Ir para conteúdo
mfdacio

da Andrea Matos - Italia e Grecia

Posts Recomendados

Ola, amigos! Fiquei particularmente interessado em ler o relato de viagem da Andrea Matos, que deve ter ido pra Itala e Grecia alguns meses atrás. Mas depois de seu último post,ainda antes da viagem, nada mais ela enviou pra esse forum. Alguém sabe o que aconteceu? Se existe algum relato da viagem dela, onde está? Grato!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tambem fiquei bastante interessada na viagem de Andrea. Será que ela poderá fazer um breve relato da sua viagem?

Aguardo ansiosa, :shock: Glicia

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parece que a Andrea está de volta, já planejando inclusive sua segunda viagem. Legal, Andrea, isso mesmo! Mas, antes de partir novamente, arrume um tempinho para nos contar como foi seu passeio pela Italia e Grécia, ok?

(ps. se vc tem algum tipo de contato com a Andrea, peça a ela pra escrever um relato da primeira vigem dela, ok?)

Grato!

Marcelo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi pessoal,

Estou feliz com o interesse de vocês e ficarei ainda mais se puder ajudar.

Minha viagem de mochila para a Itália, Grécia e Portugal foi em abril deste ano e durou 20 dias. Viajei com meu namorado e foi tudo absolutamente perfeito. Foi a minha primeira viagem de mochila e eu confesso que estava apreensiva, mas acabou dando tudo muito certo.

 

Meu primeiro medo era a LINGUA, pois nosso inglês não é muito fluente. Foi ai que descobri que falar inglês em paises que não são da lingua inglesa é bem mais fácil. Não tive qualquer problema com isso, pois nos aeroportos, estações de trem, hotéis, restaurantes, lojas, as pessoas se comunicam razoavelmente em inglês e têm paciência com os turistas.

 

Meu segundo medo era o CLIMA, pois tinha ouvido falar que em abril ainda chovia muito e eu acho que chuva estraga os passeios e as fotos, que não ficam bonitas. Que nada! peguei uma chuvinha pequena em Veneza e em Florença, nada que atrapalhasse. Mas quando dizem que na Europa sempre faz frio à noite, é verdade. Eu havia levado apenas um agasalho de lã, e por isso tive que comprar um casaco mais pesado e um cachecol. Quem vai para as Ilhas Gregas geralmente acaba alugando uma moto ou um quadriciclo (foi o que eu fiz), e não dá para andar sem um bom casaco de jeito nenhum, mesmo no verão. Em Roma, em Athenas, nas Ilhas e em Lisboa, peguei lindos dias de sol (mas ainda não dava para tomar banho de mar).

 

Meu terceiro medo eram os HOTÉIS (êpa, acho que essa ordem não está muito certa, acho que esse era meu primeiro medo). É que eu havia reservado tudo pela internet, pelo site hostelworld.com, e não sabia o que iria encontrar pela frente. Mais uma vez, deu tudo certo, quando cheguei com meu número de reserva eles estavam mesmo me aguardando e o preço era o mesmo. O pior hotel foi o de Veneza, o B& B Rota, exatamento o mais caro. Ainda assim é limpo e bem localizado, só que... é horrível! Tomei um susto quando vi aquela portinha velha, uma escada tenebrosa, tudo antigo, escuro... E o engraçado foi que esse foi o primeiro hotel, 97 Euros a diária para o casal. E nós pensamos o que estaria nos esperando nos demais, que eram bem mais baratos... Mais uma vez o medo era infundado. O Alex House de Florença é ótimo, o mesmo em Roma, The Beehive, Sourmeli Garden em Mykonos; Summer Time em Santorini e Residencial Astoria em Lisboa. O Fivos de Atenas é bem feio também (quando falo feio é feio mesmo, cama velha, parede descascando...), mas pelo menos é limpo e a localização é tão perfeita, que se eu voltar à Atenas vou ficar lá de novo.

 

Meu quarto medo (a ordem está definitivamente errada) eram os TRENS e os BARCOS. Tudo comprado na hora, e acabou dando tudo certo. Encontramos alguns anjos de pessoas nas estações, como uma Maestra em Bologna e um casal em Veneza, que nos ajudaram a achar os Binarios certos (locais numerados onde param os três), e tivemos que correr à beça para não perder. Essas viagens de trem na Itália são muito boas. O trem rápido, Europass, é demais... Nos BARCOS da Grécia, tudo ótimo, confortável, limpo, seguro, não enjoei (tomei dramim), mas tivemos que comprar um bilhete de primeira classe, de 98 Euros por pessoa, porque era feriado de Páscoa e não havia nenhuma vaga na segunda classe de Santorini para Atenas no dia em que precisávamos viajar.

