Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

angelita.galli-pereira

Santiago e arredores em julho de 2016 - fotos

Posts Recomendados

Viagem realizada em 12 de julho as 22 de julho.

Vou relatar aqui nossa ótima experiência de conhecer um pedacinho do Chile... País lindo, com uma história incrível e natureza encantadora.

Foram meses planejando, virando essa internet do avesso, grupos do face, whats, tanta ajuda que tive pra esse sonho de infância se realizar... seria injusto não compartilhar..

Inspirar.. incentivar.. mostrar que é possível..

Esse mundo é muito grande pra não nos movermos, nossos olhos tem muito para ver, e nossa alma sentir!!!

 

Essa foi minha primeira viagem, a qual fui acompanhada da minha irmã, irmão e um amigo.

Não foi mochilão, mas foi econômica... não marquei todos os gastos, mas tentarei registrar aqui o máximo que puder...

 

Gosto de chamar ela de "Na mala da Alma"...

 

No meu último post aqui fiz um resumão, caso queiram pular todo o relato!!

 

Vamos lá então..

 

Começamos a planejar a viagem em Janeiro de 2016.

Em fevereiro já estávamos com as passagens compradas, 1600 reais, ida e volta com taxas. Voo Latam, saindo de Florianópolis, conexão em SP Guarulhos, parada final Santiago. (pelo que tenho visto, as passagens estão bem mais em conta agora...)

 

Hospedagem fechamos em março, pegamos um apart pelo Airbnb, 10 diárias, 1420 reais. Inicialmente éramos eu e minha irmã, meu irmão decidiu ir junto lá por maio, então conversamos com o anfitrião, que permitiu mais uma pessoa, mas teve que pagar a diferença.. talvez aqui saímos no prejuízo, pois poderíamos ter encontrado um lugar mais em conta para 3, mas cancelar essa reserva teríamos que pagar multa, então sairia uma coisa pela outra.

 

Em maio fomos até a Decathlon de Floripa.. não sou uma pessoa que sente muito frio, mas mesmo assim comprei blusas fleece, uma calça térmica, uma jaqueta impermeável... foram mais 400 reais..

Vale lembrar que Santiago não é tão frio, não precisa se encher de roupa... isso é importante para os passeios na neve...

 

Nesses meses todos fui desenvolvendo um roteiro, ele não foi seguido a risca, mas deixo em anexo pra dar ideias à vocês!!

Roteiro Chile m.doc

 

Dia 1

Saída de Lages as 4hs da madruga. Após as aventuras no volante com Angelita, hora de chegar em floripa, direto no Portal estacionamento. Estacionamentos variando de 12 a 24 reais a diária nas proximidades do aeroporto...

Levamos lanche pra esse primeiro momento no aeroporto (economizar)... após isso, check in, despachar malas, embarcar.. aquelas coisas..

Priscila, Jordan e eu com mochilas como bagagem de mão, nenhuma foi pesada para embarcar... detalhe: a minha com mais de 5kg.

Voo LATAM SP - SCL perfeito. Serviram uma polenta com frango ao molho branco e legumes, sem reclamações... tinha quindim também, não sou fã desses doces, mas vou dizer, tava muito gostosinho! Durante a refeição água, suco, refri e vinho... eu como estava de férias e não devo nada a ninguém (kkkkk) fui de vinho, branco e tinto, e fiquei tonta, novidade né?

 

IMG_20160713_090004.jpg.c1903827c671688eb1465b729d8ec090.jpg

 

ahhh, não posso deixar de citar o café após a refeição, Juan Valdez, um café forte, com um sabor bem particular ao meu ver, achei delicioso. Priscila foi de chá, provei e achei com gosto e cheiro de erva mate.. sei lá..

Preenchemos a folha pra aduana, meio estranho.. mas foi..

 

20160712_170415.jpg.779cedab1a3e9874d7f6f4f50c3b87f9.jpg

 

Enfim, chagada em Santiago, era noite e não deu pra ver a cordilheira (aquela ansiedade)...

Tudo muito tranquilo, desembarque, fila nada assustadora pra passar na policia, não levamos 15 minutos..

Cambiamos um pouco de dinheiro na Afex do aero pra poder pagar o transfer, cotação baixa - 168.

Obs: levamos apenas reais, justamente para cambiar lá.. trocamos o necessário até conseguir ir na Agustinas. Nosso amigo Sander, cambiou no Brasil, 140, baixíssimo, se arrependeu...

Na aduana, sem estresse, simples e rápido.

Ao lado da afex tem o transfer da transvip e delfos, optamos pela delfos, 6.900 por pessoa.. saiu em menos de 15 min e nos deixou na porta do prédio.

Fomos recebidas pelo nosso anfitrião, que nos apresentou o ape, nos deu um mapa da cidade, nos explicou sobre o metro e pontos turísticos.. uma atenção incrível.

Nossos voos eram separados, primeiro chegou eu e minha irmã.. 1 hora depois o Sander, e por fim, 2 horas depois meu irmão.. Estavamos cansadas, mas tínhamos que esperar o Jordan para dormir.. O Sander ficou em um ape próximo, também pelo Airbnb.

 

Vou fazer os posts por dia.. já já posto mais..

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dia 2

 

Santiago com tempo feio, pancadas de chuva durante o dia, não tão frio, mantivemos o nosso roteiro e fomos as ruas.

Realizamos a visita guiada no Palacio de la Moneda - sede da Presidência do Chile, conhecemos os pátios e alguns de seus principais salões, e ouvimos um pouco da história política do país...

Ao meu ver, visita imperdível, pouco falada por quem já visitou a cidade, mas riquíssima.

Bem simples, basta fazer um agendamento prévio via internet.

http://visitasguiadas.presidencia.cl/

É preciso agendar com antecedência, são vagas limitadas, a visita é gratuita.

 

20160713_093118.jpg.6ea9457764abc9b56954453992ebc4af.jpg

 

2016_0713_113338_094-2.jpg.b7b26265e6942e55afa9bdc2864f3711.jpg

 

DSCN8728-2.jpg.b027127816aea684db48c9e4f2f550e5.jpg

 

DSCN8703.JPG.0f0b26f9496d8d5ab536606ada1a68c8.JPG

 

DSCN8712.JPG.01d7edfd703a2353cf5735f273afb62d.JPG

 

DSCN8737-2.jpg.81c6889b77a63f3374e5f35e21774bdd.jpg

 

Seguimos para Plaza de Armas, linda praça, rodeada de prédios antigos, por sinal, a cidade tem muitos prédio antigos, imensos, conservados e lindos.

