Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Arquivado

Este Post foi arquivado e está fechado para novas respostas.

chiconeto

[Arquivo] Dicas Chilenas

Posts Recomendados

quote:Originally posted by julio-ctba

 

Olá galera,

 

 

Como muitos outros estou chegando dewminha viagem da Argentina e Chile....foi demais....adorei tudo e quero agradecer as várias dicas que pesquei aqui no site....no chile estive emSantiago e pucon.... tenho que concordar com a mairoia Pucon é muito legal.....subir o Vilarrica é muito...mas muito legal..... sentir todo o poder da natureza na cratera daquele vulcão é demais.....

 

Gostaria de deixar uma dica quanto aos ônibus..... a Pulmam, empresa concorrente da Turbus.... é do mesmo nível e o preço da passagem é nada mais nada menos que cerca de 90%, isso mesmo 90%, mais barata.

 

Depois escreverei como calma o meu roteiro e os passeios que fiz por lá.....El Morado é muito bonito também.....uma abraço....valeu muito mesmo pelas dicas..... e me coloco a disposoção pra ajudar quem precise.....se estiver ao meu alcançe.


id="quote">
id="quote">

Compartilhar este post


Link para o post

Olá pessoal.

Já postei no "dicas argentinas" e também no "viagem de carro", pois estou colhendo informações para uma viagem que eu e mais 4 amigos estamos programando para fazer de carro, em fev/06. O roteiro é algo parecido com:

Santa Maria(RS) - Uruguaiana(RS) - Cordoba - Mendoza - Santiago - Valdivia(tem um primo de um de nós que mora lá, entao vamos passar duas noites) - Osorno - Bariloche - Buenos Aires - Montevideo - Santa Maria(RS) - 24 dias, aproximadamente.

O fato é que vamos com o dinheiro meio contado... já calculamos a gasolina, sairia uns 250 reais pra cada um, contando uns trajetos dentro das cidades. Parada em albergues(e campings, sempre que possível, para economia),tb estamos pesquisando. O fato é o seguinte: Alguns de nós conseguem até uns 1400, mas outros estao pedalando pra chegar a 1000. Pelos cálculos, comendo mal, tendo sorte com gasolina, até é possivel fazer com 1000. Queria umas ajudas do pessoal que ja fez viagens semelhantes em relação a campings(q nao está no orçamento, fizemos tudo com albergues), alimentação(quao barata pode ser no chile - na argentina ja descobrimos q pode ser bem barata), gastos extra... calculamos q talvez consigamos sobreviver(com dificuldade, hehe) com 20 reais num dia(tirando o pernoite, logico)... Queria q me dessem uma ajuda, se estamos sendo otimistas demais, se isso é possivel, etc. Ainda temos mto o q adequar, mas essas dicas sao, sem duvida, DETERMINANTES. Um abração, parabéns pelo fórum, ja descobri mto por aqui, agora é a minha vez de postar!

Compartilhar este post


Link para o post

Tudo bom, bermendes?

 

Em fevereiro último eu e mais dois amigos fizemos viagem de carro parecida com a do seu esboço. Partimos de Santa Cruz do Sul, passsando por Cordoba, Mendoza, Vina del Mar, Santiago, Pucon, Temuco (para reparar o carro), Bariloche (via BsAs) e Sta. Cruz novamente. 15 dias na estrada. Paramos sempre em hostels, que, por sinal, são muito baratos na Argentina ( nem tanto no Chile, especialmente em Pucon e Viña). Viajamos sem luxo, porem não economizamos na alimentação.

Contabilizando, gastamos em média 40 dolares/dia, cada um.

Más, se nós tivessemos ido entre 5 pessoas, como no seu caso, a média de gasto certamente seria menor. Mesmo assim, fazendo um aperto, a gente poderia ter gasto menos.

Importante: Contabilize tbém uma verba extra para possíveis imprevistos. Pode crer, eles vão acontecer...

Compartilhar este post


Link para o post

Valeu BOLEIOS, esse valor de 40 dolares/dia pode assustar um pouco, mas o fato de vc nao ter economizado em alimentação e estar em 3 pessoas é animador... hj fizemos uma reuniao e estamos começando a aprofundar as pesquisas. Vamos ver se conseguimos fazer isso com menos... aos poucos vou compilando mais informações =)

O q vc puder me ajudar, em relaçao a preços, hostels q vc parou, passeios q fez... seria de grande ajuda!

Abraço!

Compartilhar este post


Link para o post

Oi, pessoal, antes de tudo, este site é fantástico, com informações pra lá de adequadas. Peço ajuda, estou indo para Santiago no dia 16 de julho (só agora consegui marcar pelo Smiles) e fico até dia 22 e gostaria de saber onde é melhor para se hospedar (bairro?, perto do centro? coisas assim) e opções de hotéis ou pousadas. Tenciono ir às estações de esqui ali por perto de Santiago (Valle Nevado, Fanellones), pois temos q ver neve de qualquer jeito. Qual o melhor meio de chegar lá, pelo critério de preço? Alguém pode me ajudar? Grato de antemão!

