Ir para conteúdo
fernandos

Fotos e lembranças,de vários lugares do mundo, sendo 90% deles todos no Rio Grande do Sul.

Posts Recomendados

20171203_183528.jpgPesquisando destinos na internet, me deparei com a cidade de Forquetinha, e a princípio nem acreditei, no que vi. Achei que era alguma cidade do vale Europeu de Santa Catarina, como Pomerode, Blumenau, Joinville ou algo assim. Tamanha a beleza das edificações e construções do lugar. Mas para meu espanto, dizia que a cidade se localizava no vale do Taquari/RS, próximo a Lajeado.  Estranho... Pois já havia ouvido falar de Teutônia, Lajeado, e até Westfália, como as referências da colonização alemã, naquela região. E assim passaram quase seis meses de expectativa. Sendo que apesar das diversas idas e vindas da Serra e a Região Central do RS, nunca conseguia encaixar a tal visita. O que só aumentava a ansiedade. Tornando Forquetinha quase uma lenda pra mim. E quanto mais via fotos e relatos do lugar, mais aumentava minha duvida se realmente ele existia. Eis que no ultimo final de semana retornando de Santa Maria para Caxias, num dia nublado e com pancadas de chuva, decidi arriscar, " e se fomos...". Passando Lajeado, uns 5 km, já avistei o Pórtico da cidade, no estilo Enxaimel, bem pintado e conservado, vi uma placa indicando 14 km para a cidade. E um trecho de estrada de chão. Ixi... será que é fria? Me enfiei na estrada empoeirada e cheia de pedras soltas, mas o trecho curto, maior parte do trajeto é asfaltado, e acho que nem da 10 km, na verdade. E quanto mais me aproximava do destino, mais a emoção aumentava. Logo me deparei com a praça central, um encanto aos olhos, com estatuas e enormes edificações estilo enxaimel. Realmente quem projetou a cidade, foi um tanto
20171203_184043.jpg
megalomaníaco, pois, os prédios são enormes, posto de saúde, biblioteca, prefeitura, tudo parecendo tirado de um conto de fadas germânico. E muitas placas dos monumentos escritas somente em alemão. Por mim já estava de bom tamanho, mas tinha mais, muito mais. Destino a cereja do bolo, Parque de Exposições Christopher Bauer. Não consta no
20171203_184110.jpg
google maps, mas é fácil achar, é só perguntar para algum morador que indicam bem certinho. Na passada mais prédios lindos, todos em estilo alemão, coisa nunca vista. E as casas, jardins e pátios, muito bem cuidados e floridos, um capricho só. Ao chegar em frente ao Parque, meu coração quase saiu pela boca, o lugar é imenso, com casarões, estatuas, um gigantesco
20171203_185137-1.jpg
papai noel, um labirinto verde, local lindíssimo desde o portal de entrada. Quando entrei no Parque a vontade era de sair correndo feito criança, tamanha a euforia. Que lugar magnifico! Sensação indescritível, Gramado, Canela e Nova Petrópolis que me perdoem, mas em minha modesta opinião o titulo de mais bela cidade alemã do estado vai para... Forquetinha. O parque é coisa de louco, até um pavão feito de
20171203_185817.jpg
flores, existe no lugar. Ainda bem que a chuva havia parado, e consegui registrar várias imagens. No local existem restaurantes, e casa de artesanato, mas como eram 19 horas passada, já estava tudo fechado. Não sei como um lugar de tamanha beleza, é tão pouco conhecido. Pra mim um dos lugares mais incríveis do estado com certeza, junto com o Parque Witeck de Novo Cabrais e Praça das Tupiarias de Vitor Graeff. 
 
 
20171203_182137-1.jpg
 
20171203_183315.jpg
 
20171203_183319.jpg
 
 
 
20171203_183553.jpg
 
20171203_183632.jpg
 
20171203_183736.jpg
 
 
 
 
 
20171203_184415.jpg
 
 
 
 
 
20171203_185329.jpg
 
20171203_185340.jpg
 
20171203_185345.jpg
 
20171203_185352.jpg
 
20171203_185419.jpg
 
20171203_185432.jpg
 
20171203_185457.jpg
 
20171203_185544.jpg
 
20171203_185612.jpg
 
 
 
20171203_190003.jpg
 
20171203_190015-1-1.jpg
 
20171203_190259.jpg
 
20171203_190342.jpg
 
20171203_190358.jpg
 
20171203_190531.jpg
 
20171203_190618.jpg
 
20171203_190637.jpg
 
20171203_190812.jpg
 
20171203_190901.jpg
 
20171203_191022.jpg
 
20171203_191030.jpg
 
20171203_191052.jpg
 
 
 
 
Rota:
 
rota.png
 
Postado há 1 minute ago por Sant' Anna

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Sapiranga.RS%2B%252814%2529.jpg

Sábado de sol é um convite a desbravar nosso Rio Grande velho de guerra. Passeio da vez, destino ao Morro Ferrabraz, em Sapiranga, passando pela Praça do Chafariz em Portão e Igrejinha.RS. Marcamos o passeio com nosso amigo Luiz Fernando, e família, do blog viciadosemestrada, saindo as 10 hrs da serra Gáucha.
 
