Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
alexandresfcpg

CINGAPURA, MALÁSIA E TAILÂNDIA + 2 STOPOVERS EM PEQUIM E FRANKFURT (OUT/NOV - 2018) - Histórias, fotos, gastos, vídeos... sem jet lag e com inglês ruim

Posts Recomendados


Salve galera, mais uma vez estou aqui para compartilhar com vocês uma nova experiência mochileira, dessa vez sai da zona de conforto e me aventurei pela Ásia, mais precisamente pelo Sudeste Asiático, a bola da vez foi Cingapura, Malásia e Tailândia e ainda dois stopovers em Pequim e Frankfurt, entre 16/10/18 e 24/11/18. Por conta das correrias da vida, só estou tendo tempo de escrever agora, mas antes tarde do que nunca. Inicialmente vou colocar algumas informações que julgo mais importante e ao longo do relato vou detalhando melhor.

[Editado]

Fiz também um pequeno vídeo resumindo um pouco do que foi a viagem. Abaixo dele, tem o link do Youtube caso dê algum problema no arquivo que postei (já me aconteceu uma vez).

 

 

https://www.youtube.com/watch?v=zPDmke9-ZGU&t=1s

 

ROTEIRO FINAL (o original foi alterado durante a viagem)

- Guarulhos - Frankfurt  - 11h30 de vôo (conexão de 3h10)
- Frankfurt - Pequim - 9h20 de vôo  (conexão de 3h40)
- Pequim - Cingapura - 6h25 de vôo

Cingapura - 4 dias
- Cingapura - Malaca (Malásia) - 5h de ônibus
Malaca  - 3 dias
- Malaca - Kuala Lumpur - 2h de ônibus
Kuala Lumpur - 5 dias
- Kuala Lumpur - Chiang Mai (Tailândia) - 2h45 de vôo
Chiang Mai (Tailândia) - 4 dias
- Chiang Mai - Pai - 3h de van
Pai - 3 dias
- Pai - Chiang Mai - 3h de van
Chiang Mai - 2 dias
- Chiang Mai - Sukhothai - 6h de ônibus 
Sukhothai - 2 dias
- Sukhothai - Bangkoc - 7h de ônibus
Bangkoc - 4 dias
- Bangkoc - Ao Nang - 14h de ônibus
Ao Nang - 4 dias
- Ao Nang - Phi Phi Island - 1h30 de ferry boat
Phi Phi Island - 2 dias
- Phi Phi Island - Phuket - 1h30 de ferry boat
- Phuket - Pequim (conexão de 20h10);
- Pequim - Frankfurt (conexão de 16h25);
- Frankfurt - Guarulhos.

 

PASSAGENS AÉREAS

Após muita pesquisa e uso de todas as ferramentas de busca possíveis (Skyscanner, Voopster, Melhores Destinos, Kayak, Kiwi) e até no site de companhias como Air China, Ethiopian, Emirates, entre outras; quase fechei a compra pelo site da Air China, o trecho GRU - Cingapura (com conexões em Frankfurt e Pequim) e Phuket - Guarulhos (as mesmas conexões na volta) estava 845 dólares, só que na hora de pagar não dava certo (pensa num site ruim e mal feito). Resolvi então comprar pelo Skyscanner, que me direcionou para a plataforma Zupper (nunca havia ouvido falar nela), fechei pro R$ 3546,63 (com taxas e tudo, e pra época estava barato, pois cheguei a ver na casa do quatro, cinco mil reais), o itinerário era o mesmo, na verdade até as companhias utilizadas eram as mesmas (GRU - FRA pela Lufthansa, FRA - PEQ pela Air China e PEQ - SIN pela Singapore; na volta PHU - PEQ e PEQ - FRA pela Air China e FRA - GRU pela Lufthansa) e com um detalhe: comprei no domingo, na segunda foi quando o dólar explodiu e achei que ia me ferrar porque apesar de aparecer em real o preço na verdade é em dólar e a minha fatura fecharia em duas semanas, mas não, mantiveram o valor e pronto. Aliás, recomendo muito o Zupper, tem boa avaliação no ReclameAqui (raridade no ramo de empresas aéreas ou de comprar de passagens) e foi muito bem, inclusive até me ligaram para comunicar uma mudança na emissão de um trecho que sairia mais tarde.

 

TRÂMITES BUROCRÁTICOS

Cingapura, Malásia, Tailândia e Alemanha não exigem visto de turismo para brasileiros, podendo ficar até 90 dias em cada um deles, apenas a China exige, mas para quem faz apenas conexão tem um esquema diferente, se você comprovar que está apenas de passagem e a China não é o seu destino final, você pode ficar até 144 horas (6 dias) por lá sem visto, eu explicarei mais adiante como funciona isso.
Para a Tailândia, é exigido o Certificado Internacional de Vacinas para Febre Amarela, e ele realmente é cobrado por lá, para os demais países não foi exigido nada além do passaporte válido.

 

SEGURO DE VIAGEM

Pela primeira vez decidi fazer um seguro de viagem, pois ouvi dizer que na Ásia atendimento médico é caro, aproveitei que teve uma feira de turismo em Santos e fechei um pacote com a Travel Ace, o plano para 39 dias cobrindo todo o meu roteiro e com cobertura de 40.000 dólares por evento saiu por 900 reais em 6x, saiu mais barato que a média de preços que vi. Graças a deus não posso opinar se a seguradora é boa ou não porque não precisei usar (foi o dinheiro mais bem “jogado de fora” da minha vida kkk)

 

HOSPEDAGENS

Cingapura - The InnCrowd Backpackers' Hostel (4 diárias): S$ 70,00
Um bom hostel, ótima localização, perto de duas estações de metrô (Little India e Jalan Besar) e de um terminal de onde partem ônibus para a Malásia; muitos restaurantes baratos e do famoso Tekka Center; comércio abundante e casas de câmbio. O hostel tem geladeira para guardar suas coisas, um bom café da manhã (ovo cozido, pão, geléia, manteiga, café, chá, você mesmo faz o seu, os itens ficam no balcão), tem aquecedor de água, vendem água e refrigerante na recepção, um área comum grande e os quartos são espaçosos, porém não tem locker para guardar as mochilas. Atendimento bom, o acesso a ele é por cartão. Possui ar condicionado mas só é ligado à noite.

Malaca - Victors Guest House (3 diárias): MYR 36,00
Ótima localização, fica em Chinatown e próximo de lugares baratos pra comer. Tem água gelada e quente, café disponível à vontade. Tem apenas ventiladores, mas são bem fortes; as camas são boas e tem lockers grandes para guardar a cargueira. O Wi-Fi é horrível e fiquei muitas vezes sem conexão. O acesso é por chave na porta de baixo (à noite fica trancado) e senha numérica na porta de cima. Dica: pegue a cama mais próxima da porta, fiquei na da janela e avenida em frente é muito movimentada, eu consigo dormir de boa, mas pra quem é sensível a barulho é zoado.