 

DSCN8835.JPG.4803fa2d626f8b611180bb55dee056b6.JPG

 

Na plaza conhecemos a Catedral Metropolitana de Santiago, a dizer: magnifica.

 

2016_0713_132827_168-2.jpg.9243e96eea8c274d62ba4a2c38f3c675.jpg

 

Visitamos o Correo Central e o Museo Postal, acervo bastante interessante. Aproveitamos e visitamos o museu que fica ao lado, Museo Historico Nacional, contando a história desse país único.

 

DSCN8784.JPG.033ecb44000a975280f68001df16e77f.JPG

 

Passada das 14hs fomos almoçar ao lado do palacio de la moneda, restaurante simples com comida farta, 4700 pesos. Não recordo o nome, mas é um restaurante onde os locais almoçam.

Em baixo de chuva, continuamos pelas ruas de Santiago.. Sander resolveu comprar um guarda chuva, adivinha só.. parou de chover.. kkk..

Pela Av. Libertador Bernardo O'higgins, a pé, chegamos até a Iglesia São Francisco, você não dá nada por ela, ao entrar ela se torna totalmente encantadora, apesar de sua pouca conservação. Igreja toda de pedra, linda. Super recomendo.

 

2016_0713_161019_032.JPG.ed4151d246ac6a1788e4ec1778e048c1.JPG

 

DSCN8837-2.jpg.f080cc3286c44caf022cc7c49aa4b8d2.jpg

 

Ao lado da igreja está o bairro Paris-Londres, poucas e pequenas ruas com um ar Europeu, região bastante charmosa, vale a visita.

 

DSCN8883-2.jpg.fe026f1775d91d85e7774f9291f23f3e.jpg

 

Ainda na região, fomos até a Biblioteca Nacional do Chile, prédio histórico, lindo.. entramos para conhecer, imenso, arquitetura impecável, tem até uma sala de estudos que mais parece cenário do Harry Potter.

obs: essa visita também com poucas recomendações, mas penso ser imperdível, pois fiquei encantada.

 

DSCN8908-2.jpg.b9a33954070145b5a99e4eed49b122bf.jpg

 

Iamos subir o Cerro Santa Lucia, porem fecharam os portões mais cedo, então deixamos pro dia seguinte, mas aproveitamos e conhecemos a feirinha Santa Lucia, tipo camelo do Brasil..

Pra finalizar, passamos no mercado, compramos algumas coisinhas e uns vinhos para tomarmos a noite, mas Sander foi pro ape dele e não voltou mais, decidimos que estávamos podres demais, e todos foram dormir!

 

Fizemos tudo a pé, todas as atrações gratuitas... nosso gasto foi apenas com o almoço.

 

"A verdadeira arte de viajar...

A gente sempre deve sair à rua como quem foge de casa,

Como se estivessem abertos diante de nós todos os caminhos do mundo. Não importa que os compromissos, as obrigações, estejam ali...

Chegamos de muito longe, de alma aberta e o coração cantando!"

- Mario Quintana

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dia 3

 

Iniciamos o dia as 10 horas da manhã, assistindo a troca de guardas no Palacio de La Moneda, evento cívico tradicional de Santiago, acontece em dias intercalados, é gratuito e o local lota todas as vezes, então para ter uma vista central, mais privilegiada, deve-se ir um pouco mais cedo pra não ficar nas laterais, como aconteceu com a gente. Apresentação muito bonita, bem emocionante com duração de uns 40 minutos

 

DSCN8927-2.jpg.e2dac7d81765b2f0c30b16523224ae94.jpg

 

Retornamos ao apart pra agendar via internet o carro para os passeios dos dias seguintes, tivemos certa dificuldade em encontrar locadoras, então “perdemos” um bom tempo pesquisando. Diante disso, tivemos a brilhante ideia de tentar ver passagens de trem para ir até o Parque Safari no dia seguinte, então resolvemos caminhar por uns 40 min até a Estação Central.

Caminhada longa, trajeto nada turístico, conhecemos uma parte mais acabadinha de Santiago.

Chegamos e fomos informados que tem apenas um trem que sai para Rancagua as 20h. Abortamos a ideia. Apesar da frustração a ida até lá não foi totalmente perdida, conhecemos uma bonita estação de trem com um lindo carrossel.

Aproveitamos e almoçamos no KFC - 2990 pesos.

 

20160714_122923.jpg.b2a5b2889a384d9bc2f694dcfdc05d51.jpg

 

20160714_123037.jpg.2497d66461d56bbe5f3ef223823314ac.jpg

 

Resolvemos ir até o Cerro Santa Lucia com o metro devido o cansaço. Nos rendemos em fim a ele... até agora não entendo pq demoramos tanto pra usar... Prático, barato.. nos deixa exatamente onde precisamos...

Eu não conhecia metro, achei o mundo subterrâneo um máximo, ao meu ver, organizado, limpo e rápido. Não compramos o cartão BIP tão recomendado, preferimos comprar o ticket - 660 pesos.

 

20160714_131602.jpg.f37b6132f436a53103e99dfa9730c904.jpg

 

O cerro é lindo, logo no inicio da subida já podemos avistar a cordilheira (ahhh, a cordilheira, finalmente... demorou pra essa hora chegar..), como choveu no dia anterior, a montanha estava bem visível, dava para apreciar perfeitamente, é incrível, e parece que está logo ali de tão imensa que é. Existem vários pontos de parada no cerro, e muita gente em todos eles.

 

DSCN8947-2.jpg.9229a4e70c4814dd3b014084b1fbfa5e.jpg

 

DSCN8992-2.jpg.caa5a62aaed43d6401d959e32040b3c8.jpg

 

20160714_135759.jpg.18d6eae05463ba67aba33b25e736e4dc.jpg

 

20160714_142755.jpg.8eb40b190b0b4383e0f618e38daa4297.jpg

 

A partir daqui começou a complicar a nossa vida, não tínhamos internet nem como chegar no Cerro San Cristobal, perdidos total, andando em círculo, e o mais engraçado era ver que os próprios chilenos não sabiam onde estava o cerro... hehehe

Desistimos de ir a pé e enfrentamos novamente o metro. 660 pesos.

Após enfrentarmos uma fila gigantesca, subimos o Cerro com o famoso funicular, dá um medinho. Sobe e desce com muitas pessoas, bate um pouco, parece que vai desabar, mas é bacana, vale experiência.

