Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

dominique91

Relato, roteiro e Dicas - Expedição de Carro São Paulo - Ushuaia

Posts Recomendados


Boa tarde, Dominique!

Achei muito legal a aventura de vocês! Coragem enfrentar a friaca da inverneira! Vale muito pelas paisagens. Parabéns! Relato direto e reto, porém muito elucidativo.

Estou preparando uma viagem muito semelhante com a de vocês junto da minha esposa e do nosso pequeno para o mês de novembro/2018, só que faremos o caminho inverso.

O projeto é sair de Porto Alegre/RS descer pela ruta 3 até Ushuaia e depois subindo pela ruta 40, carreteira (Chile Chico a Futaleufu), subir até San Martin de Los Andes e voltar por Neuquen... 

A ideia é seguir o estilo econômico também. Tanto na hospedagem quanto no rango. Não temos muita frescura e o Miguel vai ser criado nesse clima. 

Por tudo que já pesquisei até agora, cheguei num valor quase idêntico ao de vocês para um período de 30 dias. São doze dias a menos, só que no início alta temporada.

Fiquei meio assustado procurando reservas no booking para ter uma ideia e muitos dos lugares recomendados aqui nos mochileiros e outros relatos já estão "reservados" ou os valores passam fácil de 150 reais para duas pessoas (crianças menos de 2 anos não pagam) mesmo em dormitórios compartilhados. Tudo que achei barato com reserva gratuita já fui pegando. Ir com mulher e filho pequeno e ter que ficar catando lugar para ficar está longe de ser o ideal. No máximo vou ir alterando pelo caminho. Aí até dá pra usar o airbnb também, que tem valores bem mais atrativos que o booking, só que cobra antecipado.

Por acaso tu tens alguma planilha contendo os locais de pernoites, restaurantes, custos e etc... da organização geral de vocês? 

Agradeço muito se puder me ajudar. Deixo também meu email [email protected]

Grande abraço!

 

 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Booking não coloca imposto,deve evitar pesquisar lá.

Em anos pela América, comprei nesse site pouquíssima coisa,prefira decolar.com e hotéis.com

São muito mais corretos e sem essas ciladas.

  • Gostei! 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 17/03/2018 em 01:38, D FABIANO disse:

Booking não coloca imposto,deve evitar pesquisar lá.

Em anos pela América, comprei nesse site pouquíssima coisa,prefira decolar.com e hotéis.com

São muito mais corretos e sem essas ciladas.

Muito obrigado pela dica, Fabiano!

 

Abração!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Guto, já fiz algumas viagens de carro e nunca reservei nada, entendo o seu problema(filho pequeno), mas acredito que no período que vcs vão, apesar de ser início alta temporada não terá dificuldade em arrumar hospedagem mais em conta.

Na Argentina,  além do airbnb, Booking. ...muita gente alugar suas casas...e só chegar no centro da cidade e se informar. A disponibilidade é muito grande.

Neste caso vc tem que se programar para sair bem cedo  e chegar cedo no destino,  vai dar um pouco de trabalho mas, no meu caso valeu. Além do que reservar muito antes vc fica engessado naquele roteiro.

Sobre alimentação: em várias cidades os supermercados vendem comida pronta por quilo.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
27 minutos atrás, casal100 disse:

Guto, já fiz algumas viagens de carro e nunca reservei nada, entendo o seu problema(filho pequeno), mas acredito que no período que vcs vão, apesar de ser início alta temporada não terá dificuldade em arrumar hospedagem mais em conta.

Na Argentina,  além do airbnb, Booking. ...muita gente alugar suas casas...e só chegar no centro da cidade e se informar. A disponibilidade é muito grande.

Neste caso vc tem que se programar para sair bem cedo  e chegar cedo no destino,  vai dar um pouco de trabalho mas, no meu caso valeu. Além do que reservar muito antes vc fica engessado naquele roteiro.

Sobre alimentação: em várias cidades os supermercados vendem comida pronta por quilo.

Opa! Beleza, Casal 100?

Eu fiz algumas reservas pelo booking porque tem cancelamento gratuito, sem necessidade de depósito, até uns 3 dias antes da chegada na cidade. Aí se ganha uma certa mobilidade.

Pesquisei e vi que no airbnb, apesar de ter várias opções, já tem bastante coisa alugada para novembro/dezembro. O Airbnb tem preços bem mais atrativos para alguns locais, mas tem que pagar antecipado pela reserva.

No hostelworld é o mesmo caso, embora o pagamento seja só uma pequena porcentagem. E buscando locais pelo site, grande parte dos mais baratos já se foram nas cidades mais concorridas, e em outras ele nem tem opção de hospedagem.

Aí dá para ver no decorrer da viagem e ir trocando de reservas, caso o valor compense. 