Kuala Lumpur - Submarine Guest House Central Market (5 diárias): MYR 60,00
Ótima localização, quase ao lado do Central Market, fica próximo à Chinatown, portanto muitas opções de comida boa e barata próximo; casas de câmbio, estação de metrô (Pasar Seni) e das linhas do GoKL. O Max, que é quem cuida de lá, é o melhor que encontrei até hoje: atencioso, educado, sempre disposto a ajudar. As camas são boas, possui ar condicionado, tem máquina de água quente. A única coisa estranha é o chão do andar que quando você anda parece que é de madeira, sei lá, faz um barulho estranho e se move; e as paredes são finas, você ouve tudo do quarto ao lado. Mas recomendo muito!

Chiang Mai - Chiangmai Shunlin Hostel (4 diárias): THB 520,00
Ótima localização; boa estrutura; tem ar condicionado (funciona a partir das 17h e desliga de manhã, mas não lembro que horas); embora no Booking informe que não tem café da manhã, mas eles colocam café, chá, bananas e bolachas para os hóspedes. Os donos, um casal com uma criança pequena, são extremamente simpáticos e o Peter sempre que você precisa de algo ele informa ou liga para algum número e arruma o que você precisa. As camas são confortáveis e tem cortinas nos beliches. Um dos melhores hostels que fiquei, tanto que quando voltei de Pai fiz questão de ficar nele.

Pai - Baan Aomsin Resort (3 diárias): THB 360,00
Bem localizado, fica numa estrada há uns 10 ou 15 minutos de caminhada do centro, parece uma chácara, é muito gostoso o lugar, tem redes, uma geladeira para guardar suas coisas, bastante verde, e como é lugar montanhoso faz até um frio gostoso de noite, tanto que nem usávamos o ar condicionado, só os ventiladores durante o dia. O dono é muito simpático assim como sua família, é sabendo que eu era brasileiro sempre falava de futebol, é fã do Zico. Tem café da manhã mas é pago a parte, porém recomendo muito, custa só 70 baths e vem com ovo (você escolhe mexido, frito ou omelete), salsicha de frango, duas bananas, pão (2 ou 3), geléia, manteiga, um potinho de salada e café ou chá a vonts, é bem gostoso e sustenta bem. Não possui locker nos quartos.

Chiang Mai - Chiangmai Shunlin Hostel (2 diárias): THB 260,00
Vide avaliação anterior.

Sukhothai - RuengsriSiri Guesthouse (2 diárias): THB 240,00
Fica exatamente na frente do terminal de ônibus da cidade, basta atravessar a rua. As camas tem uma cortina pequena, o meu quarto não tinha ar, só ventilador, mas de noite dava conta, não era tão quente. Tem um terraço, mesa de ping pong e alvo para jogar dardos, mesinhas do lado de fora e vendem bebidas, quando você se hospeda ganha uma garrafinha de água, mas depois só comprando, não tem onde encher. Os funcionários são simpáticos. O café da manhã é comprado, mas sinceramente não curti muito. Outra coisa ruim é que apesar de ficar na frente do terminal, fica longe da cidade e de tudo, tem uns pequenos restaurantes na rua mas que fecham cedo, se quiser jantar tem que ser antes das 19h, depois a única coisa na região é um 7-Eleven. Tem aluguel de bikes. Sinceramente, só recomendo pra quem vai ficar um ou dois dias pela comodidade de pegar o ônibus na porta. 

Bangkoc - Feel Like Home Dormitory & cafe (4 diárias): THB 480,00
Fica há uns 15 minutos andando da Kao San Road, não tem metrô próximo mas tem muitos ônibus que atendem à região e vão para muitos lugares. As camas são um pouco duras, tem ar condicionado, tem locker apenas para coisas pequenas, o café da manhã é razoável (café ou chá, um copo de suco de laranja, dois fatias de pão torrados, geléia, manteiga e uma banana) e é o funcionário que prepara pra você. Tem uam agência anexa ao hostel onde você pode fechar passeios e transportes para outros lugares. Os funcionários são simpáticos e tem uma geladeira onde vendem água e refrigerantes.

Ao Nang - Sleeper Hostel (4 diárias): THB 1040,40
Fica localizado na avenida principal, funcionários muito bons e simpáticos, quarto grande, camas boas e com cortinas, o ar condicionado é apenas suficiente (não gela tanto). Os lockers são naquele esquema que fica embaixo da cama. O café da manhã é pago mas não cheguei a consumir; o acesso é feito por cartão, se perder paga (relatarei o que houve comigo); e tem tudo próximo, inclusive a praia não é muito longe. Ah, se puder ficar no quarto de frente pra rua, a vista é espetacular (postarei a foto que tirei da varanda no momento que relatar sobre lá).

PHI PHI Island - Paradise Dorm Room (2 diárias): THB 378,00
Localização boa é relativo porque a ilha é pequena, mas esse hostel fica mais próximo do pier de onde sai o ferry que outros, fica atrás do famoso Reggae Bar. A recepção fica na calçada e assim que entra já é o quarto, são dois ao todo, e no final deles tem uma porta que dá acesso a um corredor com 4 banheiros, que, aliás, foram os melhores que encontrei durante a viagem: grandes, com bastante lugar pra por roupa, prateleiras e até espelho. As camas são confortáveis, não tem locker, o ar condicionado fica ligado direto e tem galão de água com opção de gelada ou quente. É extremamente simples mas bem ajeitado e limpo. A senhora que toma conta de lá é muçulmana, é bem calada mas muito boazinha. Recomendo!

 

SEGURANÇA

Posso dizer com propriedade que aquela região é bastante segura para viajar, inclusive para mulheres sozinhas. Claro que crimes de oportunidade (batedores de carteira, pequenos furtos) podem ocorrer em qualquer lugar, mas basta ficar atento com seus pertences que tudo dará certo. Não me senti ameaçado ou com medo em nenhum momento. Outra coisa para se ficar atento, sobretudo na Tailândia, são tentativas de golpes, eu não passei por nenhuma tentativa mas li muito a respeito, basta ficar esperto também.

