Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Novos Tópicos

Visitante
What's on your mind?
  1. Denunciar esta mensagemResponder com citaçãoFeriado em Algodoal-PA

    por mapaes em Seg Abr 04, 2005 7:05 pm

     

    Roteiro detalhado da viagem à Ilha de Algodoal-PA.

    Data: 24/03/2005 (19:00) à 27/03/2005 (17:00) - Semana Santa

    No final de tudo, daremos mais informações de preços e como chegar.

    RESUMO

    Seu nome é Ilha de Maiandeua, mas todos a conhecem por Ilha de Algodoal. Maiandeua tem origem no Tupi e significa "Mãe da Terra". Algodoal é, também, o nome da maior vila, das quatro que existem na ilha. As outras três são Fortalezinha, Camboinha e Mocooca.

    A Vila de Algodoal é a principal por ser a maior, a que possui a melhor infra-estrutura para acomodação de turistas e, conseqüentemente, a que recebe mais visitantes. Estas quatro vilas são separadas entre si por porções de manguezais e seccionadas em alguns pontos por canais de maré.

    A energia elétrica somente foi introduzida na ilha em janeiro de 2005 e o abastecimento de água é realizado por meio de poços artesianos que fornecem água de excelente qualidade.

    Os meios de transporte existentes são a bicicleta, o barco (a motor ou a remo) e a carroça puxada por cavalo ou jegue. Veículos terrestres motorizados não podem entrar na ilha.

    É conhecida como a Ilha do Reggae aqui no Pará. Tem também muito carimbó (ritmo da região). É freqüentada também por uma galera alternativa (que não é o nosso caso, mas nada contra). Não existe polícia, mas briga não se vê. Agora cada cabeça faz o que quer....Local muito simples mas com pessoas muito hospitaleiras. A beleza natural é fantástica. No local, quase não se usa celular, relógios e outras coisas do gênero. A máquina fotográfica é indispensável para registrar tudo de bom que a ilha proporciona. Seja bem vindo (a)!

    Retirado do site http://www.algodoal.com.br (com adaptações)

    MEU ROTEIRO DE VIAGEM

    1º dia: quinta, 24/03

    Saída de Belém à Marudá

    Nesta viagem participaram 5 pessoas. Eu, minha namorada e mais 3 amigos (Bruno, Lica e Valéria). Resolvemos ir de carro pois sairia mais barato do que de ônibus. Gastamos R$ 90,00 ida e volta. Se fossemos de ônibus ou van, gastaríamos no mínimo R$ 120,00 ida e volta. Saímos às 19:15 pegando a BR 316 rumo a cidade de Castanhal-PA, levando em torno de 1 hora. De Castanhal, pega-se uma rua que te leva a PA-318. até chegar à Marudá. Este percurso, leva-se em torno de 2 horas. Levamos um pouco mais de tempo, pois estava chovendo muito. Chegamos em torno das 23:30.

    Saída de Marudá à Algodoal

    Nossa viagem de carro acaba aí, pois a travessia é de barco e como falado acima, não é permitido carro ou moto na ilha. Então o carro pode ser deixado no estacionamento em hotéis próximo ao porto de Marudá. É cobrado em torno de 4 a 5 reais a diária do carro. Andamos cerca de uns 100 metros até o porto. Compramos nossa passagem que foi de R$ 4,00 por pessoa. Nesta época a travessia não pára a noite. Agora pense numa aventura de travessia de 45 minutos num barco pôpôpô (um barco pequeno que faz esse barulho pôpôpô). Tem colete salva-vidas, mas nestes feriados geralmente os barcos vão lotados.

    A viagem foi com chuva mas os barcos tem lona para cobrir (mesmo assim é bom levar um saco para proteger pertences como carteira, máquinas, etc). Leve também lanterna, pois o barco às vezes é escuro e quando chegar à ilha, é bom ter lanterna, pois as ruas são bem escurinhas (um dos charmes de Algodoal).

     

    Chegamos à ilha por volta das 00:15. Não existe porto. Então, descemos pisando na água mesmo com ajuda das próprias pessoas do barco ou com ajuda dos nativos. A caminhada até as pousadas, casas e hotéis leva em torno de 15 minutos andando pela areia da praia. A vila de Algodoal possui várias ruas, mas todas de areia. Para quem não quer andar muito pode-se alugar uma carroça puxada por jegue ou cavalo. Os nativos levam sua bagagem e de outras pessoas por R$ 5,00 reais. No caminho tinha uma festa de reggae num local chamado Raízes do Mangue, pois fica bem em cima de um mangal! Parecia estar muito boa.

