Ir para conteúdo
ffabioh

De Carro Europa 2015 – London, França (Norte, V.Loire e Chamonix), Alpes Suíços, Stelvio Pass, R. Romântica e Amsterdam

Posts Recomendados

18º dia – Garmish Partenkirchen – Rothenburg ob der Tauber

 

Garmish Partenkirchen é uma cidade da baviera, nos alpes alemães, e é um destino muito procurado para esportes de inverno. As montanhas Alpsitze e Zugspitze ficam bem próximas da cidade e tem um visual muito bonito. Em 2009 fomos até a cidade no inverno para ver o as montanhas. Gostamos muito das pinturas nas edificações e resolvemos voltar. Nosso objetivo era curtir um pouco a cidade e subir até o topo do Zugspitze. Como tínhamos pego bastante tempo ruim nas montanhas Suíças e o tempo não nos pareceu favorável lá também, resolvemos trocar o passeio por uma visita até o castelo de Neuschwanstein

Ficamos hospedados no Mercure G.P. Como o café não estava incluso na diária fizemos o check out e fomos de carro até o centro para comer. Depois saímos a pé para conhecer a região. As construções decoradas e pintadas de Garmish, é o que mais me chamou atenção, detalhes nas janelas ou na parte mais alta é bem comum e dá um toque especial nas casas e comércios. Após percorrer as ruas no centro, passamos no kurkpark que é um parque bem agradável, muitas flores e grama verdinha! :)

Depois pegamos o carro e seguimos até o castelo de Neuschwanstein (via Austria). Já havíamos visitado o castelo em 2009, mas queríamos ver de outros ângulos e também com a diferença de ser no verão.O castelo de Neuschwanstein, que foi construído pelo rei Ludwig II, fica bem próximo de outro castelo, o Hohenschwangau, e foi inspirado nas obras de Wagner. Ludwig morreu antes do seu castelo ficar pronto e o lugar hoje atrai turistas de todos os lugares e é cercado por uma natureza exuberante.

Chegamos ao local no horário do almoço, e as filas de carro para chegar próximo estavam bem grandes. Deixamos o carro no primeiro estacionamento que achamos disponível e demos uma pernada até chegar na subida ao castelo. Nossa idéia não era fazer a visitação interna, pois já havíamos conhecido. Subimos então a trilha puxadinha que vai por trás do castelo até a ponte Marienbruck. De lá você terá a melhor vista do castelo e o lugar é realmente de tirar o folego!! Após um bom tempo de contemplacão do local, fomos descendo até o outros vista points bem legais. De um deles é possível ter uma bela visão do lago e do castelo Hohenschwangau.

Descemos até o lago que tem uma vista magnífica dos alpes ao fundo , porém uma chuvinha de leve começou a cair. Satisfeitos de conseguir subir desta vez até a Marienbruck (na outra vez estava fechado por conta da neve), fomos comer umas bockwurst e depois retornamos para estrada.

(Abaixo tem uma foto do lago no inverno em 2009 e outra de 2015 mostrando a diferença das estações)

Seguimos então 250 km sentido norte, rumo até Rothenbug ob der tauber, para iniciar nossos passeios por algumas cidades escolhidas da rota romântica. As autobahns como sempre estavam muito bem cuidadas e sempre com obras de ampliação aprimorando cada vez mais o transporte de veículos. Apesar do intenso movimento foi possível ir em pouco mais de 2 horas e meia até o destino.

A rota romântica que vai de Fussen até Wurzburg leva o viajante a um caminho repleto de castelos, palácios e várias cidades com centros medievais muito bem cuidados!! Rothenburg que fica no vale do rio de mesmo nome (Tauber), é uma destas que mantém o centro medieval em perfeito estado, com o antigo muro e torres ao redor cercando a cidade velha.

Chegamos na região intramuros e fomos direto até o nosso hotel (Gasthof Zum) pra fazer check in e deixar o carro. Ainda era final de tarde e estava um dia bem agradável, saímos bater perna e conhecer a cidade. Fomos inicialmente a mark plats que é um praça grande ao lado da prefeitura e fica bem no centro do intramuros. A decoração de lojas e casas chama muito a atenção. Flores, emblemas e outros detalhes são muito bem utilizados e deixam tudo muito bonito. Percorremos boa parte da muralha e podemos apreciar as belas torres de defesa com relógios. Andamos praticamente por todas as ruazinhas e gostamos muito do que vimos. Visitamos inúmeras lojinhas dos mais variados produtos. Deixamos para o dia seguinte a igreja, a loja de natal e outros lugares que queríamos conhecer. Rothenburg é uma cidade fascinante!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

18º dia – Rothenburg – Weikersheim - Bad Mergentheim – Wurzburg

Após o café saímos dar uma volta antes de fazer o check out. O dia amanheceu com uma neblina de leve, mas logo desapareceu. Subimos em alguns pontos da muralha para apreciar a vista da fortaleza. Depois fomos até a loja de natal que fica perto da mark plats. A loja/museu tem uma entrada modesta, mas lá pra dentro, são vários espaços com mais e mais decorações de natal, vale a pena visitar, perguntamos e era permitido fotografar. De lá saímos e fomos até a igreja e depois retornamos na prefeitura. Na torre da prefeitura é possível subir, e a vista lá de cima é muito boa. A escada é bem estreitinha e inclinada, mas vale a pena. De lá voltamos e passamos em uma loja que vende armaduras de réplicas medieval e eu achei sensacional. (eles despacham para qualquer lugar! :) ) Depois fizemos check out e pegamos o carro para ir visitar outras cidadezinhas próximas.