 

DSCN9035.JPG.2bbca478dc81d9e7f76eaf85a4359393.JPG

 

DSCN9037.JPG.4ed68bf9d307b44017f4b4ae24b2ba61.JPG

 

DSCN9048.JPG.249ad980a421890094047cd6df2f723d.JPG

 

2016_0714_180154_014.JPG.83136c06bfed88137dcb6616de192c93.JPG

 

Neste cerro também vários pontos pra apreciar a vista. Pudemos contemplar um lindo pôr do sol. Possível refletir um pouco, e diante daquelas montanhas lindas e um sol divino, agradecer por estar ali, isso tudo é alimento pra alma.

O ideal é se programar para subir ainda dia e pegar o pôr do sol, o mais lindo de Santiago... É incrível, inexplicável.

A última descida com o funicular é as 19h, então cuidado para não perder a hora!

 

DSCN9099-2.jpg.e01185cb3c9769e1c55825460a6e0818.jpg

 

Passamos no recomendado Schopdog na Pio Nono, pedimos um prato para 3, tal da Titánicas, serviu tranquilamente 4. A comida era boa, mas não gostamos muito do atendimento. Ahhh, bebemos o famoso pisco sour, o que não curti muito... porem ouvi dizer que ele não era o pisco certo... em fim..

 

20160714_191322.jpg.e573beda6899de84583ef4ef5d51df88.jpg

 

Passamos no Patio Bella Vista para conhecer, pegamos mais uma vez o metro e apart descansar.

 

20160714_193947.jpg.f7e100930c73ff4380bd7e36f67de010.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dia 4

 

Dia de pegar a estrada até Rancagua, no Parque Safari.

 

Agendamos no dia anterior o aluguel de um carro na empresa Alamo. 280 reais dividido para os 4..

 

Pegamos um taxi até a Alamo, assinamos os papeis e caímos na estrada. Seguimos pela Ruta 5, rodovia bem pavimentada, sinalizada, ótimo fluxo, maravilha andar por ali... no caminho pudemos presenciar um cortejo fúnebre, nos chamou atenção porque tinham balões nos carros, mensagens como adios papi, hasta la vista e coroas. O povo e suas culturas, tanta coisa que desconhecemos né?!

 

1h e 15min chegamos no parque, realizamos a compra dos ingressos e entramos (você precisa comprar a entrada do parque e cada atração, na época estava 3500pesos cada um deles.. me parece que aumentou, em torno de 5000 pesos cada).

Na na entrada tinha uma cobra que você poderia bater foto segurando-a, não tivemos coragem, observamos e seguimos.

Vimos os demais animais, nos chamando atenção os belos leões e os tigres brancos... beleza única.

 

DSCN9131.JPG.7cebc5031601d46801fa09d70f3e8a7e.JPG

 

DSCN9177.JPG.5e230817fbc4995cf868cbbc3cca87f1.JPG

 

Embarcamos no safári de leões, um passeio curto, com poucos leões, porem interessante, o público fica dentro de uma gaiola enquanto os leões sobem, sendo possível ver bem de perto o grande rei da selva e até toca-lo.

 

DSCN9221.JPG.a271e404749e1a21b83266d2d58e3f99.JPG

 

Almoçamos no restaurante do parque, comi o barros luco (prato famoso do Chile) com papas fritas, ou seja, um pão sovado com carne fininha e queijo + batatas, é gostoso mas pequeno.

 

Seguimos para o safári de herbívoros, gostei muito desse, saímos em um trem aberto com bastante feno para alimentar os animais, ficamos cara a cara, podendo servir na boca e passar a mão. Conheci de pertinho a lhama, são fofas.

 

DSCN9281.JPG.4ad749e6e04bb7ca23d5c0e9295b3bc7.JPG

 

DSCN9270.JPG.fa8ad28775a4d24d962cad8f49b1518e.JPG

 

Para finalizar fizemos o safári jurássico, aproveitar a oportunidade e conhecer o parque todo.. um carro leva para uma mata mais fechada e lá tem dinossauros mecânicos, algo bem para crianças, faz um barulhão, e dá graça ver as crianças se assustando.

 

DSCN9325.JPG.9e9f44b614dfdca05a0d32535e23aa7c.JPG

 

O parque não esta tão na rota turística, poucas pessoas falam. Eu gosto de animais, então gostei da experiência.

Abastecemos e pegamos a estrada para voltar a Santiago. Maravilhosa volta, cenário único, campos gigantescos, montanhas ao fundo, topos nevados, por do sol de babar...

 

DSCN9357.JPG.9a66da476c2fcf7e1be3ceccd9190743.JPG

 

Chegamos em Santiago, após nos perdermos no caminho... devolvemos o carro e seguimos pelo metro, onde nos perdemos novamente pegando o errado.. Logo estávamos em casa tomando um vinho.. fazendo jus aos vinhos chilenos.

 

Dizem que tenho lá meus exageros, que não sou realista. Mas veja bem: o mundo é tão grande pra se ver minimalista. (Clarice Freire)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dia 5

 

Dia de conhecer as cidades litorâneas Valparaiso e Viña del Mar.

Mudamos os planos, pensávamos em alugar um carro para esse tour, mas resolvemos encarar o metro e ônibus. Programamos sair 7:30hs para o metro, chegando lá demos de cara com o portão da estação fechado, feriado no Chile, dia da Virgen del Carmen (16 de julho).

Aguardamos até as 8hs e embarcamos para estação Pajaritos, sendo necessário uma troca de metro em Banquedano. Chegando em Pajaritos já encontramos os postos de venda das passagens de ônibus, escolhemos turbus, ida e volta por Valpo, 9200 pesos. Detalhe, se fosse voltar por Vina, ou deixasse pra pegar lá a passagem, era o dobro do preço.

Passamos no Dunkin Donuts e pegamos um café + donuts, 2190 pesos.

As 9:20hs embarcamos, percorremos uma linda estrada, paisagens marcantes, passamos por alguns vinhedos, todos secos, mas mantendo certo charme.

Chegamos perto das 11h. No terminal ofereceram o tour pelas duas cidades, acabamos aceitando pq estávamos atrasados e não conseguiríamos ver as duas cidades. Empresa Rodotour - 10mil pesos.

Percorremos algumas ruas com prédios históricos e paramos em um píer desativado onde pudemos apreciar o oceano pacifico com seu mar azul escuro. Observamos também os leões marinhos, preguiçosos, descansando. Tempo fechado, bastante vento.

 

DSCN9395-2.jpg.415cb8e70a7e3b8cbef91d8ec31a4340.jpg

 

DSCN9426.JPG.1650f7614d1809bce12daf69194d6a05.JPG

 

Subimos os cerros, ruas estreitas, muitas curvas, bastante sujas, muitos grafites e pichações, a maioria dessas fazem parte da arte da cidade. É uma cidade portuária e muito antiga, pouco conservada, mas não concordo com os comentários negativos de quem foi, ela tem sim sua beleza, mas tem que saber olhar, ou sentir o que tem por trás de tudo aquilo.

