Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Posts Recomendados

Fui para Santiago em Junho/18 (24/06/2018 a 29/06/2018) e acabei esquecendo de relatar por aqui. Mas nunca é tarde. Meu roteiro foi:

Dia 1. RJ/Santiago

Dia 2. Santiago - City Tour

Dia 3. Embalse El Yeso

Dia 4. Valle Nevado/Farellones

Dia 5. Valparaiso e Viña del Mar

Dia 6. Museus e Feira de Artesanato Santa Lucia - Voo Santiago/RJ

O cambio estava  1/148 Pesos na Augustinas.

Passagens: Uns R$800,00 pela Avianca, voo com atraso na ida. Refeição e Aeronave foi nota 10. Recomento a Avianca.

Tranfer Aeroporto/Hotel/Aeroporto: Fizemos pela Transfer Brasil. Recomento, confiável e barato. Claro que tem opções mais baratos tipo onibus, mas vale o conforto. Busca no hotel com hora marcada e aceita pagamento em reais. Show de bola.

Hospedagem: Apart Hotel Carlton House, Maximo Humbset 574 Centro U$ 26.00 pelo site Decolar. Hotel simples, café da manha simples, porém escolhi pelo preço e localização, já que só iríamos utilizar o hotel para durmir. Fica em frente ao Cerro de Santa Lucia e perto da Rua Augustinas, onde tem tudo.

Seguro-viagem: Pela própria decolar.com, e foi super barato, acho que uns 20 reais por pessoa.

Passeios: Agência Morande, fechados na Augustinas. Não conhecia a agência, acabei fechando lá na hora e não me arrependo. Super boa e o preço mais barato ou igual as outras agências, com diferencial que fizeram um desconto para fechar os 3 passeios e o atendimento fora do normal, ótimo. Os passeios foram: Embalse El Yeso: Para nós o melhor passeio, Valle Nevado/Farrelones: Bom para conhecer e brincar na neve. Val Paraíso e Vina Del Mar: Vale pela cultura e paisagens no caminho.

OBS. Não lembro os valores exatos, mas acredito que todos não passaram de uns 140.000 pesos.

OutrosFomos em cervejarias (pois sou viciado em cervejas artesanais) a tarde/noite e alguns restaurantes temáticos. Museu da ditadura foi muito bom, City Tour etc.

Comemos a Centolla no restaurante Ocean Pacific's. E comemos muito no restaurante La Piccola Italia.

Dia 1 - Peguei o Voo Noturno para RJ-Santiago, atrasou e resultado, cheguei depois de meia noite, uma friaca do Cão.

20180625_021640.thumb.jpg.1fe4255da81d873ac5e76e0f3e65e416.jpg

Dia 2 - City Tour e Restaurantes.

20180625_222412.thumb.jpg.802a5f739cf1c3f16ea78571782fa058.jpg

 

20180626_000457.thumb.jpg.cdb9ce5f7a43959abaad031fa3e234ca.jpg

 

20180626_000601.thumb.jpg.0a72c9caa5ec84b2a7add3a134d2618e.jpg

20180625_213506.thumb.jpg.39be45a323010ef2d0d4794b62e83f33.jpg

20180625_222456.jpg20180626_000434.thumb.jpg.96f88b0ef15a73dc1a825ee8337c8cad.jpg

Dia 3 - Embalse El Yeso

20180626_123027.thumb.jpg.e100741811358ecdb6e3afeb32ac7ecc.jpg20180626_123454.thumb.jpg.023340d4e74e11b16445ccd77a1e58dc.jpg

20180626_123529.thumb.jpg.367a8824ab0bacf8a9d389d9bc64b1db.jpg

Dia 4. Valle Nevado/Farellones

20180627_103630.thumb.jpg.35c453dff00eb58d51d4b6b6ac878985.jpg20180627_101649.thumb.jpg.bc8e7d137b2c46536f7662f05a7ed7c2.jpg20180627_121732.thumb.jpg.a3d2451dd44ce69079d9ea9e213a4253.jpgIMG-20180627-WA0021.thumb.jpeg.39b2e92cf3efce444e39670eb7a3c8e0.jpeg

