Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

LeoRJ

Informações sobre CHUVA NO PERU

Posts Recomendados

No jornal de hj de manha na TV Peru informaram que em 03 semanas o trecho estara liberado, mas como disseram ja faz das semanas que a historia é a mesma...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mochileiros,

 

segundo o Diário del Cusco a rota para Machu Picchu será reaberta aos turistas por meio de helicópteros a partir da semana que vem com o objetivo de reiniciar as atividades turísticas na região.

 

Infelizmente a reportagem está na edição de 06/02/10 do jornal apenas em formato pdf e até o momento não pode ser copiada e colada aqui. Vou tentar traduzir alguns trechos importantes. Para os que quiserem ler a notícia na íntegra, basta entrar no site (http://www.diariodelcusco.com), clicar no tópico: "Leer Edición Impresa" e "folhear" o jornal até a página 3 - Editoria Local.

 

______________

 

A decisão de utilizar os helicópteros foi tomada após uma intensa reunião em que participaram diversas instituições e acordou-se o urgente restabelecimento do serviço de helicópteros na localidade para que Machu Picchu possa voltar a ser visitada e que se reverta o colapso da principal atividade econômica de Cusco.

 

Acordos Assumidos

 

Entre os acordos assumidos se determinou a aprovar a operação da ponte aérea entre "Cusco - Águas Calientes - Cusco", assim como "Ollantaytambo - Águas Calientes - Ollantaytambo". Deve ser utilizado o heliporto "El Rocotal", que esteve a ponto de ser fechado.

 

Segundo o jornal, serão de 6 a 8 vôos diários (dependendo das condições climáticas) com dois tipos de preços aprovados:

 

1) Ida ou Volta (One Way), 300 dólares para serviço seletivo sem pernoite com rota aérea: "Cusco - Águas Calientes ou Machu Picchu Pueblo - Cusco".

 

2) Ida ou Volta (One Way), 160 dólares para serviço "massivo" com pernoite em Machu Picchu Pueblo e rota aérea: "Ollantaytambo - Águas Calientes ou Machu Picchu Pueblo - Ollantaytambo".

 

Dizem, ainda, que será formado um comitê de vigilância para a regulação das vendas.

 

__________________

 

 

Pelo que entendi, o preço acima será cobrado por trecho, o que encareceria bastante o passeio. ::hein: Apesar de eu não estar disposto a pagar esse preço, considero uma boa notícia o restabelecimento do turismo.

 

Na mesma edição do jornal, há aquela velha notícia de que Machu Picchu será reaberta em 3 semanas, segundo o Ministro dos Transportes e Comunicações.

 

:arrow: Fonte: Diário del Cusco (http://www.diariodelcusco.com)

 

Abraços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Galera, salve a todos !!!

 

Bom ontem mais uma vez estive conversando com o Humberto da Puma's Trek agência que faz a trilha e que é a qual eu irei fazer a minha trilha se deus quiser e, pelo visto está tudo caminhando para tal fato, pois segundo ele e outros os quais estou em contato de lá o tempo(clima) melhorou bastante já e está tudo confirmado a trilha onde estarei entrando dia 06/03. O Humberto disse ainda que no máximo pegaremos um carro ou van caso ainda não esteja a ferrovia na parte onde passaremos na volta reparada.

 

Esse lance de ir de helicóptero é coisa prá "turista pacoteiro" poxa.... 300 doletas p fazer aquilo ali..... muito mais legal e aventura é então fazer a caminhanda que muitos fizeram qdo ficaram isolados lá..... mochileiro que é mochileiro não tem tempo ruim nao.... encara mesmo!!!!

 

Abras a todos e vamo que vamo que MP tá na área de novo!!!!

 

hehehehe

 

::lol4::::lol4::::lol4::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esse lance de ir de helicóptero é coisa prá "turista pacoteiro" poxa.... 300 doletas p fazer aquilo ali..... muito mais legal e aventura é então fazer a caminhanda que muitos fizeram qdo ficaram isolados lá..... mochileiro que é mochileiro não tem tempo ruim nao.... encara mesmo!!!!

 

Abras a todos e vamo que vamo que MP tá na área de novo!!!!

 

hehehehe

 

::lol4::::lol4::::lol4::

 

Quer dizer que dá pra ir de carro pra lá? Você sabe se tem algum ônibus cobrindo o trajeto? Quanto tempo o pessoal leva a pé na trilha?

 

Só perguntas. Eheheh.

 

Na mesma edição do jornal, há aquela velha notícia de que Machu Picchu será reaberta em 3 semanas, segundo o Ministro dos Transportes e Comunicações.

