não tínhamos almoçado, cansados e com fome, hora de outro banho, e acabar de montar acampamento, e meu filho adorando nos ajudar na barraca.

Agora quem estava estressando era meu marido, com meu filho que tirava tudo da caixa (caixa com tampa é uma boa "contra" bebes, se bem que ele adora brincar com caixas, arrastar, subir.... esquece, tanto faz com ou sem tampa... )já se arrependendo de ficar longe do poste de energia, que tava tudo errado, não queria que ligasse a lanterna pra economizar ( e a luz da lanterna muito boa), desencanamos de montar o fogão, já tava escuro, e fomos almoçar/jantar no restaurante. (até agora nada de fotos...) A cachorra sempre grudada com agente, meu filho tomou o leite e dormiu no carrinho, janta boa, começando a chover fraquinho (ou seja, clima mais fresco), pronto, fomos dormir.

Editado por Visitante
Link para o comentário
  • Colaboradores

De noite, mesmo que mais fresco ainda estava calor, meu filho já dormindo, a cachorra dormindo na sala, eu dormindo até que..... meu marido, que tava mais vermelho que camarão e com calor, começou a reclamar que não conseguia dormir, e claro que pra isso tinha que me acordar, ::vapapu:: ... saiu, entrou, reclamou, colocou a cadeira pra fora, voltou, deixou quarto aberto ( o que até então não tínhamos feito desde que montamos a barraca, ou seja, até agora a salvo dos mosquitos), e o colchão que tava cheio, já tava menos cheio..... ai, ai....

Nessa de me acordar, precisei ir no banheiro de madrugada. Outro ponto positivo pro camping, saí e vi que tinha segurança na área das barracas (acho que era..)

Depois começou a chover mais forte, o que foi muito bom: barraca aprovada contra chuva e clima mais fresco, conseguimos dormir. Isso eu e meu marido, porque meu filho já estava dormindo e nem acordou, "foi direto"!!

Editado por Visitante
Link para o comentário
  • Colaboradores

De manhã o colchão já estava mais murcho, e meu filho acordou com o maior bom humor, ao ver que estava acordando na barraca ficou super alegre!!

Agora mais calmos, montamos o fogão, fizemos café, comemos nossa bisnaguinha e veio a dúvida: ficamos até domingo ou vamos embora hoje? Nada definido...

DSC00623.JPG.4b99a25cb7ff0f29074b780e4777e336.JPG

Editado por Visitante
Link para o comentário
  • Colaboradores

Fomos caminhar, meu filho no carrinho dormiu mais um pouco.... ele no carrinho, agente nas cadeiras: sim valeu a pena acampar, mas por outro lado meu marido tem um trabalho pra terminar e pensando na zona que a casa ficaria se voltarmos domingo a noite. Ficamos mais uma noite ou vamos embora? Meu filho acordou, fomos para perto da piscina, mas na sombra!

Meu filho almoçou (nisso o pessoal do restaurante foi muito gente boa, apesar de termos montado o fogão, microondas para aquecer a comida é muuuuiiiittto mais prático. Entramos na piscina e já começamos a estudar onde seria um bom lugar na sombra para acampar na área de cima do camping, sim, vamos voltar sim! ::otemo::

Mas para uma primeira experiência achamos que tava bom, resolvemos esquentar a comida e depois levantar acampamento hoje mesmo. Almoçamos e começamos a desmontar tudo, organizar, etc.....

Carro arrumado voltamos pra perto da piscina onde fizemos uma lista do que ainda precisamos comprar para acampar, entre elas um colchão que não murche e um ventilador para a barraca!!

Acampar com cachorro e bebe juntos foi tranquilo, eles estavam super de boa, ambos pareciam adorar! O problema foi que nós nos estressamos, e chegamos a conclusão e que para acampar precisamos ser mais organizados, o stress veio do montar a tralhas e depois desmontar e juntar tudo, enquanto nossos vizinhos, chegaram, montaram organizaram e pronto...

Mais um motivo para levar nosso filho a acampar, além do espaço e ar livre é apreender a organizar as tralhas! E isso vale mais pra gente do que pra ele!

É cansativo, estressante, programa de índio, mas vamos de novo sim! ::otemo::

Link para o comentário
  • 1 mês depois...

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

  • Conteúdo Similar

    • Por Par de Sorrisos
      PARQUE DO VARVITO, ITU 🏞: Excursionando no monumento geológico no interior de SP | Vlog viajante 🌎
       
       
      Oi gente! Estando em Itu visitamos o Parque Geológico do Varvito e tivemos o luxo de fazer uma caminhada em um monumento geológico no interior de São Paulo, foi uma caminhada e tanto. Visitamos o parque com 280 milhões de anos de antiguidade, um privilégio. Damos a você a nossa experiência neste vídeo que fizemos com amor.   00:00 Intro 00:21 Parque Geológico do Varvito 06:54 Bloopers 07:45 Despedida   Como é natural, fofo e divertido o Parque do Varvito.   Sejam felizes e bebam água 💧 .   Um beijo! 💙   Inscreva-se em nosso canal: https://bit.ly/2MY7eF2   Junte-se a nós em nossas aventuras: • Facebook | https://facebook.com/pardesorrisos/ • Instagram | https://instagram.com/pardesorrisos/ • Patreon | https://www.patreon.com/pardesorrisos/   A música que nos acompanha • Spotify | https://spoti.fi/2MZz1oq   Entre em contato conosco: [email protected] Par de Sorrisos é a visão de Wilfredo Chiquito e Helen Negrisoli de nossas aventuras ao redor do mundo. Junte-se a nós!
    • Por Par de Sorrisos
      Caminhada no Centro Historico de ITU, SÃO PAULO: Cidade dos EXAGEROS ⛪️☎ | Vlog viajante 🌎
       