Dia 5. Valparaiso e Viña del Mar

20180628_144748.thumb.jpg.4aa7f47c6021e30037824de160f0ac46.jpg20180628_122725.thumb.jpg.6baf87b1dbd5f0e35d6de7fabd4d35b8.jpg20180628_121242.thumb.jpg.db927741b02ae316da818bbc50696a4b.jpg20180628_112504.thumb.jpg.4c456736eb590fff85d6ae49af725a4a.jpg20180628_105958.thumb.jpg.c0e810419e1e8a94674edb1a69ebb214.jpg

Dia 6. Cerro San Cristobal e Cerro de Santa Lucia, e restaurante Los Vikingos (foto de carne de cervo)

20180627_181143.thumb.jpg.e6b4ee049b64af96d0d9480447757dc3.jpg

 

20180629_094807.thumb.jpg.ca2cc9c9bca64ed5a8d115d65f06ce59.jpg

20180628_205936.thumb.jpg.7f1612765a487bd2fc96e36bcaea1802.jpg20180628_211132.thumb.jpg.a034521db0dff49a00b86ecf2682acad.jpg20180628_211717.thumb.jpg.4d7d81db3be6cf40d7e44a105666dc2f.jpg20180628_220045.thumb.jpg.88a26ccddf6648a3c105bb482692b4b5.jpg

20180628_210647.jpg

Cevejaria Kross e Kustman

20180629_170301.thumb.jpg.413d73eea8bed3dbb7d137379c343f16.jpg20180629_170926.thumb.jpg.08e06665cfd507e29108bf42dfea4319.jpg20180629_182727.thumb.jpg.7ffaf697da44386c4f7fd1d94d230fbb.jpg20180629_184500.thumb.jpg.3e0913270ae2e7f0485e7b4ed39ba163.jpg20180629_185631.thumb.jpg.23807cfade4c063bd644782ad74b54a6.jpg20180629_194114.thumb.jpg.450153c0d6ee732888adc2c9cc36e2e7.jpg

 

Em resumo, o passeio valeu muito a pena. Santiago é uma cidade fantástica, bem limpa e segura.

Observações

DINHEIRO - Voltaria fácil. Único detalhe,  como nosso real estava desvalorizado, as coisas ficam bem caras, principalmente comida na rua.

Saquei no santander de lá. Tem em tudo quanto é canto. Levei reais também. Melhor cambio, Calle Augustinas (tem que ficar procurando pq tem inumeras casas de cambio).

VINHOS - Vinho é muito barato no mercado, encontramos garrafas por 600 pesos (aprox 4 reais). Mais barato que água. Como não gosto muito, comprei apenas alguns pra trazer. As vinículas não sei dizer se é bacana. Tenho amigos que foram e adoraram, mas como não sou fã nem fui.

CERVEJA - Como prefiro cerveja, tomei todas que consegui. Não vou falar que é ruim porque não existe cerveja ruim, mais não são como as artesanais do Brasil que tem um padrão superior, é diferente.

ÁGUA - As águas de lá tem gosto. Foi difícil encontrar uma marca que não tinha, mas encontramos. O jeito é pesquisar ou ir na tentativa e erro. Não tive coragem de ficar tomando da torneira (os chilenos fazem isso), o gosto é bem ruim.

LOCOMOCAO - Só fiquem atentos ao utilizar uber lá. É bem mais seguro e barato que táxi, porém tem que ter cuidado pois os taxistas não aprovam e tivemos um pequeno problema ao pegar em uma avenida movimentada. Jogaram pedra no carro e quebrou o vidro de tras (o app uber me extornou a corrrida e me deu suporte - show). Eles percebem que vc entra pelo banco de trás e sabem que é aplicativo, entao, se possivel andem pelo carona no banco da frente, e ainda pegue em ruas menos movimentadas, longe de taxistas. Taxistas são "espertos" (troco errado, dao voltas, dinheiro falso) então como fiquei sabendo disso nem utilizei. Porém metro e onibus lá funciona bem, se for pra economizar é otimo.

PASSEIOS - Todos os passeios saem bem de manha, mas bem de manha mesmo, entao nao da tempo para tomar cafe no hotel. Comprem algumas coisas para levar nos mercados e economizem.

IDIOMA - Os chilenos falam muito rápido, é dificil no começo Eles são um pouco frios (é cultura, eles não são mal educados, só são frios) tb, entao paciencia. Já com os estrangeiros é tranquilo entender. Como tem muitos venezuelanos lá imigrantes é de boa. Em hoteis, normalmente são venezuelanos.

