Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

SIENA – UMA LINDA CIDADE MEDIEVAL PRESERVADA NA TOSCANA!!!


Posts Recomendados

  • Membros

Siena, ao sair vitoriosa frente aos Florentinos na famosa batalha de Montaperti em 1260, assistiu a um prodigioso florescimento artístico e cultural, sobretudo por mérito do governo dos Nove.

 

As principais atrações de Siena estão reunidas em um labirinto de ruas e vielas ao redor da Piazza del Campo, que tem forma de leque. Uma das maiores praças medievais da Europa, a Piazza fica no meio das dezessete comunidades da cidade. A antiga rivalidade existente entre elas é lembrada, de dois em dois anos, no Palio. Nas ruas, podem se ver os símbolos das paróquias em flâmulas, placas e entalhes, demonstrando a lealdade dos moradores à Contrada onde nasceu (bairro). Trata-se de uma Piazza única na Europa, pois possui um formato de concha diferente das demais que são um retângulo.

 

 

No local onde está a Piazza del Campo funcionou um Fórum Romano e depois foi o principal mercado durante grande parte da história antiga de Siena. Ela começou a ganhar sua forma atual em 1293, quando o Conselho dos Nove, grupo que governava Siena na época e permaneceu no cargo por quase setenta anos, começou a adquirir terras com a ideia de criar uma grandiosa Piazza Cívica. A pavimentação com tijolos vermelhos foi iniciada em 1327 e completada em 1349, com nove segmentos distintos projetados para lembrar a autoridade do Conselho dos Nove.

 

A Piazza se tornou o centro vital da cidade, um cenário de execuções, touradas e do festival de Palio. Cafés, restaurantes e belos Palácios medievais como o Palácio Público, a Torre del Mangia rodeiam a Praça.

 

O Palácio Público data de 1250, foram feitos alguns acréscimos sem prejuízo da manutenção do seu estilo e fachada. Hoje, funciona no local a Câmara Municipal.

 

A Torre del Mangia (Capela) foi erguida na parte superior para cumprir um voto dos sieneses durante a peste de 1348. Iniciada em 1352 por Domenico d'Agostino, a Torre foi terminada por volta de 1376 por Giovanni di Cecco. O seu nome deriva de Giovanni di Duccio chamado de "Mangiaguadagni' ou simplesmente "Mangia", que foi um dos primeiros encarregados da Câmara Municipal de tocar os sinos.

 

No extremo norte da Piazza há a Fonte Gaia.

 

A Catedral

 

O primeiro testemunho acerca do início da construção do Duomo de Siena remonta a 1136, quando foi confiada a uma comissão especial de cidadãos a construção da Catedral. A fachada da Catedral foi construída em dois estágios. A parte inferior foi iniciada em 1284 e construída em estilo românico, por Giovanni Pisano. A exuberante fachada representa profetas, filósofos e apóstolos. Em 1288, a janela em forma de rosa, um vitral foi instalado na área do coro, a partir de desenhos de Duccio. O trabalho na parte superior da fachada foi iniciado em 1376 por Giovanni di Cecco, a partir de um projeto inspirado na Catedral de Orvieto em estilo gótico.

 

No canto esquerdo da fachada há uma inscrição do século XIV, marcando o túmulo de Giovanni Pisano. Ao lado está uma coluna com a loba amamentando Rômulo e Remo, símbolos de Siena. Conta a lenda que Senius e Aschius, filhos de Remo, fundaram Siena.

 

O púlpito de Siena, feito em mármore de Carrara, foi esculpido em 1265, por Nicola Pisano e seu filho, Giovanni Pisano, bem como seus assistentes Arnolfo di Cambio, Lapo di Ricevuto e vários outros artistas. É a obra mais antiga da igreja. Nicola Pisano ganhou essa encomenda a partir de seu trabalho no púlpito de Pisa. O projeto de Siena é mais ambicioso e é considerado sua obra-prima!

 

Dentro do Duomo há inúmeros afrescos do período de 1200 a 1350, são lindos, alguns são originais, ou seja, nunca foram restaurados.

 

A Casa de Santa Catarina

 

Nesta casa viveu Caterina Benincasa (1347-1380), apaixonada intérprete da exigência de renovação da Igreja, foi canonizada por Pio II e proclamada por Pio XII em 1939 co-padroeira da Itália. No século XV a casa da Santa foi transformada em Santuário.

 

Desculpem pela demora em dar início aos posts da viagem, é que fica difícil parar de ver essas maravilhas para descrevê-las! Bem, vou fazer outros posts de outras cidades da Toscana que visitei. Também falarei sobre Veneza e Milão, e, é claro vários posts sobre Roma!

 

Passei um dia inteiro em Siena,mas achei pouco, a cidade merece que sejam dois dias de visitação porque ela é linda e conservadíssima! Ah! Não deixem de visitar também o Hospital de Santa Maria della Scala, o Baptistério (fica separado do Duomo) e o Palácio de Chigi-Saracini.

 

Diariamente publico fotos na página do face https://www.facebook.com/EuropaemDetalhes?ref=bookmarks . Curta nossa página!

Veja este post com muitas fotos e inúmeros outros sobre a Itália, Espanha e Portugal em http://europaemdetalhes.blogspot.com.br/

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...