 

DSCN9457.JPG.526fb02e81a4469e25002cb0405c59c8.JPG

 

DSCN9470.JPG.6755c5f95e421099a87adbabe55c9c1f.JPG

 

Fomos até a casa La Sebastiana do poeta Pablo Neruda - ganhador do nobel, devido o pouco tempo e muita gente, não visitamos o museu, apenas conhecemos os jardins da casa, bonitos por sinal, sem falar na vista privilegiada da sacada.

 

2016_0716_132438_041.JPG.53d601b3be62863b752dc48c150778da.JPG

 

Passamos na feirinha e retornamos ao ônibus.

Hora de passar na Plaza Sotomayor e observar a linda construção da Armada de Chile o Monumento a los Héroes de Iquique (mausoléu) homenagem aos soldados navais que lutaram nos combates de Iquique e Punta Gruesa em 1878.

 

DSCN9499-2.jpg.11b2b5e8cf7ba331f2a76b6a300c47f1.jpg

 

2016_0716_142403_003.JPG.16b2ea57712217b98e007c593e2338ee.JPG

 

Fomos até o Cerro Baron, subimos com o famoso ascensor, “apenas una moneda” (100 pesos). Lá em cima contemplamos mais um pouco da linda paisagem portuária.

 

DSCN9525-2.jpg.5da1650f1bf24e10097304d4409da8de.jpg

 

DSCN9542-2.jpg.1dbf295151a0fa4f6f4871fd18b416e7.jpg

 

DSCN9547-2.jpg.2276731a9af4c91f8ef31fd1a593d7a1.jpg

 

Partimos para Vinã del Mar. Parada obrigatória, marca registrada da cidade, famoso relógio das flores, presente dado pela Suiça na copa de 62, que o Brasil foi campeão. Fizemos algumas fotos e seguimos.

 

DSCN9549.JPG.589fb5a8a129bc399ba49e1d1f8f8624.JPG

 

Passada das14hs, paramos no famoso restaurante Castillo del Mar, lugar lindo, mas lotado, atendimento ruim, muita demora. Tinhamos 1h15min para almoço, o grupo ficou mais de 2hs, atrasando todo o tour, todos frustrados com a demora, sem falar que foi caríssimo. Não paguei a propina, não sou obrigada! kkkk

Avistamos o castelo Wulff mas não fomos até lá. Estávamos revoltados...

 

Adiante, paramos na praia, pequena faixa de areia, grossa e muito suja, muito lixo jogado. Aqui começa a sessão comédia do quarteto, Priscila foi fazer pose pra foto no oceano pacifico e tropeça caindo naquela areia molhada, sujeira e risos pra todo lado. kkkk

Não molhei os pés, era muito empenho, mas molhei as mãos. Não achei a água tão gelada como falam.

Tive um momento fofo com um pássaro, subiu na minha mão e até me deu um beijinho.. Atração do um vendedor de bolinhas de sabão.. uma graça..

 

2016_0716_175000_072.JPG.0230f37e22b01cf161b16153608d766c.JPG

 

DSCN9583.JPG.d41710efc8675ef2eb8e7018135697da.JPG

 

Seguimos para o museo Fonk, onde encontra-se um dos Mohai retirados da Ilha de Pascoa. Museu estava fechado, podendo apenas conhecer o Mohai.

 

DSCN9589.JPG.300beab69cfbd49e5a4a16419872138f.JPG

 

Fomos até o parque Quinta Vergara, onde acontece o Festival de Vina del Mar, uma área bonita, muitas arvores e jardins.. tem um gigantesco anfiteatro em estrutura moderna, bonito de se ver.

Tour pela empresa encerrado, ficamos em Viña para ir ao cassino. Pegamos a rua Norte 2 e caminhamos, muito...

pra continuar as micagens, Priscila perdeu a sola do tênis, hahaha, mas continuamos.. Aquela rua não acabava mais, conseguíamos ver no fim dela o sol se pondo, caminhávamos muito rápido pra chegar a tempo na costa, e o sol caia cada vez mais rápido, próximo ao cassino corremos, cansamos, mas valeu cada esforço.. uma das paisagens mais lindas que já vi.. Perfeição da natureza.

 

DSCN9635-2.jpg.0671c37f035acd3f43529b7229559ef3.jpg

 

DSCN9644-3.jpg.e1c113cce15ad5b3635073d42f8022ef.jpg

 

Em seguida entramos no cassino, jogamos, Sander foi o único que saiu no lucro. Jeeeesus, quanta gente viciada naquele lugar, fazendo mandinga na tela das maquinas, coisa de louco.. perdemos a grana e caímos fora.

Voltamos ao terminal de Valpo em um bus que voava pelas ruas, meeedo!! e de lá retornamos a Santiago.. Mais uma vez correndo pq o metro ia fechar... pela primeira vez fomos extremamente certeiros em entrar nas estações e pegar a direção certa do metro e conexões.

Por fim, dormir.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dia 6

 

Os planos seriam duas vinícolas de carro, mas novamente mudamos. Já tínhamos agendada visita na Undurraga e Santa Rita.

Pegamos o metro e ônibus, o que foi fácil, prático e rápido também.. ônibus sai o tempo todo, é só pegar sentido Talaganda e parar em frente a Undurraga. 1100 pesos. baratinho.

Tour na Undurraga, 9000 pesos

Ainda chegamos com tempo de sobra.. andamos ao redor da vinícola, algumas fotos e iniciamos o tour. Percorremos o vinhedo conhecendo o plantio. Cenário incrível, Árvores enormes, grama verdinha e vinhedo seco... um frio delicioso... aaaaah esse friozinho que queria sentir... à quem se frustra e diga que não vale a pena ir no inverno... mas eu afirmo que vale sim, e mais uma vez digo, tudo depende da maneira que você olha para aquilo, tudo é lindo, em suas variadas formas.

Nossa guia explicou sobre a barreira contra pra pragas, utilizam rosas, se caso tiver praga, atacarão a rosa e não a plantação de uva. Explicou sobre cada tipo de uva e a fermentação.

 

DSCN9670-2.jpg.8ddc49952ce55440b8896efc91361c5c.jpg

 

DSCN9677-2.jpg.7bd98e912d12fb97c63eb429242aefe1.jpg

 

2016_0717_104946_014.JPG.3f41003a2e41cfcd9828e2f83ef88f8e.JPG

 

DSCN9698.JPG.905afd34c90ca15a2e267eb4ff0a7b6e.JPG

 

Conhecemos uma bodega com aqueles barris lindos e um perfume do vinho.

