Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

Naja

Trem da Morte

Posts Recomendados

Galera,

Vcs que viajaram recentemente e pegaram o trem da morte na Bolívia, poderiam me informar os reais valores das passagens do FERROBUS E EXPRESSO ORIENTAL,classe: super pulman??? Já li os relatos de viagens e percebi uma variação nos prços, claro que existe quando se trata de classes diferentes, por isso peço a ajuda de vcs´e porque também não sei se esse site da ferrovia oriental , no qual, mostra os itinerarios e preços se está atualizado ou não. Li um relato de 2006 que o rapaz cita esse site e comparando com o de hoje é praticamente o mesmo.

 

Desde já agradeço quem me der uma informação precisa sobre os preços reais do Ferrobus e super pulman, esse mas economico..jejeje :)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Preços atuais:

 

598d9e4cd7790_ScreenHunter_01Apr_2819_19.jpg.2d941e3aa02438362bda785b7eb047bc.jpg

 

OBS: Pra saber o valor em dólares, só dividir o valor em bolivianos por 7.

 

Ex: Súper-Pullman = 127 bolianos / 7 = U$ 18,14

 

Abraço,

Leo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nossa, o Ferrobus é bem mais rápido !!!

 

 

Em Julho com certeza a procura é maior né ? Como acho que vou chegar no final da tarde em Corumbá, provavelmente não conseguirei passagens pro mesmo dia.

 

Isso está quebrando meu roteiro, não achava que fosse perder um dia em Corumbá ...

 

Abraços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Talvez você encontre, eu peguei o trem às 18:00, comprei a passagem por volta das 13:00 e lembro que era feriado. Compre somente na boleteria, não compre de alguém que estiver oferecendo na rua. Conheço pessoas que compraram sem ser na boleteria e eram passagens de funcionários do trem, aí eles tiveram que viajar nos últimos bancos e esses bancos não inclinavam, os bancos ficavam somente na posição de 90 graus, viajar por mais de 8 horas nessa posição ninguém merece!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Indiana Tours

 

Tem um grupo de mais de 20 pessoas que estão indo em Julho tb que comprou com essa agência de Corumbá a passagem do trem da morte antecipado, e nem pagaram muito mais por isso (R$ 15,00 se não me engano).

 

Em contrapartida, ví um relato de reclamação desta agência, mas foi apenas um relato, não encontrei mais nhenhum reclamando ...

 

Sei que deve-se evitar ao máximo reservar qualquer tipo de coisa para não pagar mais caro, mas nesse caso talvez valha apena para não correr o risco de perder um dia em Puerto Quijarro.

 

 

Abraços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Tem um grupo de mais de 20 pessoas

 

Só de ler uma coisa dessas...078.gif

 

Sou completamente contra esse tipo de viagem !!! Acho nojento mesmo !!! ::grr::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu tb !!

 

Nessa viagem ficarei 12 dias com minha namorada e depois seguirei mais 18 dias sozinho. Sozinho !!

 

Nada como as paisagens dos andes para pensar na vida rs.

 

Não sei qual é a graça de ficar fazendo grupinho, mas ...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Nossa, o Ferrobus é bem mais rápido !!!

 

 

Em Julho com certeza a procura é maior né ? Como acho que vou chegar no final da tarde em Corumbá, provavelmente não conseguirei passagens pro mesmo dia.

 

Isso está quebrando meu roteiro, não achava que fosse perder um dia em Corumbá ...

 

Abraços

Depende. Julho é temporada de europeus, poucos brasileiros vão em comparação com dezembro/janeiro, pois o clima é muito frio e as férias são curtas. Quem usa o trem da morte é basicamente boliviano que quer se deslocar internamente, e brasileiro. Os europeus voam direto para La Paz, ou mesmo direto para Cusco. Então sim, a procura é maior do que, digamos, em março, já que tem uma leva de brasileiros que está viajando também. Porém é menor do que no verão, certamente.

 

O trem só sai até certo horário, dependendo da hora que você chegar em Corumbá, nem terá mais viagens no dia. Lembrando que não basta chegar em Corumbá, tem ainda que atravessar a fronteira até Quijarro e passar pela burocracia da imigração. E sim, perder um dia em Corumbá é programa de índio total, às vezes é até melhor perder o dia em Campo Grande, viajar para Corumbá durante a madrugada e comprar as passagens no começo do dia seguinte.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Chegando em Corumbá

 

Fui no guichê da empresa Andorinha e confirmei o horário: tem ônibus todos os dias saindo da Barra Funda às 11:00hs e as 17:00hs.

 

Vou pegar o bus das 11:00hs dia 30/06/09 terça-feira, e chegarei em Corumbá dia 01/07/09 quarta-feira por volta das 09:30hs.

