Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

Posts Recomendados

@MARCELO.RV Pois é, terão próximas oportunidades! heheheh. Valeu!

E obrigado a todos que compartilham informações e dicas para que uma viagem dessa se torne possível!

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Elder Walker po, me senti super seguro com ele, é um baita carro. pena que as pessoas ainda tem preconceito com a marca. Diferente lá da Argentina, que eu só via esse carro na rua! E qualquer cidadezinha tinha concessionária Peugeot.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Excelente relato!

Já fiz uma viagem saindo de MG até Buenos Aires, passando pelo Uruguai no caminho e tinha um 208 também! hahahah só que o meu era 1.6 automático. Por coincidência tive o mesmo problema com o rolamento, mas de resto o carro foi super tranquilo. Essa viagem sua está na minha lista, porém quero fazê-la mais próximo do inverno por gostar bastante de neve kkkk Foi muito bom saber que a polícia argentina melhorou na questão de pedir propina, que era algo que amedrontava muitos turistas antigamente! 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

muito bacana o relato! não consegui ler tudo, mas como quero descer de carro ( entre novembro 2019 e abril de 2020) e fazer uma trip bem parecida com a sua, vou lendo aos poucos e com calma, penso em descer pela ruta 12 ate BsAs desvia totalmente a possível estrada dos policiais enchedores de saco hehe

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 04/06/2019 em 16:50, kamila&rafael disse:

muito bacana o relato! não consegui ler tudo, mas como quero descer de carro ( entre novembro 2019 e abril de 2020) e fazer uma trip bem parecida com a sua, vou lendo aos poucos e com calma, penso em descer pela ruta 12 ate BsAs desvia totalmente a possível estrada dos policiais enchedores de saco hehe

se precisar de mais alguma informação, fique à vontade para perguntar! 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 28/01/2019 em 16:36, Elder Walker disse:

Voltando a falar da polícia caminera... essa do colete refletivo eu ouvi falar como requisito no Chile e arrumei um aqui emprestado com um amigo que trabalha em empresa de logística, mas certamente foi uma tentativa de ver se você caía na dele para tentar pedir algo, que chato isso, heim? Porque todos os documentos do consulado são bem explícitos que esse tipo de coisa, junto com outras lendas como uma "mortalha" (lençol branco para cobrir eventuais vítimas) são mito. O kit primeiro socrros, parece listado como opcional, mas nós mesmos montamos num estojinho branco e aproveitamos para colocar os remédios que queríamos levar na viagem, ou seja, unir o útil ao agradável. Em geral, é bem isso que você relatou: eles dão uma rondada, olham, perguntam... e se não tiver nada errado, não tentam inventar muita coisa. Mas, novamente, que bom que passou sem maiores problemas.

Bonito o local deste camping em Neuquen! E que lindo o 208 com essas rodas e o aerofólio!

Vou continuar acompanhando o relato...

@Elder Walker onde exatamente vc achou listados os itens obrigatórios? Procurei no site da embaixada mas não encontrei... estou indo só com o extintor e os 2 triângulos, nada de cambão, mortalha, jaleco e o escambau, rs!

 

@fore muito bom o relato, lindas fotos! Obrigada por compartilhar! Tenho planos pra esta viagem tb!! 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Juliana Champi

O Consulado Argentino de Porto Alegre me forneceu a seguinte lista de equipamentos obrigatórios. Eu levava esta lista junto com os demais documentos mas nunca precisei usar.

 829139110_ArgentinaListaAcessrios.thumb.jpg.dc2c8f96a0a810805862b6b0a0cc9696.jpg

 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por Jorge Ramos da Silva
      Olá amigos bom dia!
      Alguém que foi recentemente a Bariloche sabe quanto estão comprando dólares nas lojinhas pela rua mitre?
      Da última vez que fui chegava a ser 50% mais que o câmbio oficial.. alguém tem valores atualizados de 2019?
       
      abraço!
    • Por Alan Rafael Kinder
      Bom dia,
      Eu sou o Alan, e este é meu primeiro post aqui no mochileiros.com.
      Estou recorrendo a vocês pois tenho uma dúvida a respeito das geleiras na região patagônica de El Calafate e El Chaltén.
      Estarei indo passar 03 dias em El Calafate e 05 em El Chaltén em Fevereiro de 2020 (verão, em um pequeno grupo de 03 pessoas), fiz diversas consultas pela internet sobre esse assunto e aparentemente tudo leva ao Perito Moreno, administrado pela Hielo Y Aventura. Em outros casos, algumas notícias antigas falam do Glaciar Viedma, todavia parece que não é mais possível caminhar sobre esta geleira.
      Nós realmente gostaríamos muito de ter essa experiência, porém o site da Hielo Y Aventura nem tem agenda livre ainda para fevereiro de 2020, e o valor atual por pessoa ultrapassa R$ 1.000,00 no Big Ice (que é a oferta que mais se aproxima de nosso interesse).
      Minha pergunta é, existem outras opções com outros valores nessa região (até mesmo em outras cidades próximas, não mais de 300 km de distância) ou até mesmo a possibilidade de caminhar sobre uma geleira de forma autoguiada e sem custos?
      Quando montei o roteiro dessa viagem, a alguns meses atrás, o valor do Big Ice era menor que R$ 800,00, e esse aumento realmente ficou chato, por isso estou procurando alternativas.
       