 

Bem, ainda há muita coisa a contar, sobre a MOCHILA, sobre os PASSEIOS, detalhes dos HOTEIS, os PREÇOS, etc... mas esse relato está ficando muito longo e chato. Então, eu fico aguardando qualquer pergunta.

Um abraço

Andrea

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou viajar em julho para a Itália e Grécia durante 15 dias. Será que o tempo é suficiente?

Gostaria de ir à Roma, Veneza e Florença. Na Grécia, em Atenas e em 2 ou 3 ilhas.

Alguém pode me ajudar com hotéis e preços? Quanto tempo eu posso ficar em cada lugar?

É a primeira vez que faço uma viagem dessas.

Marina

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Marina,

Essa foi exatamente a minha viagem e o roteiro é perfeito. Mas eu usei muito bem os 20 dias, por isso estou achando que 15 dias é pouco para tantos lugares. Vc vai passar tempo demais se deslocando de ônibus ou de trem, considerando não só a duração do trajeto em si, mas a sua preocupação em chegar com antecedência nos locais da partida, o tempo que se perde em procurar estações, binários, arrumar as malas... Além disso, com tão pouco tempo em lugares onde há tanto para se ver acaba rolando um estresse, que é tudo que não precisamos em uma viagem maravilhosa dessas, não é mesmo? Ir à Grécia, em princípio, é mais difícil, portanto, vc não deve deixar de conhecer Atenas, Mykonos e Santorini, pelo menos. Acho que deve passar 3 dias em cada lugar, para dar tempo de conhecer as praias mais famosas, a noite, curtir o por do sol... Se tiver que subtrair um dia, tire de Atenas. E escolha apenas 2 cidades na Itália. Dois dias em Veneza é legal e dois em Florença também, embora o ideal seja três, para dar tempo de passar uma tarde inteirinha no Uffizi, que é o maior museu de arte da Itália. Escolha uma dessas duas cidade e passe os 3 ou 4 dias restantes em Roma, onde há muito para fazer, o Vaticano, etc. Tanto Veneza como Florença são lindíssimos. Veneza é diferente de tudo que já vimos, adoro me lembrar da Piazza San Marco à noite, do alarido na Ponte Rialto, dos passeios no canal e nas ruelas estreitas... Mas Florença é uma cidade especial. Foi emocionante ver pela primeira vez o Duomo, é enorme! E tem os museus, Davi, tantas obras de arte inesquecíveis... Ah, em Florença as coisas são muito mais baratas que em Veneza, viu?

Boa sorte e se tiver qualquer dúvida estou pronta para ajudar, no que puder.

Andrea

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá gostaria de saber quanto você gastos nestes 20 dias ?

 

Obrigado.

 

(ai que invéja de ir para esses lugares ...rsrs) :lol: mais se tudo der certo junho estarei la :D

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Dalua,

Junho já está chegando e vc vai adorar a sua viagem. Quanto à sua pergunta, eu e me namorado gastamos cerca de R$16.000,00 nesses vintes dias. Mas este preço inclui absolutamente tudo, desde as passagens até os pequenos souvenirs que trouxemos para nossa família. Na época o Euro estava mais caro que hoje, por isso já não me lembro quanto isso representou na moeda européia. Nossos hotéis foram escolhidos basicamente nesse site, todos quartos individuais com banheiro, menos o The Behind em Roma, onde ficamos em um apartamento normal com 4 quartos e um banheiro e uma cozinha coletivos. Não foi tão mal assim, e pensando bem foi até legal fazer nosso café da manhã ao lado de uma típica housewife americana, que fritava ovos e bacon para seu fiho adolescente. Os alemães grandalhões do outro quarto tomavam litros de leite de manhã cedo e todos eram muito educados. Fizemos uma boa economia de tempo e de dinheiro não parando em restaurantes para almoçar. De dia, praticamente todos os dias comprávamos comida em supermercado, sanduiches, sucos, frutas, chocolates, e comíamos nos jardins. À noite sim, já cansados de andar, parávamos em algum restaurante legal e com direito a um vinho (geralmente o da casa, que é mais barato). Boa sorte!!!

Andréa

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Andréa,

te mandei um email pq tô precisando de bastante informação.

Eu e meu namorado teremos 15 dias entr Itália e Grécia...

gostaria q vc me dissesse pq não dá pra perder, os transportes q usou, e outras dicas q acha importante...

É ótimo sempre encontrar nesse site gente disposta a relatar viagens como vc...Valeu mesmo!

Vanessa

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Vanessa,

Respondi seu e-mail e estou aguardando o seu contato. Fico feliz em ser útil e te darei todas as dicas que puder. Um abraço.

Andrea

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...