Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Circuito Mantiqueira: C. do Jordão, S.Bento do Sapucaí, S. Francisco Xavier - Perguntas e Respostas


Posts Recomendados

  • Membros

Quando voltar pra Campos não deixe de passar no Horto Florestal!

 

Tem algumas trilhas lá dentro que podem ir bem longe, como a Trilha Celestina, deve ter us 8 km se não me engano, faz quase dois anos que fui nela pela terceira vez!

Essa trilha vc sobe sobe sobe sobeeeee soooobeee e lá em cima é muito bonito, depois começa uma descinda um pouco íngrime até chegar numa Cachoeria.

Dalí já tem a estrada para voltar pro Horto. Vc tbm pode chegar nessa Cachoeira de carro pela estradinha se preferir, mas a trilha é mais legal né?!

 

Além das trilhas tem uma venda logo na entrada praticamente para compra de artesanatos em geral.

Tem um orquidário muito bonito.

O bosque vermelho cheio de plátanos que ficam com as folhas vermelhas no outono.

 

Enfim, depois do Pico do Itapeva é meu lugar favorito em Campos!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 10 meses depois...
  • Respostas 92
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros de Honra

FONTE: http://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/noticia/2012/11/acidente-com-bondinho-de-campos-do-jordao-repete-tragedia-de-1959.html

 

Eram 17h50 de sábado (3) quando o trem partiu da estação de Santo Antônio do Pinhal. Nele, 39 turistas que haviam passado o dia em Campos do Jordão, retornavam. Segundo comerciantes do local, nenhum deles havia comentado sobre qualquer anormalidade no passeio.

 

Chovia e havia neblina. Cerca de dez minutos depois da partida o trem entrava em uma descida em linha reta, de pouco mais de 300 metros. Segundo os passageiros, o veículo parecia desenvolver alta velocidade. Em uma curva, a Automotriz 02 da Estrada de Ferro Campos do Jordão saiu da linha, acertou um barranco e foi levando parte da vegetação do local. Andou fora da linha por pouco mais de 30 metros e parou exatamente ao lado de uma cruz de pedra.

 

A cruz é uma homenagem ao motorneiro - condutor do bondinho - Benedito 'Viola' da Silva, morto em 1959 em um acidente idêntico, ocorrido no mesmo local. "O trem veio em alta velocidade e desceu muito rápido. Machucou muita gente e morreu o motorneiro", diz Geralda dos Santos, de 60 anos.

 

Na época, o trem servia como transporte para mercadorias entre Pindamonhangaba e Campos do Jordão. Também servia de transporte para moradores que trabalhavam na cidade vizinha.

 

...

 

FONTE: http://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/noticia/2012/11/estrada-de-ferro-instaura-sindicancia-apos-acidente-com-bondinho.html

 

A direção da Estrada de Ferro de Campos do Jordão (EFCJ) instaurou uma sindicância para apurar as causas do acidente com um trem em Santo Antônio do Pinhal (SP), na tarde de sábado (3). Três pessoas morreram e outras 39 ficaram feridas, sendo oito em estado grave, depois que a automotriz turística descarrilou e bateu contra um barranco.

 

Em nota, divulgada na madrugada deste domingo (4), a EFCJ afirmou que instaurou uma sindicância para investigar a responsabilidade pelo acidente. O prazo mínimo para conclusão é de 30 dias.

 

A estrada de ferro, na Serra da Mantiqueira, é ligada à Secretaria Estadual de Transportes Metropolitanos (STM), e é uma das mais antigas do Estado, com 98 anos de funcionamento.

 

...

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 semanas depois...
  • Membros

Salve galera,

 

Neste FDS fiz esse circuito, peguei algumas dicas de pousada e roteiros com o augusto no 1°post

 

fiquei na pousada SÃO BENEDITO em Sto antonio do pinhal, pousada arrumadinha e barata. diaria R$60,00/casal (telefone esta na 1° pag do topico).

 

realmente p/ conhecer legal essa regiao vc deve ir de transporte proprio pois as atrasões são longes p/ ir a pé.

como fui de moto foi tranquilo, conheci algumas cachoeiras e o pico agudo em sto antonio, diversos pontos turisticos em campos do jordao e o complexo pedra do bau em sao bento do sapucai"adorei" subir as escadas ate o topo da pedra é pura adrenalina... p/ quem quiser curtir a paisagem da estrada recomendo ir pela rodovia monteiro lobato que tem uma serra muito bonita e gostosa...