São várias e várias horas de estrada e ter um lugar te esperando também tem seu valor, já que não tem como prever como vai ser cada trecho. Vai que tenha stress no caminho e ainda na chegada tem a missão de arranjar lugar... Eu não me importo muito e sempre viajei vendo na hora hospedagem, mas a patroa já deu a dica de que se tiver a reserva ela fica mais tranquila. Tem que fluir na parceria as decisões. E como será a nosso primeira experiência em grandes distâncias e longo de tempo de viagem, melhor ir numa boa.

Ficar no compromisso de sair sempre cedo pra chegar cedo, dada certa imprevisibilidade do tempo e demais adversidades que possam aparecer, também dá uma "engessada" na viagem.

Vou ficar esperto nessa da comida pronta nos supermercados.

Agradecido pelas dicas!

Abração!

 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Você tem razão,  neste caso é melhor fazer dessa maneira. Deixar a mulher insatisfeita é um perigo..kkk

 

  • kkkkkkk 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em 15/03/2018 em 17:59, Gutoblack disse:

Boa tarde, Dominique!

Achei muito legal a aventura de vocês! Coragem enfrentar a friaca da inverneira! Vale muito pelas paisagens. Parabéns! Relato direto e reto, porém muito elucidativo.

Estou preparando uma viagem muito semelhante com a de vocês junto da minha esposa e do nosso pequeno para o mês de novembro/2018, só que faremos o caminho inverso.

O projeto é sair de Porto Alegre/RS descer pela ruta 3 até Ushuaia e depois subindo pela ruta 40, carreteira (Chile Chico a Futaleufu), subir até San Martin de Los Andes e voltar por Neuquen... 

A ideia é seguir o estilo econômico também. Tanto na hospedagem quanto no rango. Não temos muita frescura e o Miguel vai ser criado nesse clima. 

Por tudo que já pesquisei até agora, cheguei num valor quase idêntico ao de vocês para um período de 30 dias. São doze dias a menos, só que no início alta temporada.

Fiquei meio assustado procurando reservas no booking para ter uma ideia e muitos dos lugares recomendados aqui nos mochileiros e outros relatos já estão "reservados" ou os valores passam fácil de 150 reais para duas pessoas (crianças menos de 2 anos não pagam) mesmo em dormitórios compartilhados. Tudo que achei barato com reserva gratuita já fui pegando. Ir com mulher e filho pequeno e ter que ficar catando lugar para ficar está longe de ser o ideal. No máximo vou ir alterando pelo caminho. Aí até dá pra usar o airbnb também, que tem valores bem mais atrativos que o booking, só que cobra antecipado.

Por acaso tu tens alguma planilha contendo os locais de pernoites, restaurantes, custos e etc... da organização geral de vocês? 

Agradeço muito se puder me ajudar. Deixo também meu email [email protected]

Grande abraço!

 

 

Opa, tudo certinho Guto? 

 

Me desculpe a demora, estava em uma outra aventura e retornei hoje! Fiquei sem internet por alguns dias rs.

Li o que o pessoal falou aqui e tudo é bem válido. Quando fui em 2014, o booking era uma boa opção, mas de fato, fiz agora uma viagem ao Chile e no booking nunca mostra a tarifa... Me parece que se paga em dólar não há essa cobrança, porém se pagar com cartão ou efetivo tem. 

 

De fato, disponibilidade sempre há, mas entendo a preocupação por viajar com criança! Acho que já deixar tudo reservado te da uma paz. 

 

Vi que sugeriram chegar cedo nas cidades para alugar casa, pode ser uma opção, seria necessario dirigir a noite para chrgar pela manha...mas eu não recomendo dirigir pela noite... Uma grande parte das estradas sao de uma faixa de ida e outra de volta... A noite não é muito bem sinalizada e se tiver algum motorista vacilando pode ter algum acidente... além de que o ponto máximo, para nós pelo Menos, foi olhar a paisagem das estradas de dia que são incríveis.

 

Uma coisa importante... Algumas aduanas mais ao sul fecham as 7 da noite! Quebrei a cara uma vez...saindo de Bariloche não chegamos a tempo e tivemos que dormir em um hostel de última hora! Foi fácil achar, mas n tinha calefação quase viramos picolé rs

 

E quanto a planilha, puxa infelizmente  ao tenho com a acomodação e tudo mais. 

 

Na época ficamos em hostes beeem baratinhos e como já foi há 4 anos pode ser que os preços subiram um pouco! 

 

A comida a gente fazia um cardápio mesmo e ia comprar no mercado. Levamos aqueles fogareiros de butano e cozinhavamos na rua mesmo, quando estávamos indo para alguma cidade.

 

 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá Dominique!!

