Ir para conteúdo

Vistos e passagens de ida (e volta)


Luana Knorst

Posts Recomendados

  • Membros

Bom dia!

Uma das coisas que mais me incomoda no meu planejamento da viagem é quanto aos vistos e passagem de ida e volta. Normalmente quando entramos em um país, eles já querem ver uma passagem de volta para casa, ou pra outro país. Estamos planejando em viajar para a Tailândia no final de fevereiro, nossa viagem vai durar +/- 5 meses e pretendemos ver todo o Sudeste Asiático. Porém ainda nao sabemos qual vai ser o próximo ponto, somente sabemos que iremos comecar na Tailândia.

É meio chato ter que comprar a próxima passagem, se ainda nao sabemos pra onde vamos depois.

Isso é um impecilho para entrar nesses países? 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

@Luana Knorst planejamento serve pra isso, pra voce ter uma noçao de quanto tempo passará em cada lugar. Por mais que voce tenha em mente que vai pra vários países, voce tem noçao de quanto tempo pretende passar em cada um.

Se voce nao tiver uma passagem de volta para o Brasil ou de saída da Tailandia voce poderá ser barrada de embarcar aqui mesmo no Brasil. Entao faça o planejamento do seu roteiro e veja quanto tempo pretende ficar na Tailandia pra poder comprar a passagem pro proximo país. Se tem dúvida sobre a data exata, compre a passagem alguns dias pra frente. E outra, se voce deixar pra comprar as passagens aereas em cima da hora vai acabar pagando muuuuuito mais caro do que se comprasse antecipadamente.

Resumo da ópera, pra sair do Brasil voce ja precisa ter uma passagem de saída da Tailandia. Ao embarcar da Tailandia para o proximo país voce tambem precisa ter uma passagem de saída desse país em questao e assim sucessivamente. Nao caia na besteira de achar que vai embarcar sem essa passagem de saida que numa dessas vc terá que comprar uma passagem às pressas na fila do checkin e pode acabar até perdendo o voo no qual voce pretende embarcar.

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Ao chegar na imigração, a primeira pergunta que os agentes costumam fazer é perguntar quanto tempo você vai ficar, algumas vezes só responder a data resolve, mas muitas vezes você tem que apresentar as passagens para comprovar o que você falou.

Não saber responder quando vai embora do país sempre será visto com bastante suspeitas, você até pode conseguir ter a entrada autorizada, mas vai precisar de um pouco de sorte e gastar bastante saliva para convencer os agentes da imigração.

E viajar contando com a sorte para as coisas darem certo, é receita perfeita para tudo dar errado e você se ferrar e gastar um monte de dinheiro não previsto, o que pode fazer com que vocês tenham que interromper a viagem bem antes dos 5 meses por que o dinheiro acabou muito antes devido a falta de planejamento de vocês.

Tem outro complicador, quando você você é barrado, a companhia aérea é obrigada a lhe levar de volta no próximo voo disponível, e como isto é um custo elevado para a companhia aérea, a maioria das companhias aéreas cria bastante restrições para você embarcar só com passagem de ida.

Ou seja, com uma passagem só de ida, existe grande chance de você nem conseguir sair do Brasil devido a companhia aérea recusar o seu embarque alegando que você não tem passagens de volta ou indo embora.

Ou seja,  é um negócio meio chato, mas ao menos as passagens para fora da Tailândia você precisa apresentar.

Mas como há muitas companhias aéreas low-cost no Sudoeste Asiático,  comprar uma passagem para outro país não costuma ser caro, e se você mudar de ideia depois, o dinheiro gasto nestas passagens não seria tão grande assim para você simplesmente descartar estas passagens e comprar outras.

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Nossa gente, muito obrigada! Eu nem sabia que é difícil sair do país de origem sem viagem de volta ou saída do país hehe... Sempre viajei só com viagens de ida, mas na Ásia deve ser mais complicado mesmo! 

Obrigada pela resposta de vcs, vcs me ajudaram muito! :)

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...
  • Membros

Entao gente, só um update de como ficou:

Compramos uma passagem de Frankfurt para Pequim, com conexao de 19 horas (pra visitar a cidade no visto de 72 - 144 horas) e de Pequim pra Hanoi por 280 euros, ida e volta. Ficou MUITO barato. Compramos em uma promocao da Air China.  

Já vou comecar a ir dormir cedo uma semana antes, pra conseguir dormir as 2:30 da tarde e chegar em Pequim com energia as 6 da manha :)

Aí pro Vietna tiramos o visto de 30 dias, e vamos de ônibus até o Cambodja e Tailândia. Ainda queremos visitar as Filipinas, entao antes de chegar na Tailandia vamos comprar um voo pras FIlipinas, e assim por diante... E a volta também é por Hanoi - China... 

Assim resolvemos todos os nossos problemas de visto :)

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Pequim tem 2 aeroportos, confira se você está chegando e saindo pelo mesmo aeroporto, pelo que eu sei, o visto de transito só vale para entradas e saídas pelo mesmo aeroporto.

Um conselho, fique de olho nos preços das passagens para as Filipinas e de Hanói, etc, para vocês não chegarem na última hora, faltando uma ou duas semanas, e descobrirem que as passagens estão custando uma fortuna e que elas irão consumir muito do seu dinheiro.

Diferente dos ônibus que tem preço mais previsível, passagens de avião tem preços bastante imprevisíveis, as vezes você tem sorte e consegue comprar uma passagem com preço aceitável uma ou duas semanas antes do voo, mas também pode acontecer de já 30 dias antes da data desejada os preços estarem absurdamente altos.

Então é bom ir monitorando os preços de vez em quando, uma ou duas vezes por semana durante a sua viagem, para você ter uma ideia dos preços reais e atuais, e se você perceber que os preços estão começado a subir muito, você compra já e não fica esperando muito tempo.

Ficar monitorando os preços também permite que você possa fazer ajustes no seu roteiro, se nos dias desejados os preços estiverem muito caros, você pode dar uma olhada em uma semana antes ou depois e ir ajustando o seu roteiro de acordo com as passagens que conseguir comprar.

 

 

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 3 semanas depois...
  • Membros

Luana, também passei 5 meses no Sudeste Asiático. Na cia aérea ainda no Brasil, pra te deixar embarcar, eles vão pedir a sua passagem de volta. A passagem de volta não precisa ser necessariamente do mesmo lugar/país que vc foi. Você pode dizer que vai visitar vários países e vai voltar de outro lugar, e não terá problema.  Eu cheguei pela Tailândia e na imigração não me pediram nada, só que na cia aérea já tinham feito essa conferência. Para os outros países, só tive essa necessidade em Myanmar. Para os outros países se vc estiver entrando via terrestre não tem necessidade de comprar passagem de saída, então pode deixar bem flexível e não precisa se preocupar, pq é bem comum as pessoas mochilarem sem roteiro definido. Porém os deslocamentos entre países via aérea é sempre bom ter a passagem de saída, pq a cia aérea normalmente solicita, e se vc não tiver vai ter q comprar uma na emergência ou eles não vão te deixar embarcar mesmo. 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...