Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

DenaBR

Viagem a Madrid

Posts Recomendados

O preço dos ingressos para os jogos do Real Madrid varia de acordo com o adversário, um colega meu pagou 100 Euros pelo ingresso, pois era jogo contra um adversário "famoso", e só conseguiu o ingresso no viagogo, na loja oficial esgotou em 5 minutos e ele não conseguiu comprar.

Ficando só 7 dias, você tem que escolher muito bem as datas para assistir 2 jogos, por que o campeonato espanhol segue a mesma lógica dos demais, um jogo em casa e outro fora e os jogos acho que são só nos finais de semana. 

Então tem que escolher certinho as datas, se não você chega lá em Madrid justo no dia do jogo, e vai embora justo no dia do outro jogo, e dependendo dos horários dos seus voos, você não tem tempo de fazer mais nada neste dia a não ser correr para o aeroporto.

Quanto aos seguros daquele site que você postou, aquele mais barato de R$ 81 não serve, pois a cobertura é abaixo do mínimo necessário no Espaço Schengen.

O primeiro que é atende as exigências é o de R$ 105, e é o pacote básico.

Um plano básico vai custar entre 100 e 150 reais para uns 7 dias de viagem, é interessante assinar as newsletter da Mondial e outras seguradoras, volta e meia eles mandam e-mails promocionais que dão desconto de 10 a 30%.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

11 horas atrás, Rafael_Salvador disse:

O numero de sócios é maior que o numero de lugares no estadio...

Meu irmão pagou 65 no Camp Nou ano passado! Em Madri não será mais barato.

Almoço, menus simples por volta de 12 euros (Uma proteína aprx. 200g, batata ou arroz e tomate c alface)... este são os menus. Subindo para 15 euros você já come melhor.

Jantar, jantar mesmo, entre 20 e 25... jantar simples. Tem fast-food a exemplo de Mc'Donalds e etc...a media é de 05 a 10 euros.

Os passeios custam em torno de 10 euros (pouco mais ou pouco menos), alguns 15 e raramente ultrapassam 20 euros.

Você deve estar atento, amigo. Por exemplo: Uma crise de apendicite (que pode ocorrer com qlq pessoa a qlq momento)...você acha que custa quanto fazer uma cirurgia na Espanha? Uma intoxicação alimentar que necessite um internamento para fazer soro e etc... quanto custa? Portanto não adianta economizar em seguro, porque se precisar usar vai passar dor de cabeça. Se sua bagagem extraviar e seu seguro não tiver essa cobertura... o que faria até achar suas malas? Se perder uma conexão... teria grana para bancar uma passagem de ultima hora?? São questões que tem que avaliar muito bem. Afinal, você esta fora da sua pátria amada! Não ache que 30.000 euros é um valor exorbitante para gastos com saúde...

Eu entendo! Com relação ao jogo, ficando uma semana, acho meio inviável assistir dois jogos, então somente um já bastaria. Não me importaria de pagar 60 ou 70 euros no jogo, pois é o programa que eu mais tenho vontade de fazer. 

Já com relação a comida, eu preciso pesquisar lugares onde posso almoçar e jantar com um bom custo x beneficio e deixar isso registrado em algum lugar, para saber me localizar na cidade. Li que geralmente nos restaurantes eles costumam deixar uma lousa do lado de fora com os valores, confere?

Com relação ao seguro, é verdade, e eu entendo isso.. não quero ter que passar nenhum tipo de sufoco nesta viagem, portanto, se for necessário, readequarei esse valor inicial. Como disse no inicio, seria só uma estimativa inicial, tenho alguns meses para conseguir adequar direitinho com base no meu orçamento, sem falar que pretendo levar um extra pra problemas possíveis! 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, 987987 disse:

O preço dos ingressos para os jogos do Real Madrid varia de acordo com o adversário, um colega meu pagou 100 Euros pelo ingresso, pois era jogo contra um adversário "famoso", e só conseguiu o ingresso no viagogo, na loja oficial esgotou em 5 minutos e ele não conseguiu comprar.

