Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Posts Recomendados

  • Colaboradores

Olá pessoal,

 

Bem, ha algum tempo venho fazendo alguns trekkings, e após a minha última experiência com a Bota Salomon (que não durou nem 1 ano), li relatos ótimos sobre as botas vento e decidi por comprar o modelo Armet (preço bem alto por sinal). Deixo aqui o meu breve relato:

 

Comprei a bota Vento modelo Armet no dia 17/12/2014, prevendo realizar um trekking ao Monte Roraima. Foram 8 dias de caminhadas intensas, e no quesito impermeabilidade ela me deixou bastante satisfeito. Foram muitos dias de chuva pelo caminho, e meus pés não ficaram molhados, o que achei ótimo. Nos dias quentes, a bota também não esquentou muito, deixando a entender que também possui uma boa respirabilidade. Porém, no quesito durabilidade, já não posso falar que eu esteja tão satisfeito assim. Após os 8 dias, ao limpar a minha bota, percebi que ela estava apresentando descolamentos no solado, mesmo que ainda no início, mas sabemos que este tipo de problema deve ser tratado antes que aumente. Procurei a loja onde adquiri o produto (com menos de 20 dias depois da compra), e os vendedores falaram que eles não recebem o produto para encaminhar ao fabricante, me informando apenas que o envio da bota para conserto deve ser feito diretamente à fabrica, e a loja não faz esta comunicação (conforme informa o manual de garantia do produto). O pior é que já mandei e-mail e mensagem através do site da vento, e até o momento não recebi resposta da empresa. Estou querendo um envio gratuito, visto que não acho justo ter que pagar um frete para conserto de um produto que está com menos de 30 dias de uso e que já apresentou descolamento, mas infelizmente até o momento ninguém me respondeu. Vou tentar outras vezes até o final de semana, e caso não receba resposta positiva, irei procurar meus direitos junto aos órgãos de proteção ao consumidor. É isso! apesar de ter gostado do produto em alguns pontos, e outros ele tem deixado a desejar.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 1,8k
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

Mais Ativos no Tópico

Postagens Populares

Como administrador do site e pelo que eu acompanho aqui ao longo dos anos e já são quase 20 anos de Mochileiros.com ( posso dizer isso com total isenção pois nunca tivemos parceria comercial com eles)

Mochileiras e Mochileiros, venham para o lançamento das novas Botas Vento Gaia e Cronos.  Será na terça-feira, dia 04/06, as 19 horas aqui na Loja Arco e flecha (Nepal). Na Rua Tito, 542 - Vila R

@Valante como vai?  Gravei esse video pra te responder: A parte das botas militares ficará pra outro video, ok? Me chama no zap q te explico. Abravos

Posted Images

  • Membros

Em maio vou fazer um mochilão e Salkantay esta no meu roteiro.

Venho pesquisando a dias botas para comprar e sempre me deparo com diversas reclamações aqui no forum.

Timberland, Braddock, Vento. Nenhuma escapa. Quando acho que encontrei a certa, aparecem as críticas.

Sei que Salomon e Asolo estão entre as melhores, no entanto, muito caras.

Qual bota vocês me recomendariam, no valor de no máximo uns R$450?

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Colaboradores
Em maio vou fazer um mochilão e Salkantay esta no meu roteiro.

Venho pesquisando a dias botas para comprar e sempre me deparo com diversas reclamações aqui no forum.

Timberland, Braddock, Vento. Nenhuma escapa. Quando acho que encontrei a certa, aparecem as críticas.

Sei que Salomon e Asolo estão entre as melhores, no entanto, muito caras.

Qual bota vocês me recomendariam, no valor de no máximo uns R$450?

 

Cara, se for nacional, eu ainda prefiro as Vento. Já tive uma Finisterre e só me desfiz dela porque comprei número pequeno, mas a usei pouco e nunca descolou nada. Quando fui para a Chapada Diamantina, ela cumpriu o que prometeu. Ela ficou meio que parada, guardada dentro do guardaroupas por um ano, só a usava quando chovia (aqui em Fortaleza é difícil chover pra precisar usar bota) e depois de uns três anos, nada descolado. Fiz algumas viagens sem exigir muito dela e sem problemas. Então, assim, pode ser que atualmente esteja ocorrendo algum problema na fabricação, mas ainda sim, prefiro as da Vento. Acabei comprando uma Armet, também da Vento, pois o modelo achei mais bonito do que a Finisterre. Irei usar em março no Chile (Santiago, Pucon e Atacama). Espero que ela se saia tão boa quanto a Finisterre. Por mais críticas que possa ter, vejo mais elogios à Finisterre do que críticas. E já olhei muitos tópicos aqui. ENtão, se você só pode gastar até esse valor, eu iria de Vento.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Fala, Galera.

