Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Peça ajuda, compartilhe informações, ajude outros viajantes e encontre companheiros de viagem!
    Faça parte da nossa comunidade! 

Posts Recomendados

Ola´,

sou novata por aqui. Dentro de alguns meses me aposentarei e pretendo me dar de presente o grande sonho da minha vida: fazer uma viagem à Europa.

Foram muitos anos de trabalho e dedicação à família. Agora não tenho mais coragem de fazer um verdadeiro "mochilão" pois a saúde já não está 100%]

mas energia e vontade há de sobra. Gostaria que me dessem sua opinião sobre a ideia de visitar capitais do Leste Europeu e ficar em hostels para economizar

nas hospedagens ( porém com o conforto de ter uma cozinha a dispoisção ) e aproveitar passeios culturais.

Agradeço o suporte recebido. 

  • Gostei! 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Jucinovaera Nve encorajo a sua atitude! nunca é tarde demais para viajar!
Indico pesquisar hostels pelo hostelworld.com . Nunca tive problema com o site, ficando em hostels que tem nota 8 pra cima.
No Leste Europeu é fácil achar hostels por 15 euros ou menos, e todos que fiquei eram bem equipados (geladeira, cozinha) e possuíam café da manhã. Assim dá pra economizar um pouco nas refeições, fazendo alguns lanches no hostel.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Jucinovaera Nve Simplesmente vá,  sem medo. Compra uma mochila, tem modelo feminina,  vai curtir a sua sonhada viagem à europa.

Pesquise bastante, aqui tem vários relatos de lá,  leia todos,  veja as cidades que quer conhecer,  tem vários sites de hospedagem econômica. Veja a questão do transporte dentro da Europa. 

Eu ainda não fui para lá, mas se puder te ajudar, estamos por aqui 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nunca é tarde para viajar, tem um tio da minha mãe que rodou meio mundo depois de se aposentar, ele começou a viajar aos 65 só parou aos 85, por que realmente não conseguia mais andar sozinho.

Quanto aos hotéis, eu já passei dos 30, e sendo sincero, hoje não me vejo com muita paciência para encarrar aqueles hosteis onde tem festa toda noite, prefiro locais um pouco mais calmos.

A uns 2 anos atras fiquei num hostel bem calmo em Berna, apesar de dividir quarto foi super tranquilo, mas em compensação, fiquei num hostel que eu tive que reservar de última hora em Split, e não preguei o olho, festa até as 3 da manhã e gente chegando e saindo a madrugada toda fazendo barulho.

Então o conselho que eu lhe daria é você escolher bem um hostel que seja mais o o seu perfil, para não ter uma experiência ruim.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Jucinovaera Nve...boa tarde colega!!!

Vá sem " medos"...e conte sempre com o bom senso inerente a nossa idade!kkk

A felicidade é imprevisível!!! 

Mochila nas costas..."viajar è preciso...viver também preciso"... 

Abraços e nos encontraremos pelos caminhos.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Jucinovaera Nve, acabei de voltar da minha primeira viagem à europa e passei por cidades que talvez sejam de seu interesse: munique, liubliana, budapeste, cracóvia, praga, dresden e berlim.

como disse o @poiuy é importante escolher hostels que tenham o seu perfil.. não sou muito de balada (prefiro acordar cedo para passear e finalizar o dia com uma cerveja ou vinho tranquilamente) e qdo escolhi os hostels tive esta preocupação.. reservei todos pelo booking e sempre lia os comentários, se alguém comentava sobre muito barulho eu já ficava um pouco alerta... uma coisa que evitei também foi escolher local com bar dentro do hostel, pq acho que provavelmente já atrai um público mais festeiro.. e digo que não tive problema em nenhum lugar que fiquei.. leve um protetor auricular e seja feliz! :D tanto no booking quanto no hostelworld é fácil também ver se o local possui cozinha equipada..

se quiser sugestões de hospedagem em alguma dessas cidade (exceto berlim que fiquei na casa de um amigo) é só falar!

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Juci, eu também  me aposentei e gostaria de companhia pra viajar. Vamos montar um grupo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


  • Conteúdo Similar

    • Por Fora da Zona de Conforto
      Se você é da Europa (ou está viajando por ela), provavelmente acredita que o Chipre possa ser um destino potencial para suas próximas férias de praia.
      E se você é de fora da Europa, pode ser que você não saiba muito sobre essa linda e estranha ilha dividida!
      Porém, há muito mais no Chipre do que você possa imaginar.
      Sim, o Chipre é o lar de praias imaculadas, águas cor de esmeralda turquesa e um lindo litoral rochoso.
      Mas e além disso? Uma visita a Chipre também lhe dá a chance de….
       