Ficando só 7 dias, você tem que escolher muito bem as datas para assistir 2 jogos, por que o campeonato espanhol segue a mesma lógica dos demais, um jogo em casa e outro fora e os jogos acho que são só nos finais de semana. 

Então tem que escolher certinho as datas, se não você chega lá em Madrid justo no dia do jogo, e vai embora justo no dia do outro jogo, e dependendo dos horários dos seus voos, você não tem tempo de fazer mais nada neste dia a não ser correr para o aeroporto.

Quanto aos seguros daquele site que você postou, aquele mais barato de R$ 81 não serve, pois a cobertura é abaixo do mínimo necessário no Espaço Schengen.

O primeiro que é atende as exigências é o de R$ 105, e é o pacote básico.

Um plano básico vai custar entre 100 e 150 reais para uns 7 dias de viagem, é interessante assinar as newsletter da Mondial e outras seguradoras, volta e meia eles mandam e-mails promocionais que dão desconto de 10 a 30%.

Foi o que li também, que dependendo do adversário pode variar muito o preço, mas que um jogo comum do campeonato espanhol não passaria de 60 ou 70 euros. Como disse acima, ficando só uma semana acho realmente inviável assistir dois jogos (por conta do tempo), então, que seja somente um. 

O seguro é algo que pretendo pesquisar direito ainda, ficando com um que tenha bom custo x beneficio.

Por favor, no que puderem me acrescentar, ficarei agradecido! 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dúvidas que tenho:

1 - Coisas essenciais para se levar na mala, quando se vai a Europa?

2 - O chip de telefone, li que você compra no aeroporto por no máximo 20 Euros, confere?

3 - Algo que sempre falta nos Hostals que devemos levar daqui?

4 - A possibilidade de check-in na madrugada, depende da cada Hostal?

5 - O fuso horário pesou muito pra vocês?

6 - Tem bastante coisa para se fazer após as 22h00 para alguém que vai sozinho?

7 - Com relação a segurança, sem problemas ficar após esse horário na rua?

8 - 7 dias não seriam muitos dias para conhecer a cidade em seus pontos principais? Tenho receio de chegar no 5 ou 6 dia, e não haver mais nada de realmente interessante para se fazer. 

9 - Tem bastante coisas características de lá que se pode trazer para presente ou lembrança? 

10 - O uber lá, costuma ser mais barato que o Táxi também? Se eu cadastro um cartão de crédito internacional no Uber de lá, posso pedir normalmente? Tem alguma peculiaridade? 

11 - Vocês encontram bastante brasileiros? Alguns viajando também sozinhos? 

 

Caso eu tenha mais dúvidas.. pergunto a vocês! 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

1 - Isto é algo muito pessoal.

Eu não levo nada de especial, só levo roupas adequadas para o clima previsto, confira no Accuweather a média de temperaturas nos dias que você pretende viajar, já dá para ter uma ideia do que esperar.  E alguns dias antes de viajar, comece a acompanhar a previsão do tempo para Madrid diariamente, para saber se vai fazer um frio maior que o esperado e você precisa comprar mais roupa de frio. Também levo alçados adequando para andar um monte. Alem disto, não esquecer os carregadores do celular, laptop, etc...

2 - O simcard custa entre 5 e 15 euros dependendo da operadora, em algumas operadoras este valor é revertido em crédito para você usar. Alem do custo do Simcard, é recomendável contratar um pacote de internet caso você for usar muita internet.

Pois igual ao que acontece no Brasil, usar internet sem ter contratado um pacote de internet pode ficar caro, mas contratando um pacote, o custo diminui muito.

Os pacotes variam muito de operadora para operadora, tem desde de pacote de 300 MB por mês, até pacote com 3 GB por mês, o preço dos pacotes varia de 10 a 50 Euros dependendo do volume de dados.

3 - Itens de higiene pessoal (xampu, sabonete, toalhas, etc...)

4 - Sim. 

Na maioria das pousadas/hostals o check-in é somente entre 15:00 e 22:00 horas, qualquer coisa fora deste horário tem que ser combinada direto com o estabelecimento, para que alguém fique lá esperando você de madrugada. Se você quiser entrar no quarto antes das 15:00 geralmente é cobrado uma taxa ou diária adicional.