Amei seu post, super sincero... vai me ajudar bastante!! Sou apaixonada por viagem, minha pequena família ( eu marido e filho de 11 anos ) turistamos bastante, nosso insta é @familiaturistando ( desatualizado um pouco ) mas lá vc pode ver um pouquinho que gostamos de aproveitar cada momento pra conhecer um lugar novo!! Há 2 anos, fizemos uma viagem pelo Sul do Brasil de carro ( Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul ) tinhamos só 18 dias e foram 4652km rodados hehehe e agora no final do ano teremos  33 dias e queremos fazer a mesma viagem que vc fez!!  Suas informações ajudaram bastante e aguçaram tbm!! hahaha posso mais pra frente te fazer algumas perguntas??  Parabéns pela aventura, coragem e as fotos maravilhosas!!

Abraços, 

Renata

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por Dimofski Antonio
      Boa noite meus amigos, estou começando a me organizar para uma expedição até Ushuaia, partindo de Bauru SP.
      Tenho um chevrolet tracker 2018 super confortável para estrada e boa dirigibilidade.
      Alguém que já fez uma viagem de longa distância com um carro desses ?
      Abraço e obrigado.
    • Por vagner xavier
      Olá pessoal, tudo bem?
      Em outubro estou indo para Ushuaia (02/10 até 12/10), gostaria de saber se vai ter alguém daqui por lá.
      Para podemos marca uma cerveja ou sair comer e conversar.
      Abraços
    • Por manuela-beatriz.santos
      Alguém indo pro Ushuaia em agosto? Vou sozinha e gostaria de dicas de passeios que realmente valem a pena. Ficarei 7 dias
    • Por mandcampos
      Alguém pretende ir para Ushuaia + el calafaste em Setembro desde ano?
      Alguém que já foi pode me passar dicas, de passeios, do que levar, como economizar, quanto dinheiro devo levar, etc.
      Obrigada
    • Por fore
      Introdução
      Planejei uma viagem de carro saindo de São Paulo, capital, com destino ao Ushuaia, saindo do Brasil por Foz do Iguaçu, porém, para evitar a Ruta 14 com medo dos policiais corruptos, entraria no Brasil novamente em São Borja/RS para chegar em Uruguaiana/RS e assim descer até Gualeguaychu pelo Uruguai. Em seguida seguir para o lado oeste e descer a Ruta 40, entrar em Torres del Paine no Chile e continuar descendo até o Ushuaia.

      Na bagagem: barraca Quechua Arpenaz 4.1 Fresh & Black, duas cadeiras de praia, um fogareiro Nautika ceramik, uma mesa portátil, colchão inflável de casal, um saco de dormir, um cobertor, tapete em EVA (aqueles de montar) e manta térmica para forrar o chão da barraca. Além de utensílios de cozinha, um cooler, grelha para churrasco e uma caixa de mantimentos básicos como macarrão, miojo e alguns temperos.
      A barraca é grande, espaçosa e bem simples de montar (são apenas 3 varetas assim como qualquer outra). No quarto cabe o colchão de casal e sobra espaço para mais um de solteiro, como não era o caso, era usado para guardar as mochilas.
      O fogareiro acho que foi a melhor aquisição que fiz. Achei muito bom e a lata de gás durou por uns 3 dias com a gente. Fomos com 12 latas pra lá, porque eu não sabia o quanto rendia. Sobrou bastante e de qualquer forma, a gente encontrava facilmente em supermercados por lá.
      Fomos em 2 pessoas, com um Peugeot 208 1.5, suspensão esportiva (mais baixa que a original), rodas aro 17 com pneus 215/45 e insulfilm g20 em todo o carro, inclusive parabrisa. (Só mencionei isso pelo fato de ainda haver dúvidas quanto ao tipo de carro que consegue fazer esse tipo de viagem).
      Comprei o chip da EasySIM4U para conseguir sinal de internet no celular (somente dentro das cidades tinha sinal).
      O caminho todo me guiei pelo Google Maps, meu carro tem a central multimídia com Android, então bastava eu compartilhar a internet do celular e tudo certo (pelo menos quando tinha sinal).
      Para procurar hotéis usei o Booking.com (consegui pegar bons descontos com o Genius) e para campings usei o iOverlander. Apesar de ajudar muito, o iOverlander é um pouco desatualizado, infelizmente a colaboração não é tanta no aplicativo. Existem muitas outras opções de campings no caminho que a gente acaba encontrando só depois de ter dado entrada em algum.
      No total foram 14.730km em 28 dias de estrada, sem nenhum perrengue ou problemas maiores.
      Obs:
      - O tempo de viagem relatado é o total do tempo do momento em que saímos de um hotel/camping até chegarmos no próximo destino. Contando as paradas na estrada.
      - Os gastos coloquei na moeda local, pois fica mais fácil caso alguém precise consultar em outro momento para ter uma noção melhor de custos.
      - A viagem inteira abasteci com gasolina/nafta super.
      Se quiserem me acompanhar no instagram: @fore.jpg


×
×
  • Criar Novo...