     

    Existem várias pousadas e hotéis na cidade. Algumas são bem simples, outras até já tem ar condicionado). Nossos 3 amigos foram para uma delas (Pousada do Melo) e pagaram por 3 diárias R$ 200,00. Nós fomos para o camping de Algodoal e pagamos R$ 15,00 reais o casal levando nossa barraca. Usando a barraca deles, sai por R$ 20,00 o casal.

     

    Depois de montar a barraca e arrumar tudo, saímos para lanchar um sanduíche. Atenção: tudo em algodoal é mais caro do que em Belém. Uma coca de 2L custa em torno de R$ 4,00, Água mineral de 1,5L sai por R$ 2,00. Fomo dormir, pois já era 03:00! Gastamos (nós 4) no lanche em torno de R$ 16,00

     

    2º dia: sexta, 25/03

    Amanheceu nublado e ficou assim durante quase todo o dia. Acordamos por volta das 10:30. Fomos tomar café da manhã em uma barraquinha. Café com leite + 2 pães pequenos com ovo sai por R$ 2,00. Tapioquinha c/ manteiga sai por R$ 0,50. Voltamos ao camping e aguardamos a chegada dos nossos amigos para irmos à Praia da Princesa (que é a mais bonita e onde a maioria vai). A caminhada até a praia leva em torno de 20 minutos, pois o início da praia não é tão boa pro banho. No caminho, temos que passar por pedras na areia e um pequeno lago que bate nas canelas. Obs: quando este lago está cheio, só é possível passar de canoinha. Após o laguinho, temos que decidir entre continuar caminhando pela praia ou pegar um atalho por uma pequena trilha. Obs: quem não quiser ir andando, pode ir de carroça. Paga-se em torno de R$ 5,00, mas é dividido por todos.

     

    Gente, a paisagem é belíssima!!! A areia é branca como algodão e pode-se ver a todo momento, garças, e outros pássaros pela praia. Existem algumas barracas onde pode-se tomar uma cerveja bem gelada,

    ou deliciar-se com um tira-gosto. Chegamos em torno de 13:00. Pensamos em ir até o Lago da Princesa (em torno de mais uns 20 minutos de caminhada). É um lago de águas escuras que nem da coca-cola e bem gelada!. Serve pra tirar a ressaca e o sal do corpo. Pra chegar, passa-se por uma trilha de areia. O visual é belíssimo.

    Por volta das 17:00 uma das barracas da praia estava lotada com uma banda de Reggae. Lembre-se que o Reggae comanda o local juntamente com o carimbó! Ficamos até umas 18:30! A volta é pelo mesmo caminho em que viemos e atravessando com a ajuda da canoinha. A travessia dura 1 a 2 minutos e paga-se em torno de R$ 0,50 por pessoa. Chegando ao camping, comemos alguma coisa, e fomos dormir em nossa barraca para se preparar para mais tarde.

     

    Por volta das 23:30, levantamos e nos arrumamos para sair novamente. Fomos andar pela ilha atrás de badalação. Leve repelente e lanterna quando sair a noite principalmente. Paramos num local chamado Só Carimbó, lá você pode ver o "Chico Braga", que é um nativo barbudo muito conhecido como um dos ícones do carimbó na ilha. Depois disso fomos até o bar Lua Cheia, bem à beira da praia. Ouvimos bastante reggae com Rafa Reggae e Cristal Reggae. Tinha uma galerinha meio afastada do povo que estava fumando uma erva, mas não curtimos isso. Obs: em Algodoal as pessoas fazem o que dá na cabeça, mas cada um na sua sem perturbar o outro... mas mudando de assunto, a lua estava maravilhosa!!! Então curtimos nosso 1º ano de namoro juntinhos bebendo a cerveja que levamos de Belém, e fumando nosso cigarro de cravo Gudang Garam. O Tempo foi passando e a fome foi chegando. Já era 05:30 da manhã. Resolvemos comer alguma coisa. Fomos em vários lugares mas já estava fechando. Então achamos uma lanchonete aberta em frente à Pousada do Atlântico (na nossa opinião a melhor pousada da ilha). Comemos um chesse-eggs e Fomos dormir....

     

    3º dia: sábado, 26/03

    1º ano de namoro! O tempo estava divino. Acordamos com um solzão em nossa cara! Tomamos um café no camping mesmo. Aguardamos nossos amigos chegarem, pois o camping era mais próximo da praia. Estávamos planejando conhecer Fortalezinha (uma praia deserta) que fica umas 2 horas de caminhada de ida, mas desistimos por vários motivos como o sol quente, e não formamos um grupo e nem tínhamos guia pra nos levar.

     

    Fomos então a Praia da Princesa novamente e curtimos tudo de bom que a praia pode nos dar. Nos deliciamos com um belo tira-gosto de peixe (R$ 14,00), porção razoável. O sol estava queimando. Resolvemos dar um mergulho e para tirar o sal, cada barraca dispõe de um poço artesiano onde qualquer pessoa pode se refrescar.