5 - Isto depende de cada pessoa, o que eu mais sinto é a dificuldade em pegar no sono no horário certo nos primeiros dias, pois lá em Madrid já vai ser meia-noite, mas o seu organismo ainda está no fuso do Brasil e acha que são 19:00, e ai você fica rolando na cama até as 3:00 da manhã até pegar no sono, e se quiser acordar cedo para fazer o dia render, você acorda quebrado as 08:00 da manhã com o despertador tocando...

Mas para quem quiser inverter o dia pela noite, isto pode ser uma boa... rsss

6 - A vida noturna nos bares e baladas de Madrid começa mesmo depois das 23:00, as 01:00 da manhã todos os bares do centro geralmente estão bombando.

7 - Depende muito onde você ficar, mas no geral o centro de Madrid é seguro, com muita gente na rua neste horário. 

Mas como em qualquer cidade, sempre tem algum risco, mas é só seguir o seu instinto, evitar locais muito desertos e mal iluminados, e não se enfiar em locais que você ache suspeitos.

8 - Realmente a maioria das pessoas não fica mais que 2 ou 3 dias em Madrid. A partir do terceiro dia a maioria das pessoas começa a fazer viagens de bate-volta para as cidades próximas como por exemplo Toledo, Ávila, Segóvia, etc..

9 - Jamon Iberico enlatado. Produtos in-natura não podem ser trazidos.

10 - A tarifa do uber é dinâmica no mundo todo, na maior parte do dia é mais barato que Táxi, mas tem momentos em que custa mais caro do que táxi.  Sim, o seu cartão de crédito internacional pode ser usado sem problema no uber em Madrid.

Mas o sistema de metrô de Madrid é muito bom, você só vai precisar usar taxi/uber mesmo de madrugada, quando o metrô não está mais funcionando.

11 - Sempre se encontra um monte de brasileiros nas ruas de Madrid, andando 5 minutos na rua, ou sentando num restaurante, bar do centro, com certeza você vai ouvir alguém falando português, mas ficando em quarto privativo de um hostal com meia-duzia de quartos, você não vai conhecer ninguém, só mesmo o pessoal que você "trombar" na rua.

Se você quer conhecer brasileiros ou viajantes "solitários' você tem que ficar em Hostel onde tenha um monte de gente e área comum com bar, e não numa pousada com meia-duzia de quartos privativos, onde todo mundo fica trancado no seu quarto enquanto está no hostal.

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, 987987 disse:

1 - Isto é algo muito pessoal.

Eu não levo nada de especial, só levo roupas adequadas para o clima previsto, confira no Accuweather a média de temperaturas nos dias que você pretende viajar, já dá para ter uma ideia do que esperar.  E alguns dias antes de viajar, comece a acompanhar a previsão do tempo para Madrid diariamente, para saber se vai fazer um frio maior que o esperado e você precisa comprar mais roupa de frio. Também levo alçados adequando para andar um monte. Alem disto, não esquecer os carregadores do celular, laptop, etc...

2 - O simcard custa entre 5 e 15 euros dependendo da operadora, em algumas operadoras este valor é revertido em crédito para você usar. Alem do custo do Simcard, é recomendável contratar um pacote de internet caso você for usar muita internet.

Pois igual ao que acontece no Brasil, usar internet sem ter contratado um pacote de internet pode ficar caro, mas contratando um pacote, o custo diminui muito.

Os pacotes variam muito de operadora para operadora, tem desde de pacote de 300 MB por mês, até pacote com 3 GB por mês, o preço dos pacotes varia de 10 a 50 Euros dependendo do volume de dados.

3 - Itens de higiene pessoal (xampu, sabonete, toalhas, etc...)

4 - Sim. 

Na maioria das pousadas/hostals o check-in é somente entre 15:00 e 22:00 horas, qualquer coisa fora deste horário tem que ser combinada direto com o estabelecimento, para que alguém fique lá esperando você de madrugada. Se você quiser entrar no quarto antes das 15:00 geralmente é cobrado uma taxa ou diária adicional.

