Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

LeoRJ

Informações sobre CHUVA NO PERU

Posts Recomendados

E agora quais seriams as previsoes para as 2 proximas semanas...???? Ja tem algum ponto definido em relacao se havera a possibilidade ou nao se voltar a trilha ao normal ou se nao algum atalho para se chegar a MACHU PICHU????

Abs a todos...!!!! E espero que tudo se resolva da melhro forma e o mais rapido possivel!

Fabricio Nakao

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100131233454.jpg 500 375 Legenda da Foto]Escreva seu texto aqui. Boa noite, Voltei de machu Picchu dia 30 de janeiro, por sorte não tive maiores contratempos, mas a informação é que vai demorar dois meses para a recuperação dos trilhos do trem que levam até aguas calientes, então acho que a única forma de chegar a machu picchu nesse tempo é o caminho alternativo já descrito em outros tópicos.

Quem desejar maiores informações podem escrever para o meu e-mail [email protected]

abraços..

obs. a viagem é inesquecivel mesmo se não puderem ir a machu picchu não deixem de viajar [ ]. Onde está escrito Legenda da Foto, coloque o Nome da Foto e se quiser ver como fica antes de escrever seu texto clique no botão Prever[/picturethis]

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eh, que pena isso tudo neh galera?

Mas eu ainda continuo confiante e com roteiro confirmado e passagens e trilha reserrvados.....rs

 

Vai dar certo, tem que dar.... rs

 

Abrs a todos e sorte para quem vai.....

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E ai galera.

 

Conforme diversas informações da imprensa em geral, a previsão de conserto dos trilhos que levam até Aguas Calientes é de aproximadamente 2 meses. Nesta previsão não deve estar computando novos imprevistos, ou seja, e se chover com a mesma intensidade do mes de janeiro, será que haverá condições pra consertar os estragos? claro que não!!! Então, não dá pra ficar torcendo, achando que tudo vai estar pronto em 2 meses pq bem provavelmente não estará.

 

O Peru é um pais muito pobre economicamente, a infra-estrutura na região é deficitária. Além disso, a situação geográfica das montanhas complica a chegada de maquinários para o conserto. Então, eles devem demorar um bom tempo pra resolver os estragos por lá.

 

Comos mtos ja disseram os meses de janeiro e fevereiro compreendem a temporada de chuva da região de Machu Pichu, e são chuvas fortes. A melhor época pra se conhecer o região é de maio a setembro/outubro quando começa a estação do sol e praticamente não chove. Eu fiquei o mes de setembro/2009 inteiro no Peru/Bolivia e não vi uma gota de chuva.

 

Quando falamos de viagem é necessário um certo planejamento pra evitar qualquer imprevistos. Janeiro e fevereiro, como já perceberam causam mtos imprevistos e danos na região e melam a viagem dos sonhos de muita gente. Por isso, é importante o planejamento.

 

Pra aqueles que tem muita vontade de conhecer o local e não sabem quando terão condições de voltar pro Peru em uma outra oportunidade, eu, se estivesse no lugar de voces, adiaria a viagem para depois de abril. Daí sim da pra fazer tudo com tranquilidade.

 

Sou da turma dos realistas, então janeiro e fevereiro são meses a serem descartados pra conhecer a região (minha opinião)

Grande abraço a todos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Galera,

 

Estou com passagem comprar de Lima para Cuzco no dia 26/2. Vocês acham que eu devo cancelar.

 

Caraca a viagem que eu mais queria. Tão planejada!! :-(

 

É muito ruim isso!!

 

Abração povo!

 

E aí, td bem.

 

Vc já pensou na possibilidade que podem ocorrer novas chuvas nesse período e o conserto tão desejado pode ser prorrogado por mais tempo. Não controlamos a variável "tempo" tão pouco a variável " boa vontade dos políticos", então velhinho, numa boa, se vc quer fazer uma viagem traquila sem grandes imprevistos, a partir de maio é a melhor opção.

Já pensou em ir pra lá e passar pelo mesmo perrengue de janeiro/2010?

 

abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Só lembrando a alguns pessoal, que estamos falando de reparos na região de Aguas Calientes e MP e algumas partes de Cusco ok? Não quer dizer que não se pode ir para o Perú, até mesmo para Cusco... Inclusive tem um relato na página anterior de 2 moças que estão em Cusco e que estão curtindo muito lá....

 

Vlw, e pode ter certeza, as coisas estão caminhando por lá e esperamos ansiosos, para quem vai, notícias boas....

 

Abrs a todos

::hahaha::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Triste esse relato, hein:

 

---

 

Retorno

 

Brasileiros ilhados no Peru denunciam que turistas americanos, japoneses e europeus pagavam para furar fila de resgate

Publicada em 01/02/2010 às 07h03m

Waleska Borges

 

RIO - Desembarcaram nesta segunda-feira, às 4h57m, na Base Aérea do Galeão, 57 dos 62 brasileiros que ficaram ilhados por uma semana em Águas Calientes, na região de Machu Picchu, Peru, por causa das fortes chuvas que atingiram a região. O grupo chegou em um avião da Força Aérea Brasileira . Antes de chegar ao Rio, cinco turistas desembarcaram em Rio Branco.

 

No desembarque, alguns passageiros contaram que turistas americanos, japoneses e europeus pagavam até U$ 500 dólares para passar na frente das pessoas que estavam sendo resgatadas. De acordo com eles, o dinheiro era recebido por policiais peruanos. Os brasileiros junto com os turistas argentinos chegaram a fazer uma barreira humana, na porta de um hotel, para evitar que a fila do resgate fosse furada ( Clique para ver imagens dos turistas deixando o Peru ).