 

TRANSPORTE

Em Cingapura, o metrô é muito bom, seguro, limpo, silencioso e eficiente e liga grande parte da cidade, você paga conforme a distância percorrida. Possui também sistema de ônibus mas não cheguei a usar, porém ouvi dizer que é bom também. O aeroporto é ligado pelo metrô.
Na Malásia, Malaca é pequena e dá pra fazer tudo a pé; já Kuala Lumpur é uma cidade enorme e tem um bom sistema de transporte público: KTM (trem), MRT (monorail), LRT (metrô), é um pouco confuso no começo mas dá pra entender logo. Tem também os ônibus e um serviço de ônibus gratuito chamado GoKL, são quatro linhas que fazem vários pontos da cidade, são ônibus novos com ar condicionado. O aeroporto de KL é muito longe, tem um trem expresso que vai pra lá mas custava 55 ringgits, tem um ônibus que vai pra lá por apenas 12 ringgits, leva uma hora.
Na Tailândia, em Chiang Mai tem as linhas de ônibus que servem bem à cidade, inclusive dá acesso ao aeroporto, e tem o famoso songthrew, um carrinho vermelho que faz as vezes de lotação, é bem barato também e vai pra todo lado, além dos tradicionais tuk-tuks; em Pai só andei a pé; em Sukhothai usei uma caminhonete velha que faz o transporte da nova para a Old City, tem a opção de alugar uma bike também; em Bangkoc tem o MRT (metrô), que atende uma parte da cidade, o Skytrain, além dos tuk-tuks, táxis e sistema de ônibus, que utilizei muito, pois onde fiquei hospedado não tinha metrô nem Skytrain próximo; em Ao Nang tem uma linha de ônibus que liga até o aeroporto, mas não usei, e os barcos usados para ir até outras praias, como Railay Beach, Tonsai Beach; em Phi Phi tem os taxiboats que levam você a outras praias.

 

LEMBRANCINHAS

Cingapura: algumas lojas da People's Park Complex (Chinatown), próximo à Mesquita no bairro árabe, várias lojas e barracas de rua na Little India.
Malásia: em Malaca uma galeria próxima à A Famosa, uma grande galeria próxima ao Museu Marítimo; em Kuala Lumpur o Central Market tem várias lojas de souvenires e o preço é mais em conta, tem também o bairro Little India e o seu comércio de tudo.
Tailândia: em Chiang Mai o Night Bazar é de longe o melhor lugar; em Pai a Walking Street; em Sukhothai o entorno do Parque Histórico tem várias lojinhas; em Bangkoc o Chatuchak Market, que só abre finais de semana, o MBK Center, na Kao San Road e na Rambutri tem bastante lojinhas também ou então nos mercados flutuantes; em Ao Nang tem um Night Bazar que fica em Krabi (não cheguei a ir lá) e algumas lojinhas espalhadas pela cidade; em Phi Phi as lojinhas espalhadas pela ilha.

 

JET LAG

Sim, eu venci o jet lag, só na volta que deu uma cansada maior, mas na ida foi de boaça, mas precisei fazer uma preparação maluca, que irei contando conforme o relato for seguindo. O fato é que não tive problema nenhum, só no primeiro dia em Cingapura dormi um pouco mais cedo, mas talvez fosse mais pelo cansaço da viagem do que pelo jet leg.

 

 

Continua...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

DIAS 16/10 A 18/10 - Embarque em Guarulhos, conexões e adaptação ao jet lag

 

Havia acordado cedo nesse dia, já era proposital pois fazia parte do plano anti-jetlag que criei. Fui para o aeroporto, fiz aquela horinha e às 18h15 meu vôo partiu rumo a Frankfurt. Assim que decolou o avião, eu adiantei meu relógio para o fuso horário de Frankfurt (na época 5h a mais), portanto seriam 23h15. Esperei servirem a comida e forcei-me a dormir para já me adaptar ao fuso da Alemanha. Por volta de umas 5h (horário de Frankfurt), acordei já sem sono e como vi num aplicativo de fuso horário que instalei no celular que em Pequim já seriam 11h, levantei e fui até a cozinha tomar um café e fiquei conversando com um senhor brasileiro.
Cheguei em Frankfurt às 10h45 (hora local) do dia 17, fiquei bastante perdido no aeroporto pra achar onde fazia o check in da Air China (você não consegue fazer antecipado pelo site ou app, só no próprio aeroporto) e onde embarcava, mas no final consegui me achar (descobri que tinha que pegar um trem dentro do aeroporto para ir para outro terminal) e embarquei às 13h55 rumo a Pequim, e já mudei o fuso horário do meu celular para o de Pequim (6h a mais que Frankfurt), portanto eram 19h55, mesmo procedimento, comi, enrolei e por voltas das 23h (horário de Pequim) forcei o sono até chegarmos em Pequim, às 5h15 do dia 18, e foi nesse aeroporto que passei meu primeiro perrengue da viagem. Primeiro, o aeroporto é imenso (aliás, é o maior do mundo) e do terminal até a área de imigração foi uma longa caminhada. Depois, precisava descobrir onde ficava o local de quem faz conexão, já que ali era pra quem ia fazer imigração pra entrar na China, e aí que foi o caos. Ninguém sabia me dizer, todos olhavam meu voucher  e mandavam ir de um lado para o outro e nada, principalmente onde tinha uma placa amarela dizendo algo como "Hong Kong, Macau, Taiwan connection (ou tranfer)", fui té lá mas tinha que colocar o passaporte e dava erro na porta de acesso. Cada vez que perguntava a um funcionário virava uma conferencia, vinha várias pessoas e um chamava o outro, quando via tinha umas 10 pessoas em volta de mim, falavam um com o outro, olhavam no celular, ligavam pra alguém e nada, dava pra ver que eles queriam ajudar mas não conseguiam. Devo ter perdido quase uma hora nessa brincadeira, até consegui achar onde fazia o check in da Singapore (mesmo problema de Frankfurt) e o local onde eu tinha que ir para fazer conexão, era naquela placa amarela mesmo, mas precisava, além do passaporte, colocar a passagem para liberar a entrada. Ufa, agora acabou o perrengue...só que não. Desci uma escada e tinha um lugar onde passa a bagagem de mão no raio X, beleza, abri a mochila, tirei as coisas eletrônicas que tinha e vi que separaram meu carregador portátil numa mesa. Após ser liberado, perguntei do carregador e me levaram até um balcão onde uma funcionária me disse que eu não poderia embarcar com ele por não estar de acordo com a lei chinesa de aviação (ela me mostrou um papel com as explicações), simplesmente porque não tinha escrito no carregador as especificações como carga, capacidade. Tentei argumentar mas não teve jeito, tinha ele há uns 3 anos e nunca tive problemas em nenhum aeroporto, mas na China eles são rigorosos. Adeus carregador!
Fui para o terminal de embarque e fiquei esperando embarcar. Ah, tem WiFi no aeroporto, mas só pra quem é chinês, porque precisa ter um tipo de cadastro que só eles têm. Tinha uma máquina onde você colocava o passaporte e ele te daria uma senha provisória, mas não estava funcionando.
Às 8h55 o avião decolou rumo à Cingapura, e posso dizer que a Singapore Airlines foi a melhor companhia que voei, faz realmente jus ao título de melhor companhia do mundo. Confortável, bom espaço para as pernas, cardápio impresso e até sorvete Häagen Dazs de sobremesa.