      Explorar as ruínas da Grécia antiga ou um dos muitos imponentes castelos e fortes das “cruzadas” espalhados pelo país. Continue lendo: Viagem de carro pelo Chipre – Roteiro de 5, 7 e 10 dias (com Chipre do Norte)

    • Por Lucas Mendes Alves Andrade
      Boa tarde!
       
      Gostaria muito de fazer uma viagem à Europa, com passagens de entrada e saída em um mesmo país, no caso, Portugal, e estender a mesma a países como Espanha, França, Mônaco, Itália, Inglaterra, Holanda, Bélgica, Alemanha. Alguém, que já possa ter realizado esse roteiro, pode me dar sugestões sobre duração, hospedagem, enfim...
       
      Desde já, obrigado!
    • Por Marcela Guimaraes
      EXPERIÊNCIA EM JERICOACOARA
      Vou fazer aqui um resumão da viagem😉. Começando pelo transfer. Existem duas formas de chegar até Jeri, uma é saindo de Fortaleza e a outra é saindo de Cruz, uma cidade que fica bem mais próxima de Jeri. Saindo de Fortaleza o translado dura em torno de 6 horas, são 5 horas de Fortaleza até Jijoca e mais uma hora de Jijoca até a Vila de Jeri. Saindo de Cruz o translado até a Vila de Jeri dura em torno de uma hora e meia. Só lembrando que Jericoacoara não tem aeroporto, é em Cruz o aeroporto mais próximo de Jeri.
      Chegando em Jijoca é cobrada uma taxa de turismo, o valor é de 5 reais por cada dia que você vai ficar na cidade. Bom, tem 3 opções de Passeios em Jeri, são os seguintes: Passeio do Lado Leste, Passeio do Lado Oeste e o Passeio de Barrinha. Esses passeios são feitos de buggy ou de Jardineira(Hilux). O Passeio do Lado Oeste inclui: Mangue Seco, Cavalo Marinho, Tirolesa, Tobogã e Lagoa da Tatajuba. O passeio do Lado Leste inclui: Pedra Furada, Árvore da Preguiça, Praia do Preá, Lagoa Azul e Lagoa do Paraíso. Vou agora um falar um pouco de cada um dos passeio👇👇👇.
      O Mangue Seco tem um cenário incrível, bem diferente, você não encontra um cenário como esse em nenhum outro lugar, dá pra colocar a criatividade pra funcionar e tirar várias fotos perfeitas📸. Pena que a parada é rápida de apenas 20 minutos, por isso tem que correr pra poder aproveitar bem. O passeio do cavalo marinho optamos por não fazer, pra fazer o passeio você tem que pagar R$ 15, além disso não é certeza encontrar os cavalos marinhos, tem a possibilidade de fazer o percurso sem encontrar nada.
      Pra quem gosta de aventura tem a tirolesa e o tobogã, os dois fazem parte do passeio do Lado Oeste. Pra você participar dessa brincadeira tem que pagar R$ 15. Pagando esse valor você tem direito a descer duas vezes na tirolesa ou duas descidas no tobogã. A última parada do passeio do Lado Oeste é na Lagoa da Tatajuba, lá você pode tirar aquela tradicional foto na rede📸. Além disso, em Tatajuba também tem passeio de canoa e de standup, quem optar por fazer esses passeios tem que pagar R$ 30 por 30 minutos.
      Na Tatajuba é o ponto de parada para o almoço. Sinceramente, não gostamos da comida, além de muito cara não tem qualidade nenhuma. O peixe mais barato lá é R$ 120, tem porções minúsculas de camarão ou de lagostas por R$ 100, tudo um absurdo. A dica é levar alguma coisa pra comer por lá e deixar pra almoçar quando voltar para Vila, é bem melhor.
      A Pedra Furada é o cartão postal de Jeri, o passeio até a Pedra pode ser feito de duas formas, uma delas é caminhando da Vila até o local que fica a Pedra, normalmente essa caminhada está inclusa no transfer das agências de turismo. A outra forma de ir até a Pedra Furada é no passeio do Lado Leste, onde o bugueiro deixa você em um ponto mais próximo da Pedra, o restante do trajeto tem que fazer caminhando, são mais ou menos uns 20 minutos de caminhada pra ir e mais 20 pra voltar, todo esse trajeto é feito pela praia. No trajeto da Pedra Furada que sai caminhando da Vila, o percurso é bem mais longo, são mais ou menos uns 40 minutos pra ir e mais 40 pra voltar. A caminha até a Pedra Furada é bem longa e cansativa, por isso é bom ir preparado e bem hidratado. Lá na Pedra você vai poder usar a criatividade para tirar fotos nas mais diversas poses📸, dá pra fazer muitas fotos legais.