 

Sendo assim, corro pra comprar a passagem para o Ferrobus das 19:30hs. Se mesmo assim der zica, vou no SuperPulman na quinta-feira, fazer o que.

 

Aduana

 

Os policiais Boliches costumam dar canseira para entrar no país ? Estou com o RG bonitinho e a carteira de vacinação contra febre amarela tb.

 

abraços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por HenriqueSantos
      Mochileiros, estou planejando uma viajem, começando dia 2 de janeiro em Campo Grande - MS, até Machu Picchu. Preciso de conselhos e dicas sobre o que posso melhorar no meu roteiro.
      Posso estender a viagem por alguns dias, mas tenho que chegar até dia 18 em Campo Grande.
      Planejo gastar cerca de R$ 2.500,00, mas tenho mais grana pra imprevistos. E a ideia seria ir sem gastar muito com luxo, ao mesmo tempo visitando alguns pontos turísticos interessantes, como o Lago Titicaca, Machu Picchu e Lima. Estou aberto a qualquer tipo de sugestão. Por enquanto eu pretendo ir sozinho, mas aceito companhia
      Valeu!

      Roteiro
      Viagem de Ida
      02/12/19 Campo Grande – Corumbá. Ônibus (6,5h)
      Sair de ônibus a noite de Campo Grande e chegar de manhã em Corumbá. A passagem de ônibus para Corumbá custa cerca de 130 Reais.
       
      03/01/19 Dourados - Pt Quijarro – Santa Cruz.  Trem (17h).
      Chegar em dourados, ir para Pt Quijarro cedo, de ônibus municipal ou taxi, e comprar ticket do trem da morte. O trem sai 13:00h (Horário Local). Arranjar almoço e café da manhã pela região mesmo, antes de pegar o trem.
       
      IMPORTANTE: Ir para a fronteira cedo para evitar fila. Tem que entrar na Polícia Federal do Brasil e a aduana boliviana, DUAS FILAS que podem ser demoradas. Verificar onde trocar reais por bolivianos. A comida e água do trem é cara, levar comida e água. E comprar a passagem do trem o mais cedo possível. Levar um livro para a viagem do trem, são =~18h de trem. Corumbá tem 1h a mais que Pt Quijarro.
       
      04 e 05/01/19 Santa Cruz - La Paz - Copacabana. Ônibus (=~25h).
      O trem chega dia 04 em Santa cruz, por volta das 5:40 da manhã.
      Opção 1 (Preferida): Comprar passagem completa com viagem de Santa Cruz a Copacabana. =~250 B, 25h no total.
      Procurar ônibus direto de Santa Cruz a Copacabana. Tem ônibus ao preço de 250 Bolivianos. A viagem dura cerca de 25h no total. Não há muita diferença de preço entre as opções, mas tem diferença de tempo de duração.
      Opção 2: Comprar passagem para La Paz e (180-220 B, 18h), de lá, para Copacabana (35 B, 4h).
      Importante: A indicação de tempo é a de duração de viagem. Não há garantias que conseguirei ônibus com horário colado um no outro. O mais provável é que tenha que esperar algumas horas pelos próximos ônibus.
      Tem que procurar passagem para La Paz na rodoviária, talvez tenha que fazer uma escala em Cochabamba. A duração da viagem varia entre 18 e 24 horas, dependendo da presença de escala ou não. O preço do ônibus para La Paz varia entre 180 e 220 Bolivianos.
      Chego em La Paz e procuro passagem de ônibus para Copacabana. A viagem dura cerca de 4 horas e tem passagens por 35 Bolivianos. Ao que parece, o último ônibus barato sai as 13:30h. Achei outros ônibus depois disso, mas todos estavam bem caros.
       
      05/01 Copacabana e 06/01 Copacabana – Cusco. Ônibus (12h).
      Chego em Copacabana no meio da tarde do dia 05/01, ou início da noite. Durmo num Hostel local, tem Hostel mais barato, por cerca de 60 Reais. A média de preço na região é por volta de 100 Reais.
      No dia seguinte (06/01) procuro viagens à noite para Cusco, e passo o dia conhecendo o lago Titicaca.
      Têm várias Ilhas turísticas no lago, Isla del Sol e Isla Luna são destinos famosos. O barco para levar até as ilhas custa por volta de 30B, assim que chegar na ilha um guia deve aparecer e oferecer um tour por ela. Comida custa mais caro nessas ilhas. Gasto esperado pelo passeio todo: =~ 150 B.
      A passagem para Cusco de Copacabana custa cerca de 150 B, e a viagem dura 12h. Para ganhar tempo e economizar uma grana é bom dormir no ônibus para Cusco.
      A noite pego o ônibus para Cusco.
       
