Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Laguna Los Perros (Ushuaia, Argentina) - fev/20


Posts Recomendados

  • Membros de Honra

20200220_155044(0).thumb.jpg.c440e9178a80506ca93cd93b9b8ee1a7.jpg

Laguna Los Perros

Início: curva La Herradura na RN3
Final: RN3
Distância: 10,1km
Duração: 2 dias
Maior altitude: 886m no mirante dos lagos San Ricardo, Santa Laura e Fagnano
Menor altitude: 284m no início da trilha
Dificuldade: fácil para quem está acostumado a longas travessias com mochila cargueira. O desnível de 602m do primeiro dia é bastante gradual.

Numa das tantas caronas que peguei no portal de Ushuaia para chegar ao início das trilhas um dos motoristas me deu a dica da Laguna Los Perros, da qual eu não tinha nenhuma informação. Depois de pesquisas na internet tracei um percurso que subiria da RN3 a essa laguna, continuaria pela crista do Cerro Verde e desceria às Lagunas Gemelas para terminar em outro ponto da RN3. Mas na prática não foi tão simples e acabei executando só uma parte do plano, mas já valeu muito a pena.

1º DIA - 20/02/20 - de La Herradura à Laguna Los Perros e mirante do Lago San Ricardo

Distância: 6,7km
Maior altitude: 886m no mirante dos lagos San Ricardo, Santa Laura e Fagnano
Menor altitude: 284m no início da trilha
Resumo: nesse primeiro dia de caminhada subi da rodovia RN3 à Laguna Los Perros num desnível de 311m. Continuei subindo até o mirante dos lagos San Ricardo, Santa Laura e Fagnano em mais 291m de desnível. Voltei à Laguna Los Perros e acampei um pouco acima dela com muito vento.

Saí do hostel às 9h05. Os dias longos do verão no extremo sul do continente deixam a gente bem relaxado com relação ao horário das caminhadas. Há luz do dia até depois das 21h30 nessa época (fevereiro). 

Na Rua Gobernador Deloqui, no centro de Ushuaia, peguei o ônibus da linha B (poderia ser o da linha A também, porém na Avenida Maipu) e desci no ponto final junto ao portal da cidade (saída para Rio Grande). Em frente ao ponto final fica o posto policial e ao passar por ele somos sempre "convidados" a entrar e registrar nome, documento e destino. 

Logo depois do portal as pessoas ficam pedindo carona. Já havia gente ali e me posicionei depois delas para respeitar a ordem de chegada. Demorou bastante dessa vez (1h20). Antes parou um carro com duas senhoras mas não iam até o Passo Garibaldi. Às 11h07 parou um carro para mim, o motorista ia para Rio Grande. Muito gente boa, fomos conversando o tempo todo. Ele parou às 11h49 no Passo Garibaldi porque queria tirar fotos no Mirador do Lago Escondido. Muita gente nesse mirante. Dali se avista também o Lago Fagnano. Só mais 2,5km e ele parou num recuo à direita para eu descer. Essa curva fechada da estrada se chama La Herradura e ali inicia a trilha da Laguna Los Perros. Mas antes cruzei a rodovia e fui tirar mais fotos do Lago Escondido em outro mirante, esse sem ninguém. 

20200220_181021.thumb.jpg.3e7a085ee9f16316ad1810a5b7cb49cd.jpg

Mirante dos lagos San Ricardo, Santa Laura e Fagnano

Entrei na trilha às 13h05. Altitude de 284m. Uma placa ali informa a altitude da laguna (600m) e a distância (5,8km ida e volta). Lá do mirante vi quando um carro parou na entrada da trilha e duas garotas com mochila pequena entraram nela, mas não cheguei a alcançá-las. Logo a trilha se aproxima do riacho à esquerda e surge uma ponte de tabuinhas sobre um tronco (Puente La Oruga = a lagarta) onde cruzei para a margem direita verdadeira. A trilha está bem marcada e até sinalizada, mas tem lama demais. Aponta na direção sul e sudeste. 