CENTOLLA - Prato típico. Carangueijo gigante. Não é nada de mais, vale para experimentar, mais pra quem nao gosta de frutos do mar não recomendo. Até porque é bem caro (aprox 200 reais por pessoa em media)

OBRIGADO A TODOS DA COMUNIDADE MOCHILEIROS QUE AJUDARAM.

SE PRECISAREM DE ALGUMA COISA, É SO ENTRAR EM CONTATO. ABÇS

  • Gostei! 3
  • Vou acompanhar! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em 09/12/2018 em 02:03, D FABIANO disse:

Que pena veio no frio!

Se estivesse conhecido no verão tinha achado muito melhor. 

Espero voltar no verão também.rs.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por VoandoAltoFH
      Pessoal,
      Vou fazer um relato detalhado do Mochilão que fiz no comecinho deste ano, mas que lembrei só agora de postar aqui neste site.
      O legal de tudo isso é que registrei em videos, então estará bem fácil entender o passo a passo da viagem.
      Foram no total 32 dias de viagem e gastei R$ 13.560,00 para 2 pessoas, incluindo TUDO (hospedagem, comida, passagem aérea, passagem de ônibus, seguro viagem, passeios, transporte, taxi, mercado, etc)!!! Considerando que a cotação do dólar na época beiravam os R$ 3,85 posso dizer que em moeda americana saiu por US$ 3.522,00.
      Ressalto que se dividir o valor por pessoa, acabou saindo então por R$ 6.780,00 ou US$ 1.761,00 por pessoa aproximadamente. 
      Então, acredito que saiu bem barato e aproveitei muito a viagem.
      Todos os episódios estão registrados no meu canal do Youtube, mas postarei um pouco mais detalhado aqui, já que o conteúdo é escrito.
      Mas quem tiver curiosidades, poderá assistir por lá.
       
      Canal Voando Alto
       
      Abs!
    • Por VoandoAltoFH
      Assista em Video no Youtube - Atacama
       
      Vou comentar sobre a minha viagem em San Pedro de Atacama e seus perrengues.
      Pra ser direto ao ponto, tive prejuízo nessa viagem porque não consegui aproveitar quase nada, tampouco realizar os passeios, já que choveu em todos os dias que estive na cidade.
      O mais importante de tudo, evite vir no verão, entre os meses de Dezembro à Março, pois são épocas de chuvas, mais conhecido como "Inverno Altiplânico". Por mais que o local seja deserto, no verão ele chove muito, a ponto de alagar toda a cidade.
      Consequentemente as estradas e as pontes ficam destruídas ou alagadas, os parques e os passeios ficam fechados. No pior dos casos você não consegue nem sair da cidade, porque todos os acessos estão fechados e os ônibus não chegam ao local.
      Isso eu digo também para as pessoas que irão fazer o trajeto do Chile até o Peru, ou vice-versa, entre as cidade de Arica e Tacna, já que as chuvas afetam também essa região, então as estradas ficam fechadas. Isso farei um outro video mais detalhado.
      Ademais algumas agências de turismo acabam cobrando o dobro do preço, pois alguns de seus veículos são movidos com tração nas 4 rodas. Nesse quesito eu recomendo para que não alimente esse tipo de empresa aproveitadora.
      Então a pior coisa é você visitar nesse período que comentei, você pode acabar jogando o tempo e o dinheiro no lixo. Por conta das chuvas, ocorrem vários blecautes, com isso você ficam sem eletricidade e internet.
      Os restaurantes na cidade são caríssimos, então se estiver num hostel com cozinha, aproveite ao máximo para ir ao mercado e preparar a sua própria comida para poder economizar.
      O período mínimo de estadia na cidade seriam de 5 dias, para realizar com aperto os passeios oferecidos. Lembrando que 1 dia você vai gastar para se acostumar com a altitude, também para pesquisar e fechar os passeios com as agências de turismo. 
      Caso queira um prazo um pouco mais folgado e tranquilo, recomendo 7 dias ou 1 semana. Se for incluir o passeio ao Salar de Uyuni (Bolivia), terá que acrescentar de 3 a 4 dias a mais na viagem.
      Se o clima não estiver muito legal, ao invés de fechar o pacote todo, feche de 2 em 2 passeios e assim conseguir algum desconto. Terá menos dor de cabeça na hora de ser reembolsado.
      Tenha em mente que irá gastar só nos passeios em torno de 120.000 a 200.000 pesos chilenos, que dá em torno de R$ 700,00 a R$ 1.200,00 por pessoa. Estou falando de tours (passeios) principais.
      Ao incluir o Salar de Uyuni, os valores superam os R$ 2.000,00.