    Tomamos umas cervejas Cerpa e final da tarde fomos novamente para a barraca que toca reggae ao vivo com Rafa Reggae. Estava anoitecendo. Atravessamos no mesmo esquema das canoinhas. Só que a canoa parou em outro ponto onde tivemos que passar por uma pequena trilha de pedra (quem estava sem sandália se ferrou). No meio destas pedras tinha alguma coisa que soltava um corante vermelho que manchava tudo. Inclusive pensei que tinha me cortado. Ainda estou com tinta nos pés eheheh.

    Íamos descansar mas como já era umas 19:00, resolvemos ir atrás do que comer. Por indicação dos nossos amigos Bruno e Lica, fomos jantar na Pousada kakuri. Pedimos uma refeição de bife (R$ 14,00) para duas pessoas. Acho que dá até para três. Obs: em outros locais você encontra PF por R$ 5,00 também. Ficamos tão empachados que fomos dormir para acordar mais tarde, só que não conseguimos dormir. Então resolvemos ficar no bar do camping assistindo uns DVDs legais e bebendo um Martini Bianco que compramos. 01:00h tivemos que dormir pois começou a chover e não parou mais a noite toda.

     

    Último dia, infelizmente. Acordamos às 9:30. Amanheceu chovendo. Foi uma novela desmontar a barraca e lavá-la para poder guardar...fomos terminar tudo por volta das 11:30. Nos despedimos e saímos rumo ao local de embarque. Ainda bem que conseguimos um táxi (a carroça) que levou nossas coisas...encontramos com os nossos amigos e fomos todos juntos. O embarque é rápido. Existem muitos barcos para atravessar. Você compra a passagem numa cabine que fica na praia. A travessia foi boa. Choveu bastante mas não balançou muito.

     

    Chegando ao porto, fomos até o hotel pegar o carro e resolvi conhecer a casa do meu tio. A casa fica numa rua ao lado da rodoviária de Marudá, bem à beira do rio. Meu tio mora no local e é pescador por opção. Fomos muito bem recebidos. Acabamos ficando pro almoço. Ele fritou vários filés de Corvina (um peixe da região) acompanhados de arroz, feijão, farinha d'água e não podia faltar uma cachacinha....tudo maravilhoso, mas e agora como pegar a estrada? [:D]

     

    Tivemos que descansar um pouco e lá pelas 14:30 h depois de um belo banho gelado no chuveiro, retornamos. Pensamos ainda em passar pela Praia do Crispim (que fica a 10 km de Marudá) que dizem ser muito boa, mas devido a hora, desistimos. Depois de pegar chuva e sol na estrada, chegamos em paz às 17:30 em Belém.

     

    Resumindo: Quem já esteve em Algodoal, sempre retorna. Foi considerada uma das mais belas do Brasil pela Revista Época. Os moradores (nativos) são simples mas muito hospitaleiros. Não há policiamento, mas a cidade é muito pacata. A única coisa que nos deixa entristecidos, é que muitos não se preocupam a mínima com a preservação do local deixando seu lixo jogado por toda a vila. Venha conhecer Algodoal! Vale a pena!

     

    -----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

     

    Detalhes da viagem para Algodoal

     

    - No terminal rodoviário, pega-se ônibus ou Van com destino Belém-Marudá, com preço da passagem variando entre R$ 12,00 a R$ 15,00. Leva em torno de 3 a 4 horas.

    - Barco Marudá-Algodoal - Compra-se a passagem no porto de Marudá. Valor: R$ 4,00. Travessia em torno de 40 a 50 minutos.

     

    Restaurantes Famosos

    Kakuri, Mata Broca, Pousada do Atlântico, Pousada do Boiador.

     

    Demais pousadas e outras informações, acesse ao nosso site ou ao site da ilha:

    http://www.algodoal.com.br

    http://www.marcelo.fot.br/html/links_dicas.html

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  5 mais
    2. psoares

      psoares

      Da para ir de carro para algodoal?

      •  
    3. kakazeth

      kakazeth

      Não, você pode ir de carro até marudá, e de lá pegar o barco!

      Mas tem muitos estacionamentos lá em Marudá, onde podes deixar o carro!

      •  
    4. JuhAssis

      JuhAssis

      Companhia para Algodoal. Nasci no Pará, mas não conheço nada desse estado maravilhoso. E aos poucos decidi conhecer e me reconectar com minha terra natal. Por isso desejo encontrar companhia para uma viajem de 4 noites para Algodoal em julho de 2017. Pois gostaria de conhecer e me divertir muito nesse lugar. Quem tiver interesse me envia um e-mail ou entrar em contato pelo facebok, que estão no meu perfil.

