Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

TAILÂNDIA, MYANMAR, LAOS, VIETNAM E CAMBOJA EM 2 MESES (DICAS, FOTOS, VIDEOS, DAY BY DAY)


Posts Recomendados

  • Membros
Pedro, faz meses que venho pensando em partir em uma trip dessas, mas estava só pesquisando e tomando coragem. Seu relato me deu uma injeção de animo tremenda.

 

Esperando ansiosamente pelos próximos post, via me ajudar muito no planejamento ::otemo::

 

Abraços!!!

 

Valeu Rodrigo, estou fazendo o relato exatamente para incitar o pessoal a ter coragem a viajar. Essa trip é mais acessível do que você possa imaginar! Abraços.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 115
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

Mais Ativos no Tópico

Postagens Populares

** DIAS 10/11/12 - BAGAN **   Bagan, com toda a certeza, está no meu TOP ONE de toda a trip. Para chegar em Bagan, como sempre, basta pegar um ônibus noturno e de madrugada você já chegou na cidade.

Olá, dá sim viu. Refeições são baratas, hospedagens e tranporte também!. Essa grana dá pra ir duas vezes a Asia. ehhehe Abraço

**DIAS 17/18 SLOW BOAT ATÉ LUANG PRABANG**   Estava em Chiang Mai e precisava chegar no Laos. Eu tinha duas opções: pegaria mais um voo ou iria em um barco lento atravessando o Delta do Laos, com b

Posted Images

  • Membros

*** DIA 6 - KYAIKTIYO PAGODA/GOLDEN ROCK ***

 

Depois de dormir dois dias em Yangon e já estando deslumbrado e totalmente apaixonado pelo exotismo e misticismo de Myanmar, não podia deixar de conhecer um dos lugares mais famosos e sagrados do país: a Pedra Dourada na Kyaiktiyo Pagoda. Para se chegar lá pegue um ônibus da bus station de Yangon, a duração da viagem é de mais ou menos umas 4 horas, então saia cedo. A cidade não tem nenhum atrativo e em um dia dá para conhecer o local. Porém se você quiser sentir a experiência mais incisiva ainda do que a que eu senti (e se você tiver tempo), indico dormir no local com os peregrinos: o por e nascer do sol juntamente com milhares de fiéis e devotos deve ser uma experiência inenarrável. Eu cheguei lá pela manhã, deixei minhas bagagens em um hotel, conheci o ponto de interesse, voltei a noite para a cidade e já peguei um ônibus para Mandalay a noite (passei a noite dormindo e de manhã cheguei). Agora conto e mostro um pouco mais de minha experiência:

 

GOPR6360.jpg.b492d7cdfbeeb0a1e0929dbd8b9ae205.jpg

 

GOPR6369.jpg.1ac61841394d874e43b41e2796b4bb10.jpg

 

GOPR6366.jpg.1eb34a241c83a9147e31e61516720ab0.jpg

 

IMG_6035.jpg.fffaf4653093b5dfb376183fdb9acdc0.jpg

 

IMG_6040.jpg.dafffcf832c1b404ebc21b83b7545f8c.jpg

 

GOPR6375.jpg.2cbdbb71d283d07565f92948c58d45c9.jpg

 

IMG_6042.jpg.4a8ee43cccc9c767ab69f46cd78dea79.jpg

 

IMG_6046.jpg.a5cdb5b866b699f6813c4f99a2c4725f.jpg

 

IMG_6047.jpg.58a8c7625ec3e0d4aa22bf8e2d8421cd.jpg

 

Cheguei na famosa Golden Rock, onde Glória Maria veio aqui milhões de vezes. A similitude com o Horto do Juazeiro do Norte é impressionante, para não dizer igual. Você viaja até o interior, pega um pau de arara com vários peregrinos e atravessa lindas montanhas e florestas até chegar na pedra. Onde você vê várias pessoas de fé e suas famílias acampando e idolatrando a relíquia religiosa, que é uma formação natural, para eles aqui, é o cabelo de Buda que segura a pedra sobre a outra. Mulher não entra, nem pode tocá-la, apenas homens. Eu toquei e tanta gente coloca folhas de ouro que já virou uma grossa casca, impressionante. Não quis dormir lá como os peregrinos, por falta de tempo, mas que vale a pena sentir essa fé, vale.