 

DSCN9704.JPG.181a31cc96f91c555ad8a5b48177f5a9.JPG

 

Visitamos o museu Andino com várias peças e adereços do povo Mapuche, existente naquela região.

Por fim chegamos na área de degustação, provamos 4 qualidades de vinho, deliciosos. Adivinha quem ficou tonta?!?!

 

DSCN9732.JPG.6337018dfa0e783aa6a4e39831bfb857.JPG

 

DSCN9736-2.jpg.56d437ac430dbeafbfa03c0014229785.jpg

 

mais algumas fotos, comprinhas e voltar para Santiago. Decidimos por não fazer Santa Rita, difícil chegar lá pelo transporte público.

 

2016_0717_122347_063.jpg.2d18674fd530ec3685be848b9591d0c4.jpg

 

Onibus, metro, paramos na estação Santa Lucia, caminhamos umas quadras e almoçamos no La Picola Italia, aaahh, ai sim!!! nos direcionaram a mesa, um garçom somente na nossa área, pedido rápido, prato mais rápido ainda.. Pedi uma tripasta, massas deliciosas. Meu almoço 7000 pesos com propina, tive prazer em pagar dessa vez...

Voltamos para o apart caminhando, passamos pelos calçadões, varias barraquinhas de venda, bastante gente caminhando, mesmo com o comercio fechado.

Presenciamos muitas apresentações nas ruas, artistas das diversas formas, pintores, cantores, instrumentistas, danças típicas, todos ali mostrando sua arte e ganhando seu dinheiro, é bonito, e o Jordan deixou algumas moedas.. hehe

Pra variar, nos perdemos, nao achávamos a nossa rua.. ohhh sofrimento.. wifi ou 3g cadê vcs minhas lindas, necessitamos do gps.. kkkkk

é brabo..

Mercado e descansar...

 

 

Amanhã posto os últimos 4 dias.. Neve, neve, compras e despedida do Chile!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dia 7

 

Mais um dia acordando bem cedinho... 7:10h nossa van chegou.. destino: Embalse el Yeso, uma represa que abastece toda Santiago. Águas congelantes, num azul turquesa de se apaixonar, rodeada de montanhas nevadas e paisagens lindas.

Escolhemos a empresa Lahuentour do José Adolfo, 30.000 pesos... Era pra ser um tour compartilhado, mas virou privado pq as demais pessoas cancelaram o tour.. poderia ter coisa melhor??

Van confortável, com cobertores quentinhos, motorista simpático e o guia, José, o melhor.. super atencioso, explicando tudo sobre a região, e fazendo fotos.

Pegamos a estrada pra São José del Maipo, região linda, muitas montanhas, muita neve.

Fizemos uma primeira parada em um posto combustível, onde tomamos um café e fomos ao banheiro.

Paramos no Túnel Tinoco, túnel esse que em 98 teve o suicídio de um garoto. Contam as lendas que ele é assombrado, as pessoas não tem coragem de entrar.. nós entramos até um pedaço, mas a escuridão era total, então voltamos.

 

DSCN9804-2.jpg.4ca1fa6ab34cddde35c0b1758916dc4b.jpg

 

Andamos mais um pouco com a van e começou a surgir um caminho rodeado de neve... os olhos brilharam... Paramos para contemplar um pouco...

 

DSCN9848.JPG.050658554fcfd281e1e7933de8b03553.JPG

 

A van foi até uma altura na estradinha, havia neve e estava proibida a passagem de carros, a partir dali seguimos a pé, é onde está a graça do passeio. Caminhamos pela estradinha estreita, com neve, gelo escorregadio, apreciando a paisagem. Caminhávamos e parávamos para bater umas fotos.

Aquele represa é enorme. O contraste céu, sol, montanha, neve e águas é maravilhoso, mágico.

 

DSCN9881-2.jpg.835fd1e843fa6e18c7f7ea12d54ba982.jpg

 

DSCN9872-2.jpg.0529968e9d1e5415663763f01eed03ec.jpg

 

DSCN9945-2.jpg.991271bfff9d62533319871e1078c5e1.jpg

 

598de1116d389_EmbalseelYeso(81).JPG.9ee93f8104804a2e1fba8d476dc19271.JPG

 

DSCN9934-2.jpg.e2faba09d29ae31d97bd203c2cca711d.jpg

 

2016_0718_115455_026.JPG.aaa0ca54a1c27a4c9e56b93944a9efec.JPG

 

Dali voltamos a estradinha, eu estava arrumando minha luva e escorreguei, cai de bunda e fiquei com os pezinhos na ponta do peral, elaiaaaaaa!! mas a queda foi leve, estava caminhando bem devagar, cai sentada, não conseguia levantar pq não parávamos de rir... Passou e seguimos, com leves dores.. kkkk

Pegamos a van e fomos até o antigo refúgio militar, hoje abandonado. Quase em ruínas, as construções são belas. Por ali as "crianças" brincaram na neve, fizemos nosso boneco, e logo voltamos para a van.

 

DSCN9973.JPG.d28a22647170e64c8eaee8d7e14eb659.JPG

 

DSCN0123-2.jpg.28d5d79eaad776008575bbf4cda9997d.jpg

 

DSCN0094.JPG.e233d414e51bbef5b8976f1293bf7bf4.JPG

 

DSCN0010.JPG.fd0744e66c1d15fd49237b4cf6a4f9b7.JPG

 

Nosso guia José preparou uns aperitivos e nos serviu vinho.. não preciso nem falar nada sobre o vinho né?!

 

13680798_10154377017243684_1065162408199690595_n.jpg.b3c0b263659667a57c201990c9b56575.jpg

 

13892345_10154377016973684_2690676365032148912_n.jpg.da1ff4b99280d87226cc2b0e52a787ee.jpg

 

Ficamos na neve mais um pouco e logo retornamos para Santiago. Chegamos a tempo de trocar mais dinheirinho!!! Cotação mais baixa, 180 para 1.

A Noite decidimos ir para o famoso Ocean Pacific’s, restaurante temático, lindo. Dentro simula um navio em sua decoração, com muitos itens marítimos espalhados pelo restaurante. Os Garçons vestem roupas de marinheiros. Pratos grandes, quando se divide não sai algo absurdo. Na hora de pagar deu um rolo, o garçom exigindo a propina, ainda colocou a mais no pagamento com cartão da amiga do Sander... fora isso é lindo e vale a experiência.

 

Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos. (Fernando Teixeira de Andrade)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi bom dia! Tô adorando seu relato, aguardando o final!!!

Uma dúvida: seu vôo de ida pela LATAM era na classe Economy?