Compartilhar este post


Link para o post

Bermendes.

 

Para ver preços de hospedagens boas e baratas, acesse:

 

www.hihostels.com

 

Para fazer a carteira de alberguista, que gera desconto nas hospedagens:

 

www.albergues.com.br

 

Experiência:

 

Em Cordoba nos hospedamos no Cordoba Hostel. Bem localizado, boa higiene, a diária saiu uns 10 pesos/cabeça;

 

Em Mendoza fomos ao Campo Base II. Muito bem localizado, quase na praça principal da cidade, boas instalações, muito agito ( gente de todo o mundo) ao custo de 12 pesos/pessoa;

 

Em Santiago usamos o CheLagarto. Muito bom albergue, excelentes instalações, a duas quadras do La Moneda, por 10 dolares/cabeça.

 

Em tempo: Mesmo os albergues mais baratos dão de dez a zero na casa do estudante da UFSM !

 

Até mais.

 

BOLEIOS

Compartilhar este post


Link para o post

Boleios, obrigado pelas dicas... vou aproveitar e perguntar mais:

As carteiras de albergue/carteira de estudante - trazem bons descontos? em hostels e passeios tb?

Em relação a alimentação, vc disse q nao economizou, mas, economizando, se consegue comer barato?

e passeios, gastou mto com isso? o q vc puder me dizer da sua experiencia é extremamente bem-vindo, e se alguem souber me dizer algo sobre os campings na regiao dos lagos, seria mto importante para nós.

 

O q todos puderem ajudar em custos baixos é ótimo, tanto chile qto argentina. Se alguém aí comprou comida em mercados, tb é legal uma ajuda. Um abraço, certamente minha viagem nao sairia sem esse site!

Compartilhar este post


Link para o post

Boleios,

por favor, nunca me hospedei em albergues e vc mencionou este lá em Santiago. Só alguns questionamentos:

1) è seguro o lugar?

2) como fazer para por as coisas pessoais em lugar seguro, mala, mochila, etc? existe algum lugar específico para isso quando se vai fazer um passeio por exemplo?

3} o café da manhã é bom?

 

Podem parecer perguntas bobas, mas tenho realmente essas preocupações.

Grato

Luiz

Compartilhar este post


Link para o post

guliver, um albergue legal tb em Santiago é o Hostelling Internacional, fica no bairro Brazil bem próximo da Alameda, Palácio de la Moneda e metrô. No caso do HI, há lockers dentro dos quartos, ou seja, vc coloca suas coisas dentro de um armário e tranca com cadeado. O cafá da manhã lá é bom e farto, apesar de caro.

Compartilhar este post


Link para o post

Bermendes:

 

A carteira de alberguista, pelo menos aos locais que visitamos na Argentina, somente davam descontos nas estadias. No Chile nós ñ a utlizamos, pois não fomos a locais conveniados ( caso do Hostel Che Lagarto, em Santiago).

 

Qto. aos passeios, em Mendoza visitamos quatro Bodegas e uma fábrica de azeite de oliva , numa van de turismo, ao custo de AR 20 (Excelente passeio). Em Pucon, fizemos o rafting no Trancura Alto ao custo de U$ 30 (passeio dispensável) e escalada do Villarica por U$ 60 (imperdível!!!!) pela empresa Politur.

È válido lebrar que todos os Hostels têm uma gama de ofertas de passeios em suas localidades, com valores que se encaixam no orçamento de seus hóspedes, dispensando, assim, maiores descontos.

 

A respeito de alimentação, no Chile é complicado fazer economia nesse item. Um almoço, por mais humilde que seja o local, não sai por menos de PCH 3000. Lá não existe a fantástica alternativa do buffet por kg. Todos os restaurantes, pelo menos nos que eu vi ou frequentei, o sistema utilizado é o "a la carte". Nos fast foods, um combo (hamburguer, fritas e refri) custa em torno de PCH 2000. Já nos supermercados, tudo, com poucas excessões, tem o preço muito parecido com os nossos. Então, para evitar de comer lanche a viagem toda, é melhor fechar os olhos para os preços. Pelo menos no Chile.

 

Guliver:

 

Em minha opinião, o Che Lagarto é excelente na relação custo/beneficio. A localização é ótima, bem central e fica em frente a um grande terminal de ônibus " intermunicipal". Achei o local seguro, porém os quartos ñ dispõem de armários c/ tranca. Não me lembro se o hostel oferece desayuno, pois no único dia em que estivemos lá fizemos o check out ás 5 da manhã.

 

Um abraço a todos.

 

Boleios

Compartilhar este post


Link para o post
Visitante
Este post está impedido de receber novas mensagens


×
×
  • Criar Novo...