Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Sem Limites Weekend em Trindade : o Delato...


Posts Recomendados

  • Membros de Honra

Não, isso nao é nem tem como ser um relato, e sim um delato de como foi essa trip...

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20091008012852.jpg 500 375 Legenda da Foto](Da esquerda para a direita, de frente para trás) Fábio, Cris (escondida atras dele hehe), Mayla, Hugo, Lucimara (escondida atras do Hugo), Denise, Grazi, Jane (a cachorra), Tony( o Japa), Vivi, Carol, Rafael, Thargus, Douglas, Felipe, Trovilho e Flavia. Faltou a Lu, que bateu a foto![/picturethis]

 

Depois de algumas pernadas juntos terem terminado com aquela sensação do "faltou uma cervejada pra comemorar" (e de algumas propostas de pernadas que começaram no bar e lá terminaram..rs), a turminha dos "Sem Limites" chegou a conclusão de que o que precisávamos mesmo era de uma trip pra cumprir aquilo que vinhamos ameaçando todas as vezes: encachaçar geral. E o local escolhido pra essa viagem foi Trindade. Nada de andar, nada de trilha, nada de carregar peso, a nao ser o do isopor de 100l que acabou batizando essa turma. Estava armado o circo para o "Sem Limites Weekeend"...

20091008012030.JPG

(O "Sem Limite")

Fechamos a data da bagunça, esse último final de semana. E abrimos o convite para o restante dos Mochileiros, nos surpreendendo quando o tópico bombou hehehe

 

A primeira trupe já largou tudo aqui e embarcou na sexta feira a tarde mesmo. Eu, Vivi, Fábio e a Grazi em um carro, Trovilho e a Flávia no outro, levamos inacreditáveis seis horas para chegar a Trindade, já que um isopor cheio de cerveja ocupava metade do porta-malas do primeiro carro e a missão das tres meninas era "aliviar esse peso" até chegar lá. "Missão dada é missao cumprida" com afinco pela Vivi, e a cada uma hora tava ela pedindo pausa pra ir ao banheiro.

 

Chegamos em Trindade, recepcionados por uma estupenda lua cheia e fomos na direção da Praia do Rancho em busca do camping, onde ja encontramos nosso primeiro convidado: o Thargus, que tinha vindo do Rio e já estava pensando que a gente tinha desistido hehehe...

 

Barracas armadas, bastava só aguardar o restante da trupe que chegaria por volta da meia noite, então, na intenção de matar o tempo, só nos restava a árdua missão de continuar esvaziando o "Sem Limite" enquanto isso. Nesse momento, conhecemos a principal integrante dessa turma: uma vira-lata preta, parente de labrador, que não desgrudou de nós um segundo e que batizamos de Jane. Não havia mascote melhor, a cadelinha foi a mais brincalhona e companheira da turma.

 

Nem bem tinha começado a noite e já derrubamos o primeiro: o Thargus bateu no tatame e pediu pra voltar pro camping. A coisa mais hilária foi ele sendo ajudado pela Vivi e a Grazi, que devem ter metade do tamanho dele ::lol4::

 

Mais ou menos na hora marcada, aportou no camping a segunda leva: Felipe, Mayla, Carol e Denise, que já encontraram a gente pra lá de bagdá. A Denise era a única ali que iria ficar hospedada no Hostel, e nao tinha certeza se o restante já havia chegado, então lá fomos a gangue escoltá-la até o local, onde encontramos o Douglas já calibrando os motores com a gringaiada hospedada lá. Ajudamos o restante a armar as barracas e nos recolhemos, já que o fim de semana estava apenas começando.