 


Continua...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@alexandresfcpg Uau, você pagou muito caro no seu seguro. Eu paguei R$ 750 para 3 meses de seguro para a Ásia pela Assit Trip, com intermédio da Seguros Promo, com cobertura de 40.000 dólares e um monte de outras coberturas como bagagem extraviada, atraso de voo, etc. 

  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Bre Ramos disse:

@alexandresfcpg Uau, você pagou muito caro no seu seguro. Eu paguei R$ 750 para 3 meses de seguro para a Ásia pela Assit Trip, com intermédio da Seguros Promo, com cobertura de 40.000 dólares e um monte de outras coberturas como bagagem extraviada, atraso de voo, etc. 

Então Bre, o problema é que, conforme até comentei na parte de passageiros aéreas, que eu viajei justo na época que o dólar foi nas alturas, deu aquela merda com a moeda da Argentina e a da Turquia, eu fui no Seguros Promo também, só que coberturas acima de 30000 ( que eu tinha lido que era exigido pra entrar na Europa e no final nem me cobraram isso) tava tudo na casa dos mil, as abaixo eram coberturas de 20000 pra baixo, e mesmo assim tava uns 700, 800 e pouco. Em resumo, dei azar mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@alexandresfcpg entendi... que pena. É um dinheiro que não queremos gastar, mas é aquele velho ditado né.. melhor prevenir do que remediar. O que importa é que deu tudo certo na sua viagem. 

  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 horas atrás, Bre Ramos disse:

@alexandresfcpg entendi... que pena. É um dinheiro que não queremos gastar, mas é aquele velho ditado né.. melhor prevenir do que remediar. O que importa é que deu tudo certo na sua viagem. 

Pois é, como eu havia dito, é o melhor dinheiro jogado fora que tive kkkk

E pelo menos dessa vez deu certo mesmo, até tive uns perrenguezinhos mas não honrei o apelido que ganhei aqui de Tom Hanks dos mochileiros hahahaha

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

DIA 1 - 18/10 - Cingapura

 

Minha chegada a Cingapura foi por volta das 15h30, e preciso fazer um registro: que aeroporto bonito! O andar de cima era todo acarpetado, mas todo mesmo, e tinha bastantes jardins espalhados por ele. A imigração foi bem rápida, sem preguntas nem nada, carimbaram o passaporte e pronto. Fiz um câmbio de 100 dólares por lá mesmo e fui até o metrô. Fui até um balcão perguntar se era ali que comprava o tíquete e a mulher disse algo que não entendi (começava os perrengues com o inglês + sotaque asiático) mas percebi que ela apontou para trás. Fui até lá e vi uma máquina onde era feita a compra, é bem simples de usar, você seleciona o idioma (inglês ou chinês, se não me engano), seleciona onde quer descer, coloca o dinheiro no local e pronto, ele emite o cartão e dá o troco, se for o caso. Você paga de acordo com a distância percorrida.

IMG_20181018_150244.thumb.jpg.162fd294f30c67b12b07ac3014fb6e24.jpg

Aeroporto de Cingapura

IMG_20181018_150643.thumb.jpg.b52ddf9f65ed3c62c8b708d88a8ea460.jpg

Aeroporto de Cingapura

IMG_20181018_151408.thumb.jpg.77d86411a57621c943aef2c52d6ef892.jpg

Aeroporto de Cingapura


Peguei sentido Expo (próxima estação) e fiz baldeação com a linha 12 - azul, sentido Bukit Panjang até a estação Jalan Besar, onde eu desceria. O metrô de Cingapura é bem moderno, limpo, rápido e silencioso, e de cara me chamou atenção os avisos de proibição, como de comer e beber, fumar e transportar o tal do durian, a fedida fruta do sudeste asiático; e sua respectivas multas.
Desci na estação e caminhei até achar a rua do meu hostel, estava calor mas o sol não estava tão forte, logo avistei o hostel e fiz o check in, a moça me deu as explicações (e eu me esforçando para entender, alguma coisa consegui pegar, pelo menos entendi o esquema do café da manhã 😄😄😄) e me indicou qual quarto era. Subi uma longa escadaria e fiquei procurando o quarto, mas não sabia qual era a cama, voltei e perguntei novamente, ela me acompanhou e na verdade era no andar acima do que fui.

IMG_20181018_160313.thumb.jpg.9cb74907bb852be93ad41ea7832ee375.jpg

Avisos no metrô


Arrumadas minhas coisas, tomei um belo banho (dois dias depois), coloquei uma roupa confortável e sai para dar a primeira explorada pela Ásia, afinal era minha estréia no continente. Fiquei hospedado num bairro chamado Little India, segundo pesquisei era o mais barato da cidade / país. O lugar era simpático, todos aqueles indianos pela rua, o comércio, uma pequena mesquita que ficava na minha rua, tudo era uma grande novidade pra mim, uma cultura totalmente nova.

IMG_20181018_185449.thumb.jpg.5ce11c531acf0a56237a021d902ec9df.jpg

Little Índia

IMG_20181018_185740.thumb.jpg.d8b698b9404c399e89642fa99651f275.jpg

Little Índia

IMG_20181018_185902.thumb.jpg.e210b4e95c6adde863eb95fd9417dcf6.jpg

Little Índia

IMG_20181018_190112.thumb.jpg.3e8454c3e24cf8c9523d8fba430bdaeb.jpg

Little Índia

IMG_20181018_190639.thumb.jpg.35db53f399f5937ad7a34be40a064c7e.jpg

Little Índia

IMG_20181018_190729.thumb.jpg.a013ed614a5a5b74b92606fc852e4e39.jpg

Little Índia


Parei para comer num pequeno restaurante chinês (além de indianos, há muito chineses por lá também), pedi um noodle com camarão, era o prato mais barato de lá, estava bem gostoso.

IMG_20181018_183219.thumb.jpg.170cd2e3f94e5fca68fa821a7b6fb8b0.jpg


Voltei pro hostel e por volta de umas nove e pouco comecei a "pescar" no sofá da área comum, relutei um pouco a dormir pois imaginei que acordaria de madrugada, mas lá pra umas dez ou dez e meia (não lembro exatamente) não aguentei e fui dormir, estava muito cansado, foi a maior viagem que eu havia feito até então.


