Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

anselmoportes

Mochilão pela Europa: Turquia, Balcãs e Europa Central. 3º Relato: BUCARESTE

Posts Recomendados

Entre Setembro e Outubro de 2018 viajei para a Turquia, Balcãs e Europa Central. Meu roteiro foi esse:

Goreme - Istambul - Bucareste - Sófia - Belgrado - Budapeste - Varsóvia - Cracóvia - Praga.

***DICA IMPORTANTE: Levei o meu celular e usei MUITO o Google Maps. Mesmo sem um chip local, eu consegui internet em quase todos os lugares usando redes wifi abertas. Além dos bares, cafes e restaurantes, muitos transportes públicos também oferecem esse serviço. Uma vez que vc acessa o Google Maps estando online, ele carrega o mapa da região. Depois, mesmo OFFLINE, é possível ver sua localização no mapa e achar os lugares que procura.

Farei o relato de toda viagem, mas em partes. Neste falarei de BUCARESTE.

LEGENDA

USD - Dólar Americano
EUR - Euro
BRL - Real Brasileiro
TRY - Lira Turca
RON - Leu Romeno


Depois de 5 dias na fantástica cidade de Istanbul, segui minha viagem até Bucareste na Romênia. Lá eu fiquei no esquema Couchsurfing então nesse relato não há nenhuma dica ou avaliação de hostel, hotel ou pousada.

 

9º dia de viagem: Istanbul -> Bucareste (Domingo, 16 de Setembro de 2018)

Acordei as 7h, tomei café, arrumei minhas malas e me despedi do Emre, meu anfitrião em Istanbul.

Fui até a Taksim Square e lá eu peguei o HAVABUS (14TRY) das 8h e por volta das 8h40 estava chegando ao aeroporto de ATATURK.

***Dica: o Havabus não sai EXATAMENTE da Taksim Square, mas de um ponto há umas 3 quadras de lá. Mas se vc perguntar em qualquer hotel ao redor da praça vão saber te indicar o ponto.

Meu avião decolou às 10h40 e 11h40 estava chegando e, Bucareste. Peguei minha mochila e fui consultar as casas de câmbio no aeroporto. Todas estavam com uma cotação muito ruim então saquei 300RON no caixa eletrônico (meu cartão é do Banco do Brasil e cobrou uma tava de 14RON).
O Vlad, meu anfitrião que iria me hospedar em Bucareste, já tinha me alertado sobre os táxis de lá. Disse para não pegar os táxis comuns e, ao invés disso, chamar um UBER.

Tentei acessar o wifi aberto do aeroporto mas não estava funcionando. Fui até uma cafeteria SEGAFREDO que tem no saguão principal e pedi a senha do wifi. A caixa, muito simpática, me passou a senha e consegui chamar um UBER.

A corrida me custou 36RON e no GPS do Uber marcava uma distância de 23km do aeroporto até o apto que eu iria ficar.

Cheguei por volta das 13h no apto do Vlad, mas ele não estava lá. Já havia me informado disso e que um amigo dele chamado Mihai iria me receber.

Deixei minhas coisas no apto e fui para o centro com o Mihai. Pegamos o bonde 21 até o centro. O percurso levou 30 min e chegando lá comprei um cartão para usar o bonde com 4 passagens por 10RON. Me despedi do Mihai e segui para o centro.

Fui até a CIDADE VELHA, que é cheia de pubs, bares e restaurantes. Decidi almoçar num restaurante chamado EXCLUSIVE. Comi um hambúrguer de gorgonzola acompanhado de batatas wedges e tomei 2 chopps da casa por 65RON.

Passei pela IGREJA DE SÃO DEMÉTRIO e depois no MUSEU NACIONAL DE HISTÓRIA, que tinha uma exposição bem legal sobre a Romênia na II Guerra Mundial. Caminhei até o ATHENEUM onde fui pegar o COMMUNISM vs MONARCHY FREE WALKING TOUR. Nossa guia se chamava DANIELA e além do inglês impecável, ela também falava muito bem português.

