Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
u2aninha

Pernambuco novembro 2018- 10 dias e 5 dias com carro alugado

Posts Recomendados

Eu e Ju compramos a passagem azul rio-recife-rio por 611,83 reais um mês antes da viagem que começou em 19 e terminou 30 de novembro.

 Dia 19

Peguei um uber de copacabana até o aeroporto. Para meu azar caiu uma super chuva e não deu para ir de ônibus para o galeão.

Chegamos bem tarde em Recife, pegamos um uber até a pousada casuarina, a única que reservamos com antecedência pelo booking. 

Dia 20

Café da amanhã bom, decidimos ficar mais uma noite na pousada que é cheia de gatos. Eu adoro gatos.

Pegamos um ônibus para Olinda mas tinha passeata e demorou muito. Perto da pousada tem um ponto de ônibus onde você pode pegar o 910 Rio Doce-Piedade que é circular e custa 4,40 reais.

Lá em Olinda demos mole e pagamos o jipe para turista 25 reais para cada, com a vantagem de poder pegar vários jipes no mesmo dia. Mas já era bem tarde, então se negociássemos um taxi ele faria o mesmo trajeto mais barato.

Almoçamos no restaurante jacaré, bem barato, mas não gostei da comida que é por quilo. O suco estava fantástico por 3 reais.

Decidimos não subir  no elevador, porque eu já tinha ido antes e Ju não se interessou.  SE não me engano é 5 reais, algo assim...

Pertinho do ponto de embarque, fomos comer o melhor bolo Souza leão, por 8 reais, feito por uma figura imperdível, o Fernandes Vieira, que te recebe como um amigo.  O bolo dele foi eleito várias vezes o melhor. O café fica no Espaço Cultural Osvaldo Sérgio, na rua são Francisco 26. Super recomendo.  Depois de horas conversando com Fernandes, seguimos para o Museu de São Francisco que tem muito azulejo português por 5 reais a entrada.

Não deu para ver o mercado Eufrásio Barbosa que fecha as 17h.  Em frente ao mercado pegamos o ônibus de volta, meio apertado por conta do horário. Era melhor um uber.

Voltamos para a pousada e depois seguimos para o camarada camarão a pé. Estava na black Friday e seguimos a sugestão do garçom. Moqueca + refri 55 reais para cada. A gente achou pelo nome do restaurante que a moqueca tinha camarão, mas não...tinha muita banana e pouco peixe.

Dia 21

Deixamos a pousada Casuarina de uber para pegar um carro alugado na Focus que fica perto do aeroporto. Tem  van que transporta os clientes até lá. 5 dias saiu 404 com taxas e lavagem incluída. Só não fixemos o seguro total de roubo porque inflacionava muito o valor.

Seguimos para o norte. Ilha de Itamaracá, no caminho reservamos a pousada nossa ilha, um gracinha na areia da praia e com piscina. Andamos até o forte onde tem um barquinho que te atravessa para a Ilha coroa do avião por 15 reais, incluiu a volta. Lá na ilha almoço e refri por 70 reais para 2 pessoas.   A ilha é bem bonita mas não recomendo ir no final de semana, deve ficar muvuca. O forte estava fechado para visitação. 

Voltamos para a pousada, final do dia na piscina e a noite tivemos que pegar o carro para comer, não tem nada perto. Comemos uma pizza muito ruim em frente a uma pracinha no bairro Pilar.

Dia 22

O café da manhã estava ótimo.

Fomos conhecer a praia do sossego na Ilha de Itamaracá. Tem um barquinho que faz a travessia por 2 reais, mas a sujeira do outro lado não nos animou. Achamos a Ilha de Itamaracá bem suja e a julgar pelas grades nas casas não deve ser um lugar seguro.

Decidimos ficar em outra praia depois do Pilar, só para conhecer. Andamos um pouco, tibum e estrada para Porto de Galinhas, onde pagamos um pedágio por 7.30 reais.

Paramos para conhecer Cupe e Muro Alto. Amei essas praias. A maré já estava cheia então não deu para curtir muito. Em porto almoçamos por 27,95 com refri e ficamos na Pousada Maravilhas que é bem simples, mas tem um bom café. Essa pousada foi a que menos gostei mas saiu bem em conta. 

A noite comi tapioca com refri 13 reais.

Dia 23

Depois do café andamos para direita para escapar da muvuca. Porto tem muita gente. Conseguimos um guarda sol com 2 cadeiras e batata frita, pacote por 30 reais. A caipi custou 10 reais;

Depois da praia andamos no calçadão e  a noite saímos um pouquinho para olhar as lojinhas, tomar sorvete.

Dia 24

Seguimos estrada para Tamandaré, paramos em Serrambi, vimos o resort por fora..hehe e aproveitamos a praia que é bem bonita e sem quiosques.  Não tinha restaurante perto, então seguimos para conhecer Barra de Sinhaém que achamos suja e nem ficamos para o tal passeio de barco para a ilha.

Paramos no rei das coxinhas, uma coxinha  + refri 13 reais. Uma delícia. Final de tarde, resto de sol na praia de Tamandaré. No caminho reservamos a pousada Costa do Sol.

A noite o melhor jantar da viagem na Tapera do sabor 53 para cada com refri.

Dia 25

Depois do café saímos para pegar o passeio para Carneiros. Na prainha custava 60 por pessoa em um catamarã. Decidimos então ir em barco menor, para evitar muita gente. Férias de muvuca sabe?