       
      Oi gente! Convidamos você a um passeio pelo Centro Histórico de Itu. Essa cidade do interior de São Paulo que tem muita história pra contar. Passeamos por lá e mostramos um pouquinho pra vocês um pedaço do Centro da cidade, onde está o o tão famoso Orelhão de Itu.   00:00 Intro 00:30 Itu, São Paulo 01:04 Igreja Matriz Nossa Senhora da Candelaria 02:00 Praça Padre Miguel 02:27 Orelhão de Itu 03:07 Loja Exageros de Itu 05:14 Centro Historico de ITU 05:51 Bloopers 06:32 Despedida   Espero que gostem fizemos com muito carinho.   Sejam felizes e bebam água.   Um beijo! 💙   Inscreva-se em nosso canal: https://bit.ly/2MY7eF2   Junte-se a nós em nossas aventuras: • Facebook | https://facebook.com/pardesorrisos/ • Instagram | https://instagram.com/pardesorrisos/ • Patreon | https://www.patreon.com/pardesorrisos/   A música que nos acompanha • Spotify | https://spoti.fi/2MZz1oq   Entre em contato conosco: [email protected] Par de sorrisos é a visão de Wilfredo Chiquito e Helen Negrisoli de nossas aventuras ao redor do mundo. Junte-se a nós!
    • Por sandro.skater
      Olá amigos, tudo jóinha?
       
      Estavamos com muita vontade de acampar novamente e após ler vários relatos de outros campistas sobre suas viagens decidimos conhecer o Camping Chapéu de Sol, que fica localizado em Itú/SP.
       
       

       
      Saimos um pouco atrasados de Paulínia-SP rumo ao nosso destino, chegando a noite na cidade de itú, entrei em uma rua muito escura e o danado do GPS me "ordenou" que virasse a esquerda e como a rua estava muito escura o motorista aqui não enxergou uma enorme corrente que impedia a passagem de carros pela abertura e acabei abraçando a corrente com meu carro. Fiquei um pouco chateado por ter riscado um pouco meu companheiro de aventuras, mas por pouco tempo e após conseguir escapar da fúria daquelas correntes retomamos nosso destino até a chegada no camping as 21:00 horas da noite de sexta-feira. Assim que chegamos já fomos recebidos pela hospitalidade campista do Luciano que estava em uma T6 com sua família logo ao lado da gente, eles nos emprestaram uma extensão e sua iluminação para que pudessemos montar a nossa barraca. Achei muito legal isso, pois nos dias de hoje no mundo que vivemos essas atitudes são cada vez mais raras, mas observo que as pessoas ali acampadas em sua maioria já tem este espírito campista de fazer o bem sem olhar a quem, sempre estar disposto a ajudar, este tratamento foi o que mais nos impactou, pois ao ser tratado bem é espontâneo querer fazer o mesmo para outros e assim virando uma corrente positiva de ajuda ao próximo. No segundo dia chegou um pessoal com uma barraca igual a minha e estavam tentando montar pela primeira vez, como eu já tinha aprendido montar a minha fui dar uma pequena ajuda aos colegas e fiquei muito feliz com isso.
       
      Após finalizar toda a montagem estavamos cansados e com fome, minha amada fez um delicioso churrasquinho na chapa, comemos e desmaiamos na cama.
       
       
       
      Acordamos com a orquestra dos passáros, tomamos nosso café da manhã na barraca e fomos direto para piscina curtir o dia.
       
      O lugar é muito legal, lá tem de tudo um pouco: 04 piscinas, sauna, tiroleza, restaurante, um gramado maravilhoso para aquele cochilão embaixo de uma arvoré após o almoço.
       
      Nos primeiros dias fizemos nossas refeições na barraca mesmo em nosso humilde fogãozinho e apenas no domingo almoçamos no restaurante para experimentar uma comidinha diferente.
       
      Também fizemos novas amizades onde pudemos conhecer além da família do Luciano, esposa e seu filho Gabriel, conhecemos também a família da Ana Paula e seus filhos: Pedro e Toninho.
       
      No domingo as 18:00 fomos embora para casa, afinal de contas alguém nessa família tinha que trabalhar né?
       
       
      As crianças amaram o camping e nos também. Agora, vamos esperar um pouco mais até a nossa próxima aventura, trabalhar bastante e juntar um dindin para novas aventuras, senão a família caramujo quebra o papai, kkkkkkkkkkkkkk
       
      Acesse nosso blog para ver as fotos do local
       
      http://familiacaramujo.blogspot.com.br/
       
       
      um abraço e até a próxima
       
      Família Caramujo

×
×
  • Criar Novo...