 

De novo com as "3 semanas". Quantos dias tem essas semanas deles?? Acho que esses caras tão funcionando por algum calendário Inca obscuro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Daniel, vou olhar com o Humberto sobre esse tempo que esqueci de perguntar, e posto aqui assim que ele me mandar o retorno.

 

Sobre a trilha apé, eu li no jornal Peruano que pessoas gastaram acho que em torno de 10 ou 12 horas..... eu animo de mais, poxa, outra trilha, aventura neh galera...... mochileiro que é mochileiro não tem tempo ruim..... heheheheh

 

Mochila nas costas e pé na trilha.....

::otemo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal, sei que estamos tendo várias notícias boas, e algumas nos surpreendem, mas fica difícil ficar lendo reportagens da Globo (G1) e outros dasqui do Brasil..... então prefiro como todos já aqui sabemos, acompanhar pelos sites do Perú e com infos de pessoas de lá.....

 

Segue o ultimo comunicado da PERURAIL:

 

SOBRE SERVICIOS EN LA RUTA CUSCO – PUNO – CUSCO (ANDEAN EXPLORER)

Cusco, 01 de Febrero del 2010.

 

Estimados amigos agentes de viaje:

 

PERURAIL hace de su conocimiento que la ruta Cusco – Puno – Cusco también ha sido afectada por las intensas lluvias que se han suscitado en el sur del país.

 

Es preciso que Ferrocarril Transandino S.A., concesionario de la línea férrea efectúe labores de rehabilitación de la línea férrea en diferentes puntos del recorrido. Por este motivo PERURAIL informa que los servicios en dicha ruta estarán suspendidos aproximadamente hasta el 21 de Febrero de 2010.

 

Se reitera que la celeridad con que los trabajos se concluyan depende en gran medida de las condiciones climatológicas que se presenten en la zona.

 

Las devoluciones de los boletos de aquellos grupos o pasajeros independientes que no puedan reprogramar sus viajes, proceden al 100% a través de los procedimientos conocidos para este fin.

 

Finalmente, PERURAIL desea manifestar que mantiene una gran confianza en resolver esta crisis con el apoyo de los agentes de viaje, a quienes insta a lanzar mensajes de optimismo a sus clientes especialmente extranjeros, asegurándoles que este episodio será superado a la brevedad posible.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Daí, companheiros de guerra. Algumas más notícias:

 

"O Instituto Nacional de Cultura (INC) do Peru suspendeu ontem a entrada de turistas à cidadela inca de Machu Picchu por helicópteros, única via de acesso habilitada atualmente, até que as condições de segurança e infraestrutura permitam.

 

Por meio uma nota de imprensa, o organismo peruano declinou desta maneira o pedido da DRCETC (Direção Regional de Comércio Exterior e Turismo de Cuzco), região onde fica a principal atração turística do país, de criar uma ponte aérea com helicópteros que permitisse o transporte de visitantes.

 

[...]

 

A DRCETC propôs manter um pequeno fluxo de turistas ao monumento inca por meio dos voos de helicópteros (uns 210 visitantes por dia), mas o INC se opôs a esta opção ao considerar que a mesma não garante a retirada dos turistas por vias alternativas no caso de mau tempo.

 

A decisão do INC também proíbe que os turistas façam o conhecido "caminho inca", uma rota de vários dias a pé que também serve de acesso a Machu Picchu.

 

"Somos conscientes da queda no nível de receitas que estes eventos naturais originaram, mas isso não pode nos levar a esquecer que nossa principal responsabilidade é cuidar da vida e da integridade física das pessoas", acrescentou o comunicado.

 

Segundo o Ministério de Comércio Exterior e Turismo peruano, serão necessárias pelo menos seis semanas para terminar os trabalhos de reparação da ferrovia e assim restabelecer o fluxo de visitantes a Machu Picchu. "

http://www1.folha.uol.com.br/folha/mundo/ult94u691396.shtml

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vixi, tá danado.....

 

Cada hora uma info né galera!!!!!

Uma hora um fala que vai acontecer, outra hora eles mudam de idéia.... será que estão achando que somos palhaços???

 

já tá ficando um saco isso né??? P ::vapapu::

 

Mas tô dentro..... dia 03 desembarcando em Cusco.

::otemo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Vixi, tá danado.....

 

Cada hora uma info né galera!!!!!

Uma hora um fala que vai acontecer, outra hora eles mudam de idéia.... será que estão achando que somos palhaços???

 

já tá ficando um saco isso né??? P ::vapapu::

 

Mas tô dentro..... dia 03 desembarcando em Cusco.

::otemo::

 

Tudo o que a gente precisa é uma balaclava, roupa com camuflagem pra mata, óculos de visão noturna e um alicate corta-cabos. Quem tá dentro? :x

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora



×
×
  • Criar Novo...