Entramos no restaurante Beijupirá onde tinha o passeio de lancha mas ela já tinha saído e teríamos que esperar a volta. Então pegamos um barquinho só para nós com um senhor chamado Malalo. Foi maravilhoso porque vc pode ficar o tempo que decidir, claro que com bom sendo porque o passeio tem duração estimada. No beiupirá o estacionamento é grátis. O passeio foi 50 reais por pessoa. Parada na igrejinha,  banho de argila, banco de areia e retorna para as piscinas, que aliás vc não precisa de barco para ir e é o melhor do passeio. Para ir na famosa igrejinha vc também não precisa de barco, basta caminhar.

O restaurante mais perto das piscinas é o bora a bora mas lá é um fervo de gente, excursão e caro igual aos demais restaurantes. Se vc andar um pouquinho, pode comer um peixe no Beijupirá para 2 com jarra de suco...suco enfim!  Para 2 pessoas 124,30 reais com 10%. Podia ser mais bem servido!

AS 15:30 o sol já tinha ido, voltamos para a pousada, dormi um pouco e a noite seguimos para para o Degutti. Se vc for a Tamandaré sem carro, aconselho a ficar em uma pousada perto do Degutti, porque mais opção a noite para comer.

Escolhi o crepe santo Aleixo mas o  camarão que estava borrachudo e sem gosto. A Ju comeu algo com carne seca e parecia bom.  Tomei suco de tangerina. Ficou em torno de 40 reais e depois em uma lojinha experimentei o picolé da região Zeca´s 2 reais.

Dia 26

Retornamos para Recife, colocamos 100 reais de gasolina e depois 57 de álcool. Esquecemos que o carro era flex.

Na Focus pegamos um uber para o hotel aconchego, que reservamos na Focus mesmo. Almoçamos no shopping, mas escolhemos mal: Chinatown caro e ruim.

Pegamos um uber para o mercado são josé, onde comprei uma colcha linda por 25 reais para meu sofá. De lá seguimos para capela dourada que paga 8 reais para entrar. A Capela é mal sinalizada, fica dentro do museu de arte sacra, mas na rua não tem nenhum aviso.

Andamos até o marco zero e lá pegamos o barquinho até o parque das esculturas por 5 reais, incluindo a volta. O parque está mal conservado demais. Muitas esculturas foram arrancadas e abaixo da torre fede a urina. Uma pena.

No marco zero mesmo tomei um açaí com cupuaçu 9,50 reais. Entramos no Pernambuco artesanato, onde tem muita coisa linda. O barquinho funciona até as 18h e o artesanato até as 19h, exceto domingo que fecha as 14h.

Uber de volta para hotel e jantamos no hotel mesmo. Frango a parmegiana dos Deuses! O hotel era bom, o café maravilhoso,  mas o quarto que nos colocaram, 402, tinha um cheiro ruim, a pia entupia  e uma goteira no corredor Acho que foi azar, os outros quartos devem ser melhores. A piscina tava sempre limpa e batia sol pela manhã.

Dia 27

Pegamos um uber par a casa de cultura que na verdade é um mercadão com várias lojas! Almoçamos ali perto mas tava bem ruim. Depois fomos andando até o passo do frevo. Como era terça a entrada era gratuita. A torre malakoff tava fechada. Voltamos para hotel e a noite caminhamos até o restaurante papa capim. Comi um maravilhoso risoto de camarão com alho poró + caipi 40 reais mais 13 reais e 10%.

 Dia 28

 Praia pertinho do hotel depois do maravilhoso café da manhã. Almoço no shopping que fica perto também. Dessa vez no giraffa’s..sim giraffa’s que tem arroz agulhinha, porque em Recife só comemos arroz parborizado..erg! Entramos no mercado extrabo  para comprar bolo de rolo. Melhor local para vc comprar barato e levar para os amigos. A mesma marca vendida na casa de cultura custava 8 reais a menos no mercado.

A noite andamos até a feirinha da orla, onde tem muita coisa chinesa infelizmente. Depois andamos até o restaurante entre amigos. Peixe com alcaparras e arroz parborizado 92,90 para 2 pessoas.

Dia 29

Sol e praia com algas. Andamos um pouco até trecho mais limpo. Muito legal na praia é sentar na barraca com cadeiras e só pagar o que consumir e sem consumação mínima. Resolvemos almoçar no hotel, porque a comida é boa. Frango a parmegiana de novo, dessa vez com macarrão porque o arroz é parborizado + refri 36 reais.

Dormi depois do almoço porque dormir sem hora para acordar é férias! A noite fomos no Temix um restaurante japonês pertinho do hotel. Comi 4   rolinhos primavera 12 reais mas não estava bom. Molho gelado, assim como os vegetais dentro do rolinho. A casquinha era quente mas gordurosa.

De lá pegamos um uber para a casa de reboco, tradicional de forró. Chegamos as 22h e saímos as 2h porque botaram as cadeiras para cima. Banda de forro ao vivo sem parar. Bebida barata e o dono da casa Rinaldo Ferraz viu que a gente tava deslocada e veio conversar com a gente, mostrou a casa toda, contou suas vivências. Uma simpatia. Conhecemos outros turistas. A casa tem capacidade para 1300 pessoas. Não sei dizer da comida mas adorei tudo. O turista mostra a reserva do voo e paga só 5 reais para entrar.

Dia 30

Acordar cedo e voltar a realidade.

 

20181120_124211.jpg

20181121_130315.jpg

20181122_095852.jpg

20181123_110408.jpg

20181126_170243.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  



×