5 - Isto depende de cada pessoa, o que eu mais sinto é a dificuldade em pegar no sono no horário certo nos primeiros dias, pois lá em Madrid já vai ser meia-noite, mas o seu organismo ainda está no fuso do Brasil e acha que são 19:00, e ai você fica rolando na cama até as 3:00 da manhã até pegar no sono, e se quiser acordar cedo para fazer o dia render, você acorda quebrado as 08:00 da manhã com o despertador tocando...

Mas para quem quiser inverter o dia pela noite, isto pode ser uma boa... rsss

6 - A vida noturna nos bares e baladas de Madrid começa mesmo depois das 23:00, as 01:00 da manhã todos os bares do centro geralmente estão bombando.

7 - Depende muito onde você ficar, mas no geral o centro de Madrid é seguro, com muita gente na rua neste horário. 

Mas como em qualquer cidade, sempre tem algum risco, mas é só seguir o seu instinto, evitar locais muito desertos e mal iluminados, e não se enfiar em locais que você ache suspeitos.

8 - Realmente a maioria das pessoas não fica mais que 2 ou 3 dias em Madrid. A partir do terceiro dia a maioria das pessoas começa a fazer viagens de bate-volta para as cidades próximas como por exemplo Toledo, Ávila, Segóvia, etc..

9 - Jamon Iberico enlatado. Produtos in-natura não podem ser trazidos.

10 - A tarifa do uber é dinâmica no mundo todo, na maior parte do dia é mais barato que Táxi, mas tem momentos em que custa mais caro do que táxi.  Sim, o seu cartão de crédito internacional pode ser usado sem problema no uber em Madrid.

Mas o sistema de metrô de Madrid é muito bom, você só vai precisar usar taxi/uber mesmo de madrugada, quando o metrô não está mais funcionando.

11 - Sempre se encontra um monte de brasileiros nas ruas de Madrid, andando 5 minutos na rua, ou sentando num restaurante, bar do centro, com certeza você vai ouvir alguém falando português, mas ficando em quarto privativo de um hostal com meia-duzia de quartos, você não vai conhecer ninguém, só mesmo o pessoal que você "trombar" na rua.

Se você quer conhecer brasileiros ou viajantes "solitários' você tem que ficar em Hostel onde tenha um monte de gente e área comum com bar, e não numa pousada com meia-duzia de quartos privativos, onde todo mundo fica trancado no seu quarto enquanto está no hostal.

 

 

 

1 - É que por exemplo ouvi que lá as tomadas são diferentes, então seria preciso levar um adaptador. Não sei se lá não vende algo que venda aqui, e que eu precise, essas coisas... 

2 - Pretendo pegar um pacote de no máximo 1.5GB. É um dos gastos previstos que já fixei em minha tabela. 

3 - Mas isso depende de Hostel, certo? Em alguns, vi que teriam até secador de cabelo. 

8 - E essas viagens entre os municipios de Madrid, costumam custar quanto? Um que eu gostaria de conhecer, é Segóvia. 

9 - Algo mais material que isso? 

11 - O principal ponto! Você nas vezes que foi, ficou em Hostel com quartos compartilhados??? Então me aconselharia ficar desta forma também para ter uma maior interação com o pessoal e quem sabe conseguir algum amigo de viagem? Qual o aspecto mais legal desses Hostels com quarto compartilhado? E o pior?

 

Desde já obrigado! 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@DenaBR , existem vários tipos de hostels com quartos compartilhados. Os party hostels, por exemplo, têm foco na interação entre os hóspedes e o bar é um espaço importante. Mas para quem quer dormir mesmo, pode não ser uma boa.

Não sei qual a sua idade, mas alguns hostels têm limite máximo (normalmente algo como 30 anos).

Eu mesma sou adepta de pousada em quarto individual, não sou festeira (na verdade sou bem na minha) e sempre acabo trocando uns dedos de prosa com pessoas que conheço em viagens - geralmente outras mulheres que viajam sozinhas, ou pessoas idosas... acho que, quando viajamos, olhamos tudo com curiosidade e às vezes também somos olhados dessa forma.