Achei ótimo o que serviram a bordo!!

Vou em junho com a mesma companhia e pelo q me informaram eu náo teria a refeição ( vou pela Economy).

Obrigada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi bom dia! Tô adorando seu relato, aguardando o final!!!

Uma dúvida: seu vôo de ida pela LATAM era na classe Economy?

Achei ótimo o que serviram a bordo!!

Vou em junho com a mesma companhia e pelo q me informaram eu náo teria a refeição ( vou pela Economy).

Obrigada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá Jana..

Era classe econômica sim..

No voo de Floripa para SP serviram torradinhas, e SP para Santiago foi aquela refeição do post..

Retorno foi sanduíche, frutas, bolachas, café, suco..

Seu voo sai da onde? será que não tem a ver com isso?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por Alan karleno
      Fala Mochileiros..
      Procuro dicas para aperfeiçoar o meu roteiro e a quantidade de dias que se faz interessante para cada local. Planejo o roteiro entrando pela Argentina (buenos Aires), saindo pelo Chile (Santiago), em junho de 2020. Tenho 25 dias disponíveis. 
      Vôo. Teresina & buenos Aires (buenos Aires 3 dias).
      Vôo. Buenos Aires & Bariloche (Bariloche  + Villa la angostura 5 dias). 
      Vôo. Bariloche & Buenos Aires e Buenos Aires Ushuaia. (Dia para viagem). 
      Vôo. Ushuaia & El Calafate (4 dias El Calafate).
      Ônibus. El Calafate & Puerto Natales (5 dias Puerto Natales + Parque torres del paine). 
      Ônibus. Puerto Natales & Puta Arena (2 dias Puta Arena).
      Vôo. Punta arenas & Santiago ( 4 dias Santiago) + VALLE NEVADO ou FARELLONES.
      Vôo. Santiago & Teresina. 
      1 dias para emprevisto.
      Quero aproveitar ao máximo o tempo em viagem.
      Desde já agradeço pela atenção.
      Bora Mochila..
       
       
       
       
       
       
       
    • Por VoandoAltoFH
      Pessoal,
      Vou fazer um relato detalhado do Mochilão que fiz no comecinho deste ano, mas que lembrei só agora de postar aqui neste site.
      O legal de tudo isso é que registrei em videos, então estará bem fácil entender o passo a passo da viagem.
      Foram no total 32 dias de viagem e gastei R$ 13.560,00 para 2 pessoas, incluindo TUDO (hospedagem, comida, passagem aérea, passagem de ônibus, seguro viagem, passeios, transporte, taxi, mercado, museu, gorjeta, entrada de parques, etc)!!! Considerando que a cotação do dólar na época beiravam os R$ 3,85 posso dizer que em moeda americana saiu por US$ 3.522,00.
      Ressalto que se dividir o valor por pessoa, acabou saindo então por R$ 6.780,00 ou US$ 1.761,00 por pessoa aproximadamente. 
      Então, acredito que saiu bem barato e aproveitei muito a viagem.
      Todos os episódios estão registrados no meu canal do Youtube, mas postarei um pouco mais detalhado aqui, já que o conteúdo é escrito.
      Mas quem tiver curiosidades, poderá assistir por lá.
       
      Canal Voando Alto
       
      Abs!
    • Por VoandoAltoFH
      Assista em Video no Youtube - Cajon del Maipo
       
      Se estiver no inverno, recomendo visitar o Valle Nevado e aproveitar para esquiar nos resorts de ski. 
      Um outro passeio que recomendo, que é o tema deste video, seria o pacote para Cajón del Maipo, que inclua a visita ao próprio Cajón, as termas Valle de Colina, a represa, o Embalse El Yeso e no final ter um piquenique de vinho.
      Posso dizer que o valor do pacote está caro mesmo, mas valeu cada centavo. 
      Atualmente está custando em torno de 40.000 a 45.000 pesos chilenos. Em torno de US$ 60,00 ou R$ 230,00 por pessoa.
      Se estiver em 2 ou mais pessoas, sempre negocie um desconto, pois eles sempre dão. 
      Eles farão uma primeira parada na cidade San José del Maipo para que as pessoas possam tomar um café na manhã ou passar no banheiro. 
      Os lanches são muito mas muito caros. Eles estavam cobrando o combo com 1 empanada, 1 café e 1 garrafinha de água por apenas 5.000 pesos chilenos, que é em torno de R$ 30,00. 
      Eu tive que comer senão você ía passar mal dentro do carro, evite viajar de barriga vazia. 
      Recomendo que 1 dia antes, vá ao mercado, prepare o seu lanche ou um sanduiche, pra comer pela manhã e a tarde no almoço. Leve água, pelo menos 1 litro pra cada pessoa. 
      No mirante do Cajón del Maipo terá de 10 a 15 minutos para tirar fotos.
      Esqueci de comentar, o tour leva o dia inteiro, eles saem bem cedo, por volta das 06:00 da manhã e retornam às 19:00 da noite.
      Quase 99% das pessoas visitam este local, são brasileiros. 
      Além do turismo, a cidade tem como principal atividade economica, a mineração não metálica, exploração de minas de pedras. 
      Como é região montanhosa, recomento sempre vir bem agasalhado.
      Se tiver incluso a visita aos termas, será necessário levar roupa de banho e tolha.
      No caminho vocês verão algumas casas próximo às montanhas, que são refúgio para aqueles que visitam ou fazem trilhas na montanha, para que não morram congelados. Já que há uma grande variação de temperatura no local, chegando aos valores negativos.

      * Termas Valle da Colina
      Seria uma fonte de águas termais, com vários minerais que auxiliam na cura de algumas doenças de pele, bem como os 
      seus efeitos relaxantes. Ótimo para a pele, tanto é que vi algumas pessoas passando no rosto.
      As termas contam com 6 piscinas de vários tamanhos, variando a temperatura da água do morno para mais quentes, podendo chegar aos 50 graus Celsius na mais quente e alta do local.
      A infraestrutura do local é meio precária, os banheiros deixam a desejar e o chuveiro sai somente água fria. 
      O guia estará dando em torno de 1 hora a 1:30 para que possa desfrutar das termas, tempo mais do que suficiente para curtir o ambiente.
      Há também uma área para camping, conforme as imagens.