Às 13h37 cruzo um riacho pelas pedras. Logo saio do bosque e visualizo as montanhas no final do vale. Aparece uma curiosa sinalização feita com tampinhas coloridas pregadas nos troncos. E também começam as famigeradas castoreiras, represas construídas por castores que arrasam com o bosque ao redor. Cruzei mais dois bosques com água corrente e às 14h30 parei numa cachoeira.

Continuei às 15h16. A subida pela esquerda da cachoeira foi por uma turfa bem molhada. A turfa é uma vegetação encharcada e esponjosa composta de musgos, juncos e gramíneas. É bem ruim de caminhar pois afunda e molha os pés, além de cansar bastante.

Havia uma castoreira abaixo e vi um castor nadando nela. Agora num nível mais alto do vale cruzei outro bosque e depois um riacho por um tronco. Subi mais e alcancei às 15h50 um grande platô onde está a Laguna Los Perros. Laguna bonita num lugar alto e bem tranquilo. Altitude de 595m. As duas garotas já a estavam contornando pela direita, depois não as vi mais. Até aí o dia estava bonito, com céu azul. Percorri a margem direita (oeste) e subi um pouco mais. A intenção era alcançar um outro mirante com vista para os lagos San Ricardo, Santa Laura e Fagnano. Havia uma trilha que se dirigia para a direita (oeste) mas esse mirante ficava à esquerda (leste).

Passei a caminhar sem trilha na direção sul-sudeste. Cruzei um riacho e me dirigi a uma quedinha-d'água. Subi à direita dela. Não encontrei trilha e tampouco havia totens. Continuei subindo na direção leste. Ao me deparar com uma grande ladeira de pedras desviei para a direita, mas subi tentando não me afastar muito dela. No alto dessa ladeira um mar de pedras sem trilha. Continuei na direção leste e a paisagem foi se abrindo para um lado ainda desconhecido. Fiz uma curva fechada para a esquerda (norte) e cheguei às 18h ao mirante. Altitude de 886m. Vista magnífica dos lagos San Ricardo, Santa Laura e Fagnano para nordeste. Além deles visão de montanhas em todo o horizonte em 360º. Com certeza o mirante mais abrangente e de maior alcance de todos os trekkings que fiz em Ushuaia (não foi o de maior altitude). 

Depois da laguna o céu havia fechado, mas não havia sinal de chuva no horizonte. Em questão de minutos estava tudo branco em várias direções e começou a chover. Vesti a roupa impermeável e comecei o retorno antes que viessem raios também (dias depois houve uma tempestade elétrica em Ushuaia, algo bem incomum na cidade e que chegou ao noticiário). Na volta à Laguna Los Perros desci pela ladeira de pedras e não foi tão ruim. Peguei da água que descia pela ladeira. Conhecendo o caminho levei 1h para retornar a ela (na ida foi muito mais pela ausência de trilha e de totens). Há bem poucos lugares planos, secos e protegidos do vento para acampar perto da laguna. 

Altitude de 607m.

Temperatura mínima durante a noite fora da barraca: 7,3ºC

20200221_141324.thumb.jpg.043451b4f66dec302b93d53d1eec6d56.jpg

Laguna Raquel

2º DIA - 21/02/20 - da Laguna Los Perros à RN3

Distância: 3,4km
Maior altitude: 705m na Laguna Raquel
Menor altitude: 375m na RN3
Resumo: nesse dia tentei subir da Laguna Los Perros ao cume do Cerro Verde mas não completei a subida. Da Laguna Raquel (subida de 110m desde a Laguna Los Perros) desci à rodovia RN3 um desnível de 330m, onde peguei carona para voltar a Ushuaia.

No meio da noite acordei com as rajadas fortes de vento. Ainda bem que consegui um lugar entre os arbustos para amenizar um pouco. O dia amanheceu ainda cinzento mas sem chuva. Uma cachoeira ao lado da laguna tinha a água lançada para cima pelo vento. 