      •  
  2. Creio que Búzios seja um dos locais preferidos, embora Balneário Camboriú seja a praia preferida dos argentinos e o sambódromo no carnaval carioca seja destino certo de turistas de todo o mundo....

    Odiliofap

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  52 mais
    2. oteb

      oteb

      Saiu hoje o resultado de uma pesquisa com mil turistas estrangeiros que visitaram o Rio no período de 28 de dezembro a 2 de janeiro. Apesar de ser uma análise específica do Rio, acho que algumas dessas informações fazem com que possamos entender um pouco melhor os problemas e virtudes de nossas cidades ao receber o turista estrangeiro (afinal, é uma importante fonte de renda que não pode ser dispensada).

       

      Lá vai:

       

      PONTOS NEGATIVOS mais freqüentes:

      - População de rua: 35% (há 6 meses atrás, era 30%);

      - Falta de sinalização bilíngüe: 20% (há 6 meses atrás, era 22%) - TALVEZ esse problema esteja pelo menos perto de uma solução até o Pan2007;

      - Falta de diversões noturnas: 17%;

      - Serviço de táxis: 12% (há 6 meses atrás, era 18%) - há um programa de treinamento dos taxistas visando o atendimento ao turista. São 2.000 treinados por ano. Vamos ver se dá algum resultado concreto;

       

      PONTOS POSITIVOS mais freqüentes:

      - Receptividade da população: 30% (há 6 meses atrás, era 25%);

      - Qualidade do serviço prestado: 22% (há 6 meses atrás, era 32%);

      - Limpeza: 17% (há 6 meses atrás, era 12 %; mas há dois anos atrás, era o principal fator negativo da cidade);

      - Gastronomia: 15% (há 6 meses atrás, era 17%)

       

      PROCEDÊNCIA:

      - 27%: EUA

      - 17%: França

      - 15%: Itália

      - 12%: Portugal

      - 11%: Alemanha

      - 9%: Espanha

      - 4%: Japão

      - 3%: Argentina

      - 2%: Canadá

       

      OUTRAS CIDADES BRASILEIRAS VISITADAS POR ESSES TURISTAS:

       

      - BÚZIOS: 25%

      - PARATY: 20%

      - SALVADOR: 18%

      - RECIFE: 14%

      - FOZ DO IGUAÇU: 10%

      - MANAUS: 6%

      - PETRÓPOLIS: 4%

      - FLORIANÓPOLIS: 3%

       

       

      ATRATIVOS MAIS VISITADOS:

       

      - PÃO DE AÇÚCAR: 43%

      - CORCOVADO: 25%

      - FLORESTA DA TIJUCA: 22%

      - JARDIM BOTÂNICO: 10%

       

      - 90% desses turistas vieram à cidade pela primeira vez e 96% pretendem voltar, sendo que 60% deles organizaram a viagem por conta própria, sem o auxílio de agências de turismo (certamente, muitos mochileiros nesse meio).

       

      - Apesar de não ser mais uma das principais preocupações do turista estrangeiro quando vem ao Rio (já foi a maior durante vários anos seguidos, e continua sendo a maior preocupação do turista doméstico quando vem aqui), a violência ainda não pode ser desprezada. É menos do que parece, mas é bom que os visitantes continuem atentos.

       

      Abraço a todos e um ótimo 2006!!

      •  
    3. mspassoni

      mspassoni

      Morro de Sao Paulo - BA

      •  
    4. Luci@n@

      [email protected]@

      olha, turistas eu não sei, mas a cidade mais "infestada" de gringos com certeza é Macaé, A Cidade do Petróleo, daqui a pouco a população de gringos será maior que de brasileiros aqui...

      •  
  3. Conta mais!!!! hehehe! Q doideira!

     

    []'s!

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  79 mais
    2. zeroquejunior

      zeroquejunior

      nussa desenterreiiiii :shock::shock:

       

      Cara nao importa se esse historia é veridica ou nao. Eu acredito que seja.

       

      Muito legal a história... pena que ela nao terminou...

      •  
    3. *Tatah*

      *Tatah*

      Quase quatro anos esperando o fim da história... risos

      •  
    4. Ruinos

      Ruinos

      eh mesmo em?

      será que um dia saberemos o fim dessa história??

      tomara que sim, é um ótimo caso.

      •  
  4. ... sim loremattos, entendo o que você quer dizer mas acho que você poderia dar mais detalhes sobre o que está rolando por ai com seu emprego de au pair para que a gente tenha uma melhor noção do seu problema.

     

    Fale um pouco mais do assunto ...

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  43 mais
    2. Jonas.Schwertner

      Jonas.Schwertner

      Kali eu ja morei na Alemanha, conheco bem Ulm e atualmente moro em Curitiba.