      * Embalse El Yeso
      Após o passeio nas termas, estamos indo à represa, o Embalse El Yeso. Ao lado o temos Rio Volcán.
      Ao lado vocês poderão verificar ao lado que tem uma montanha que praticamente se partiu ao meio, isso foi por conta de um dos grande terremotos que ocorreram no Chile. Principalmente o 
      terremoto de Las Melosas de 1958, que alcançou uma magnitude de 7 graus na escala Richter.
      Segundo o guia, o Chile é o número 2 no ranking de países com mais terremotos no mundo. Isso é assustador.
      Graças a Deus, durante a minha viagem, não senti nenhum tremor de terremoto.
      Chegamos agora na represa, Embalse El Yeso. Seria um reservatório de água doce, com capacidade de 250 milhões de metros cúbicos, com 8 km de extensão e 55 metros de profundidade, que abastece a cidade de Santiago e suas proximidades e essa obra foi concluído em 1964 .
      Geralmente as águas mudam de cor, neste caso está azul, em outras épocas ficam esverdeadas. 
      Se for no inverno, as montanhas ficam brancas, cobertos de neve. 
      Mas não é recomendado visitar durante o inverno, já que as estradas ficam escorregadias e bem perigosas. Além de não poder curtir bem os passeios, já que alguns trajetos o seu sapato vai 
      ficar todo encharcado.
      No geral é recomedado a visita durantes os meses de Outubro a Maio.

      * Piquenique
      Após isso, restará a última etapa do passeio que é o piquenique com vinho, geralmente ocorrerá em torno das 3 ou 4 horas da tarde.
      Este é o local para o piquenique com montanhas e em cima temos geleiras. É claro que por conta do aquecimento global, é praticamente que raro ver as geleiras no topo das montanhas, uma pena.
      Aí está o nosso guia preparando para o piquenique. Estará servido alguns salgados, frios, queijos com sucos e um bom vinho.

      * Itens para se levar no passeio
      - Agasalho, por conta da enorme variação de temperatura
      - 1 garrafa de água de 1 litro
      - Lanche ou sanduíche pro café da manhã e almoço
      - Biscoito pra matar a fome durante o trajeto
      - Roupa de banho
      - Toalha
      - Chinelo

      * Turismo "Miky" - Migguel 
      Celular/Whatsapp: +56 9 7257-2004
      E-Mail: [email protected]
      Instagram: migguel.azocar
    • Por VoandoAltoFH
      Assista em Video no Youtube
       
      Vou resumir neste video os principais pontos turísticos que visitei durantes 4 dias em Santiago.
      Apenas lembrando que 1 dia reservei para realizar o passeio em Cajon del Maipo, tem imagens no final do video.
      Na minha visão creio que serão necessários no mínimo 7 dias para conhecer bem o local e seus arredores, como por exemplo visitar as cidades litorâneas de Valparaíso e Viña del Mar.
      Muitas pessoas acabam realizando um bate-volta via ônibus ou  pacotes turísticos. Mas é melhor ir de ônibus e passar 1 noite em uma das cidades. 
      Caso esteja indo no período de inverno, recomendo reservar de 2 a 3 dias a mais para visitar e esquiar no Valle Nevado.
      Em relação aos preços, no modo geral achei eles bem semelhantes ao Brasil. 
      O transporte público é muito bem feito, principalmente o metrô, que leva você a quase todos os pontos turísticos da cidade. Farei um vídeo separado em relação a este tema.
      Sobre a segurança, recomendo agir como se estivesse no Brasil, sempre atento. A região do centro da cidade era um pouco vazia, suja e muitas casas estavam pixadas e com grades. 
      Ouvi relatos de furtos e roubos de celulares de alguns brasileiros que conheci na viagem. 
      O cartão BIP, é utilizado para o transporte público. Custa 1.550 pesos chilenos, que dá o equivalente de R$ 9,00. O trajeto de metro custa 720 pesos, que dá em torno de R$ 4,50.
      O Palacio de La Moneda, seria a sede da Presidência da República do Chile. Embaixo dele temos o Centro Cultural de La Moneda.
      Dá para assistir filmes, exposições ou simplesmente comer ou tomar um café no local. 
      Na parte da frente do palácio em que são realizados a troca da guarda, em dias específicos, conforme os links abaixo.
      Um detalhe que esqueci de comentar é que se estiver no verão, vale muito a pena, porque os dias são bem longos, já que o pôr do sol geralmente por volta das 8 da noite. Então você aproveita muito bem o dia. 
      O Museu Precolombino, que não fui pois estavam cobrando caro pra entrar, uns 7.000 pesos que era uns R$ 42,00.
      No lugar, vá ao Histórico Nacional que é gratuito e tem fotos no início do video.  É possível visitar a torre e ter uma vista privilegiada da Plaza de Armas. 
      É recomendado realizar o câmbio de moedas próximo à Plaza de Armas, vá em estabelecimentos fechados e seguros. Evite locais com grandes discrepâncias da cotação oficial, tanto pra menos ou pra mais.
      No Cerro Santa Lucia, é um parque vertical, num morro. Dá pra tirar muitas fotos, visitar vários lugares diferentes. É muito bonito, dá para caminhar, subir o morro e ter uma vista fantástica da cidade.
      Suba pela trilha ou caminho para se ter acesso à outros jardins dentro do parque e no final chegar ao Castillo Hidalgo.
      Não recomendo a visita na Sky Costanera, já que custa 15.000 pesos chilenos, que dá R$ 90,00. Muito caro.
      Bem perto, andando uns 10 minutos temos o Barrio Lastarria, que seria uma rua com artesanatos, pinturas, souvenirs e tem uma boa variedade de restaurantes.
      Fui mais por curiosidade no Mercado Central, que vende peixes e frutos do mar. Poderá conhecer e experimentar nos restaurantes que estão dentro do local. A construção era bem interessante, mas por dentro era um pouco abafado e é lógico fedia a peixe, nada assim tão agradável. Um passeio apenas simples, nada demais.
      No Cerro San Cristobal, utilize do funicular ou trenzinho para subir o morro. A ida e volta custa de 2.000 a 2.600 pesos, a primeira sendo dia de semana e a segunda para finais de semana ou feriados. Em reais seriam de R$ 12,00 a 16,00. 
      Dá para subir à pé, ou fazer somente um dos trajetos. Mas por mim creio que vale sim a pena pagar e conhecer o trenzinho, além de economizar tempo.
      Aqui é bem mais alto do que o Cerro Santa Lucia, então você tem uma ótima vista da cidade. Nem precisa ir até o Sky Costanera.
      Subindo um pouco mais temos o Santuário da Inmaculada Concepción.
      Existia um serviço de teleférico para visitar outros pontos do parque, como mirante. Mas infelizmente estava fechado no dia em que fui visitar.
      A Ponte Pio Nono seria meio que uma ponte do amor, com vários cadeados com nomes de casais. Apenas registrei a imagem, já que era caminho do Cerro San Cristobal com a estação de metro. 
      Por fim, o bônus do Embalse El Yeso, que é a represa que abastece a cidade, um dos passeios ao Cajon del Maipo. 