O tour passa por vários monumentos e prédios históricos, entre eles o MINISTRY OF INTERNAL AFFAIRS. A monarquia na Romênia começou quando o país ficou independente do Império Otomano. Tiveram apenas 4 reis quando NICOLAE CEAUSESCU assumiu o poder e começou a era Comunista. Com o final dessa era em 1989, Ceausescu e sua mulher foram fuzilados! O tour terminou numa praça próxima ao gigantesco parlamento romeno.

Cheguei em casa por volta das 21h30. O Vlad e sua namorada foram chegar só às 23h30. Ficamos conversando e bebendo cerveja até as 1h30 quando fui dormir.

Distância percorrida no dia: 22km 🚶‍♂️

2128057093_003(4).thumb.JPG.bb4baf0464fde5ddcaf391e71e0ba0d7.JPG
MINISTRY OF INTERNAL AFFAIRS


10º dia de viagem: Bucareste (Segunda, 17 de Setembro de 2018)

Acordei as 8h50 e como não tinha comprado nada para o café da manhã, fui comer na rua. Passei no supermercado MEGA IMAGE e comprei 3 salgados, um achocolatado Mars e 1 água (16RON). Tomei um cappucino de máquina que tinha no supermercado (2RON). Terminei meu café da manhã e segui para o centro.

Chegando na Cidade Velha peguei o free tour OLD TOWN LEGENDS & STORIES. Passamos por vários pontos na cidade velha: A IGREJA E MONASTÉRIO DE STAVROPOLEOS, PASSAGEM VILLAROSSE (ou “Valley of the Kings, como é conhecida), estátua LUPA CAPITOLINA. A guia explicou que a Romenia é a união de 3 regiões: Transylvania, Moldavia e Wallachia e que Vlad The Impaler, também conhecido como Drácula, era na verdade de Wallachia e não da Transylvania como o lenda conta.

A guia também nos contou que quando Bucareste tinha 150.000 habitantes chegou a ter 300 igrejas. O tour terminou 12h30 e fui com o Iris (brasileiro que também fazia o tour) fomos no restaurante CARUCU BERE. Como tinha batido um café da manhã reforçado, resolvi apenas beber 2 cervejas (22RON).

***Nota: O CARUCU BERE é tradicional restaurante romeno no coração da cidade velha. O ambiente é agradável e a cerveja estava ótima (não posso falar da comida pq não comi nada). Mas o atendimento é MUITO LENTO. A minha 2ª cerveja levou 30 minutos pra chegar. Então, acho válido uma passada lá desde que vc não tenha pressa. 

Deixamos o restaurante às 14h30 e fomos até o MUSEUM OF SENSES. No site do museu havia apenas o endereço, sem nenhuma referência. Olhei no google maps e vi a estação de metro mais próxima de lá. Pegamos o metro em Piata Romana e fomos até a estação Politehnica. Depois de caminhar pela área fomos ficar sabendo que o museu fica dentro de um Shopping. A entrada custa 35RON e o Iris decidiu ir embora. 

O Museum of Senses, como o nome diz, explora nossos sentidos. Há várias ilusões de ótica bem legais e o staff do museu foi muito simpático e solícito. O espaço não é grande e dá pra ver tudo com calma em menos de 1 hora.

Deixei o museu e fui até o CISMIGIU PARK. O parque é interessante e tem um lago com patos e outros pássaros. Muitas pessoas passeiam com seus cachorros e correm por ele.

Por volta das 19h30 voltei pra casa. No caminho de volta passei no supermercado e comprei cerveja e salgadinhos (46RON). Jantamos um delicioso suflê preparado pela Alex. Depois do jantar lavei a louça e ficamos bebendo e conversando até 1h, quando fui dormir.

Distância percorrida no dia: 24km🚶‍♂️

568022434_003(7).thumb.JPG.1b860c05b10f3a407a5ffd4db011193c.JPG
MUSEUM OF SENSES

631005577_003(8).thumb.JPG.2785b98c5aa6dcaccb090f5ee519c9cc.JPG
MUSEUM OF SENSES



11º dia de viagem: Bucareste -> Sofia (Terça, 18 de Setembro de 2018)

Acordei 8h50 e fui ao supermercado Mega Image tomar café. Comi 2 salgados e tomei um café com leite de máquina (6RON). Peguei o tram 21 por volta das 10h estava chegando ao centro. Caminhei por uns 30 minutos até o PARLAMENTO ROMENO. Existem 2 tipos de tours para conhecer o parlamento: o STANDARD (40RON) e o STANDARD+UNDERGROUND (45RON). O próximo tour Stantard em inglês era às 12h e o Standard+Underground só as 14h15. Decidi pegar o primeiro.