 

Acordamos cerca de 7:30h e descobrimos que aquela lua toda da noite anterior era só pra nos enganar. O tempo encoberto garantia pelo menos um mormaço pra nao zuar o fim de semana. Descobrimos que a Jane, nossa "pretinha tipo A" era "A" de Assaltante: dormiu junto a porta da minha barraca e aproveitou nosso sono pra enterrar meu tenis e roubar, de dentro do isopor, a peça de picanha que tínhamos levado pra fazer um churras!!! ::lol3::

 

Tratamos logo de ir tomar o café da manhã e resgatar o restante do pessoal no hostel para o primeiro dia de bagunça. No meio da Vila, acabamos encontrando o Rafael e o Hugo, que tinham vindo de moto do Rio e conseguiram a proeza de quase tacar fogo na mochila e barraca, que encostaram no carburador.

 

Subimos até o Hostel, encontrando em fim o restante da trupe: a Lú(ciana) de Taubaté, a Lucimara, o Tony (o Japa Ninja) e voltamos para recarregar o "Sem Limite" e leva-lo pra Praia do Meio, onde curtimos um dia mais que divertido vendo a Jane usar o Rafael de prancha de surfe e dar um caldo homérico no Douglas (essa brincadeira custou uma bermuda pra ele ehehe). Mayla, Denise, Lucimara e Rafael resolveram dar um pulo até a Praia do Cachadaço... o restante continuou firme a resolução de não andar ( e abandonar o isopor?! Como?!), mas pelo comentário, fizeram um excelente passeio.

 

Voltamos em gangue para um mais que merecido PF (claro que a Jane tambem ganhou uma mega refeição), quando passou uma moça de lá, olhou pro cachorro e o reconheceu. Bem que ela tentou levar a cadela embora, mas a doida quase mordeu a mulher e voltou pra junto de nós. Mas acredito que depois ela tenha encontrado a cadelinha de novo e a tirou da nossa companhia (também, veja o tipo de companhia que ela escolheu!) Barriguinhas cheias, parte da galera foi tomar um banho enquanto nós voltamos para o camping pensando em fazer o mesmo, mas no caminho, encontramos os ultimos perdidos da trupe: O Leo e o Edinho tinham chegado a pouco e estavam tentando nos localizar. A Mayla e a Carol resolveram abandonar o camping e ficar com a galera no Hostel para aproveitar a chance de desenferrujar o inglês, e enquanto isso , já que chegou mais gente, que banho que nada! Vamos continuar bebemorando na praia em frente ao camping enquanto aguardavamos o restante da turma!

 

Fomos dar uma volta na praia a noite, nos instalando no bar do Rogério pra "provar" a mais famosa "Gabriela" da praia. Daqui pra frente, é "momento delato" mesmo! hehehe fomos só acrescentando os risquinhos conforme víamos a galera pulando fora a nossa volta! O Leo sumiu e foi localizado junto a entrada do camping, tentando voltar pro carro. O Japa se empolgou com o momento "vira-vira" e uma bela hora desapareceu (só faltou bolinha de fumaça!) e nem ele lembra como foi que voltou pro albergue. Enquanto isso, no boteco, Thargus e Edinho demonstravam toda a sua desenvoltura com idiomas tentando xavecar as gringas que lá estavam (sem sucesso algum... conseguiram até xingar as meninas sem nem ter ideia do que estavam falando) enquanto o Douglas, breaco e cercado de argentinos, saiu fazendo enquete pra saber quem era melhor, "Maradona ou Pelé?". Lucimara,Hugo,Denise e Rafael foram um a um desistindo da companhia desse povo sem limites enquanto a Mayla, completamente sóbria, se acabava de dar risada de todo mundo ali, até a hora que quase saiu confusão com os caiçaras dentro do bar e resolvemos que era melhor bater em retirada. (E eu? tava ótima... o fato de estar parecendo criança hiperativa pulando sem parar pelo bar é perfeitamente normal aehuahiauhaihea pelo menos dentro das condições do restante da turma!)

