Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

Posts Recomendados

A South Kaibab Trail não é nada fácil, mas retribui com panoramas incríveis cada passo da caminhada

20090729124348.jpg

 

Rio Colorado ajudou a esculpir as rochas, num local onde já foi um oceano GRAND CANYON - O movimento no Yaki Point começa antes das 8 horas. O vento é gelado, a névoa ainda esconde as cores do Grand Canyon. Pouco a pouco chegam jovens falantes, famílias completas e senhoras com preparo físico aparentemente incompatível com a aventura que terão pela frente. A South Kaibab Trail não é fácil.

 

A guia do parque vem em seguida. Ela vai acompanhar o grupo cânion abaixo. Começa dizendo que 4,5 milhões de pessoas visitam o santuário todos os anos, mas só 5% se arriscam a encarar o trekking. Ou seja, experiência para poucos. Isso faz você se sentir vitorioso antes mesmo do início da caminhada.

 

Todos olham o cânion de cima pela última vez, respiram fundo e se preparam para o desafio. O sol ameaça furar o bloqueio das nuvens.

 

O grupo desce o penhasco em zigue-zague. Poucos passos são suficientes para mudar completamente o panorama: estamos agora dentro do Grand Canyon. Quanto mais avançamos pela enorme cratera, mais a paisagem se espalha diante de nossos olhos.

 

Dá para sentir o cheiro da terra, tocar nas pedras, ver detalhes das formações geológicas, das plantas, das flores. "Tudo isso já foi oceano", explica a guia. O choque de placas tectônicas fez erguer o cânion e, por capricho, manteve os platôs todos no mesmo nível. O Rio Colorado ajudou a esculpir as rochas e a formar esse cenário de cartão-postal.

 

A diversidade de ecossistemas tem a ver com a altitude, o clima, a presença de água. O parque é o refúgio de raras espécies animais e vegetais. "São 1.500 tipos de plantas, 355 de pássaros, 89 de mamíferos, 47 de répteis, 17 de peixes..."

 

Nesse ponto você já não ouve tudo. Estamos sobre um mirante natural, diante de um cânion com cores vivas. Faz calor, muito. Um gole de água para refrescar e renovar o fôlego. O visual muda com o vaivém do sol.

 

O grupo já perdeu o ritmo e cada um desce como pode. Dá para percorrer a South Kaibab sozinho, como qualquer outra trilha do parque. Mas ter uma guia por perto representa segurança e algumas informações adicionais pelo caminho.

 

:idea:UM PASSO ALÉM

Quase duas horas depois - e 2,5 quilômetros de caminhada -, alcançamos o Cedar Ridge, parada obrigatória para quem precisa se refazer do esforço. A guia se despede aqui, o resto é por sua conta. Você pode descer mais 2,5 quilômetros até o Skeleton Point, de onde se vê, pela primeira vez, o Rio Colorado. Mas como fica a volta?

 

Na dúvida, passe mais tempo por ali. Aproveite para deitar na borda do desfiladeiro. Com a câmera nas mãos, claro. Em qualquer direção há uma foto indispensável, ainda mais se o sol estiver brincando de se esconder nas nuvens. Condores californianos empurram o ar, produzindo um som grave. No mais, só os passos e a respiração ofegante dos outros aventureiros.

 

Mas a terra exerce uma força inexplicável. Você quer ir além. Avança mais alguns metros, para em outro mirante, cruza com pessoas ímpares. Como os dois homens que tentam ensinar meditação aos turistas. "Deite de barriga para cima, coloque a palma das mãos no chão, sinta a vibração da terra", dizem. Faça uma tentativa. Ou não.

 

A vontade de ver um fiapo que seja do Rio Colorado não vence o cansaço. Com o sol a pino, muitos preferem voltar. A subida é cruel: 350 metros. É melhor ir parando vez ou outra. Ao olhar para trás, a certeza de que cada passo valeu a pena.