O tour começou as 12h em ponto e para entrar no prédio passamos por uma segurança igual de aeroporto com detectores de metal e raio-x para as mochilas.

O Parlamento Romeno é o 2º maior prédio do mundo, ficando atrás somente do Pentágono nos EUA. Ele tem 1.100 salas e custou USD 3 BILHÕES para ser construído. Como ele foi feito em uma área que era residencial, cerca de 40.000 pessoas tiveram que se mudar e suas casas foram demolidas. 

Passamos pelo salão de apresentação que parecia uma ópera, pelo escritório do Ceausescu, escadarias e uma gigante sacada que dá vista a uma avenida que seria uma réplica da Champs Elyseés de Paris. O custo de manutenção do parlamento é de EUR 5 MILHÕES por ano. O tour levou uns 40 minutos e vimos apenas 4% de todo o prédio. Super recomendada a visita a esse gigantesco prédio! Sugiro tentar fazer a reserva do tour antecipadamente nesse site: http://cic.cdep.ro/en/visiting/visiting-routes

Deixei o parlamento por volta das 13h e fui até a MANSÃO CEAUSESCU.  Peguei o metro na estação de IZVOR e desci na AVIATORILOR. Caminhei por uns 10 minutos até chegar na Mansão. Peguei o tour em inglês das 14h (50RON).

A mansão que serviu de residência para Nicolae Ceausescu, sua esposa e 3 filhos é muito ornamentada. Cada filho e até a Elena (esposa) tinha seu próprio quarto. Há também uma adega de vinhos, cinema, jardim de inverno, spa, jardim de verão e uma piscina de 20 metros. Apesar de ser um pouco caro eu acho que vale uma visita.

Deixei a mansão e peguei o metrô até a estação PIATA ROMANA. Caminhei por uns 15 minutos até o MUSEU NACIONAL DE ARTE DA ROMÊNIA. A entrada custa 15RON e ele tem 3 andares e 2 alas. Havia pinturas de artistas romenos e de outros países também, desenhos, móveis antigos, tapeçaria, louças, porcelanas, esculturas, etc. Deixei o museu as 17h30 e voltei pra casa.

No caminho passei no supermercado e comprei umas cervejas. Eu, Vlad e Alex ficamos bebendo as cervejas até às 20h quando a Alex preparou pra gente uma deliciosa sopa de iogurte. Por volta das 22h o Vlad me levou até a estação rodoviária onde peguei o ônibus (Flix Bus - USD12,70) para Sofia, Bulgária.

Distância percorrida no dia: 20km🚶‍♂️

1222573418_003(12).thumb.JPG.4d8cfeecb211b78909eef3628afa43a5.JPG
PARLAMENTO ROMENO

003_(13).thumb.jpg.b3bca6c26f06c0f2eb57e576b203477d.jpg
PARLAMENTO ROMENO

245733325_003(16).thumb.JPG.634cc6dc484d3f14c538643715298fbc.JPG
MANSÃO CEAUSESCU

 

FIM DE BUCARESTE.

Próximo relato: Sofia

003 (6).JPG

colourful_umbrellas.jpg

Dâmbovița River.jpg

  • Gostei! 1
  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Curiosidades :quando assassinaram o Ceaucescu eu era pequeno, porém me lembro que a rede Globo fez uma festa dizendo que ele era opressor do povo e por isso estavam em festa com o fim daquilo que chamavam tirania.Você esteve lá, é verdade ou apenas um mito do capitalismo tão defendido no Brasil?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@D FABIANO Olha, nenhuma pessoa que eu conheci lá tratava o Ceaucescu como "tirano". Eles o chamam de "megalomaníaco", pelo fato das suas obras faraônicas: o parlamento Romeno é o segundo maior prédio do mundo e a mansão que ele vivia era muito, mas muito suntuosa.