 

 

flw..

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Legal vc voltar aqui p/ postar informações! meus parabens!

e o passeio d trem continua interditado? vc chegou a pesquisar isso?

 

 

Salve galera,

 

Neste FDS fiz esse circuito, peguei algumas dicas de pousada e roteiros com o augusto no 1°post

 

fiquei na pousada SÃO BENEDITO em Sto antonio do pinhal, pousada arrumadinha e barata. diaria R$60,00/casal (telefone esta na 1° pag do topico).

 

realmente p/ conhecer legal essa regiao vc deve ir de transporte proprio pois as atrasões são longes p/ ir a pé.

como fui de moto foi tranquilo, conheci algumas cachoeiras e o pico agudo em sto antonio, diversos pontos turisticos em campos do jordao e o complexo pedra do bau em sao bento do sapucai"adorei" subir as escadas ate o topo da pedra é pura adrenalina... p/ quem quiser curtir a paisagem da estrada recomendo ir pela rodovia monteiro lobato que tem uma serra muito bonita e gostosa...

 

 

flw..

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 6 meses depois...
  • Membros

Alguém sabe como ir de ônibus do Rio de Janeiro para Campos de Jordão? Quais empresas fazem esse trajeto? Quanto tempo demora? Quanto custa em média? Alguém já fez essa viagem de ônibus para dizer se é tranquila?

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra
Alguém sabe como ir de ônibus do Rio de Janeiro para Campos de Jordão? Quais empresas fazem esse trajeto? Quanto tempo demora? Quanto custa em média? Alguém já fez essa viagem de ônibus para dizer se é tranquila?

 

nao sei se tem onibus direto, mas sei q é possivel pegar onibus d RJ a Taubaté-SP, viacao sampaio http://www.viacaosampaio.com.br/index.php

no site tem todas as infos d horario, preço, duração da viagem, etc.

 

em Taubaté, na mesma rodoviaria q vc desambarcou do Rio, vc pega o onibus da empresa Passaro Marrom q vai a Campos. São cidades vizinhas, o trajeto deve ter uns 40 km, a estrada é boa, mas é sinuosa, pois é subida, regiao montanhosa http://www.passaromarron.com.br/

 

nao sei se tem outras alternativas + praticas/rapidas, mas é o caminho q eu sei fazer.

 

boa viagem!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
Alguém sabe como ir de ônibus do Rio de Janeiro para Campos de Jordão? Quais empresas fazem esse trajeto? Quanto tempo demora? Quanto custa em média? Alguém já fez essa viagem de ônibus para dizer se é tranquila?

 

Olá, tem um ônibus que sai da Rodoviária Novo Rio, da empresa 1001, direto para Campos de Jordão, o valor médio é R$ 40,00 cada trecho e a duração de aprox. 5 horas.

 

Nunca fiz o trajeto, estou pensando em ir no mês de Julho.

 

Bjs

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 meses depois...
  • Membros de Honra

Relato de 1 passeio no dia 03/08/2013

 

seguimos para p/ a Pedra do Baú, via Campos de Jordão. O acesso é feito pela estrada da Campista e está bem sinalizado. A partir do portal, siga pela avenida principal até o Bairro de Jaguaribe. O acesso fica do lado esquerdo, basta seguir as placas. A estrada é bem sinuosa, estreita, tem subidas e descidas íngremes, mas está bem conservada. Percorre-se cerca d 20 km no asfalto, deve prestar atenção à esquerda, onde tem o acesso p/ a estradinha p/ o Baú. Está c/ placa e o início da estradinha está calçado, mas é só começo, depois é terra. Nessa época seca, estava ótima, s/ buracos. A estrada é estreita e segue por cerca d 5 km. No quase no fim, tem uma bifurcação, siga à direita e estacione. É onde fica a rampa d voo livre. O visual da Pedra do Baú é bem bonito. Desse lado, o Baú parece mais “polegar”, mais fino e comprido, pois vc está olhando o Baú d lado. O visual é bem legal à tarde.