Mas também já me aconteceu de viajar para lugares distantes, encontrar vizinhos de bairro e não engatar muita conversa.

Uma dica é participar dos free walking tours. Você se junta a um grupo, passeia pela cidade e aprende sobre ela com um morador local, pagando uma gorjeta no fim do passeio. Chegando um pouco mais cedo, você tem tempo de bater papo com o guia e com alguns dos outros participantes. 

PS: Outra coisa: Vi que você está fazendo os cálculos em reais. É difícil dizer para fazer o câmbio agora, pois sabe-se lá quanto vai custar o euro em meados do ano que vem. Se a taxa de câmbio subir (mais ainda? Socorro!), você terá menos euros disponíveis. Trocar agora? Não sei... 

De qualquer forma, a mensagem é: desapegue-se dos reais e faça as contas em euros.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
24 minutos atrás, LF Brasilia disse:

@DenaBR , existem vários tipos de hostels com quartos compartilhados. Os party hostels, por exemplo, têm foco na interação entre os hóspedes e o bar é um espaço importante. Mas para quem quer dormir mesmo, pode não ser uma boa.

Não sei qual a sua idade, mas alguns hostels têm limite máximo (normalmente algo como 30 anos).

Eu mesma sou adepta de pousada em quarto individual, não sou festeira (na verdade sou bem na minha) e sempre acabo trocando uns dedos de prosa com pessoas que conheço em viagens - geralmente outras mulheres que viajam sozinhas, ou pessoas idosas... acho que, quando viajamos, olhamos tudo com curiosidade e às vezes também somos olhados dessa forma.

Mas também já me aconteceu de viajar para lugares distantes, encontrar vizinhos de bairro e não engatar muita conversa.

Uma dica é participar dos free walking tours. Você se junta a um grupo, passeia pela cidade e aprende sobre ela com um morador local, pagando uma gorjeta no fim do passeio. Chegando um pouco mais cedo, você tem tempo de bater papo com o guia e com alguns dos outros participantes. 

PS: Outra coisa: Vi que você está fazendo os cálculos em reais. É difícil dizer para fazer o câmbio agora, pois sabe-se lá quanto vai custar o euro em meados do ano que vem. Se a taxa de câmbio subir (mais ainda? Socorro!), você terá menos euros disponíveis. Trocar agora? Não sei... 

De qualquer forma, a mensagem é: desapegue-se dos reais e faça as contas em euros.

Obrigado pelas dicas! Eu tenho 21 anos, e estou um pouquinho receoso de fazer sozinho.. talvez ficar em um desses party hostels que você disse, pode ser uma boa para mim, pois, quero curtir a noite da cidade também! 

Acho muito legal essa interação com pessoas de outros países e línguas, e é algo que quero desfruta também! Não quero ficar recluso e somente conhecer a cidade... o ponto é que os hostels tem alguns pontos negativos, como o banheiro compartilhado, as vezes existem alguns colegas de quarto com péssimos hábitos, essas coisas!

Com relação a conta, estou fazendo em reais pois não sei os valores dos Hostels por exemplo, em Euro, no site só mostra em reais, assim como as passagens! Mas o ideal é fazer em euros mesmo (pois não mudará o valor lá no pais) mas como disse, estou adaptando a viagem ao  necessário, e estou aberto a qualquer tipo de dica!

PS: Acho que o correto mesmo é separar o que gastarei aqui antes da viagem em reais, e o que sobra, contabilizar já como euro, correto?

Muito obrigado!  

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, DenaBR disse:

1 - É que por exemplo ouvi que lá as tomadas são diferentes, então seria preciso levar um adaptador. Não sei se lá não vende algo que venda aqui, e que eu precise, essas coisas... 

2 - Pretendo pegar um pacote de no máximo 1.5GB. É um dos gastos previstos que já fixei em minha tabela. 

3 - Mas isso depende de Hostel, certo? Em alguns, vi que teriam até secador de cabelo. 