       

      Sobre o contrato realmente você vai precisar do endereco deles. Mas tem um formulario que você vai precisar preencher. Com ele você vaiver todas as inf que vai precisar, que vai desde carta da familia a algumas coisas basicas. Se quiser podemos conversar mais.

      •  
    3. Miracatiba

      Miracatiba

      Pessoal, boa tarde!

      Com essa crise economica, como andas a vagas de empregos em paises como a Inglaterra, Canadá, EUA, França, Espanha, enfim... À pouco tempo a Inglaterra anunciou que o desemprego aumentou no mes de Dezembro, mas até que ponto isso afeta o tipo de emprego que normalmente um estudante procura. Seria legal pessoas que mora ou que tenha contato com quem mora nesses países, possa nos contar como anda a situação nos paises desenvolvido em relação a crise econômica e como está afetando os intercambistas, por favor?!

      •  
    4. RAMON´S REBEL

      RAMON´S REBEL

      ...BEM,PELO QUE EU SEI,UM AMIGO MEU, PORTUGUÊS, HÁ POUCO TEMPO DISSE QUE A SITUAÇÃO LÁ NÃO ESTÁ FÁCIL.ESTÃO DIFICULTANDO A ENTRADA DE IMIGRANTES COM INTENÇÃO DE TRABALHAR,DESPACHANDO MUITOS TAMBÉM ILEGAIS...A ESPANHA É OUTRA! ADORA DESPACHAR BRASILEIROS, PRINCIPALMENTE. ¬¬ PRA MIM, LÁ NA EUROPA,ESPANHA E PORTUGAL SÃO OS QUE MAIS DIFICULTAM A ENTRADA DOS BRASILEIROS,E QUE DESPACHA QUEM ESTÁ ILEGAL LÁ.AGORA NA INGLATERRA,NA MINHA OPINIÃO,LÁ É BEM MAIS FÁCIL DE SE ARRUMAR UM ''EMPREGUINHO''.MINHA PRIMA ESTÁ LÁ HÁ MAIS DE 3 ANOS.JÁ TRABALHOU EM MAIS DE UM EMPREGO.ELA COMEÇOU TRABALHANDO LAVANDO BANHEIROS,DEPOIS A SERVIR CHÁ EM UM LUGAR EXTREMAMENTE LUXUOSO,AGORA ESTÁ TRABALHANDO COMO INTÉRPRETE!!! PRA MIM,VOCÊ TENDO EMPENHO,FORÇA DE VONTADE,sempre TRAZER UM SORRISO NO ROSTO,MOSTRAR O QUÉ É SER UM LATINO EM QUESTÃO DE AMABILIDADE... SÃO PONTOS QUE PODEM FAZER TODA A DIFERENÇA NO SEU DESENVOLVIMENTO LÁ.

      DE LAVADORA DE BANHEIROS AGORA MINHA PRIMA É INTÉRPRETE E JÁ FOI NA ITÁLIA FICANDO DURANTE 6 MESES E CONSEGUINDO CIDADANIA ITALIANA!!! (É BISNETA DE ITALIANO)

       

      ...........VÃO ATRÁS,NÃO DESANIMEM,OS ESFORÇOS TRARÃO recompensas! ::hahaha::

      •  
  5. oi Eduardo blz... dependendo do dia de partida vou com vc. estou afim de ir ate fortaleza,, em julho vou pra manaus,,,,ate lá a gente se vé abraços......mantenha contato;;;;

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  136 mais
    2. mick

      mick

      Olá galera das duas rodas..

      sou de Natal e vez por outra tô rodando aqui pelo litoral tenho uma 125 cc ahahaha , mas pense numa bixa pra andar legal...

      Gostaria de saber quando é que vcs irão passar por Natal-RN, sugiro que vcs façam o trecho Natal (fronteira do RN com CE) pela 101, é mais seguro (pista melhor) um pouco mais desabitada...

       

      abçs

      Mick

       

       

       

       

      Estaremos saindo de sao paulo para Buzios dia 10 de janeiro, data confirmada! vamos tentar nos encontrar no caminho!

       

      Escolhemos esta data por ser no inicio da semana, e consequentemente sera mais barato as estadias dos hoteis, pelo menos no começo da viagem...

       

      Estamos indo em 5 motos, e conseguimos fazer o intercomunicador entre as motos, com os talkabout, que ja tem um sistema de Ptt.

       

      Abrassss

      Jr.

      •  
    3. dinopalacio

      dinopalacio

      ola stou indo pra fortaleza com uma twster agora novenbro

      stou a procura de pessoas que queira ir tbm....