      07/01/19 – Cusco.
      Assim que chegar devo procurar um hostel em Cusco. Tem alguns baratos, na faixa de 70 Reais, ao que parece.
      Comprar o ingresso para Machu Picchu no Museu, negociar um pacote de viagem para o dia seguinte à Hidrelétrica, incluindo a volta, alguns hosteis oferecem esses pacotes e ele custa por volta de 70 Soles (=~ 80 Reais). A tarde devo ter tempo visitar a cidade.
      O ingresso para Machu Picchu custa 152 Soles, aproximadamente 170 Reais (1,12 Reais o Sole). Compro a entrada para o dia 09/01.
      Comprar o ingresso no Museu Casa del Inca Garcilaso de la Vega (Rua Calle Garcilaso, s/n. A um quarteirão da Praça de Armas de Cusco, na esquina com a Plaza Regocijo).
      Na manhã seguinte pego a van para a hidrelétrica.
       
      08/01/19 Cusco – Machu Picchu Pueblo (Águas Calientes). Van (8h) e caminhada (3h) =~11h.
      Vou de van, pelo pacote até a hidrelétrica, e faço caminhada até Águas Calientes, 13km a pé, seguindo o trilho do trem. O percurso de Van dura aproximadamente 8 horas e a caminhada pé leva até 3 horas. Devo chegar perto da noite em Águas Calientes.
      Águas Calientes é uma cidade pequena e tem muitos hosteis. Vale a pena pesquisar e achar um hostel barato. Na internet achei vários na faixa de 100 Reais, mas dizem que lá tem outros muito mais baratos por até 30 Reais.
      Passo a noite num hostel local.
       
      09/01/19 Machu Picchu e Águas Calientes
      Acordo cedo para subir Machu Picchu de escada.
      Para subir em Machu Picchu tem um ônibus, que custa 24 dólares ou caminhada de 2 horas, subindo escada, vou de escada por que 24 dólares é muito dinheiro.
      Visito Machu Picchu e passo o restante do dia em Águas Calientes. Volto no dia seguinte, de volta a Cusco.
      Passo a noite num hostel local.
       
      RETORNO
      10/01/19 – Águas Calientes – Cusco - Copacabana. Caminhada (3h) e Van (8h) =~11h.
      Volto de manhã para a caminhada até o posto das vans, na hidrelétrica. É só refazer o mesmo caminho da ida.
      Volto a Cusco com as vans, o pacote comprado em Cusco deve inclui o retorno. Devo chegar em Cusco por volta do fim da tarde.
      Verificar se tem passagem direto para La Paz de lá, o destino final para o dia é La Paz. Mas como é um destino longe, entre países, eu não sei se encontrarei passagem. Se não encontrar passagem direto é melhor passar a noite em Cusco e viajar no dia seguinte cedinho.
      A viagem de Cusco para Copacabana leva cerca de 12 horas. Saindo as 22 horas de Cusco, devo chegar por volta das 10:00 em Copacabana.
       
      11/01 Cusco – Copacabana – La Paz. Ônibus 12h e Ônibus 4h. 12/01 La Paz, 13/01 La Paz - Santa Cruz. Ônibus 18h.
      Em Copacabana procuro passagem para La Paz e parto assim que der. A viagem de Copacabana para La Paz leva cerca de 4 horas e custa entre 17 e 45 Reais.
      Se tudo der certo devo chegar dia 11 (Sexta-feira) em La Paz, perto do fim da tarde.
      Passo alguns dias em La Paz, e parto dia 13 para pegar o trem na segunda, dia 14.
      Fico em La Paz e conhecendo os locais turísticos próximos a cidade até o dia 13. Partindo de volta a Santa Cruz na tarde do dia 13, para chegar dia 14, segunda, de manhã em Santa Cruz e pegar o trem.
      Gastaria com hosteis, turismo e alimentação dos dias extras.
      Esses dias em La Paz também servem de margem para algum possível imprevisto.
       
      14/01/19 Santa Cruz de La Sierra – Pt. Quijarro. Trem (17h).
      Saindo na tarde do dia 13, em La Paz, devo chegar em Santa Cruz dia 14, de manhã, a tempo de pegar o trem. O trem mais barato de Santa Cruz a Pt Quijarro só sai segunda, quarta e sexta, sempre as 13:20h, dia 14 é segunda então partiu Porto Quijarro.
       
      15/01/19 Pt Quijarro - Corumbá - Campo Grande.
      Dia 15 chego em Pt Quijarro na parte da manhã, vou para a fronteira e para rodoviária em Corumbá. De lá, para casa. A passagem de volta, comprada no dia, custa cerca de 170 Reais.

       
       


×
×
  • Criar Novo...