Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Mochilão dos 100 dias: PE-Cusco, Arequipa, Ica , Paracas, Lima, Huaraz, Trujillo, Chachapoyas, Cajamarca, Chiclayo) EC e CO ¿Por qué no?


Posts Recomendados

  • Membros de Honra

De volta aos relatos enormes e intermináveis... e esse vai ser mais enorme e interminável ainda, rs.

 

Mas tem alguns poréns, vou começar com eles pra ser o mais justa possível com vocês. ::mmm:

 

Não espere maravilhas de detalhes como no relato alcoolico do primeiro mochilão, ou do segundo cheio de frio e balada, ou do terceiro de neve a deserto... Primeiramente, foram muitos dias de viagem e eu não lembro de tudo mais! ::lol3::

 

Minha vida pessoal fez com que esse mochilão tivesse momentos estranhos... dias de deprê, dias de foda-se, dias de tudo... vou tentar pular esses detalhes e se não fizer sentido, não vai fazer... cest la vie, rs.

 

E eu gostei muito do estilo do Lico de dividir por países e eu vou copiar mesmo, na caruda e fazer assim ::otemo:: Pra mim ficou mais fácil de pesquisar, vou seguir o modelo!

 

Agora além de mochileira eu sou blogueira, então tem muita coisa que está lá e vou colocar altos links... se quiserem clicar e ver os detalhes no O Melhor Mês do Ano também, eu ficaria muito agradecida =)

 

Explicações dadas, vamos a história:

 

Peru – É esse aqui mesmo!

Equador – link relato (a ser colocado quando eu chegar lá, rs)

Colômbia – link relato (idem)

 

roteiro.png.5373dfbcdf4252ba04f8fd189bb8efee.png

 

Mentira, vamos a história de antes do mochilão começar...

 

E a vida... a vida é uma caixinha de surpresas.

 

O blog começou assim, um hobby e também um facilitador... tanta gente me perguntava de tanta viagem e eu acabava tendo que contar a mesma história n vezes (não isso não é um problema na mesa de um bar, com uma geladinha... mas as vezes cansa um pouco digitar tudo várias vezes, rs). E começou, e está indo, sem muitas pretensões, naquela que gentileza gera gentileza e que tem sempre gente querendo informações.

 

O Melhor Mês do Ano surgiu porque a maioria de nós, meros mortais, tem aquela vida de 11 meses de trabalho e um mês de férias. Não falando que todo mundo odeia o trabalho nem isso, mas não dá pra comparar férias com a vida 'normal' né? Aquele período de break, que você gasta todas as forças curtindo, mas volta com maior pique depois, revigorado.

 

Eu era assim... ou ainda sou, mas tirei um tempo do meu eu de um mês por ano.

 

As coisas em Joinville nunca estiveram muito certas pra mim, era uma cidade que eu não gostava e meus amigos e família estavam longe. Vivia na ponte aérea. E eu sofria, mas não queria admitir...

 

A vida, a caixinha de surpresas, me deu um presente, uma demissão sem justa causa. Nunca achei que comemoraria tanto essa conquista. E ouvi pachamama me dizendo bem baixinho "vem, vem me ver de novo...."

 

E eu ouvi... e fui!

 

Pra ajudar, já tinha uma viagem programada pro Peru (e uma que foi desprogramada pra Gramado). Ia em agosto pro Peru, sem passagem de volta e de coração dividido.

 

E assim começou...

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 32
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros de Honra

Dia 1: Viagem SP – Lima – Cusco

 

Malditas passagens promocionais (rs). Meu voo saiu de SP as 3 e tanto da manhã, um voo da LAN horroroso, eu com 1,65 de altura não conseguia me mexer direito na poltrona... Não dormi nada, cheguei moída em Lima as 7 da manhã (hora local).

 

O plano era pegar o insano ônibus de um dia de chacoalheira até Cusco, mas o espírito consumista invadiu meu ser e eu resolvi comprar um voo pela Peruvian Airlines, por USD94. Uns 30 dólares a mais do que o bus da Cruz del Sur. Ok, me venceu...

 

O bom é que o voo sairia em uma hora, então nem precisei enrolar muito no aeroporto... eu tava uma zumbi!

 

Bom, bem de boa o voo, um pouco mais de uma hora num aviãozinho pequeno, com serviço de bordo quase inexistente (mas com habas, que é um negócio que junto com o maíz gigante, me faz falta com cervejinha aqui no Brasil).