 

:idea:CHECK-LIST

Planejamento: conheça a rota, leve mapa, lanterna, casaco e capa de chuva. O tempo muda muito ao longo do dia. No verão, as temperaturas variam de 4 a 30 graus. O inverno é rigoroso: a máxima não passa dos 9 graus e costuma nevar à noite

 

Conforto: no calor, diminua o ritmo e escolha caminhar nos horários de sol mais ameno. Molhe a camiseta e o chapéu para refrescar. No frio, vista-se em camadas e não esqueça o gorro

 

Ritmo: se você conseguir conversar durante o percurso, está no ritmo certo. Se estiver sem fôlego, descanse alguns minutos. E lembre-se de que a subida leva o dobro de tempo da descida

 

Paradas: sente, estique as pernas e respire por 10 minutos pelo menos uma vez a cada hora

Lanche: na trilha, coma frutas, salgados e beba água ou isotônico

Compartilhar este post


Link para o post

Compensa muito descer até o Skeleton Point!!!

A subida, realmente não é fácil, mas acho que sem esse calor todo seria mais fácil de encarar.

Mas, o que não tem preço mesmo, é descer até o Colorado e atravessar suas pontes. A beleza do Canyon se vê mais quando se desce do que de lá de cima.

Compartilhar este post


Link para o post

Em julho de 2010 desci a South Kaibab com minha esposa e duas filhas (5 e 7 anos). Nos preparamos bem para o hiking, especialmente para a subida (que fizemos pela Bright Angel Trail). Dormimos num acampamento junto ao Rio Colorado. Sao 11 km pra descer e 14 pra voltar. O grande problema eh que a diference "vertical" eh de mais ou menos 1300 metros. Eh tudo MUITO ingreme.

 

Nao somos experientes na trilha; pra gente, fazer essa trilha foi o ponto alto da viagem de um mes pelo Oeste americano.

 

Importante saber:

 

- na South Kaibab nao tem agua: vc precisa levar uma base de uns 4 litros para a descida toda. Lah embaixo vc encontra agua novamente. A Bright Angel jah tem agua em 3 pontos da trilha.

- vc precisa pegar uma autorizacao, no "Backcountry Office" pra acampar lah embaixo. Tem um camping demarcado, mas os lugares sao limitados.

- em qualquer hiking no Grand Canyon ou em outros desses parques nacionais no Oeste, o melhor investimento da sua vida eh um par de botas (cano alto) decentes.

Compartilhar este post


Link para o post

Queria descer até o Rio Colorado a partir do Lodge Yavapai. É possivel fazer essa descida e subida num mesmo, das 06.00 as 14.00, dia, pois volto para Las Vegas as 15.00horas, ou devo ir até a metado do caminho ? Tenho um bom preparo, equipamento e faço treking relularmente. Se alguém puder me dar uma dica, agradeço

Compartilhar este post


Link para o post

Conforto: no calor, diminua o ritmo e escolha caminhar nos horários de sol mais ameno. Molhe a camiseta e o chapéu para refrescar. No frio, vista-se em camadas e não esqueça o gorro

computer.gif

Compartilhar este post


Link para o post

O grupo já perdeu o ritmo e cada um desce como pode. Dá para percorrer a South Kaibab sozinho, como qualquer outra trilha do parque. Mas ter uma guia por perto representa segurança e algumas informações adicionais pelo caminho. computer.gif

Compartilhar este post


Link para o post

Pessoal, belas informações!

Estou me programando para ir em novembro. Não me importo muito com frio, suporto bem.

Mas como meu objetivo é fotografar, quero saber se o tempo fica aberto, com sol. Chuvas e tempo fechado não me animam muito não!!

 

abraços

Márcio

Compartilhar este post


Link para o post

Bom dia galera !

Estou indo agora em Outubro para Los Angeles e conhecerei o Grand Canyon. Gostaria de saber mais sobre a trilha, se e bem sinalizada e se possui guia. Escalo, malho e faco trilha regularmente mas estou indo com dois amigos que somente um malha e o outro e sedentário, rsrs. A trilha e muito pesada? Como consigo mapas e quanto tempo de trilha?

 

Grande abraco

Compartilhar este post


Link para o post

Ezequiel, as trilhas são bem sinalizadas, além disso, muito batidas e com muitos turistas trilhando.

Mesmo seu amigo sendo sedentário, acredito que não terão problemas. Apenas não arriscaria descer até o rio Colorado, finalizando a trilha no mirante. Ir até o rio seria um bate e volta muito forte, mesmo pros preparados.