 

 

IMG_6056.jpg.9f684ae70e12ffa6b52b149ad168c916.jpg

 

GOPR6412.jpg.96a10874717ce4d26275c327f0b8adec.jpg

 

IMG_6075.jpg.6f666553d31cf4e5aae0ad025e89e271.jpg

 

IMG_6077.jpg.e56e554437a4ca551dc7431158c2565e.jpg

 

IMG_6081.jpg.4e990df2aad30e746bbb115f5d3f5d15.jpg

 

IMG_6087.jpg.9852517a60211ac2f71b16e71529bcec.jpg

 

IMG_6091.jpg.d9ecd9a0bc6429ceaf5d858561d6d378.jpg

 

IMG_6100.jpg.2f17e5aedd57f45b8b5521d9b8a62ef8.jpg

 

IMG_6103.jpg.f4f6eedd485331abb0834635ea179f54.jpg

 

IMG_6116.jpg.1021b006f41385da698ec9d257fbdc1c.jpg

 

IMG_6128.jpg.04b93e9d99d5ddf5c4f10e8c076517fb.jpg

 

GOPR6415.jpg.2dbbcacdfb89364943d0edd9c0d681b2.jpg

 

E ainda tem muito mais do Myanmar.

 

PS.: Alguém sabe me explicar como posso postar vídeos aqui no Fórum? Obrigado. =)

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
Acompanhando! Tá ficando show!!

 

Pra postar videos, é só colocar o link do video no meio deste comandos: Inserir o link do video no YouTube

 

::cool:::'> ::cool:::'>

 

Valeu DSS, daqui a pouco tem mais. Obrigado pela dica de como postar vídeo, pensei que podia postar direto aqui no Fórum como as fotos! ::otemo::

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 3 semanas depois...
  • Membros

*** DIA 7/8/9 - MANDALAY/INWA/AMARAPURA ***

 

Depois de ficar um dia na Golden Rock, decidi com minha amiga não dormir na cidade, foi apenas uma day-trip e a noite pegamos um ônibus noturno para Mandalay. O valor era de 14 dólares, por uma noite toda de viagem. Chegamos a cidade de manhã e ficamos em um Hotel no centro, já que na cidade, pelo que me recordo não possui hostels. O quarto para duas pessoas custou 20 dólares, em um hotel bem velho, mas nada que não possa suportar. Ao chegar na estação de ônibus é só perguntar e pedir a qualquer taxista para te deixar no hotel mais barato da cidade que ele vai fazer isso (e negociar a corrida é claro). Chegamos ao hotel, deixamos nossas coisas e já fomos explorar a cidade. Mandalay é aquela cidade que parou no tempo e aos poucos vai abrindo suas portas ao mundo. As pessoas, como em todo Myanmar te olham estranho, a comida é aquela de rua e o exotismo é constante. Como eu não repito de dizer, Myanmar é mais que uma viagem, é algo sensorial, uma verdadeira experiência. As fotos falas mais que eu.

 

IMG_6134.jpg.ec434de7c473166af1abd8390d3c9634.jpg

 

IMG_6135.jpg.2ac48b59226357f663f190f53972e17e.jpg

 

IMG_6142.jpg.341090fd072ce6d7abde914dbdde8cfd.jpg

 

IMG_6149.jpg.33b7369fc4ed4146320584a75796c742.jpg

 

IMG_6150.jpg.5aa4965bdeef94094caf3263b38af78d.jpg

 

IMG_6153.jpg.b9f0ba19745f2c4b2e18e5a8dc5385fa.jpg

 

IMG_6160.jpg.0855cd64ab67d7afcba9ad9c2726a148.jpg

 

IMG_6171.jpg.af1437758cc3bf1ad7b38b05c47b399f.jpg

 

IMG_6185.jpg.f173c2a9809932bffd9b8a6ba5dd2555.jpg

 

IMG_6195.jpg.39d7060e798a28e49798281764438622.jpg

 

IMG_6191.jpg.dc76a2a298b647ccea0bf76a8b1ded1f.jpg

 

IMG_6212.jpg.cf6e5625de851ab9bc6b857ff092c271.jpg

 

IMG_6222.jpg.c6fe794d7671a05964cbde8b6db1d3e3.jpg

 

Depois de conhecer a cidade de Mandalay, resolvemos conhecer duas cidades vizinhas e para isso alugamos um taxi para nos acompanhar todo o dia que nos custou 10 dolares cada (para duas pessoas, quanto mais, mais barato) o custo benefício é ótimo, já que as cidades são distantes e ele te leva pra conhecer os principais locais.