Nosso primeiro destino foi Weikersheim. A estrada pelo interior da Alemanha é muito boa para andar calmamente e apreciar os campos e o interior rural. Weikersheim fica a 30 km de Rothenburg. É uma cidade com o centro medieval e tem um palácio muito bonito para visitação (Palácio de Weikersheim). Deixamos o carro próximo a torre de entrada da cidade e da lá passamos por sua bonita praça, com várias construções medievais e restaurantes. Depois de dar uma volta pelo centrinho seguimos até o palácio para visitação. O palácio no estilo renascentista tem um interior bem interessante e um jardim com estátuas digno dos melhores castelos, é tudo muito bonito e bem cuidado. Mais ao fundo um espelho d' água e uma construção em duas alas em arcada, chamada de Orangerie, completam a parte externa. Gostamos muito da visitação, não tinha ouvido falar muito deste castelo, mas ele nos suprendeu, e recomendo bastante conhecê-lo.

Voltamos buscar o carro e seguimos então até Bad Mergentheim, que fica a aproximadamente 14 km de Weikerseim e vainovamente por estradinhas do interior.

Fomos direto para o centro histórico, na mark plats, que tem várias casinhas medievais e a praça repleta de restaurantes. Mesmo já sendo fora de hora, os restaurantes serviam almoço e almoçamos lá. Na praça tem também o centro de informações turísticas onde fomos pegar algumas dicas e um mapa.

Andamos um pouco nesta região e depois fomos até o castelo da ordem teutônica (Deutschordensmuseum). Atrás do castelo tem um lindo bosque com diversos lugares para caminhar e também descansar. Visitamos este parque retornamos por outra rua do centro e depois pegamos o carro para seguir então finalmente até Wurzburg.

Pouco mais de 40 km, chegamos em nosso destino final da rota romântica. Fomos direto até o nosso hotel, ibis Wurzburg City, descansamos um pouco e renovados seguimos até o centro de Wurzburg para passear.

Wurzburg foi quase que completamente arrasada na guerra, e é um destino muito visitado da rota romântica. Além da fortaleza de Mariemberg, destaco o palácio Residenz, que é muito bonito e patrimônio mundial pela Unesco. Visitamos ainda a catedral, e a St Mary’s que é uma igreja em estilo barroco vermelha e branca na parte externa e muito bonita também. A ponte Alte Mainbrücke que fica sobre o rio Meno, tem várias estátuas decorativas, e o pessoal de lá faz tipo um happy hour ali na ponte, tomando vinho ao ar livre. .

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

19º dia – Wurzburb – Amsterdam

Andamos um pouco no centro de Wurzburg pela manhã e logo em seguida retornamos ao hotel fazer o check out e pegamos a estrada para Amsterdam.

O trajeto de 550km, passa por Frankfurt, Dussseldorf e entra na Holanda próximo a Arnhem, e segue por uma rodovia dentro da Holanda que é totalmente plana e reta e com várias pistas.

Chegamos na metade da tarde em Amsterdam e passamos primeiro no nosso hotel fazer check in e deixar as malas (hotel arena) e depois fomos até a Avis Amsterdam Zuid, que fica mais longe do centro, para devolver o veículo. De lá pegamos o transporte publico e retornamos até o centro.

Fomos logo fazer um passeio de barco pelos canais, porque além de ser bem comodo já da para ter uma boa localização de todos os lugares. O passeio é tranquilo e os caras são bons em manobrar barcos.

Retornamos até próximo ao hard rock cafe onde tem vários restaurantes e fizemos um almoço/jantar.

De lá depois seguimos até o Voldelpark e depois retornamos até o nosso hotel (tudo a pé).

O hotel Arena, fica bem localizado ao lado do Oosterpark, tem um quarto bom e moderno, do lado de fora o restaurante/bar com mesinhas ao ar livre são bem convidativos.

 

20º dia – Amsterdam

Neste dia conhecemos o museu do Van Gogh, a região do Rijksmuseum e fizemos o passeio da Heineken. A tarde conhecemos a região do red light district, e andamos bastante por vários lugares da cidade!!

 

21º dia – Amsterdam

Fizemos o passeio pelo mercado de flores e também por outra feirinha no centro (com bastante coisas usadas, inclusive achei boas plaquinhas metálicas para comprar). Depois fomos até a região do nemo museu. Ficamos lá até depois do almoço conhecendo a região da marina e pier. A tarde curtimos uma banda tocando numa rua do centro e caminhamos muito, sem destino, apenas para conhecer os becos. Como Amsterdam é bem plana é excelente para caminhar ou pedalar.

 

22º dia – Amsterdam – Retorno

De manhã fomos dar uma volta no parque que fica bem próximo do hotel, o Oosterpark, e descansamos o restante do dia para a tarde pegar um táxi até o aeroporto e começar a viagem de retorno.

Fizemos conexão em Frankturt e todos os voos ocorreram sem atrasos.

Excelente Viagem!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×