 

Dei uma pesquisada, li sobre os problemas, mas sinceramente não vi nenhuma marca sem reclamações. Cheguei a conclusão de que a Vento não era a melhor, certamente, mas tb o custo vs benefício poderia compensar sim. Além disto, privilegiando uma empresa brasileira.

 

Encontrei na Dafiti por 279, por ser a primeira compra no site ainda tinha R$ 40 de desconto = R$ 236 (!).

Em questão a custo, foi ÓTIMO. Ela vai ter q estragar bem rápido pra não valer a pena o "vs benefício".

 

Abraço!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 semanas depois...
  • Membros

Boa tarde a todos,

 

Já faz um mês desde que minha Finisterre ressolada descolou mais uma vez em 15 dias de uso urbano. Ontem recebi um e-mail confirmando a avaliação das duas Finisterres que tenho: uma delas será ressolada (a mais nova delas) e a antiga que já havia sido ressolada e tinha a alma quebrada será trocada por uma bota nova. Estou aguardando as duas... naturalmente, não me explicaram o que aconteceu com nenhuma delas.

 

Sempre fui bem atendido por eles e parece que isso continuará acontecendo. Quero apenas ver se a ressola ficará realmente boa e se a nova bota durará a contento.

 

Segundo a Solange, diretora da empresa, o Fábio está com problemas pessoais e por isso sumiu um pouco. Ela tratou desse caso comigo após a saída da Thaís, que nos atendia no SAC.

 

É meu último respiro com a marca...

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Colaboradores
Acabei de comprar uma The North Face Havoc mid GTX

Esta em promo no site deles. Paguei R$299,00 com frete grátis.

Minha idéia era pegar uma Discovery GTX mas estava R$250,00 mais cara. Ai não teve jeito.

Logo que chegar faço um review rápido dela no tópico das Botas TNF.

Havoc-Mid-Hiking-Boot2.jpg

 

Oi Leandro, tudo bom ?

 

Faz um review dela no tópico específico das botas TNF.

 

As botas da TNF tem uma fama de não serem muito boas.

Seu review vai ajudar muito.

 

Abraço !!!

 

Rodrigo

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Buenas pessoal?

Então queria tirar uma duvida, eu comprei uma bota finisterre da nomade e achei estranho que não veio escrito na caixa COM C.A.

Existe essa bota com diferentes qualidades? com e sem C.A. ? Ou todas vem com C.A.?

Não ter C.A. da muita diferença?

Abraço!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Jotao,

 

O C.A. é o certificado de aprovação para que o produto possa ser utilizado como EPI (equipamento de proteção individual). No caso da Finisterre todas terão esse C.A. Para o uso "normal" da bota isso não vai fazer nenhuma diferença. Isso porque a bota foi feita para trilha mesmo (incrível, né?!), mas como apresenta algumas características que permitem que ela seja usada tbm como EPI, a fábrica buscou o C.A. para esse modelo para que alguém que trabalhe em uma linha de produção fabril por exemplo possa usá-la tbm no trabalho. Caso isso faça diferença para vc sugiro que procure saber qual o tipo de C.A. da bota, pois um EPI próprio para quem trabalha em uma plataforma de petróleo é diferente de um que serve a quem trabalha em mina subterrânea que é diferente de um usado por quem trabalha em uma estação elétrica. Cada um desses equipamentos tem seu certificado.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 semanas depois...
  • Membros

Boa noite,

 

Atualizando a saga:

 

Recebi no Sábado minhas duas botas Finisterre: a marrom, ressolada, e a verde que foi trocada por uma nova, esta veio com solado Carbon Grip, não mais Amazonas.

 

Hoje estou usando a bota velha e está bem melhor do que a primeira bota que hoje está descartada. Está calçando como antes, não desamarra sem motivo, a ressola veio melhor acabada... enfim. Parece que agora vai.

 

No fim, a Nômade ofereceu uma solução em prazo muito bom e acabou por trocar uma bota que apresentou defeito fora do comum.

 

Logo testarei o solado novo em terreno mais agressivo... veremos.

 

Um abraço a todos e obrigado pelas dicas e informações, além do espaço para conversas e ajuda.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...