      * Dicas
      1. Evite vir para San Pedro de Atacama no verão entre os meses de Dezembro à Março, por conta das chuvas que impossibilitam os passeios. Prefira o Outono ou Primavera.
      2. Já efetue o câmbio de moedas, se possível em Santiago, pois as cotações em San Pedro de Atacama é bem desfavorável.
      3. Quando for negociar os passeios, negocie ou pague em pesos chilenos, pois em dólares acaba meio que perdendo um pouco na conversão dos valores.
      4. Sempre pense em alternativas como por exemplo ir para Bolivia e visitar o Salar de Uyuni. Os veículos que realizam esse passeio são 4x4 (tração nas quatro rodas).
      5. Antes de vir para a cidade, veja a previsão do tempo para os próximos 5 a 10 dias.
      6. Reserve no mínimo 1 a 2 dias de hospedam, não o período todo, para o caso de ter que alterar os planos tipo sair da cidade ou mudar de hostel.
      7. Evite fechar todos os passeios e pagá-los antecipadamente, pois dependendo das condições climáticas, terá dor de cabeça para ser reembolsado. 
      8. Escolha hostel que esteja mais próximo ao centro da cidade, ou seja, da Praza San Pedro de Atacama ou dos Caracoles.
      9. Tenha roupas para o frio e calor. Há uma grande variação de temperaturas, inclusive valores negativos.

      * Média de preço dos passeios (em peso chileno): Nome do Passeio / Horas / Valor do Passeios / Valor da entrada / Total.
      Valle de la Luna (meio período): 15.000 / 3.000 = Total: 18.000 pesos
      Termas Puritama (meio período): 15.000 / 15.000 = Total: 30.000 pesos
      Geysers del Tatio (meio período manhã, incluso café da manhã): 30.000 / 10.000 = Total: 40.000 pesos
      Laguna Cejar (meio período tarde): 18.000 / 17.000 = Total: 35.000 pesos
      Lagunas Altiplânicas (meio período manhã, incluso café da manhã): 28.000 / 5.500 = Total: 33.500 pesos
      Valle del Arcoiris (meio período manhã, incluso lanche): 25.000 / 3.000 = Total: 28.000 pesos
      Salar de Tara (integral, incluso café e almoço): 50.000 pesos
      Stargazing ou Tour astronômico (noite ou madrugada, alguns oferecem lanches): 20.000 pesos
      Mirador de Piedras Rojas (integral, incluso café e almoço): 50.000 / 5.500 = Total: 55.500 pesos
      Pukará de Quitor: 3.000 pesos
      * Bolivia
      Salar de Uyuni (3 dias, com hospedagem e alimentação): 130.000 pesos chilenos / 250 pesos boliviano (entrada)
      Salar de Uyuni (4 dias, com hospedagem e alimentação): 150.000 pesos chilenos / 250 pesos boliviano (entrada)

      Obs: Não tenho agência ou qualquer patrocínio, apenas peguei as cotações de 3 a 4 agências locais e inseri os valores para simples consulta.
    • Por VoandoAltoFH
      Assista em Video no Youtube - Cajon del Maipo
       
