Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Quem não aguenta mais remarcar passagens e quando a malha voltará ?


Posts Recomendados


  • Membros

@D FABIANO como eu falei é uma questão de arriscar

se eu não for em setembro só vou conseguir ir ano que vem e vou ter que comprar outra passagem aérea e o hotel já avisou que vai reajustar os preços

sobre a 2a onda acredito sim ser possível, mas até agora os lugares que reabrirarm ainda não mostraram isso acontecendo, dou exemplo da europa, onde o turismo intra europeu já está aberto e sem nenhum caso relevante de 2a onda. Tenho uma amiga que mora na grécia e ela está passando suas férias de verão na frança

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
1 hora atrás, FCRO disse:

@D FABIANO como eu falei é uma questão de arriscar

se eu não for em setembro só vou conseguir ir ano que vem e vou ter que comprar outra passagem aérea e o hotel já avisou que vai reajustar os preços

sobre a 2a onda acredito sim ser possível, mas até agora os lugares que reabrirarm ainda não mostraram isso acontecendo, dou exemplo da europa, onde o turismo intra europeu já está aberto e sem nenhum caso relevante de 2a onda. Tenho uma amiga que mora na grécia e ela está passando suas férias de verão na frança

A diferença, é que aqui na Europa eles liberaram o turismo e viagens quando a taxa de contágio já estava baixa, mas no Brasil estão reabrindo quando a taxa de contágio ainda está alta, e isto aumenta em muito a possibilidade de uma segunda onda de contágios e todo o sacrifício feito até agora pode acabar sendo em vão.


Quando liberaram o turismo intra-europeu, a taxa de contágio estava em 0.80, ou explicando de outra forma, 100 infectados transmitiam o Covid para 80 outras pessoas, ou seja, a transmissão estava sob controle e diminuindo a propagação e caminhando para a erradicação do surto.

Mas no Brasil a taxa de contágio ainda está em 1.15, ou seja, 100 infectados transmitem Covid para 115 outras pessoas, ou seja, ainda está aumentando o numero de casos, tanto que alguns estados como o Paraná por exemplo, voltaram a decretar fechamento do comércio, depois que o número de casos aumentou muito depois da reabertura do comércio.
 

A União Europeia propôs um gatilho para interromper novamente o turismo caso a taxa de contágio volte a subir e ficar acima de 1.00.

Na verdade depois da reabertura houve uma segunda onde de infecções em algumas regiões aqui da Alemanha, e estas regiões voltaram a fechar e ter viagens proibidas. Por enquanto ainda é algo bem localizado, e estão tentando controlar a situação com lock-down somente das regiões afetadas, mas se não conseguirem controlar com o lock-down local, a Angela Merkel já avisou que o lock-down geral pode voltar...

 

Mas se você achar que vale a pena arriscar agora, sem problema, só não vale ficar reclamando depois caso tenha problemas e precise cancelar ou alterar a viagem...

  • Gostei! 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

https://g1.globo.com/bemestar/coronavirus/noticia/2020/07/09/casos-e-mortes-por-coronavirus-no-brasil-9-de-julho-segundo-consorcio-de-veiculos-de-imprensa.ghtml

 

Como o número de novas mortes tem variado nas últimas duas semanas:

  • Subindo: PR, RS, SC, MG, DF, GO, MS, PI, RN
  • Em estabilidade: SP, AM, RR, TO, AL, BA, CE, MA, PB, PE, SE
  • Em queda: ES, RJ, AC, AP, PA

    Sul

    • PR:+67%
    • RS:+77%
    • SC:+33%

    Sudeste

    • ES:-16%
    • MG:+66%
    • RJ:-21%
    • SP:0%

    Centro-Oeste

    • DF: +42%
    • GO:+64%
    • MS:+88%
    • MT:-

    Norte

    • AC:-35%
    • AM:+7%
    • AP:-25%
    • PA:-45%
    • RO:-
    • RR:+15%
    • TO:+15%

    Nordeste

    • AL:+9%
    • BA:+13%
    • CE: 0%
    • MA:-9%
    • PB:+9%
    • PE:-13%
    • PI:+50%
    • RN:+28%
    • SE:+15%

       
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

apesar dos dados expostos acima, vi essa informação em outro fórum:

Hoje dia 10/07/2020 o Aeroporto de Guarulhos vai ter uma média de 140 decolagens. Maior número, desde quando começou a pandemia. 

 

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Exato, o que estamos falando é a incerteza da atual situação, onde apesar das companhias aéreas estarem retomando lentamente os voos, a demanda ainda está muito baixa, e com os surtos indo e voltando em diferentes estados, as companhias aéreas estão ajustando quase semanalmente as rotas, aumentando a frequência de voos onde a ocupação está aumentando, reduzindo e cancelando novamente onde os números de passageiros não tem se mostrado viáveis por enquanto.

Se você for voar entre São Paulo e alguma capital, provavelmente você não vai ter problema, pois mesmo no auge da crise as companhias aéreas mantiveram os voos entre São Paulo e a maioria das capitais, o maior risco é nos voos fora das capitais, estes são mais sujeitos a cancelamentos e mudanças.

Outro problema são os voos de conexão, com a frequência reduzida, muitas vezes limitada a 1 voo por dia para alguns destinos, a sua conexão pode não ser possível ou viável, pois a conexão é só no dia seguinte.

Um amigo meu que é piloto na Gol comentou que estão meio frequentes os cancelamentos de voos com poucos dias de antecedência pela total falta de passageiros em alguns dias e horários, ele conta que nesta semana fez um voo totalmente vazio de volta do Nordeste para São Paulo, e teve outra escala de trabalho cancelada por que só tinha meia-duzia de passageiros previstos no voo.

Isto tudo está causando muitas mudanças de horário e cancelamentos de voos, o que combinado com a incerteza de que não vai haver um surto no destino da viagem nas próximas semanas e tudo voltar a fechar, está causando muita incerteza para quem pretende viajar nos próximos meses, e a maioria das pessoas não está disposta a correr este risco ou lidar com esta incerteza toda.

Também estou torcendo para que volte a normalidade o quanto antes, mas viajar para algum lugar mais distante nos próximos meses vai envolver muita incerteza e risco de mudanças de última hora, se você não se importar com este risco, sem problema, você só precisa estar ciente da possibilidade de os seus planos mudarem ou serem cancelados de última hora, para não acabar frustrado como o nosso colega Dan Wollker está com os constantes cancelamentos e mudanças de voos que ele tem sofrido.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 1 mês depois...
  • Membros

Putz vc pegou? ainda bem que ta bem...   o lado bom eh que praticamente ja tem imunidade. Entao ja pode viajar mais tranquilo...   diferentemente dos outros que ainda viajarao com receio.... eu mesmo to na duvida como vou entrar no aviao... nao sei se compro um cilindro de oxigenio.kkkkkk....   pois nao confio no ar condicionado do aviao que eles dizem ser superseguro...

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...