Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Da Lapinha até Cardeal Mota... a pé!


Posts Recomendados

  • Membros de Honra

Prezados:

 

Com certeza, entendo a preocupação do Jorge. Levar agregados no grupo, numa boa, sem receber nada por isso, e depois ser responsabilizado é demais!

 

Proxima vez que descer para o Sul e para Minas eu aviso! Paulo: avisem tb as trips que pretendem fazer, em PVT. Como disse o Jorge, a Serra do cipó tem muita coisa boa, ainda pouco trilhada. Possivelmente em setembro faça o Vale do Paty, lhes aviso.

 

Cacius, como bom baiano não quero sair da rede para fazer o relato e a fiação da fonte do notebook não alcança minha rede.... Vou pedir para o Edver, que é um gaucho trabalhador, escrever o relato. Ainda mais que não vi relato dele até hj aqui postado!

 

Abraços, Peter

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Respostas 41
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros

Jorgito, primeiramente, o relato está fantástico.

Só não os acompanhei nesta pernada porque estive na região do cipó no feriado anterior, e já tinha marcado uma pernada economica com alguns amigos.

Quanto ao tema q estão discutindo "cia para perrengues", como sabes "Tô contigo e não abro"...kkk

Existem trips e T.R.I.P.S...e para estas realmente precisamos dar uma selecionada nas cias, de acordo com histórico comportamental em perrengues passados, e sua postura diante de situações de risco...kkkk

Eu não era muito seletiva, e já me dei mau uma porrada de vezes com nego q atrapalha o rolê, ou reclama de tudo, ou cobra infos de "falta muito", "pra qual direção vamos", "não aguento mais", etc...até vc já me alertou quanto a este ponto, para avaliar melhor antes de estender um convite de trip perrengueira.

Hoje realmente sou a favor da panela quando se trata de uma pernada exploratória, agora quando se trata de uma trilha sussa, ai já é outros 500...

Besos

Sua miga Vivizita

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Esta questão de convidar alguém para trilhar - ou ouvir questionamentos tipo "por que não me convidou? - realmente é chata. Muitas vezes a pessoa é super parceira pra ir à praia, mas não pra montanha. Ou é parceira pra trilhas hard inéditas, mas se revela mau humorado em locais de fácil acesso ou já conhecidos. Ou não tem preparo, etc... vários "senões".

Eu sempre digo o seguinte: A não convidou B por uma de duas razões :

1º - por que não lembrou

2º - por que lembrou e julgou inapropriado - porque o programa não condizia com a companhia, porque A já ia de convidado de C, o que não dava liberdade de convidar B, enfim, N razões INQUESTIONÁVEIS.

Jorge, te malhar, e malhar aos outros por uma trip, vão sempre. Ou por tu não ter convidado, ou por ter "colocado numa fria".

Na dúvida, seja "chato" por não convidar, e pelo menos vai ouvir aporrinhação só depois de ter curtido a trip. A segunda opção é foda, porque já ferra na própria trip....

Convide quem tu achar que é teu parceiro, na hora boa e na hora ruim, e esqueça do resto!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

 

Paulo: o Jorge já conheço pessoalmente quando ele esteve aqui em SSA. Quem é vc na foto em volta da mesa (int)

 

 

Mas aquela boca minha cheia de pão com carne de panela ficou como se eu tivesse arrancado os sisos... :lol:

 

 

kiko-quico-chaves-11.jpg

 

 

 

 

Eu viajo nestes teus relatos. Jorge. Muito bons, a trip parece ter sido quase perfeita, exceções ao tempo e aos hábitos dos companheiros de tomar banho pelado tudo junto, Brokeback Moutain. hahahaha

 

DSC00091.JPG?et=1C2oAwaGaJIuVQYH3FysQA&nmid=341632798

 

Qq semelhanca com o enredo do filme sera mera coincidencia..mas o cartaz nao..

basta ver a sinopse do filme Pecado da Carne no Dr Google.. ::lol4::

 

145886-b-eyes-wide-open.jpg

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Colaboradores

Voyeurismo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

 

Voyeurismo é uma prática que consiste num indivíduo conseguir obter prazer sexual através da observação de outras pessoas. Essas pessoas podem estar envolvidas em atos sexuais, nuas, em roupa interior, ou com qualquer vestuário que seja apelativo para o indivíduo em questão, o voyeur.

 

A prática do voyeurismo manifesta-se de várias formas, embora uma das características-chave é que o indivíduo não interage com o objeto (por vezes não cientes de estarem sendo observados); em vez disso, observa-o tipicamente a uma relativa distância, talvez escondido, com o auxílio de binóculos, câmeras, etc., o que servirá de estímulo para a masturbação, durante ou após a observação.

 

Pessoas que chegam ao prazer observando pessoas nuas ou relações sexuais, sem o consentimento dos envolvidos.

 

O risco provoca a excitação. Muitos voyeuristas masturbam-se enquanto assistem.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Se cada um é feliz com a sua opção sexual, não tenho nada contra ::tchann::

 

Agora o Paulo, chutou o balde.

observa-o tipicamente a uma relativa distância, talvez escondido, com o auxílio de binóculos, câmeras, etc., o que servirá de estímulo para a masturbação, durante ou após a observação.

::lol4::::lol4::

 

Ótimo relato Jorge! Travessia fantástica!

 

Por pouco nos esbarramos em Lapinha. Por volta de 14h estávamos quase próximos da Capelinha no alto da Serra do Breu (o Peter pode confirmar melhor).

 

O relato da travessia tá "dourando" no forno, logo logo tá pronto!

 

Peter, o Paulo é o mesmo do avatar, porém falta o boné :lol:

 

Abraço

Edy

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...