GASTOS DO DIA

 

Câmbio no aeroporto: U$ 1,00 - SGD 1,33
                                              U$ 100,00 = SGD 133,00
Metrô = SGD 2,40
Hostel = SGD 70,00 (4 noites)
Jantar = SGD 4,00
Água (1,5l) = SGD 2,00

TOTAL = SGD 78,40

 

 

Continua...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

DIA 2 - 19/10 - Cingapura

 

Acordei com vontade de ir no banheiro umas 6h, estava caindo um puta toró e pensei: ferrou! Mas quando acordei estava aquele solzão, aliás, tive muita sorte com relação ao clima, peguei pouquíssima chuva durante a viagem.
Tomei o café da manhã e parti, primeira parada Chinatown (estação Jalan Besar sentido Bukit Panjang, estação Chinatown), logo que você sai da estação tem uma avenida estreita cheia de lojas e restaurantes, apesar de geralmente as Chinatowns serem lugares baratos, ali eu achei as coisas um pouco caras, tanto que o lugar tem até WiFi na rua.  No final dela fica um templo hinduísta chamado Sri Mariamman, simplesmente incrível. Depois, logo adiante, visitei o Buddha Tooth Relic Temple, esse budista, não menos incrível que o anterior.

 

 

IMG_20181019_093754.thumb.jpg.26dd78ab6076dd337d3c46bd60c62929.jpg

Em Cingapura é regra: sempre entrar descalço em qualquer lugar.

IMG_20181019_093956.thumb.jpg.c41ddc1a7e8e65e17da8e810a89c9974.jpg

Sri Mariamman

IMG_20181019_094204.thumb.jpg.628c1e28c91a1c8aa50e3d6e6c17327d.jpg

Sri Mariamman
 

IMG_20181019_094237.thumb.jpg.c784fdb5cbf992da74120ac0a9e9844d.jpg

Sri Mariamman
 

IMG_20181019_094543.thumb.jpg.d44291743bcd7ff4b793e2f652512a62.jpg

Sri Mariamman
 

IMG_20181019_094631.thumb.jpg.d2ac710ed762b6e5c0979a21efbef900.jpg

Sri Mariamman
 

IMG_20181019_094739.thumb.jpg.a7fa7d3f5bf747de833ef1e7771aef34.jpg

Sri Mariamman
 

IMG_20181019_095016.thumb.jpg.9da243e3a627a597e975287b8bd23db3.jpg

Sri Mariamman
 

IMG_20181019_095436.thumb.jpg.47cdd2ad797bc6cab47ed92b4c2eff39.jpg

Buddha Tooth Relic Temple

IMG_20181019_095638.thumb.jpg.8ea7365f80dea56e27fe5078b2933311.jpg

Buddha Tooth Relic Temple
 

IMG_20181019_095818.thumb.jpg.88e7ec85397f4949f6e4764d593ccc9c.jpg

Buddha Tooth Relic Temple
 

IMG_20181019_100052.thumb.jpg.ccbdab54a1d22ae32604588ecbeb8cf0.jpg

Buddha Tooth Relic Temple
 


A próxima parada era no Singapore City Gallery, uma espécie de museu de Cingapura, tinha visto vídeos e relatos bacanas do lugar, mas me decepcionei bastante, pois acho que estava em reforma e tinha muito pouco a se ver, alguns andares estavam quebrados e tinham tapumes e entulho.

 

IMG_20181019_101055.thumb.jpg.76b1473d8dd458a49e1770ca753c7e5a.jpg

Singapore City Gallery

IMG_20181019_101426.thumb.jpg.f8ea599657d71950f16b182063275db8.jpg

Singapore City Gallery


Depois caminhei bastante e retornei até Chinatown, passei no Thian Hock Keng Temple, um outro templo budista na região.

 

IMG_20181019_104341.thumb.jpg.9837bf9c8935e2ec1e1761d8b472f936.jpg

Thian Hock Keng Temple

IMG_20181019_104306.thumb.jpg.a4375582405617cb524c352a6efbd0de.jpg

Thian Hock Keng Temple
 

IMG_20181019_104504.thumb.jpg.0198bc981fe7510d21c7eec2935f517e.jpg

Thian Hock Keng Temple
 

IMG_20181019_105829.thumb.jpg.3bd077ae9f427a03bca6ac271bef0ffe.jpg

Aqui o nível de proibição é outro, não cumpriu...

 

Estava com fome e procurava lugar pra comer, fui numa galeria chamada People's Park Center, atrás da Chinatown Center. Aquela é mais barata e popular, tinha uma praça de alimentação barata e grande, almocei por lá, foi a primeira vez que comi pato (muito comum na culinária chinesa); enquanto a Chinatown Center era mais cara, mais, digamos, chique. Aproveitei pra ver casa de câmbio, tinha bastante por lá, e de lá fui até a região financeira conhecida como Raffles e achei um lugar com várias casas de câmbio juntas, mas com valores diferentes, e estava compensando mais, fiz o câmbio de mais 100 dólares lá. 
Segui caminhando e fui até a região conhecida como Clarke Quai (não confundam com o nome verdadeiro do Superman ) onde fica o Rio Cingapura e de lá saem passeios de barco pelo rio, e acabei fazendo um, é bem legal, o barco passa por toda a área da Marina Bay, você vê todos os principais cartões postais da cidade: o Merlion, o Marina Bay Sands, a roda gigante, o museu entre outros, o passeio dura uns 40 minutos.

 

IMG_20181019_112108.thumb.jpg.4e9207549f9050351a0f0b1b6313570f.jpg

Clarke Quai

 

IMG_20181019_113534.thumb.jpg.ba19d933cfe0e498fbb6a2c6a7a49166.jpg

Clarke Quai

 

IMG_20181019_144914.thumb.jpg.478eb92e45ba0a64ae116a9ffc1a2963.jpg

Passeio de barco

IMG_20181019_145502.thumb.jpg.037687170109cb947afc94431141abe9.jpg

Merlion

IMG_20181019_150554.thumb.jpg.f6afbb1c647fad0ef6985e6da4cb33f4.jpg

Marina Bay Sands e Museu de Ciência

 

IMG_20181019_150803.thumb.jpg.06e49f4706436745add88d60dc212eef.jpg

Marina Bay Sands e a criatura que vos escreve

 

IMG_20181019_151525.thumb.jpg.40d3a06180d58522cd9c2c4c652b3a72.jpg

 


Na volta, decidi ir andando para o hostel, e no caminho subi um morro que dizia ter um forte, mas foi só pra se cansar, não tinha nada demais. Parei ainda numa galeria no caminho, comprei um suco, vi algumas lembranças (não comprei nada) e passei num tal terminal que ficava na região do hostel, chama Singapore - Johore Express Terminal, na verdade é um terreno grande sem nenhuma indicação, apenas um monte de ônibus estacionados, queria ver quanto estava para Malaca, na Malásia. Sinceramente achei bem confuso o esquema dos horários, peguei um papel e voltei pro hostel. Estava muito calor e eu tinha feito algumas bolhas no pé por ter andando muito.

