Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Murilo Pagani

Ushuaia- La ciudad del fin del mundo

Posts Recomendados

Apesar dos chilenos contestarem e não serem de acordo com esse título, não tem jeito- é a argentina Ushuaia que é mundialmente conhecida como “La ciudad del fin del mundo”. Os chilenos não contestam essa fama sem nenhum fundamento, muito pelo contrário. Na verdade, a cidade mais austral do mundo é a chilena Puerto Willians, porém, os argentinos alegam que a cidade não passa de um vilarejo com uma única função portuária.

 

Discussões a parte, sendo ou não sendo a cidade mais ao sul do planeta, Ushuaia merece sua atenção na hora de você montar seu roteiro pela Patagônia. A cidade é extremamente turística, mas nem por isso deixa de ser um lugar incrível. Uma curta caminhada pelo centro te mostrará que não faltam opções de restaurantes, bares, agências de turismo e hospedagens.

 

No assunto belezas naturais Ushuaia dificilmente decepciona algum viajante. São tantas as opções que é difícil escolher o que fazer primeiro. Mas como tudo que é bom tem seu preço, prepare-se, pois essa região não costuma ser muito amiga dos mochileiros econômicos.

 

Quando ir

Para os amantes do sol e calor sinto lhes informar que em Ushuaia não tem muita escapatória, mesmo durante o verão é bom estar preparado para dias frios e gélidos.

 

Durante todo o ano é o frio quem da as caras em Ushuaia. Durante o verão a temperatura média está em torno dos 10 °C, no inverno essa média cai para 2 °C. Acrescente a isso um vento gelado que está presente praticamente durante todo o ano e a sensação térmica será muito menos que isso.

Por conta disso, a alta temporada por lá é durante o verão- de fim de novembro a começo de abril mais ou menos. Nessa época os dias são bem longos, é comum ter claridade natural até às 23 horas.

O inverno é a época para os amantes da neve. Como vantagem você encontrará melhores preços, a cidade estará mais tranquila e caso queira praticar esportes na neve, essa é a época ideal. Em contrapartida, muitos hostels e restaurantes fecham as portas nessa época diminuindo a oferta. Linhas de ônibus também sofrem uma queda. Os dias são mais curtos, muitas vezes às 16 horas a escuridão já tomou conta da cidade.

 

Onde ficar

Tudo que você precisa está na região central da cidade, foi lá onde eu fiquei hospedado e gostei bastante. Há muitas opções, de hostels simples a hotéis luxuosos. Fiquei hospedado no Free Style e recomendo.

Esse hostel não é a opção mais barata, mas tem um ótimo custo beneficio. Os dormitórios são espaçosos, a cozinha bem equipada, staffs atenciosos, boa área comum, banheiros limpos e o mais importante: ótimo sistema de aquecimento.

 

Gastos

Na mesma proporção que Ushuaia é incrível ela é cara. Uma dica que pode fazer seu dinheiro render um pouco mais é trocar seus dólares ou reais ainda em Buenos Aires, caso seja possível. A cotação por lá é bem melhor do que em Ushuaia.

Meu gasto na cidade incluindo quarto compartilhado em hostel, alimentação e cervejas foi de US$ 40,00/dia. Você pode gastar menos ou muito mais, depende do seu estilo. Lembrando que a parte disso você deve incluir o transporte tanto pela cidade ou intermunicipais e mais os passeios que pretende fazer.

 

O que fazer

 

• Isla Martillo: Um dos passeios mais tradicionais em Ushuaia é visitar a Isla Martillo, também conhecida como Pinguinera. Esse passeio só pode ser feito em tours específicos e com a única agência autorizada a visitar o local, a Piratour. A pequena ilha abriga mais de mil pinguins durante os meses de outubro a abril.

 

• Glaciar Martial: Um passeio que é relativamente perto do centro de Ushuaia e não precisa fechar com nenhuma agência ou guia. Cercado de belezas naturais, você pode chegar ao ponto mais alto do parque através de caminhadas ou teleférico.

 

• Parque Nacional Tierra del Fuego: Um parque gigante, com muitas opções de trilhas, mirantes, lagos e paisagens incríveis. Apenas a 11 km de Ushuaia, é aqui que você pode andar no famoso “Trem del fin del mundo”, uma réplica que anda pelos mesmo trilhos do trem usado a mais de cem anos para transportar presidiários que iam trabalhar na floresta.

 

• Canal Beagle: O passeio pelo Canal Beagle costuma ser um dos mais procurados em Ushuaia. A bordo de um catamarã, o tour tradicional inclui visitas a Isla Pajaro, Isla Bridge e ao Farol do fim do mundo.

 

• Cerro Castor: Que tal começar a esquiar nas pistas mais austral do mundo? O Cerro Castor possui uma das temporadas de esqui mais longas da América do Sul devido a sua localização estratégica. Possui pistas de todos os níveis e a cada ano recebe mais e mais turistas do mundo todo.

 

Post originalmente publicado no meu blog (http://www.voltologo.net/ushuaia-la-ciudad-del-fin-del-mundo/)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...