Portao%253BRS%2B%25284%2529.jpg
1ª Parada: Portão.Rs: A cidade tem esse nome por ser conhecida como o Portão da Grande Porto Alegre. Fora isso sabia apenas que possuía uma bonita praça, com um letreiro com os dizeres: EU AMO PORTÃO. Bom lugar para tirar uma selfie. A praça é bonita e possui um chafariz (óbvio a praça do chafariz ter um chafariz). Além de uma ponte, um laguinho e pracinha para as crianças. O lugar é calmo, e convidativo a um bom chimarrão nas sombra das grandes arvores. Pena a limpeza ficar um pouco a desejar, pois haviam muitos objetos no chão, como copos plásticos, garrafas de água, bitucas de cigarro. Uma praça bonita dessas merecia uma melhor conservação. Ficamos no local por quase 1 hora, curtindo a sombra das arvores e mateando. Quando estávamos para ir embora, procurar um local para almoçar, eis que surge do nada um sujeito,
Portao%253BRS%2B%25287%2529.jpg
se metendo em nossa conversa. O papo estava em algo sobre o Luciano Hulk ser candidato, e o penetra, passou a palestrar, tendo nós como platéia. Era um homem de lá seus 50 anos, boné, cabelo cumprido, bermuda e camiseta, não estava sujo, nem drogado. O que nos deixou impressionados foi o grau de informação do vivente, e a coerência de seus argumentos, que ia do preço da saca de café, da influência massônica na fundação da republica brasileira, que segundo ele ao contrário da França e outros países desenvolvidos, foi fundada presidencialista, e esses países parlamentaristas; influencia do nobre fulano de tal, rico cafeicultor de Rio Preto-SP, nesse processo.  Dos políticos que preferem passar as férias em Aspen, Estados Unidos que em Cidreira.RS, que segundo o mesmo possui mar  de cor marrom escura, graças as algas do local. O sujeito era uma enxurrada de informação. Uma figuraça na verdade, pena que tínhamos que ir, pois, é o tipo de cara que da para passar uma tarde escutando. E assim nosso novo amigo foi até nossos carros conversando, em tom entusiasmado, e foi embora sem dizer seu nome, sem pedir nada, apenas um pouco de atenção por alguns instantes. E assim  fomos embora impressionados e intrigados com aquela figura, de tamanha sabedoria, e ao mesmo tempo estilo de andarilho. Como se fosse um professor de historia algo assim, que sofreu algum desvio na vida, e virou uma persona errante. Enfim... Filosofias de bar a parte. Fomos almoçar pela indicação do filoso da praça de Portão. Chegamos ao Bifão, umas cinco quadras adiante da prefeitura. A fachada não chama muito atenção, mas o lugar é melhor por dentro que por fora, e vale mesmo a pena. Comemos uma farta "Ala Minuta" (bife, ovo, batata frita, arroz, salada), por R$ 20,00 que serviu duas pessoas com fartura, e o toque especial foi um pãozinho para chuchar no molho do bife. Comida caseira barata e de boa qualidade. 
 
 
Sapiranga.RS%2B%252812%2529.jpg
2ªParada: Sapiranga.RS. Morro Ferrabraz:
Chegamos a Sapiranga em torno das 13 horas e 30 min. Tentamos visitar o museu próximo da Praça das Rosas, mas estava fechado, então seguimos ao cartão postal da cidade, Morro Ferrabraz, local para voo-livre. Não sabíamos muito bem  a direção,  e fomos nos informando com as pessoas no caminho. Depois de nos perdemos algumas vezes, quase entrar em uma propriedade particular, achamos o caminho do
Sapiranga.RS%2B%252819%2529.jpg
morro. Perau a cima, e que perau! 770 metros de altitude, se meu possante 1.0 não fundiu o motor dessa vez, acho que não funde mais. Perrengue a parte, chegamos ao cume do Morro, de onde se pode desfrutar de uma bela vista de toda cidade; além das cidades vizinhas. E por nossa sorte estava havendo uma competição de Aza Delta bem naquele momento, o que recompensou o esforço. Somando a isso, na cidade vizinha, Igrejinha, ocorria uma competição de Paraglider, e os "gliders" vinham para nossa direção. Um espataculo a parte, ver as azas e os "gliders" dançando juntos no ar. Mais 1 hora no Morro, e seguimos viagem.
obs: Outro Atrativos da cidade: O Museu Municipal Adolfo Evaldo Lindenmeyer:, Caminhos de Jacobina, Praça das Rosas, Parque Municipal do Imigrante, Totem de Sapiranga, Pórtico Asa-Delta, Monumento ao Imigrante e Reserva da Família Lima.
 