 

IMG_20181019_165550.thumb.jpg.dc20ebed7fe4203ebae97f964ff59c0d.jpg

Horários dos ônibus para a Malásia

 

À noite fui até o Tekka Center, uma galeria enorme com uma grande praça de alimentação e vários restaurantes indianos (tinha até um do Sri Lanka e um da Tailândia também), mas como fui meio tarde muitos haviam fechado e em outros o que eu pedia não tinha mais.
Acabei parando em um restaurante indiano na esquina do meu hostel, pedi um prato chamado Mee Coreong, era o mais barato, quando veio, era um macarrão vermelho e alguns legumes. Acontece que nada é vermelho por acaso, e quando dei a primeira garfada, eu vi Jesus. Meu, estive no México ano passado e encarei umas pimentas bravas lá, mas nada se comparava àquilo, achei que não conseguiria comer tudo, na metade do prato meu lábio e minha língua adormeceram, eu suava como um porco. Consegui comer, mas devia estar vermelho como um camarão, achei até que passaria mal mais tarde.

 

IMG_20181019_203235.thumb.jpg.4b672ad209ebc29a70bc9ea24ec09681.jpg

Uma mesquita no bairro Little Índia

 

IMG_20181019_211629.thumb.jpg.93ddccdedc6c99a05e0b07f346658d7b.jpg

Little Índia

IMG_20181019_215009.thumb.jpg.dd30ffe6fc6b02cf8f9bd568b2c2e4e2.jpg

O tal do Mee Coreong

 

GASTOS DO DIA

 

Água pequena = SGD 1,20
Metrô = SGD 1,50
Almoço = SGD 3,00
Câmbio: US$ 1,00 - SGD 1,3770
                  US$ 100,00 = SGD 137,70
Passeio de barco = SGD 25,00
Coca = SGD 1,60
Corneto = SGD 1,90
Coca vanila = SGD 2,30
Cartões postais = SGD 3,00 (3*1,00)
Suco = SGD 1,00
Jantar = SGD 3,50
Coca = SGD 1,30

TOTAL = SGD 45,30

 

Continua...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

DIA 3 - 20/10 - Cingapura

 

O calor estava de lascar, e eu segui para o bairro árabe, caminhei pela Arab Street (que passava ao lado do terminal que fui no dia anterior) e logo avistei a Masjid Sultan, uma mesquita bem grande e bonita, mas que não está aberta pra visitação, uma pena. No entorno tem várias barracas e lojinhas e na frente uma rua cheia de barzinhos e restaurantes, aproveitei e comprei uma camiseta e um imã de geladeira pra coleção. Na outra quadra fica a Haji Lane, uma rua cheia de grafites bem bacanas, além de barzinhos e pequenas casas noturnas, é um lugar bacana para visitar e tirar fotos.

 

IMG_20181020_092637.thumb.jpg.19855c86a80d2fc1c87dc662f70f0687.jpg

Masjid Sultan

IMG_20181020_094121.thumb.jpg.cbd15ee1a0f4092d2cd87643ee7f2cc0.jpg

 

IMG_20181020_095804.thumb.jpg.9ad74a99556e2c947b8c3edb0292cdd3.jpg

 

IMG_20181020_100101.thumb.jpg.f0a98710969dc320cc5b1dc78af89a5a.jpg

Masjid Sultan
 

IMG_20181020_101022.thumb.jpg.54166302edb64c6d67b1075118c19cfa.jpg

Haji Lane

IMG_20181020_101245.thumb.jpg.fce8673cfe1822fcacd5635942feda2f.jpg

Haji Lane
 

IMG_20181020_101530.thumb.jpg.bcb6898066c489350c610a3097ffe70c.jpg

Haji Lane
 

IMG_20181020_101613.thumb.jpg.a98f2747f7d67051ece598e2830181d4.jpg

Haji Lane
 

Segui caminhando e acabei chegando na Fonte da Fortuna, já na região financeira da cidade, e no embalo acabei fazendo toda a região da Marina Bay, como o autódromo de rua de Cingapura (onde acontecem as corridas da F-1), a ponte Helix, a Singapore Flyer (uma imensa roda gigante, mas acabei não andando nela), e entrei no The Shoppes at Marina Bay Sands, um grande shopping próximo ao Marina Bay Sands, o calor estava insuportável e aquele ar condicionado era tudo o que eu precisava. Enrolei um bom tempo no shopping e pra fazer hora acabei entrando no cassino, bastava mostrar o passaporte, guardar a mochila e entrar. Para os clientes, tem máquina de café (vários tipos), Coca-Cola, chá, suco e água à vontade, me esbaldei de tomar coca kkkk

 

IMG_20181020_102728.thumb.jpg.9f6b7b31924952449c8c331fc61e5e51.jpg

Fonte da Fortuna

IMG_20181020_104655.thumb.jpg.41505c8562a2eb6e1068fb76e047c7c9.jpg

Autódromo de Cingapura

IMG_20181020_104824.thumb.jpg.a84f4079adf3d90489195fb6c489768c.jpg

Autódromo de Cingapura

 

IMG_20181020_104905.thumb.jpg.da38180cc2c19b3ed747319ede2178ed.jpg

Autódromo de Cingapura

IMG_20181020_105002.thumb.jpg.a7cfeb9cdf828ca4ff8249e28c7e1190.jpg

Autódromo de Cingapura

IMG_20181020_105132.thumb.jpg.46df9f9fd5adc679ef57c6717f92ca85.jpg

Autódromo de Cingapura

IMG_20181020_105246.thumb.jpg.5988b2b7ed4c56123aedf5c719163617.jpg

Autódromo de Cingapura

IMG_20181020_105544.thumb.jpg.ce99038c82c3f345ed65b0d8c4bf65f0.jpg

Marina Bay

IMG_20181020_110820.thumb.jpg.ff1a0906c9a611f93f7a1acfbeee9063.jpg

Ponte Helix

IMG_20181020_111021.thumb.jpg.0d6e7a0c5d6fb7ca6aec5d698c8fad20.jpg

Marina Bay

IMG_20181020_111141.thumb.jpg.88c704f16270385df2a90694286317e2.jpg

Ponte Helix

IMG_20181020_111527.thumb.jpg.641939b9b01562cbfcecedb40b662b7a.jpg

The Shoppes at Marina Bay 

IMG_20181020_112142.thumb.jpg.c824e47114bae6c606a1872004493663.jpg

The Shoppes at Marina Bay 

Voltei pra rua e fui até o Museu de Ciência, mas (não lembro o valor) achei muito caro a entrada e dei meia volta, fui até o Gardens By The Bay, um imenso jardins com árvores gigantes,  você pode andar em torno delas no alto por uma passarela (é pago) e onde rola um show de luzes de noite, e dentro desse jardim ainda tem o Flower Dome, uma imensa estufa de plantas climatizada com muitas espécies; e a Cloud Forest, o jardim botânico de lá.