 

Mapas vc encontra facilmente na internet e no site do Grand Canyon National Park. Além do trajeto, tem altimetria e mais informações diversas. Pode baixar para planejamento seu, e se quiser, comprará facilmente os mapas nas lojinhas lá no parque mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post

Ola pessoal

 

Vi que tem pouquíssimas informações sobre essa trilha e fiquei feliz de encontrar esse tópico. Minha ideia era faze-la em fevereiro. Minha dúvida é de onde ela parte? Do sul do parque? E se tem ônibus saindo de Vegas até essa entrada que não seja os turísticos bate e volta?

 

Desde já muito obrigado pela ajuda

Compartilhar este post


Link para o post

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

  • Conteúdo Similar

    • Por matmper
      Em outubro vou viajar para o Estados Unidos, e preciso de uma mala de mão.
      Gostaria de uma mala dura, que possa ir a bordo, e comecei a olhar modelos e marcas, e então encontrei uma promoção sobre a Travelux Lugano, e gostaria se alguém conhece ao menos a marca, uma mala de R$350 por R$200 na loja Portal das Malas: https://portaldasmalas.com.br/mala-de-bordo-travelux-lugano-tamanho-p
      Opiniões sobre outras marcas e modelos e com cxb também são bem-vindas, obrigado!
    • Por CAIQUE LIMA
      Quero ir pra Los Angeles,porém quanto preciso levar? 20 mil reais da pra eu curti por quanto tempo? 
    • Por Luciana Torezan
      Quando decidi fazer essa viagem de motorhome juntamente com meu esposo, já conhecia Miami e Orlando mas queriamos uma viagem diferente. Primeiramente pensamos em viajar de carro para explorar as praias da região e ir até Key West. Mas a logística seria ruim visto que teríamos muito check-in e check-out em Hotéis ou seria preciso fazer bate e voltas. 
      Optamos pelo motorhome e foi a decisão mais acertada que fizemos. Foi uma viagem incrível, divertida, com flexibilidade de mudar a programação conforme nosso gosto, enfim, valeu muito a pena.
      Fizemos um post para nosso blog detalhando tudo: como alugamos, por onde passamos, como escolhemos lugares para dormir de graça, como foi ficar no camping da Disney (um sonhooooooo). Quem quiser conferir nosso relato mais detalhado é so clicar em https://casalabordo.com.br/motorhome-na-florida/.
      Se tiverem dúvidas, será um prazer imenso ajudar. Abraços viajantes.


    • Por lowpower
      Salve galera!
       
      Fiz a John Muir Trail em agosto desse ano e recomendo para todo mundo. Foram 389 km em 17 dias, com uma subida acumulada de mais de 16.400 metros.
      Fiz esse pequeno vídeo para mostrar um pouco de trilha e assim animar mais brasileiros a fazerem ela. Pelo que eu pesquisei, fui o segundo a fazer ela completa.
       
       

       
      Em breve irei postar um relato por escrito com todas as informações.
       
      Valeu!
    • Por Fora da Zona de Conforto
      Você já deve ter ouvido falar sobre os altos custos de saúde nos Estados Unidos. Uma das razões que tornam o seguro de viagem indispensável para quem está considerando viajar para terras norte americanas é que uma simples visita à emergência pode acabar saindo por mais de US$ 1.200.
      Assim, a preocupação para quem está considerando se mudar para os Estados Unidos, ou para quem já é residente ou cidadão, é ainda maior. O sistema de saúde por lá é bem difícil de entender e confunde até mesmo os americanos.
      Por isso, aqui vai uma breve exposição do que você precisa saber para garantir seu acesso à saúde nos Estados Unidos sem ir à falência (seja por meio do Obamacare ou por meio de alternativas ao Obamacare).
      Observação: o foco deste artigo é explicar o sistema de saúde dos EUA para você que seja de outro país (seja Indiano, Brasileiro, Mexicano, Chinês ou de qualquer outro lugar!). No entanto, a informação aqui também pode ser usada para cidadãos Americanos que estejam procurando assistência de saúde nos Estados Unidos!

      Continue lendo: 3 Melhores Sites para Pesquisar e Comprar Seguro de Saúde p/ Quem Vive nos Estados Unidos



×
×
  • Criar Novo...