Na verdade ouvi dizer que o povo ficou chateado por conta da execução dele ter ocorrido bem no dia de Natal.

As pessoas que conversei não faziam nenhuma reclamação do regime comunista. Na verdade, elas até lembravam com certa nostalgia.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por marcostaira
      Olá, pessoal, tudo bem?
      Então, eu e minha namorada estamos organizando um mochilão para Europa em baixa temporada, por volta de fevereiro ou março, pensamos em um roteiro que seria Brasil para Roma, Roma para Berlim, depois Amsterdam, França e acabar com Inglaterra e de lá voltamos para o Brasil. Pretendemos passar cerca de 21 dias, passando de 3 a 5 dias em cada país. Primeiramente queremos saber se é de boa esse roteiro nesse tempo, e mais ou menos quanto iremos gastar. Gostaríamos de gastar cerca de 14 mil (Eu e ela). Além disso, queremos saber se pelo fato de ser no mês de fevereiro a março, o clima tornará nossa viagem inviável ou algo do tipo. Também seria maravilhoso se vocês pudessem dar dicas em geral para a gente porque vai ser nossa primeira viagem internacional, e qual seria a melhor forma de nos locomovermos de um país a outro.
    • Por drika_nexa
      Eu e minha namorada estamos planejando nossa primeira viagem para Europa, 25 dias com as seguintes paradas.
      - 3 dias Londres
      - 2 dias Amsterdã
      - 3 dias Berlim
      - 5 dias Veneza, Verona e Toscana
      - 5 dias Barcelona
      - 2 dias Madrid
      - 2 dias Lisboa
       
      Acham viável?
    • Por Jucinovaera Nve
      Ola´,
      sou novata por aqui. Dentro de alguns meses me aposentarei e pretendo me dar de presente o grande sonho da minha vida: fazer uma viagem à Europa.
      Foram muitos anos de trabalho e dedicação à família. Agora não tenho mais coragem de fazer um verdadeiro "mochilão" pois a saúde já não está 100%]
      mas energia e vontade há de sobra. Gostaria que me dessem sua opinião sobre a ideia de visitar capitais do Leste Europeu e ficar em hostels para economizar
      nas hospedagens ( porém com o conforto de ter uma cozinha a dispoisção ) e aproveitar passeios culturais.
      Agradeço o suporte recebido. 
    • Por Igor Nascimento
      Olá Pessoal.
      Acabo de voltar da minha primeira Eurotrip que foi incrível - Portugal, Espanha e França e já estou programando a próxima.
      Desta vez quero conhecer a Europa central. Poderia ir a partir de Janeiro porém pensando no clima e procura turística creio que 35 dias a partir de Maio é o ideal.
      Idealizo chegar pela Alemanha e focar mais na Polônia porém terei boas possibilidades de conhecer bastante lugares.
      Meu pré-roteiro seria o seguinte:
      Berlim - 3 dias 
      Poznan - 1 dia - Não necessariamente - poderia deslocar este dia para Berlim.
      Gdansk - 4 dias
      Torum - 1 dia - Não necessariamente - poderia deslocar este dia para Munique.
      Varsóvia - 3 dias
      Cracóvia - 5 dias
      Breslavia - 2 dias
      Praga - 4 dias
      Viena - 4 dias
      Budapeste - 5 dias
      Munique - 2 dias
      Será que vocês poderiam me ajudar a afinar este roteiro? As vezes acho que está bom, as vezes acho que daria para incluir  lugares ou trocar cidades, ainda bem que tenho bastante tempo para deixa-lo redondinho.
      Saudações mochileiros!
       
       
       
       
       
    • Por Mauricio Freitas
      Estou querendo ir passar um tempo em Londres(6 meses), mas não estou afim de ir sozinho. Se alguém tiver pretendendo ir, entre em contato comigo pra gente trocar uma idéia. Qualquer data eu topo, pois ainda não comprei passagem nem reservei hospedagem. Eu realmente só quero ir caso encontre alguém.
      Telefone: 55 64 9 8408-7122
      E-mail: [email protected]


×
×
  • Criar Novo...