      Agradeço muitíssimo qualquer colaboração, e se vocês tiverem qualquer dica sobre esse assunto, eu ficaria muito feliz em recebê-la!
    • Por brunasscarvalho
      Mochilão de Mel
      Sou mochileira há alguns anos, já fiz algumas viagens sozinha que foram muito legais e me proporcionaram um aprendizado enorme. Desde que aprendi que posso ser minha própria agência de viagens e elaborar um roteiro totalmente personalizado ganhei muita liberdade no meu modo de viajar.
      Enfim... quando chegou a minha hora de juntar as escovas de dentes, não tive dúvidas: queria um mochilão na lua de mel. De fato as pessoas acharam a ideia um tanto bizarra, como assim vocês não vão fazer uma viagem tranquila e romântica na lua de mel? Mas sonho é sonho e meu marido concordou plenamente em executarmos isso.
      Então não estou aqui nem para dar minúcias de roteiro já que o nosso roteiro é bem popular e com um pouco de pesquisa é possível encontrar várias informações.
      Vim aqui conversar sobre a ideia do mochilão de mel e dar um estímulo às pessoas que sentem vontade de fazer algo do tipo: só vai!
       
      Eu nunca sonhei com um casamento tradicional. Nunca gostei de festa, sempre achei extremamente cansativo e o custo é exorbitante. Mas sonho é sonho, então recomendo que quem sonha com uma big festa que invista nisso. E não recomendo nossa ideia para quem tá atrás de muito conforto. O negócio aqui é economia.
      Meu pai quase pulou pra trás quando o comuniquei da decisão de não fazer uma festa... Mas o convenci de que endividá-lo e nos endividar com isso seria uma péssima ideia.
      Como eu queria a cerimônia religiosa, investimos nisso e contratamos todos os serviços só para a igreja (fotos, cerimonial, música...). Depois a ideia era entregar uma lembrancinha e se despedir de todo mundo ali. Maaaasss algumas pessoas acabaram sugerindo uma confraternização em uma pizzaria onde cada um pagaria o seu. Consegui um desconto e coloquei um papel a parte no convite onde dizia que quem quisesse e pudesse poderia ir até lá. A adesão foi bem maior do que a gente imaginava. Fora isso, as coisas foram acontecendo. Ganhei bolo, ganhei docinhos, ganhei mesa decorada na pizzaria. Estava disposta a não decorar a igreja, mas uma pessoa foi lá e decorou. Estava disposta em ir ao mercado e comprar algumas flores para fazer um buquê simples, ganhei dois buquês. Como já tinha uma casa montada, ganhamos muitos presentes em dinheiro (eu nem imaginava que ia ganhar tantos presentes!).
       
      Como o euro estava nas alturas, resolvemos fazer um roteiro mais modesto e ficar pela América do Sul mesmo. Eu já conhecia a maioria dos lugares onde fomos, mas meu marido não. Então seria uma boa oportunidade para revisitar alguns lugares. Nosso casamento foi em fevereiro/2019.
      Comecei o planejamento e decidimos. Que tal atravessarmos do Atlântico ao Pacífico?
      Compramos uma passagem multidestinos, com chegada em Montevidéu e retorno por Santiago. Pagamos cerca de R$800,00 cada (saindo de Guarulhos), sem despacho de bagagem (fomos de mochila mesmo e levamos as roupas sujas para a lavanderia algumas vezes). Fiquei com a missão de planejar 23 dias de viagem com o compromisso de estar no aeroporto de Santiago no fim de tudo isso, gastando o mínimo possível.
      Nosso roteiro:
      Montevideo – Punta del Este – Colônia do Sacramento – Buenos Aires – Mendoza – Santiago – Puerto Varas (Ficamos muito na dúvida entre Puerto Varas e Pucon) – Viña del Mar – Santiago
      Nosso combinado:
      Reservar quartos privativos. Em alguns lugares precisamos usar banheiros compartilhados por motivo de verba mesmo kkkk mas não comprometeu a viagem.

       


×
×
  • Criar Novo...