 

Acordamos tarde no dia seguinte (milagrosamente sem ressaca - viva a brisa marinha!) e nos reunímos ao resto do povo , lembrando as gafes ou sendo lembrados delas pela Mayla. Parte da turma resolveu aproveitar pra passar o dia em Paraty, enquanto o restante ficou ali mesmo pela praia do rancho pra acabar com as cervejas - afinal de contas, quem é que quer levar peso morto pra casa?? Assistimos ainda a Vivi dando um show com o violão antes de entrar no momento depressivo que sempre bate na hora de voltar, nos despedindo da galera que ja ia tomando seu rumo...

 

Um fim de semana qualquer, com um tempinho mais ou menos, que se tornou único pela reunião, pelo companheirismo, pela diversão que essa galera proporcionou. E já estão ameaçando fazer o próximo, enquanto eu aqui me pergunto se meu fígado aguenta o 2º Sem Limites Wekeend...

 

(mas "Topo sim! Porque não?" hehehe)

Link para o post

  • Membros de Honra

So pra constar:

 

* Os campings da praia do Rancho tem uma estrutura bacana e ficam de frente pro mar. Ficamos no camping Beira-mar, que tem várias arvores pra garantir uma sombrinha e pontos de luz e enetricidade (220v) proximos as barracas. Não sei como deve ser quando está tudo lotado, mas sempre encontramos os banheiros limpinhos. A família é evangelica, entao por respeito, a bagunça fora do horario sempre na praia, em frente ao camping.

 

* Do lado deste camping tem outro com a opção de pousadas, a Flavia e o Trovilho ficaram hospedados lá.

 

* O Hostel Kaissara, onde parte da trupe ficou hospedada tambem é bem bacana e povoado de estrangeiros. Otimo pra desenferrujar o ingles e o espanhol.

 

* Pela vila toda se encontra PF muito bem servido a partir de R$ 8,00 (sem batata, com batatas é R$10,00).

Link para o post
  • Membros

Tratamos logo de ir tomar o café da manhã e resgatar o restante do pessoal no hostel para o primeiro dia de bagunça. No meio da Vila, acabamos encontrando o Rafael e o Hugo, que tinham vindo de moto do Rio e conseguiram a proeza de quase tacar fogo na mochila e barraca, que encostaram no carburador.

 

Carburador????? ::lol4::::lol4:: a mochila veio na lateral da moto? ::lol4::::lol4:: isso pq ela falou que estava ótima, vê-se que até agora ela está confundindo as coisas kkkk Eles queimaram a mochila no escapamento. Ps: a moto dele tem injeção eletrônica kkk

 

 

com os caiçaras dentro do bar e resolvemos que era melhor bater em retirada. (E eu? tava ótima... o fato de estar parecendo criança hiperativa pulando sem parar pelo bar é perfeitamente normal aehuahiauhaihea pelo menos dentro das condições do restante da turma!)

 

ótima? como? se está confundindo carburador com escapamento??? ::lol4::::lol4::::lol4::

Link para o post
  • Membros

kkk, Crissssss, o relato tá show.

Fiquei aqui lendo, e me deliciando com as lembranças, e revivendo tuuuuudo de novo...kkk

Muito legal registrar.

 

O Fábio não perdoa mesmo né, rs, mas realmente, queimar a bagagem no carburador...kkk, foi engraçado.rs.

 

Bjussssssssss pessoal !!!!!

 

Adorei conhecê-los, e espero que rolem outras e outras e outras oportunidades...

Link para o post
  • Membros de Honra
Carburador????? ::lol4::::lol4:: a mochila veio na lateral da moto? ::lol4::::lol4:: isso pq ela falou que estava ótima, vê-se que até agora ela está confundindo as coisas kkkk Eles queimaram a mochila no escapamento. Ps: a moto dele tem injeção eletrônica kkk

 

Ok, eu nao entendo naaada nem de moto, nem de carro...

mas nao interessa onde foi, o fato é que quase queimaram a rosca no caminho ::lol4::::lol4::::lol4::

Link para o post

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...