10h da manhã: 13,6ºC

Desmontei acampamento e saí às 12h31 subindo pelo mesmo caminho do dia anterior mas continuando pela trilha marcada para a direita (oeste) dessa vez. Alcancei às 12h52 um outro lago, a Laguna Raquel, e os totens aparentemente terminavam aí. Altitude de 705m. Minha intenção era subir ao cume do Cerro Verde, a crista ao norte da Laguna Raquel que divide o vale da Laguna Los Perros (leste) do vale onde passa a rodovia RN3 (oeste).

Embora sem trilha a subida continuava fácil. Até que cheguei num ponto em que a crista era estreita, bem ruim de caminhar e com queda lateral alta. Para a frente uma elevação íngreme de pedras e lajes soltas. Não estava seguro caminhando ali. Também não conseguia ver um caminho descendo para a esquerda (oeste) e se avançasse teria que voltar tudo pela crista. 

Decidi parar e retornar. De volta à Laguna Raquel às 14h20 resolvi procurar por totens apontando para oeste e encontrei! Era uma trilha desconhecida e pouco usada, mas resolvi arriscar - se sumisse de repente eu ainda teria tempo de voltar pelo mesmo caminho do dia anterior. Ela percorreu a encosta oeste da montanha e desceu suave até entrar num bosque às 14h50. Havia água e parei para um lanche. Com trilha marcada dentro do bosque fiquei mais confiante de que daria certo. 

20200221_112531.thumb.jpg.9adf0a379f9580b8dd19bd564285b8fa.jpg

Laguna Los Perros

A trilha ficou bem mais inclinada dentro do bosque. Num certo ponto havia até um cabo de aço para dar apoio, mas com o chão seco não foi preciso usá-lo. Havia sinalização de várias cores nas árvores. De tão pouco usada cresceu uma vegetação baixa bem no meio da trilha. Às 15h26 a trilha terminou na estradinha do gasoduto e eu comemorei o sucesso da aventura. Fui para a direita na estradinha por 880m e após uma ladeira mais inclinada de pedras soltas alcancei a RN3. Altitude de 375m.

Como era uma curva, subi cerca de 200m e fiquei numa reta para conseguir carona mais fácil. Logo apareceu um caminhão e o motorista reduziu a velocidade antes mesmo de eu levantar o dedo! Acho que queria muito uma companhia para conversar. Era um caminhão muito alto, foi até difícil subir nele. Estava carregado de pedras, muito pesado, e desceu muito devagar. Ele teve tempo de reclamar muito da economia na Argentina. Morava em Buenos Aires perto de uma "villa" (favela) e decidiu se mudar para Ushuaia para ter mais qualidade de vida. Às 17h ele me deixou perto do portal porque ia pesar o caminhão antes da cidade. Imediatamente outro caminhoneiro me viu e parou para me levar até um ponto de ônibus mais perto do centro. Salve a gentileza desse povo!

Informações adicionais:

. para chegar ao início da trilha deve-se tomar o ônibus das linhas A ou B no centro de Ushuaia e saltar no ponto final no portal da cidade, em seguida pedir carona (hacer dedo, em espanhol)

. o valor da passagem em fev/20 era ARS24 (R$1,50) que deve ser pago obrigatoriamente com o cartão de transporte SUBE (o mesmo de Buenos Aires e Bariloche)

. não há opção do serviço de transporte Linea Regular que sai diariamente da esquina das ruas Maipu e Juana Fadul pois não há itinerário até o Passo Garibaldi

Rafael Santiago
fevereiro/2020
https://trekkingnamontanha.blogspot.com.br

 

1409534303_LagunaLosPerros-GE2.thumb.JPG.7a2a2ba5ca668bd0db3d122d79894c0f.JPG

  • Gostei! 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Silnei featured this tópico

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...