 

Chegada em Cusco e mais problema... agosto, alta temporada, não consegui vaga no hostel que eu tinha reserva (loki loki loki oi oi oi), e sim, eu gosto mesmo do Loki, já tinha ficado lá em 2011 e não tinha porque não ficar lá de novo. A atmosfera é ótima, sempre fui muito bem atendida, tem o porém da escalada que tem que fazer pra chegar lá... mas ok, é bom pra aclimatar hahaha ::hein:

 

598dc2a2ba406_plazadearmas.jpg.ebafcf79b20dd8e6d0194e45317188cd.jpg

 

Acabei deixando meu mochilão lá no Loki e fazendo uma mochilinha pra um dia e saí em busca de um hostel pra essa noite. Acabei parando no Pariwana, que é bem bacana também (mas não posso dar muita opinião sobre ele, afinal, só dormi por lá mesmo).

 

Esse dia foi perdido total, eu tava um bagaço e praticamente só comi e dormi.

 

Sem grandes histórias =/

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Dia 2) Cusco – dia de aclimatar

 

Ah Camila, mas você ficou um dia a toa só dormindo precisa aclimatar?

 

Já falei que foi slowmotion a viagem, não? Rs ::mmm:

 

Como meu plano era de passar uns 10 dias em Cusco, queria explorar bem a cidade e esse dia foi bom pra planejar.

 

Mas Camila, você já não foi pra Cusco? Já não conheceu tudo lá? Precisa planejar?

 

Sim, precisa. Eu não queria fazer nada com agência, queria conhecer tudo por conta... fora que da outra vez eu fiquei 5 dias e voltei pra casa com a maldita sensação que queria ir pra MP de trilha, que queria dormir uma noite em Ollanta, que queria conhecer de verdade e não como turista.

 

Esse dia me serviu pra walk around sem muito propósito, trocar dinheiro, fazer o check in no Loki, comprar o boleto turístico, ir na farmácia (inflamou um nódulo que eu tenho na perna.. um bom jeito de começar a viagem =/ ), mercado...

 

E ir no posto oficial de informações turísticas.

 

Isso eu quero frisar bem. Vá lá! Sempre vá nas cidades onde passar. É uma fonte fantástica de dicas, gente que sabe, que é paga pra isso. Mas vá com ouvidos atentos, eles podem ser pagos pelas agências também... rs. Senso crítico de viajante sempre alerta.

 

Lá no posto (fica na Calle Marquez Mantas, quase com a Av El Sol) fiquei quase uma hora, conversando com um moço muito querido, que me deu um mapa muito bom e todas as dicas que eu precisava:

 

- Como fazer Maras e Moray – que no fundo era um saco pra ir por conta e eu acabei indo de tour

- City tour – que é ridículo ir por conta, sai mais barato e rende fotos sem turistas

- Valle Sagrado – que também é muito fácil e barato (e muuuuuuito mais completo ) do que ir com agênca

- Como ir de Ollanta até Santa Teresa (que a dica foi: ‘lá em Ollanta vc descobre...’ e não deu certo...)

- Como ir a Tipón e Pikillacta... que até era bem fácil ir por conta, mas iria sair mais caro porque eu não ia ter com quem dividir o taxi...

 

Valeu muito a visita e eu indico pra todos, façam isso porque na pior das hipóteses você fica com um bom mapa pra consultar, rs.

 

Uma andada pela cidade, fui atrás da pedra de 12 ângulos. Um daqueles pontos que vc pensa ‘aqueles fdp eram perfeccionistas demais, tá loco’... Fica superperto da plaza de Armas, vale a visita com certeza!

 

598dc2a2c31fa_piedra12angulos.jpg.56e2c9a2f784fcf2ceacdd80977f1ddb.jpg

 

Bom, com o Boleto Turístico na mão (quer mais detalhes dele? Escrevi um post falando uma por uma o que é cada atração, mas vai acabar aparecendo tudo aqui no relato, calma rs.) fui atrás do Monumento Pachacutec, que fica no fim da Av El Sol. Dá-lhe caminhada e cheguei lá.

 

pachacutec.jpg.d4a587d2c553fb87542516552dd1fdd8.jpg

 

Imponente, né?

 

Por dentro tem um ‘mini museu’ fala um pouco da história desse Inca. E chegando lá em cima tem uma vista massa de Cusco também =)

 

E o melhor, tudo de ‘graça’ (porque está incluído no Boleto Turístico e com certeza vc vai precisar comprá-lo!)

 

Também aproveitei pra achar uma agência pra fazer o tour Maras e Moray no dia seguinte. Fiquei rodando e rodando em várias agências, regateando tudo o que eu podia... consegui por S25 =)

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...