      •  
    4. dinopalacio

      dinopalacio

      ola estou querendi ir ste me a fortaleza tenho uma twister queria algumas informaçao!!!! sobre custo e se tiver uma galera q esteja affim de uma aventura e disposiçao podem me chamar to dentro!!!!

      [email protected]

      so adc!!!!e marcamos

      •  
  6. Com U$400,00,vc compra uma dessas nos EUA!Mas só vale a pena ter uma se for ficar em alta montanha,pq ela pesa 4,3Kg/2 pessoas!

     

    Mas que é lindona,isso ela é!

     

    Falow

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  39 mais
    2. haole

      haole

      Posta sua dúvida aqui

      varetas-de-barracas-t9322.html

      Abraço

      •  
    3. Thiago Dias

      Thiago Dias

      Ola pessoal.

       

      Estou procurando uma barraca pra neve... que aguente a Patagônica em Março...

      saberiam me dizer se essa quechua aguentaria:

      http://www.decathlon.com.br/BR/t2-ultralight-26466144/

       

      Alguém conhece a T2 utralight??

      O vendedor da decathlon diz que é a melhor que tem e que realmente aguente 4 estações...

       

      alguém sabe?

       

      Abraços,

      •  
    4. ogum777

      ogum777

      opção no brasil pra neve e vento na patagonia: www.manaslu.com.br

      •  
  7. Acho que vc quis dizer Stonehenge, não? Olha, eu estive lá em junho do ano passado só que acabei fazendo uma excursão de um dia visitando também Bath. Uma pena que o dia estava horrível, muito vento, chuva e frio, mas acho que é um passeio que vale a pena. Eu faria de novo. Há várias excursões que podem te levar até lá, agora se vc quiser ir por conta dê uma olhada neste site aqui:

    http://www.stonehenge.co.uk

    Ele contêm toda a informação que vc precisa, boa sorte![:)]

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  35 mais
    2. fernandodenardin

      fernandodenardin

      Fui de Cardiff (País de Gales) até Stonehenge.

       

      Aluguei um carro em Cardiff, e fiz 300 kms até Stonehenge retornando por Bath, que também fica no interior da Inglaterra.

       

      É um passeio que vale bastante a pena!

       

      Recomendo!

      •  
    3. Andre K

      Andre K

      Como já disseram, tem um ônibus que sai de Victoria Station, não precisa de pacote turístico como vi gente mencionando. Não é um lugar fechado que vc tem que pagar p/ entrar. Sem falar que o lugar é cercado, vc não pode passar entre as pedras.

      •  
    4. SonyFrozi

      SonyFrozi

      Detalhe: No solstício de verão pode ficar dentro do círculo de pedras. É meio que tradição e tal, é muito massa passar essa noite com a galera por lá.

      •  
  8. Ótimos mapas:

     

    No site: http://www.dnit.gov.br, no menú a esq. "Rodovias", "Mapas Rodoviários".

     

    E no site do Ministério dos Transportes: http://www.transportes.gov.br, no menú a esq.: "mapas e informações".

     

    É possível conseguir também um CD-ROM, enviando um CD virgem p/ eles:

     

    CD : Banco de Informações e Mapas dos Transportes - BIT

     

    O Banco de Informações e Mapas dos Transportes é a reunião de informações, mapas, fotografias e video-clipes de todas as modalidades de transporte sobre as quais o Ministério dos Transportes está responsável ou exerce alguma influência direta ou indireta e está disponível na página da Internet do Ministério dos Transportes através do endereço:

    http://www.transportes.gov.br/bit/bit.htm

     

    Um abraço

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  49 mais
    2. Otávio Luiz

      Otávio Luiz

      Bem lembrado! ::otemo::

      •  
    3. gean.gleison

      gean.gleison

      Pessoal, acabei de adquirir um Etrex Touch 35 e irei pescar no Rio Negro em Barcelos AM e gostaria de saber se alguem poderia me apoiar para encontrar algum mapa q apoiasse na navegacao, a ideia principal eh a de registrar os pontos de pesca, alem da seguranca na marcacao dos pontos de passagem. Se puderem ajudar encontrar algum da represa de 3 Marias, tb ficarei mt agradecido.

      Eh meu primeiro GPS e estou aprendendo tudo agora, na vdd estou procurando os mapas, mas nem aprendi a operar o GPS ainda rssss

      •  
    4. mrcarles

      mrcarles

      Bem lembrado! ::Ksimno::

      •  
  9. Pegamos uma baita de uma chuva lá em Monte Verde na subida p/ o Selado e na descida p/ S.F. Xavier.

    Tem alguns tópicos criados lá em REGIAO SUDESTE sobre essa cidade, mas o que pretendo fazer é colocar o relato, por isso criei esse tópico. Lá em REGIAO SUDESTE é só legal colocar infos.