      Na Árvore da Preguiça é feita uma paradinha rápida para poder tirar fotos. A árvore fica no meio do nada, é bem interessante. Dá pra tirar muitas fotos bacanas também📸. Outro ponto do passeio é a praia do Preá, nessa praia também a parada é rápida, apenas para algumas fotos📸. O Preá tem uma estrutura muito boa de restaurantes, por isso optamos por almoçar lá, pois os preços são bem mais em conta que na Lagoa do Paraíso.
      No período que fomos (no final de maio agora), as lagoas estavam muito cheias, devido as fortes chuvas do primeiro semestre, por isso não deu pra aproveitar muito, principalmente a Lagoa Azul, pois a água estava muito turva, não estava legal nem pra tomar banho e nem pra tirar fotos. Na Lagoa do Paraíso fomos no Alchymist. O Alchymist é o local mais badalado e mais procurado de Jeri, as pessoas costumam ir lá pra tirar aquela foto que vai arrasar no insta📸. A barraca tem uma estrutura extraordinária, coisa de outro mundo, é tudo muito lindo lá, parece coisa de cinema. Pena que dessa vez a Lagoa estava muito cheia, por causa das fortes chuvas que aconteceram no primeiro semestre, isso acabou comprometendo um pouco a beleza do lugar. Mas a vibe da Alchymist é surreal, é um ambiente muito agradável, com um dj tocando músicas bem animadas. A barraca fica na Lagoa do Paraíso, além dessa barraca tem várias outras opções, por isso, se você não quiser ir na Alchymist, é só pedir ao bugueiro para lhe levar em outra barraca. Os preços da barraca são bem elevados, por isso vá com seu bolso preparado💸💸💸.
      A Lagoa do Amâncio é um dos pontos em Jeri onde você pode encontrar água bemmmmm cristalina. Por incrível que pareça, essa Lagoa é formada por água das chuvas, e com o passar do tempo, conforme o período de chuvas vai passando a Lagoa vai sumindo. Atualmente a Lagoa do Amâncio é um dos poucos locais onde você pode encontrar água cristalina. Devido às chuvas intensas do primeiro semestre, as demais Lagoas estão muito cheias e com a água turva, por isso, na hora do passeio vale a pena priorizar e reservar mais tempo para Lagoa do Amâncio. Nós fomos na Lagoa do Amâncio quando fizemos o passeio do Lado Leste. Essa Lagoa não está inclusa no passeio do Lado Leste, mas pedimos o bugueiro para nos levar até lá, pois é caminho dos demais passeios. O guia gentilmente nos levou sem cobrar nenhum custo adicional. Tomem cuidado pois alguns bugueiros querem cobrar para fazer apenas o passeio da Lagoa do Amâncio.
      Em Jeri também a duna do pôr do sol, que é onde as pessoas se reúnem no final da tarde para apreciar um belo pôr do sol. Como tudo que é bom dura pouco😁😁😁, é bom chegar cedo na duna, por volta das 17 horas, pois o sol se põe muito rápido. Você não vai querer perder uma belezura dessas né?! Apesar da duna ficar lotada, não se preocupe, tem espaço pra todo mundo tirar aquela fotinha especia 📸. Esse é um cenário que vale a pena apreciar todos os dias que você estiver por lá, cada dia é um espetáculo diferente da natureza😉
      Um ponto de destaque de Jeri é a segurança, você pode andar a qualquer hora do dia ou da noite, é tudo muito seguro por lá. A Vila é bem pequena, os hotéis e pousadas que ficam dentro da Vila são todos bem localizados, não precisa se preocupar. A gastronomia de Jeri também é maravilhosa, tem opções para todos os gostos e bolsos, desde os tradicionais frutos do mar até massas, pizzas e tudo mais que você imaginar. Os restaurantes que mais gostamos foram o Na Casa Dela e o Dona Amélia,  nos dois a experiência foi incrível. Resumindo, Jeri é uma cidade incrível, tem uma energia muito boa, vale muita a pena conhecer😍😍😍. Quem tiver alguma dúvida é só deixar aqui nos comentários.😉
      No meu instagram tem dicas, fotos, vídeos e os preços dos principais passeios e restaurantes de Jeri. Quem quiser pode conferir minha viagem completa lá: www.instagram.com/turistainiciante
    • Por Luan Torres
      E aí pesoal! Beleza? Então,eu tô indo agora dia 11/07 para o Ceará prestar um concurso público, e como a grana é curta tive que  comprar passagem pra ficar uma semana em Fortaleza porque era a passagem mais barata(mesmo a prova sendo apenas um dia), gostaria de saber se alguém aqui conhece algum local que eu possa fazer CouchSurfing ou um Trabalho Voluntátio em troca de acomodação e, quiçá, alimentação? Qualquer informaçãoserá válida, valeu galera!!!


×
×
  • Criar Novo...