      Se estiver no inverno, recomendo visitar o Valle Nevado e aproveitar para esquiar nos resorts de ski. 
      Um outro passeio que recomendo, que é o tema deste video, seria o pacote para Cajón del Maipo, que inclua a visita ao próprio Cajón, as termas Valle de Colina, a represa, o Embalse El Yeso e no final ter um piquenique de vinho.
      Posso dizer que o valor do pacote está caro mesmo, mas valeu cada centavo. 
      Atualmente está custando em torno de 40.000 a 45.000 pesos chilenos. Em torno de US$ 60,00 ou R$ 230,00 por pessoa.
      Se estiver em 2 ou mais pessoas, sempre negocie um desconto, pois eles sempre dão. 
      Eles farão uma primeira parada na cidade San José del Maipo para que as pessoas possam tomar um café na manhã ou passar no banheiro. 
      Os lanches são muito mas muito caros. Eles estavam cobrando o combo com 1 empanada, 1 café e 1 garrafinha de água por apenas 5.000 pesos chilenos, que é em torno de R$ 30,00. 
      Eu tive que comer senão você ía passar mal dentro do carro, evite viajar de barriga vazia. 
      Recomendo que 1 dia antes, vá ao mercado, prepare o seu lanche ou um sanduiche, pra comer pela manhã e a tarde no almoço. Leve água, pelo menos 1 litro pra cada pessoa. 
      No mirante do Cajón del Maipo terá de 10 a 15 minutos para tirar fotos.
      Esqueci de comentar, o tour leva o dia inteiro, eles saem bem cedo, por volta das 06:00 da manhã e retornam às 19:00 da noite.
      Quase 99% das pessoas visitam este local, são brasileiros. 
      Além do turismo, a cidade tem como principal atividade economica, a mineração não metálica, exploração de minas de pedras. 
      Como é região montanhosa, recomento sempre vir bem agasalhado.
      Se tiver incluso a visita aos termas, será necessário levar roupa de banho e tolha.
      No caminho vocês verão algumas casas próximo às montanhas, que são refúgio para aqueles que visitam ou fazem trilhas na montanha, para que não morram congelados. Já que há uma grande variação de temperatura no local, chegando aos valores negativos.

      * Termas Valle da Colina
      Seria uma fonte de águas termais, com vários minerais que auxiliam na cura de algumas doenças de pele, bem como os 
      seus efeitos relaxantes. Ótimo para a pele, tanto é que vi algumas pessoas passando no rosto.
      As termas contam com 6 piscinas de vários tamanhos, variando a temperatura da água do morno para mais quentes, podendo chegar aos 50 graus Celsius na mais quente e alta do local.
      A infraestrutura do local é meio precária, os banheiros deixam a desejar e o chuveiro sai somente água fria. 
      O guia estará dando em torno de 1 hora a 1:30 para que possa desfrutar das termas, tempo mais do que suficiente para curtir o ambiente.
      Há também uma área para camping, conforme as imagens.

      * Embalse El Yeso
      Após o passeio nas termas, estamos indo à represa, o Embalse El Yeso. Ao lado o temos Rio Volcán.
      Ao lado vocês poderão verificar ao lado que tem uma montanha que praticamente se partiu ao meio, isso foi por conta de um dos grande terremotos que ocorreram no Chile. Principalmente o 
      terremoto de Las Melosas de 1958, que alcançou uma magnitude de 7 graus na escala Richter.
      Segundo o guia, o Chile é o número 2 no ranking de países com mais terremotos no mundo. Isso é assustador.
      Graças a Deus, durante a minha viagem, não senti nenhum tremor de terremoto.
      Chegamos agora na represa, Embalse El Yeso. Seria um reservatório de água doce, com capacidade de 250 milhões de metros cúbicos, com 8 km de extensão e 55 metros de profundidade, que abastece a cidade de Santiago e suas proximidades e essa obra foi concluído em 1964 .
      Geralmente as águas mudam de cor, neste caso está azul, em outras épocas ficam esverdeadas. 
      Se for no inverno, as montanhas ficam brancas, cobertos de neve. 
      Mas não é recomendado visitar durante o inverno, já que as estradas ficam escorregadias e bem perigosas. Além de não poder curtir bem os passeios, já que alguns trajetos o seu sapato vai 
      ficar todo encharcado.
      No geral é recomedado a visita durantes os meses de Outubro a Maio.

      * Piquenique
      Após isso, restará a última etapa do passeio que é o piquenique com vinho, geralmente ocorrerá em torno das 3 ou 4 horas da tarde.
      Este é o local para o piquenique com montanhas e em cima temos geleiras. É claro que por conta do aquecimento global, é praticamente que raro ver as geleiras no topo das montanhas, uma pena.
      Aí está o nosso guia preparando para o piquenique. Estará servido alguns salgados, frios, queijos com sucos e um bom vinho.

      * Itens para se levar no passeio
      - Agasalho, por conta da enorme variação de temperatura
      - 1 garrafa de água de 1 litro
      - Lanche ou sanduíche pro café da manhã e almoço
      - Biscoito pra matar a fome durante o trajeto
      - Roupa de banho
      - Toalha
      - Chinelo

      * Turismo "Miky" - Migguel 
      Celular/Whatsapp: +56 9 7257-2004
      E-Mail: [email protected]
      Instagram: migguel.azocar


×
×
  • Criar Novo...