     

    A travessia deu p/ fazer sem problemas. Nao tivemos problemas nenhum tanto na Fazenda qto em Monte Verde.

     

    O q me chamou muito a atencao é a gde quantidade de pessoas q fazem uso de agencias com guias p/ subir ao Selado. A trilha é tao nitida q qqer pessoa podera conclui-la sem se perder.

     

    Estou terminando o relato c/ varias dicas. Logo coloco aqui.

     

    Abcs.

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  38 mais
    2. Rodrigo e Gí

      Rodrigo e Gí

      Então Augusto

       

      Vamos começar por SFX.

       

      Comprei passagem para São José dos Campos sexta-feira dia 26/12/14 às 07:00hs.

      Quero horas será que consigo entrar na trilha ?

       

      Eu já estava pensando na água com relação ao peso.

      A Gí está com um problema na coluna e vou levar tudo sozinho.

      Vou tentar ir o mais leve possível.

      Inclusive vou levar somente alimentos que eu possa grelhar, sem precisar de água pra cozinhar, assim sobra água para beber.

       

      Ainda bem que nosso saco de dormir serve, gastei tudo numa barraca super leve de 1.9kg.

       

      Abraço !!!

       

      Rodrigo

      •  
    3. Augusto

      Augusto

      Oi Rodrigo, blz?

       

      Então dá para vc fazer o mesmo roteiro que eu fiz naquele relato. Quase os mesmos tempos.

      Chegar em SJ Campos antes do circular para SF Xavier sair.

      E depois descendo na Praça Central em SF Xavier é só seguir na direção oeste até o inicio da Estrada dos Ferreiras e quando vc tiver chegado no final dessa estrada, junto a Fazenda Monte Verde, bem no alto da serra é onde começa a trilha.

      E com isso dá p/ chegar no topo da Pedra da Onça bem antes do final da tarde, onde dá para acampar em um enorme descampado, passando por várias nascentes.

       

      Só atente a bifurcação que leva direto a Monte Verde e a que leva ao topo da Pedra da Onça.

      E aí qdo estiver descendo para Monte Verde, no dia seguinte, tem a opção de acampar em um grande descampado, bem no final da trilha, depois que cruzar o segundo riacho.

      E aí seria a sua segunda noite.

       

       

       

      Abcs

      •  
    4. Rodrigo e Gí

      Rodrigo e Gí

      Legal, valeu Augusto !!

       

      Quando voltar faço um relato.

       

      Abraço !!!

       

      Rodrigo

      •  
  10. Salve Paulo!

     

    Realmente, a Kombosa tem espaço de sobra, já andei até fazendo uns projetos (idéias, apenas) sobre como "equipa-la", o dificil é conseguir grana para se manter na estrada por certo tempo (pedágios e combustivel, principalmente).

     

    Dá uma olhada no site http://www.nigelineurope.com , no link "PASS", tem umas fotos do veículo que o cara usou para rodar a Europa. É maior que a Kombi, mas dá pra ter uma idéia.

     

    No google, procure por "Brasil numa kombi", vai achar o site de um simpático casal que viaja pelo Brasil nesse VW.

     

    Acho que o legal da Kombi é o espaço (dá pra montar um mini-motor-home fácil) e a facilidade de manutenção mecânica, o ponto negativo seria a velocidade desenvolvida e o conforto talvez, mas tudo tb depende do tipo de trip... qdo viajo de Bandeirante, vou mais é curtindo a paisagem, já que dificilmente ela passa de 100 km/h.

     

    Qq coisa, estamos aí!

     

    []´s

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  15 mais
    2. HelinhoB

      HelinhoB

      Eu e alguns amigos temos a idéia de ir de kombi até o méxico daqui uns 3 anos :)

      •  
    3. Adam Tavares

      Adam Tavares

      Galera.. to ressucitando o topic rs..

       

      Vamos conversar mais sobre viajar de kombi.. estou querendo rodar uma boa parte da america do sul, e vejo que a kombi seria uma ótima opção para se economizar com hospedagem, agora o que resta saber é se vale a pena.. pois a kombi bebe bem né.. deve estar fazendo quanto km/l na estrada?

       

      alguem sabe?

       

      abração

      •  
    4. GioBot

      GioBot

      É bonito e poético a kombosa, mas a realidade é que é um carro de baixa estabilidade e o parachoque é o joelho de quem dirige. Até um fusca é mais seguro. Pelo preço (super valorizado) de uma, tem muita coisa mais inteligente para se pegar.

      •  
  11. Pocha...eheheh...eu tenho um canivete da roça ke me custou 5 reais, dakels ke enferruja mais corta d+!!

    e uma faca ke passei a mao do meu velho...muito antiga...dakels do Rambo msm...eheheheh tb corta pakas...e quando vou ralar de churraskeiro eu levo ela...por enguanto so as 2 msm...

    inte...