 

IMG_20181020_130159.thumb.jpg.7c72b5f8842e6faf6c8b4ff9b9748e6f.jpg

Gardens By The Bay

IMG_20181020_130703.thumb.jpg.71bad2667ea6559ab981ce4cd9442b3b.jpg

Gardens By The Bay
 

IMG_20181020_130934.thumb.jpg.fc566c3246e1866699e429568e80efb7.jpg

Gardens By The Bay
 

IMG_20181020_135111.thumb.jpg.0efa262624f23d71ce55b987d212af18.jpg

Flower Dome

IMG_20181020_135620.thumb.jpg.d6a8031be771a7f3abf0511547d287b9.jpg

Flower Dome

IMG_20181020_140430.thumb.jpg.9f701230b34a0be0c81618fa5d4d6c24.jpg


Devido ao forte calor e a longa caminhada que dei, comecei a sentir não só cansaço mas um pouco de dor nas pernas, comecei a ter assaduras nas coxas (é um mal que sofro sempre), fora que as bolhas do dia anterior estavam piorando, estão resolvi sair fora, peguei o metrô na estação Bayfront e fui até Chinatown almoçar na galeria de novo, depois voltei pro hostel.
Pretendia de noite ir ver o show de luzes, mas estava cansado e dolorido, preferi ficar pelo hostel, dei uma caminhada pelo bairro de boa, jantei no mesmo chinês do primeiro dia e fiquei de boa.

 

GASTOS DO DIA

 

Camisa: SGD 3,00
Imã: SGD 2,00
Água (500ml) = SGD 1,20
Metrô = SGD 1,50
Almoço = SGD 3,50
Metrô = SGD 1,50
Jantar: SGD 3,00

TOTAL = SGD 15,70

 

Continua...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

DIA 4 - 21/10 - Cingapura

 

Domingão é dia de quê? De praia. Tudo bem que as praias de Cingapura estão longe de ser as mais lindas da região, ainda mais que iria pra Tailândia depois, mas não deixa de ser um rolê interessante, e com o calor que estava era uma boa pedida. Peguei o metrô até a estação Chinatown (aliás, na hora de comprar o bilhete, me enganei e comprei ida e volta, tem que prestar atenção na hora de finalizar) e fiz baldeação com a linha roxa até a estação HarbourFront, você sai no shopping center Vivo (que não tem nada a ver com a nossa operadora de telefonia), você precisa subir até o andar mais alto para acessar a Sentosa Station, onde você compra o bilhete e pega um monotrilho até a praia de Sentosa, que na verdade é uma ilha separada de Cingapura ligada por uma ponte, por um teleférico e pelo monotrilho, é nessa ilha que fica a praia.

Ele para em algumas estações pelo caminho e a última chama-se Beach Station, é lá que tem que descer, você já sai próximo a praia de Siloso, mas resolvi seguir à esquerda e visitar as outras duas primeiro, dá para ir andando, mas se quiser, tem um micro-ônibus que percorrem toda a orla, de graça e com ar condicionado ainda.

A primeira praia foi Palawan Beach, é até bem bonita, e nela tem uma ponte daquelas que balançam, por onde você atravessa e sai numa ilhazinha também chamada Palawan, onde ficam uma cabanas e no alto tem um mirante da praia, é legal a vista de lá.

Fiquei um bom tempo por lá e depois segui para a próxima, Tanjong Beach, é uma praia com mar bem calmo, nessa praticamente nem tirei foto, só fiquei na água um bom tempo curtindo.

A última parada era justamente a primeira praia da ilha, Siloso Beach, mas decidi usar o ônibus, era de graça mesmo. Das três praia, a de Siloso é a mais sem graça, pequena, se fosse voltar um dia, ficaria só na de Palawan ou até dava um pulo em Tanjong. É nessa praia que fica a estação de teleférico.

Ah, tem um detalhe: tem WiFi na praia, isso mesmo, em toda a extensão da praia tem sinal de WiFi aberto, e aliás, o sinal muito bom, melhor que o da minha casa. Cingapura é realmente um lugar diferenciado tecnologicamente falando.

Fiquei algumas horas pelas praias e resolvi voltar um pouco cedo, achei que iria chover feio, voltei pra estação do monotrilho e descobri que o bilhete valia pra ida e volta. Como comprei o tíquete de dia e volta no metrô, tive que fazer o caminho inverso ao da ida (Harbourfront - Chinatown, baldeação até Jalan Besar), fui almoçar no Tekka Center, acabei pedindo um Chicken Curry, vinha um prato com o frango num caldo, pra variar, sabor inferno, mas já estava me adaptando à ardência da comida de lá, e apesar da pimenta era até gostoso o prato. Tinha uma senhora australiana com o filho que estava de frente pra mim que não conseguiu comer o dela, ficou admirada de eu conseguir. Depois aproveitei para ir até a estação reservar uma passagem para Malaca para o dia seguinte (comprei para 12h30).

Voltei pro hostel, tomei banho e retornei para região de Marina Bay, dei uma volta pela parte que não passei no dia anterior, principalmente o Merlion, andei tudo ali, entrei no shopping, fui novamente no cassino tomar umas cocas, e depois de lá fui assistir ao show de luzes do Gardens, que acontece todos os dias em dois horários: 19h45 e 20h45, a entrada é 0800 e eu fui para o primeiro horário. É realmente incrível e eu recomendo muito.

Depois fui até o hotel Marina Bay Sands para ir no bar que tem no topo, chama Ce La Vi, você paga 20 doletas de Cingapura e eles te dão um papel para utilizar no bar, esse valor é descontado em alguma coisa que você consumir. Pedi um Mojito, que com a taxa do garçom custaria 27 dólares, com o desconto paguei 7 dólares, e fui admirar a vista, é de tirar o fôlego, e ainda dá pra ver a famosa piscina de borda infinita, que é colada ao bar, mas o acesso (claro) é só para hospedes (que inveja subir no elevador com a galera de hobby indo pra piscina).

Voltei pro hostel e tinha uma galera reunida tomando umas, inclusive um português que conheci no dia anterior, me juntei ao povo e ficamos bebendo coca com whisky, eles queriam ir ao bar do hotel e eu disse que havia acabado de ir, dei algumas dicas e eles se foram. Eu estava com preguiça de sair pra comer (até porque almocei tarde), fui num 7 - Eleven colado ao hostel e comprei um daqueles macarrões instantâneos (estilo Cup Noodles) e fiquei por ali mesmo.