Inwa é uma cidade arqueologica que fica bem perto de Mandalay. A cidade, fundada por Thadomin Paya em 1364, foi a capital do Reino de Ava nos séculos XIV e XV. Com edificios religiosos imitando os de Pagan, viveu a idade de ouro da cultura birmanesa, ficou pouca coisa do seu esplendor, a maior parte dos seus monumentos foram arrasados por um terremoto em 1939, mas é uma visita que com certeza, vale a pena de se fazer. Explorar Ava com uma charrete e pagando apenas 6 dolares pelo passeio, é inenearrável.

 

IMG_6227.jpg.1302885e83ec10133ee445cf945efd72.jpg

 

IMG_6250.jpg.c8da0a12364a085a7ee465e2d04fee0f.jpg

 

IMG_6284.jpg.dd42d648b519e5c41034658e0cea8ac0.jpg

 

IMG_6291.jpg.10199fb333f93986baa6de7120bb218c.jpg

 

IMG_6305.jpg.2f1dd2473ffa77f85834c7936c0cbc98.jpg

 

Amarapura ficou também inclusa no passeio e é o local da maior ponte de madeira do mundo.

 

IMG_6325.jpg.7a5b2d2ccb599878304aed169ed05e9e.jpg

 

Ponte U-Bein: "Para os moradores de um lago em Amarapura, o primeiro dia de lua cheia é especial porque eles acreditam que Buda teria nascido em um dia como esses.

Todo final de tarde, na cidade de Amarapura, em Mandalay, centenas de pessoas cruzam a ponte mais importante do país. A ponte U-bein é um dos grandes orgulhos de Myanmar. Ela tem 1.200 metros de comprimento e é toda de madeira. É a maior ponte de madeira do mundo. Ela fica sobre um lago que liga dois vilarejos. A ponte começou a ser erguida em 1847. Levou dois anos para ficar pronta. E tem 1.086 alicerces.

O grande barato é cruzar a ponte no fim de tarde para assistir o pôr do sol. Parece uma cerimônia, um ritual, mas é simplesmente mais uma grande exibição da natureza nessa terra dourada."

 

IMG_6339.jpg.6f3b9d6576bccc43ff0b11377da562f9.jpg

 

IMG_6360.jpg.d761e92eccc93591da1f33604bd9f133.jpg

 

IMG_6391.jpg.cc301b92a7a73bb19b208068c1758025.jpg

 

IMG_6432.jpg.cc8e3978d8594140542f1eefebe441fe.jpg

 

IMG_6439.jpg.da8b2b7b3f85d8f2b2c72b327d69d6e1.jpg

 

IMG_6468.jpg.1dba343cd3362a1248b64a7ac7eedefb.jpg

 

IMG_6447.jpg.40b873d6d3fab845fb5d1b71ea1a6ad2.jpg

 

IMG_6502.jpg.065d910260d0d7da54dbf8a40164c6fe.jpg

 

IMG_6509.jpg.32602b83bdc595551690a06c5b624ee0.jpg

 

GOPR6448.jpg.d3a59eda34224ceaabe1fc0b9bc3a00f.jpg

 

GOPR6457.jpg.099d44ecdaccb0e9ebe4717fbc5a2ad9.jpg

 

GOPR6474.jpg.5efa154cc9026068e8537ce9dde145f6.jpg

 

GOPR6492.jpg.35aa50657f9be7f55fecdafca203eac9.jpg

 

GOPR6624.jpg.59ff10689de1bcd8b27635343ec9a2da.jpg

 

GOPR6667.jpg.2c5f3d5e44e4e43615885603b53d86af.jpg

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 1 mês depois...
  • Membros

** DIAS 10/11/12 - BAGAN **

 

Bagan, com toda a certeza, está no meu TOP ONE de toda a trip. Para chegar em Bagan, como sempre, basta pegar um ônibus noturno e de madrugada você já chegou na cidade. Primeiro, antes de tudo fique hospedado na Old Bagan, onde estão concentrados os hostels/hotels e tudo é bem próximo do complexo arqueológico. Ao entrar na velha Bagan, esteja preparado para pagar um ticket de manutenção de 15 dólares (preço bem barato pelo que a cidade pode te oferecer). Imprescindível também você alugar uma e-bike, coisa de 10 doláres por dia, fácil de andar e recarregável, você tem a facilidade de trocar e deixar a descarregada carregando. Paguei 25 dólares em um hostel com um qarto para duas pessoas, já que o dormitório estava lotado. Não fiz reserva, é só chegar lá, pedir para o taxista te deixar em um hotel barato e dito e feito.