 
Igrejinha%2B%25281%2529.jpg
3º Parada: Igrejinha.RS:Paramos no posto Alles Blau, onde existe uma Igreja simbolo da cidade, além de um centro de compras. A igrejinha é realmente linda, já o centro de compras um tanto elitizado para meu gosto. Fora isso queríamos visitar as lojas de calçados de Igrejinha, e o Luiz e sua família queriam seguir para Gramado, então nos separamos. Chegamos em algumas lojas na entrada da cidade, e naquelas... O bom era caro, e o barato não era bom. Entramos na cidade para tentar melhor sorte, mas que nada. Não achamos nenhuma loja interessante, a cidade me decepcionou um pouco. Achei tudo muito espalhado e mal sinalizado. Enfim não achamos nada que queríamos, e batemos perna a toa, num sol de 40 graus. Enfim... acho que faltou dicas mais certeiras (ou pesquisar
Igrejinha%2B%25287%2529.jpg
melhor). Demos umas voltas na praça central, e depois chegamos ao parque da Oktober, onde existe uma vila germânica, mas estava fechado. Realmente não tivemos sorte nessa visita. Mas acho que o grande atrativo de Igrejinha é a Oktoberfest, então o mês certo para visitar a cidade é outubro, chegamos um pouco atrasados dessa vez. 
 
Outros Pontos Turísticos da cidade: Oktberfest, Praça Dona Luisa e Rua Coberta, Museu do Professor Gustavo Adolfo Koetz, Casa de Pedra, Cascata de Solitária, Cascata dos Italianos, Morro Alto da Pedra, Monte da Fé. 
 
**Bonus: 
 
Gramado.RS.17.jpg
4ªParada: Gramado em dia de superlotação: 
Como era cedo, decidimos passar por Gramado, antes de retornar a Caxias. Gramado em época de Natal Luz, é para quem quer ver o espetaculo, mas tipo quer muito mesmo! Pois a cidade vira um pandemônio, ruas lotadas, não existe onde estacionar, o transito fica infernal. Os motoristas esquecem todas regras de trânsito, e surge turista, hipnotizados, de trás do carro, de baixo, até do capo, tipo "Walking dead". Desse jeito, não deu pra curtir muito, pois, todos locais para comer estavam lotados... Com esse formigueiro de turistas não podia ser diferente. O que ficou de bom foi comer um bolo chaminé
Gramado%2B%25282%2529.jpg
com sorvete. Quem não conhece procure conhecer, é coisa de outro mundo! Mesmo esperando mais de meia hora na fila, e ter que discutir com as atendentes que entregaram meu pedido para outra pessoa, valeu a pena (pra ver como é bom o troço). Depois mais uma caminhada, admirando as belas edificações da cidade, as pessoas tipo zumbi olhando pra cima, olhando as luzes e parando no meio da rua entre os carros para tirar selfie. Turistão é um fenômeno humano a ser estudo. As pessoas perdem totalmente a noção quando estão no papel de turistas, o selfie, piorou drasticamente essa doença. Mas beleza! Mais 1 hora, para andar 5 km, para sair da cidade. E mesmo assim valeu a pena o passeio, com experiencias ótimas, e o que não foi bom de viver, é bom de contar. 
 
Outras Fotos:
 
Igrejinha%2B%25283%2529.jpg
 
Igrejinha%2B%25284%2529.jpg
 
Igrejinha%2B%25285%2529.jpg
 
Igrejinha%2B%25286%2529.jpg
 
Igrejinha%2B%25288%2529.jpg
 
Igrejinha%2B%25289%2529.jpg
 
Igrejinha%2B%252810%2529.jpg
 
 
 
Portao%253BRS%2B%25281%2529.jpg
 
Portao%253BRS%2B%25285%2529.jpg
 
Portao%253BRS%2B%25289%2529.jpg
 
Portao%253BRS%2B%252810%2529.jpg
 
Portao%253BRS%2B%252811%2529.jpg
 
Sapiranga.RS%2B%25283%2529.jpg
 
Sapiranga.RS%2B%25288%2529.jpg
 
Sapiranga.RS%2B%252811%2529.jpg
 
Sapiranga.RS%2B%252816%2529.jpg
 
Sapiranga.RS%2B%252817%2529.jpg
 
Sapiranga.RS%2B%252820%2529.jpg
 
Igrejinha%2B%252811%2529.jpg
Rota: 
 
roteiro%2B1.png
 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×