 

IMG_20181021_103644.thumb.jpg.0e5e8f751bf785996e3f4345ced11ea1.jpg

 Sentosa Station

IMG_20181021_104822.thumb.jpg.2d57282b43b8549edaf61be860436f00.jpg

 

IMG_20181021_105215.thumb.jpg.2248f6b34564e50e36b1aada63aa578c.jpg

Palawan Beach

IMG_20181021_105425.thumb.jpg.2a9fbaf8baf13c09cfb04abc51a61763.jpg

Palawan Beach

IMG_20181021_112505.thumb.jpg.ddcdeb9275f0e0a8bd9258408899df5e.jpg

Palawan Beach

IMG_20181021_112952.thumb.jpg.bdbf0f6081e3e52a5a32c45f5af985ef.jpg

Palawan Beach

IMG_20181021_112959.thumb.jpg.d9362b82e04d60a65e493a760dc29ebe.jpg

Palawan Beach

IMG_20181021_113010.thumb.jpg.2f732f6ca3ff3143c457604126b175d4.jpg

Palawan Beach

IMG_20181021_115202.thumb.jpg.bff87c91f488f895d8236aa3aeda2803.jpg

Tanjong Beach

IMG_20181021_115308.thumb.jpg.ef83cbcefd9640bcea92e028a5156185.jpg

Tanjong Beach

IMG_20181021_131251.thumb.jpg.4ac58d8c9a168f7b0e930d35fe994d0c.jpg

Siloso Beach

IMG_20181021_134538.thumb.jpg.adc456d82445e37f400e0e30567cb0f4.jpg

Teleférico

IMG_20181021_140601.thumb.jpg.e4dc6ae412ef2da41c44c8ce4add2efa.jpg

Monotrilho

IMG_20181021_141037.thumb.jpg.9569cc4d2a8e7f06ef78ed46b768ebf0.jpg

 

IMG_20181021_150413.thumb.jpg.6540ea48fd85fa7308814e79098040b9.jpg

Tekka Center

IMG_20181021_152433.thumb.jpg.aff7f1acb142dea8ead602a412cfa029.jpg

Chicken Curry

IMG_20181021_153942.thumb.jpg.d1b6691df7a4cbd22002b73b65b150d0.jpg

Tekka Center

IMG_20181021_170210.thumb.jpg.5a55db264d84fe88339eb9b0bcb4b153.jpg

O tal "terminal" de onde os ônibus para a malásia

IMG_20181021_174739.thumb.jpg.f7b5ee2fed3848be3c899ab1d1e7f106.jpg

Merlion

IMG_20181021_175301.thumb.jpg.d40e7a29b4d8584c6a6d4a8900da5ff7.jpg

Merlion

IMG_20181021_195954.thumb.jpg.d59591355a1fe4af621c5eb43af6d246.jpg

Gardens By The Bay

Gardens By The Bay (show de luzes)

IMG_20181021_200247.thumb.jpg.707d465c2e7afe13e6cca669a6e70d47.jpg

Marian Bay Sands

IMG_20181021_202625.thumb.jpg.6e106ed8a0246247addf1f9e83ca86bf.jpg

Marian Bay Sands (por dentro)

IMG_20181021_204002.thumb.jpg.8366dd9717318d22b8ae5640af83a478.jpg

Gardens By The Bay visto por cima

IMG_20181021_205119.thumb.jpg.430d498fced118c139ce1dae1ec1f7a4.jpg

Ce La Vi

IMG_20181021_205123.thumb.jpg.60b36eb9d14dd5c8392eae24e3bc5973.jpg

Ce La Vi

IMG_20181021_205852.thumb.jpg.b291056ef1630b02afe0c4a907f4ba0c.jpg

O tal voucher

IMG_20181021_211250.thumb.jpg.205e76e910a751bd2e7b42f4fd71bf19.jpg

 

IMG_20181021_211302.thumb.jpg.283a2fc335ef75d6990b605300ffe1f6.jpg

 

 

IMG_20181021_212704.thumb.jpg.8fb2ca067591769c1481810b1d338dbb.jpg

A famosa piscina de borda infinita

 

GASTOS DO DIA

 

Metrô = SGD 3,70 (ida e volta)

Sentosa Express = SGD 4,00

Almoço = SGD 3,00

Coca = SGD 1,40

Passagem para malaca = SGD 20,00

Metrô 2 = SGD 1,70

Sorvete = SGD 1,50

Sky bar = SGD 20,00

Mojito = SGD 7,00 (diferença)

Metrô 3 = SGD 1,70

Noodle no 7 eleven = SGD 1,80

Coca no 7 eleven = SGD 1,20

 

TOTAL = SGD 67,00

 

Continua...

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por Roots311
      Bom dia Galera, estou em busca de alguem para fazer um mochilão roots. Qualquer época, estou em fase de planejamento ainda. se alguem tiver interesse dá um toque ai
    • Por Julia Bruna
      Dica de alguma bagagem de mão estilo mochilão que se encaixe nas medidas 55x35x25? E que seja bem otimizada também?
       
    • Por JonJonnys
      Galera preciso da opinião de vocês.
      Montei um pré roteiro e gostaria da opinião, estou aberto a dicas, criticas, acham cansativo, corrido, bom? 
      18/abrVoo para Bangkook
      19/abrChegada às 12:15 (meio-dia)
      20/abrPhuket
      21/abrPhi Phi
      22/abrPhi Phi
      23/abrPhi Phi
      24/abrPhi Phi
      25/abrPhi Phi
      26/abrIda cedo para Krabi (Raylay beach)
      27/abrIr para Phuket e Ko Samui
      28/abrIr de Phuket para Ko Pangnan
      29/abrIr de Phuket para Ko Thao
      30/abrIr para Cambodja
      01/maiCambodja
      02/maiIr de manhã para Vietnã
      03/maiVietnã
      04/maiVietnã
      05/maiVietnã
      06/maiVietnã
      07/maiSair de Vietnã para Chiang Rai
      08/maiChiang Rai
      09/maiSair cedo para Chiang Mai
      10/maiChiang Mai
      11/maiSair cedo para Bkk
      12/maiBkk
      13/maiBkk
      14/maiBkk
      15/maiVolta Jonny
      16/maiVolta Cleison
    • Por Lulusantos
      Oi gente, vou sair para o meu primeiro mochilão e preciso da ajuda de vocês. Eu não tenho data pra voltar para o Brasil, pois quero viajar lentamente e conhecer o máximo de lugares possíveis.
      Quero começar pela Europa e meu primeiro destino será Portugal. Qual a melhor estratégia pra comprar a passagem sem me dar mal com a imigração ? 
      Eu devo comprar a passagem de ida e a de volta pro Brasil, perco a passagem de volta e lá de Portugal eu compro outra passagem pra outro país? Quantos dias eu devo considerar de intervalo dessas passagens para ser factível na imigração? 
      Ou eu compro só a passagem de ida pra Portugal e já compro uma passagem pra algum outro país  (mas não sei quanto tempo vou ficar em Portugal) 
      Ou há outra estratégia melhor pra ir para Europa? 
      Pode parecer loucura, mas a ideia é viajar deixando o roteiro meio aberto. 
      A viagem vai ser final de abril ou começo de maio dependendo dos valores das passagens. 
       


×
×
  • Criar Novo...