 

Se prepare para uma cidade sem muitas estruturas: constantes apagões elétricos, muita comida de rua, muita falta de estrutura, mercados populares e etc. Mas esse é o charme da cidade. Pegue sua moto e vá explorá-la, pegue um mapa, vá conhecer os lugares, observe as pessoas, os locais, é algo muito belo a se fazer.

 

Bagan é um complexo de mais de 3 mil templos. Para percorrer esses templos, de todos os tamanhos e formas é necessário no mínimo 3 dias, queria ter ficado ao menos uma semana, a cidade parece que me atraia como um imã. Sagrado acordar todos os dias, colocar um fone de ouvido com Enya e ver o nascer do sol e a saida dos balões:é algo que vai te marcar por durante toda a sua vida. Assim como necessário ver o nascer é necessário ver o por-do-sol religiosamente. Em pelo menos um dia veja o por do sol em um templo lotado de turistas, mas nos outros fuja do mainstream e vá para algum que não exista uma concentração tão grande deles.

 

IMG_5553.JPG.b61f470fb89d59fa05816a433f23fcb2.JPG

 

GOPR6680.jpg.212d42889be4c542eef54f4070ac1a31.jpg

 

Você não vai se arrepender.

 

IMG_6536.jpg.5bba129778543bf33a7a64b257698d91.jpg

 

IMG_6567.jpg.94edfc6f378c869ae20e4d5001e7e3cf.jpg

 

IMG_6552.jpg.f58f18f1e6c20f9d479f18b410af107b.jpg

 

IMG_6579.jpg.de517c9519cf3e7ce4dc8d9db828ccff.jpg

 

IMG_6584.jpg.aa0bda87f16f578f14b5f194675360f8.jpg

 

IMG_6616.jpg.0a46050f144eaf24dd10a8c07a108811.jpg

 

IMG_6590.jpg.c6f78ebba317c8b089d7c4d696a55fd5.jpg

 

IMG_6605.jpg.f32dadde24f3089b3619f05b57093e91.jpg

 

IMG_6626.jpg.6322da4eea0a3e62963da0289e70ef19.jpg

 

IMG_6635.jpg.df2adaa96713743d9e12069d6b212d2c.jpg

 

IMG_6650.jpg.1789ed7b3ae77eea86b590cd541bfc8d.jpg

 

IMG_6659.jpg.e9c3f8e20feb618220660c843d28f0cd.jpg

 

IMG_6677.jpg.ad3a3c370facdd4bc662384b43c4011b.jpg

 

IMG_6699.jpg.75ba25cf2d54d306352bbe24609f0a84.jpg

 

GOPR6689.jpg.80f09ba009d3f147c3b1105820d32c49.jpg

 

GOPR6715.jpg.b2ceb6f90878e024059a065e32870f9d.jpg

 

IMG_5555.PNG.293f506dd6b55f5f2214a8cb0335e5cd.PNG

 

 

IMG_5552.JPG.e939682c5ad2a041057cbeca9a6178b3.JPG

 

IMG_5559.JPG.61d9137ba0f57380a77bab56f66ad31d.JPG

 

E assim eu me despeço do Myanmar. Essa vaigem foi algo que expandiu minha consciência a um nível tão absurdo que eu nunca imaginei um dia poder ser assim. O país estava até há alguns anos atrás fechado ao turismo e o capitalismo vai se instalando agora e aos poucos. Então é tudo novo a população, eu acredito que o turismo não será o mesmo daqui a alguns anos, como não foi a alguns anos atrás. Então quem tiver a oportunidade de conhecer esse país agora que vá e não o deixe de incluir em seu roteiro: é bonito, barato, sensorial e além de tudo surreal.

 

PS.: Desculpem a demora ao postar, mas estou em uma fase de concursos, mas sempre que der irei postando. Abraços!

  • Gostei! 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 semanas depois...
  • Membros

Olá, gostaria de agradecer por ter postado este relato tão rico em detalhes.

Estou planejando viajar para Tai, Vietnã e Camboja em novembro, serão 30 dias líquidos.

Sei que você ficou 60 dias, e tenho uma dúvida quanto ao orçamento.

Você acha que com 12 mil dilmas (fora passagem) dá pra ser feliz no sudeste asiático??

Obrigada,

Talli

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...