      * Links
      - Troca da Guarda no Palacio de La Moneda (horários)
      http://www.santiagocapital.cl/eventos...
      - Centro Cultural de La Moneda (horários e tarifas)
      http://www.ccplm.cl/sitio/horarios-y-...
      - Museu Precolombino (horários e tarifas)
      http://www.precolombino.cl/planifica-...
      - Sky Costanera (horários e preços)
      http://www.skycostanera.cl/pt/precos-...
      - Funicular e Teleférico do Cerro San Cristobal (horários e preços)
      https://funicularsantiago.cl/
      http://telefericosantiago.cl/
      - Hospedagem (Chile Lindo Hostel)
      https://www.chilelindohostel.cl/en-us
      https://www.booking.com/hotel/cl/chil...
    • Por Carol.Barbosa94
      Olá, 
      Aqui vou descrever sobre os meus gastos e como foi a minha viagem ao Chile do dia 02 a 10 de Outubro de 2019. Fora da temporada de neve, porém, com uma beleza encantadora.
      Vou deixar meus insta aqui pra quem quiser mais informações: @barbosa_carolin
      Passagens Aérea (ida e volta):
      R$ 709,00 Guarulhos x Santiago
      R$ 239,00 Santiago × Calama
      Companhia SKY Airline (comprei pelo site Maxmilhas). É possível encontrar bem mais barato, mas comprei muito em cima da hora hehe...
       
      Cambio:
      Comprei $25.000 pesos no aeroporto de Santiago, a cotação é ruim, mas é melhor que trocar no Brasil e saiu por 153 pesos por real. Então gastei R$ 170,00 (com uma taxa de $1.043,00 pesos incluso, que é cobrado na casa de câmbio do aeroporto)
       
      A conversão é feita assim: o total de pesos que você precisa dividido pela cotação do dia. 
      Ex: 26.043,00 ÷ 153 = R$ 170,21
      Sugiro trocar no aeroporto só o que for usar para o transfer.
      Transfer Aeroporto x Hostel (ida e Volta)
      De Calama p/ San Pedro leva em média 1h30 de viagem e o transfer é tabelado e custa $20.000 pesos ida e volta com desconto. (Só ida ou volta $12.000)
      Do aeroporto de Santiago até o hostel no centro ida e volta com desconto ficou por $13.320,00 pesos. (Só ida ou volta $7.400)
       
      Total Transfers: R$ 210,00
       
      Hospedagens:
      Em San Pedro de Atacama, fiquei no Tiny Hostel, super limpo e organizado e perto de tudo. 29.300 pesos (R$ 174,40) por 3 dias e meio e não paguei os 19% do IVA porque apresentei o PDI e identidade.
      Em Santiago, fiquei no Hostal Yungay localizado no centro e indicado para quem busca mais tranquilidade a noite. O custo foi bem parecido com de Atacama, porém foram 05 diárias por 29.400 pesos. Devido a diferença de cãmbio o meu gasto foi de R$ 175,60.

      No Total, gastei R$ 350,00 para 08 diárias.
       
      Passeios:
      1° Dia - Valle de la Luna: É um tour maravilhoso, com paisagens incríveis, passando pelas dunas e mais alguns pontos famosos como as 3 Marias. Geralmente feito na parte da tarde e encerra com um lindo pôr do sol. 
      2° Dia - Lagunas de Baltinache: São 7 lagunas simplesmente lindas!!! Fiquei encantada com aquele lugar, pode entrar na primeira e na última Laguna, água extremamente salgada e gelada rsrs... Também encerramos com um pôr do sol maravilhoso.
      A noite fiz o Tour astronômico. Super recomendo. 
      3°  Dia - Piedras Rojas e Lagunas Antiplanicas: Pra quem não sabe, a entrada na Piedras Rojas está fechada, podemos ir apenas até o mirante, mas é um passeio fantástico também, só o caminho até chegar lá já faz valer a pena. Muitas histórias, vegetação, animais. Ainda passamos pela placa de  Capricórnio. Nas Lagunas de Miscanti e Miñiques pudemos ver um pouco mais de perto os vulcões com o mesmo nome. Paisagem que parece uma pintura de tão lindo que é.
      4° Dia - Deixei livre para conhecer um pouco mais de San Pedro e fazer algumas comprinhas de lembrancinhas. No seu dia livre pode alugar uma bike também para desbravar um pouco mais.
       
      Todos os passeios em San Pedro de Atacama ficaram por 87.500 pesos. (R$ 520,00) o pacote fechado com a mesma agência "Tour Connection" que super indico, os guias são maravilhosos. Agora vamos seguir para Santiago onde fiz os passeios com a Agência Bora Pro Chile Br e recomendo muito, excelente atendimento e acompanhamento do inicio ao fim de cada passeio.
       
      5° Dia - Manhã livre no centro, fiz a visita guiada no Palácio de la Moneda agendei Com 1 mês de antecedência e assisti um pedaço da troca de guardas e conheci a Catedral.
      Na parte da tarde fui com a agência na Vinícola Undurraga. É simplesmente linda. 
      6° Dia - Viña Del Mar e Valparaíso. Que lugar lindo, alegre e cheio de Cores e arte. Não deixe de conhecer, é um dos principais passeios.
      7° Dia - Portillo. O passeio mais esperado por  mim. Que paisagem linda do inicio da estrada até a fronteira com a Argentina. Paisagens de quadro. Vale muito a pena conhecer, aquela Laguna del Inca é surreal!!
      8° Dia - Vale Nevado & Farellones Sunset (Esse eu fiz com a agência Morandé) Pra quem assim como eu é apaixonada por montanha e pelo pôr do sol, esse passeio é super recomendado. Mesmo sem neve foi incrível.
       
      Todos os passeios em Santiago ficaram por 105.000 pesos (R$ 600,00) fechando os 3 primeiros com a mesma agencia e o ultimo com uma agencia diferente.
       
      Total com passeios e tickets de entradas R$ 1.120,00
       
      Alimentação:
      A média que estabeleci para refeição foi de 12.000 pesos por dia, mas gastei bem menos. Como alguns passeios oferecem café da manhã, teve outro que oferecia almoço, então acabei economizando. Ao todo gastei R$ 545,00 em refeições. Lá existe os pratos prontos com entrada+prato principal+sobremesa por 4.000 pesos, McDonalds, Subway ou o famoso La Piccola Italia, são opções bem econômicas para comer.
       
       
      GASTO TOTAL DESSA VIAGEM: R$ 3.173,00 









×
×
  • Criar Novo...