 

- Descobriram que estava tendo uma outra saída por trás onde as pessoas com dinheiro estavam passando. Aí os argentinos, que são muito mais vibrantes do que nós, já saíram correndo e os brasileiros foram atrás. Foi aí que deu medo de sair uma confusão interna. A polícia peruana começou a mostrar as armas - contou a estudante de jornalismo Priscila Benecase, que chegou nesta segunda-feira ao Rio.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Triste esse relato, hein:

 

Muito legal a atitude dos brasucas e dos hermanos. Eu também não deixaria passar essa sacanagem.

 

Pra aqueles que tem muita vontade de conhecer o local e não sabem quando terão condições de voltar pro Peru em uma outra oportunidade, eu, se estivesse no lugar de voces, adiaria a viagem para depois de abril. Daí sim da pra fazer tudo com tranquilidade.

 

(...)

 

Sou da turma dos realistas, então janeiro e fevereiro são meses a serem descartados pra conhecer a região (minha opinião)

 

Se eu quisesse tranquilidade, tinha planejado passar o carnaval aqui em Curitiba. ;P

 

Acho que todos aqui estão sendo realistas quanto à situação. Todo mundo tá bem ciente do risco monstruoso de as chuvas fortes voltarem, de ficarmos ilhados, de passarmos pelos mesmos perrengues que o pessoal passou ou piores, de não conseguirmos passar por certos locais, enfim. Só que estamos escolhendo encarar os riscos. Mas se serve de algo para melhorar a situação, pelo menos não vamos ser pegos de surpresa se alguma merda acontecer.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom, aqui vai minha contribuiçao sobre Cusco.

Estive lá até ontem. Fiquei 4 dias lá. Iria para MaPi, óbvio.

Cusco ainda continua agitada de dia e de noite. As ruínas estáo visitáveis. Machu Picchu também, a única coisa que impede é o caminho. Li no jornal local no dia 28 que eles estava estudando a possibilidade de reabrir a linha férrea entre Ollanta e Aguas Calientes apenas para resgate dos turistas que ainda estavam em AG. Nao ouvi mais nada sobre isso, entao eu creio que nao rolou. Eles estavam também estudando a possibilidade de reabrir o caminho para Machu Picchu em 4 dias, mas nada certo. E o jornal ainda mostrava 5 pontos criticos na linha que precisavam ainda ser vistoriados. E como as coisas por lá andam no ritmo mais lento, com certeza eles nao vao liberar num prazo tao pequeno. Mesmo que eles necessitem tanto do dinheiro dos turistas.

 

Enfim, visitar Machu Picchu com segurança realmente só daqui 1 mes ou 2.

 

Choveu apenas 1 noite enquanto estive em Cusco, o tempo realmente ajudou bastante. E o que tem pra fazer lá?? O Valle Sagrado está completamente reaberto. Fui dia 28 para Chinchero, Urubamba, Moray, Maras e Ollantaytambo. Em Ollanta tivemos umas crises lá. Estava em obras quando fomos e muitos grupos nao conseguiram entrar. Porém anteontem um grupo de brasileiros que estava no mesmo hostel que eu foi ao Valle Sagrado e conseguiu entrar em Pisac e Ollanta sem problemas. Estao normais.

 

As ruinas proximas de Cusco estao totalmente acessiveis também. Fui a Tambomachay, Qenko, Puka Pukara e Saqs sem nenhum problema. Tipon também está acessivel, e dizem que é linda e enorme. Nao consegui ir..

 

Resumo da ópera é.. claro que Cusco já foi mais bonito do que hoje. Em muitas estradas é possível ver a terra que desceu dos morros invadindo a pista. Muitas casas nos arredores de Cusco ou caídas ou em estado de alerta para novos deslizamentos. Há gente pedindo contribuiçao de toda forma. Mas Cusco em si continua a cidade histórica bonita e cheia de turistas. Senti uma frustraçao em nao ir a Machu Picchu, nao sei quando voltarei. E realmente, quem quiser ir a Cusco agora, melhor esperar pelo menos 1 mes. Se bem que quando tudo estiver normal, talvez eles enfiem a faca para compensar as perdas de janeiro, né.. vamos esperar.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Pessoal,

 

Cheguei em Lima no dia 30/01, já havia cancelado a ida até Cuzco que estava agendada para o dia 31/01, como vou ficar até o início do carnaval vim com esperanças de conseguir ir até lá no fim da viagem, ainda faltam quase duas semanas pra eu voltar mas todas as pessoas com quem eu falei me disseram exatamente o que o pessoal tem escrito aqui, deixe para ir a Cuzco em outra ocasiao, quem puder voltar ao Peru volte, quem puder vir só uma vez adie a viagem, todos trabalham pra que tudo volte ao normal pq como muitas pessoas já deixaram aqui, a regiao sobrevive do turismo, mas o estrago foi muito grande. Todos dizem que mesmo se formos nao será nem de perto parecido com a viagem que poderia ser, Macchu Picchu nao sofreu nenhum dano mas toda a estrutura que a cerca está muita abalada, particularmente eu nao acho que valha o risco. As melhores previsoes sao para a segunda quinzena de março, antes disso as pessoas dizem que nao vale a pena ir até lá.

 

Em todos os lugares que visitei em Lima há pontos de doaçao de roupas e alimentos e na TV o que mostram nao é nada bonito, entao levem em consideraçao o que o pessoal tem dito aqui, pois as previsoes sao pessimistas+

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora



×
×
  • Criar Novo...