 

Continuando + um pouquinho, chega ao final da estrada e início das trilhas, tem um quiosquinho lá. Nesse local, o pessoal deixava os carros estacionados, mas agora está proibido. Vc pode ir até lá, fazer o retorno, deixar o pessoal lá e o motorista vai ter q voltar e estacionar o carro na beira da estrada, q é bem estreitinha. Ficam alguns funcionários da prefeitura orientando a movimentação. Achei bem organizado, pois a prefeitura d São Bento do Sapucaí monta uma barraquinha c/ funcionários p/ dar infos, tem folders e mapas. Não sei se esse esquema funciona apenas na alta temporada, finais de semana e feriados, mas as outras vezes q fui lá, não me lembro d ter essa “estrutura”.

 

Como estávamos c/ meus pais, decidimos ir apenas até o Bauzinho, q eu achava q era + fácil. Pela minha lembrança, bastava andar 5 minutinhos pelo meio da mata (a trilhazinha d terra tem alguns “degraus” feitos c/ pedaços de madeira) p/ chegar ao Bauzinho e ter a vista do Baú. Porém, não é bem assim, depois d sair da mata, chegamos ao inicio do Bauzinho, mas ainda não dá p/ ter o visual do Baú. Meus pais estacionaram por aqui, q o meu papi já tá c/ 89 anos e não quis seguir. Não é difícil, mas tem q andar por cima da pedra e alguns locais são meio ruins p/ passar, não é mto íngreme, mas tem uma subidinha. Meu papi faz caminhada de uns 40min diaria/te, mas aquela passagem pelas pedras é meio perigoso p/ as condições dele. Seguimos eu e o meu irmão, q ele ainda não conhecia, até mais a frente, onde aí sim tem a vista do Baú. Era tarde e achei bem legal a sombra q o Bauzinho e o Baú fazem em cima da mata, o efeito é bem bacana. Dá p/ continuar andando até o “final” do Bauzinho e reparar nas pessoas q parecem pontinhos coloridos no alto do Baú.

 

Conclusão c/ crianças pequenas e/ou vovós, o programa vai ficar + restrito, mas o visual perto da rampa d voo livre já é mto legal.

 

Retornamos, pegamos o carro e resolvemos fazer o caminho via São Bento do Sapucaí. Basta voltar ao asfalto e seguir em frente, ou seja, à esquerda. Esse trecho da estrada não está tão bom qto o anterior, tem alguns buracos, mas são poucos, no geral, o estado da estrada é bom. Tem uma cachoeira sinalizada na estrada, do lado esquerdo. Andamos um tanto e demorou p/ voltarmos a ver o Baú. Tiramos algumas fotos do Baú, da beira da estrada. Reparando na sinalização, verá placa do Rest. Pedra do Baú á esquerda. Entramos e seguimos. É uma subidinha íngreme, mas está calçada e o acesso é bom. Tem algumas bifurcações, mas está sinalizado. O restaurante é bem bonito, tem um deque de madeira lindo com vista panorâmica p/ o Baú e o Bauzinho. Achei o visual bem bonito à tarde, pois o sol bate nas pedras e no outro lado tem a vista do por do sol. Entretanto p/ tirar aquela foto clássica do complexo do Baú formado pelo Bauzinho, Baú e Ana Chata, acho q tem q ser da estrada, pois ali do restaurante, vc já tá mto perto da pedra e não dá p/ ter o visual do complexo todo. O restaurante funciona no esquema buffet self-service p/ o almoço, mas fica aberto durante a tarde. Já era umas 17h, mas ainda tinha comida, como não íamos almoçar não xeretei, então não vi se é bom. Dá p/ pedir porções e beliscar tb.

 

Andamos 1 bocado p/ chegar ao centro da cidade e atravessar o portal p/ sair da cidade de São Bento do Sapucaí, passamos por Santo Antônio do Pinhal e retornarmos a nossa cidade.

 

Relatos 2013:

21 dias em SE e AL - Parte 1: Aracaju | 21 dias em SE e AL - Parte 2: Maceió

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Quem for pra Campos na alta temporada (junho a agosto), muito cuidado, pq a bandidagem faz excursão para lá.

Eu já sofri um sequestro relâmpago lá e em outra oportunidade roubaram o carro do meu primo e outros dois ao redor enquanto todos dormiam.

Não quero estragar a viagem de ninguém, mas cuidado quando for pra lá na temporada.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...