8 - E essas viagens entre os municipios de Madrid, costumam custar quanto? Um que eu gostaria de conhecer, é Segóvia. 

9 - Algo mais material que isso? 

11 - O principal ponto! Você nas vezes que foi, ficou em Hostel com quartos compartilhados??? Então me aconselharia ficar desta forma também para ter uma maior interação com o pessoal e quem sabe conseguir algum amigo de viagem? Qual o aspecto mais legal desses Hostels com quarto compartilhado? E o pior?

 

Desde já obrigado! 

1 - Eu nem saio de casa sem um adaptador, então nem tinha lembrado disto.

Mas as tomadas da Espanha são parecidas com as do Brasil (dois pinos redondos), o problema é o terceiro pino, é bom você levar um adaptador sim.

enchufe-hembra.jpg

 

3 - Sempre falam que tem xampu e sabonete, mas quando você chega lá, de vez em quando está sem, e você tem que descer na recepção pedir para reabastecerem...  

Então eu sempre levo uma toalha pequena, um frasco pequeno de xampu e sabonete pequeno na bagagem. Na maioria das vezes acabo nem usando, mas volta e meia você precisa. 

Só lembre que o fraco do xampu tem que ser menor que 100 ml, se não você não embarca com ele no avião... Eu sempre coloco num fraquinho de xampu infantil...

8 - Custam entrem 10 e 20 Euros cada trecho

9 - Eu não sou muito ligado em compras, então sem vou muito atras deste tipo de informação.

Mas Europa não é Miami, as coisas são caras na Europa, muitas vezes mais caro que o Brasil, então tem pouca coisa que valha a pena trazer da Europa para o Brasil

11- Antigamente eu ficava em quarto compartilhado, mas agora já estou meio velho, chato e implicante demais para ficar em quarto compartilhado. kkkkkkk Já tem tanta gente me enchendo a paciência o dia inteiro no trabalho, que quando eu saio de férias geralmente quero paz e sossego... rss

Hoje se eu fico em hostel, escolho um que tenha quarto privativo, mas estes são mais complicados de achar e podem não ser lá muito baratos.

A vantagem clara dos hosteis é que o pessoal já se hospeda lá com objetivo de interagir e fazer amizades, e os hosteis geralmente já são mobiliados e estruturados para privilegiar a área comum (bar, café, sala de jogos, sala de estar, cozinha, etc), para forçar o pessoal a passar mais tempo nestas áreas e interagir mais.

E claro tem os pontos negativos dos quartos compartilhados, potencias colegas mal educados, meio relaxados com a higiene, que chegam bêbados de madrugada acordando todo mundo, emporcalhar o banheiro todo mas o banheiro geralmente é limpo várias vezes por dia, etc...

Se você não se sente confortável em um quarto compartilhado, tente ver se você encontra algum hostel que tenha quarto privativo e que caiba no seu orçamento.

Tem um conhecido meu que conheci num hostel em Munich a uns 8 ou 10 anos atrás, nos conhecemos tomando uma cerveja no bar do hostel e até hoje a gente troca umas ideias de vez em quando via face ou whats...

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
42 minutos atrás, DenaBR disse:

Com relação a conta, estou fazendo em reais pois não sei os valores dos Hostels por exemplo, em Euro, no site só mostra em reais, assim como as passagens! Mas o ideal é fazer em euros mesmo (pois não mudará o valor lá no pais) mas como disse, estou adaptando a viagem ao  necessário, e estou aberto a qualquer tipo de dica!

Não sei quais sites você está usando, mas os maiores sites (hostelworld.com, booking.com, etc) possuem sim uma opção onde você seleciona para mostrar os valores em Euros e não reais.

 

44 minutos atrás, DenaBR disse:

PS: Acho que o correto mesmo é separar o que gastarei aqui antes da viagem em reais, e o que sobra, contabilizar já como euro, correto?

Exato, esta é forma mais correta de fazer as coisas, que facilitara a sua vida.

Desta forma você só precisa somar o total em Euros e depois converter a soma final para reais usando a cotação do dia, e não converter várias valores individuais.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...