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  4.014 mais
    2. Frico

      Frico

      Olá meu povo!!!!!

      Passando pra soltar a dica. Faca muito boa e preço muito bom!

      Vale muito a pena conferir e entregam direto pro Brasil!

      http://www.gearbest.com/fixed-blades-knives/pp_626397.html?vip=1751159

       

      GANZO G8012

      7480803-4.jpg

      •  
    3. cabraljr

      cabraljr

      Após longa temporada, retorno apenas para postar uma prova de algo que eu disse a muito tempo e foi alvo de contestação. Era acerca das facas comemorativas da Tramontina, em aço damasco. Pois bem, à época postei que aquele aço damasco, feito com aços da tecnologia de metalurgia do pó era feito colocando-se camadas dos PÓS dos diferentes aços num container/cadinho fechado ( canister ) e sob alta temperatura e pressão estes 2 pós de diferentes aços eram "fundidos" em uma só peça, e citei ainda como exemplo metafórico as garrafas com areia colorida formando diferentes desenhos, pelas diferentes camadas.

       

      Pois bem, afinal, parece que o aço damasco usado pela Tramontina era o da Damasteel e eis aqui uma imagem de uma página da própria Damasteel descrevendo o processo, assim como eu havia dito na época! É só mesmo para que não paire nenhuma dúvida sobre a correção do que postei à época!

       

      Damasteel como é feito.jpg

      •  
        • Gostei! 1
    4. Rafael Feuer

      Rafael Feuer

      Olá Amigos eu possuo bastante Facas e canivetes.... tanto que abri uma pequena loja:Facas HQ

      Quando  vou fazer trilhas e acampar normalmente tenho comigo um Ontario Rat 1, uma faca mora companion  e um canivete suiço com serra e alicate. São laminas que eu sei que não vão me deixar na mão e que se, por ventura caírem do meu bolso sou da mochila eu ficaria chateado mas são de fácil reposição.

      •  
  12. Capítulo 2

     

    Organizamos todo material, Ewerton que é fanático por fotografia, juntou uma grana e comprou uma câmera profissa, nossos recursos eram extremamente limitados, faltavam apenas os filmes que conseguira com um amigo patrocinador da expedição, (o único por sinal) no início estávamos para sair em três pessoas, Eu (Mola)25a, Eweron (Leo)22a e Carlos (Borracha)24a, mas perto do dia combinado, Borracha desistiu, além disso uma forte chuva caiu na cidade, cancelamos a saída, que seria entre o natal e ano novo.

     

    Passaram-se alguns dias, eu atolado no trabalho, não conseguia ver uma nova data, então Ewerton me liga dizendo que iria sair sozinho e que eu poderia encontrá-lo mais a frente em algum ponto do litoral, tentei convence-lo em aguardar mais um pouco, mas não consegui, Ewerton saiu sozinho, ficamos muito apreensivos pq sozinho é mais arriscado principalmente nesta primeira parte do trajeto, dentro da cidade existem mais perigos.

     

     

    QUA 05/JAN/2005, Km 0. Sozinho o guerreiro deu os primeiros passos da expedição de mais de 120km a pé até o rio São Francisco, saiu de manhã da praia da Avenida no centro de Maceió em direção sul, com sua mochila pesada e o Atlântico como companhia, seguiu como pioneiro, me falou que na sexta me ligaria passando sua posição para que eu pudesse encontrá-lo. Cerca de 2km depois de começar foi abordado por um homem que lhe falou: Ei, você é daqui? -Sim por que? -Cuidado com essa câmera ai, ontem roubaram um cara que estava correndo aqui, levaram tudo. -Ok, obrigado. Naquele momento ele percebeu que estava realmente numa área de risco, ficou muito apreensivo e pensou em desistir, mais havia andado pouco, decidiu seguir, chegou até a praia do Francês, Cerca de 14km do ponto inicial ás 13:30, ligou pra mim e disse: - Cara, eu tentei, mas sozinho é difícil, é muito perigoso, minha mãe também não aprovou, vou parar aqui, depois a gente continua....eu tentei. Disse a ele que poderíamos continuar em outra data, pq essa primeira parte eu tb já havia feito a pé. Continuamos..

     

     

    SAB 15/JAN/2005, 06:30hs. Peguei o ônibus coletivo lotado, com minha mochila de 35L, não poderia me atrasar e perder a carona, em fim sairíamos juntos para mais uma etapa da expedição, neste fim de semana venceríamos mais alguns Km do litoral de Alagoas, já estávamos conscientes que não poderíamos completá-la de uma só vez. Cheguei as 7:00hs onde Ewerton e a nossa carona esperavam, fomos com uns surfistas até a praia do Francês num Gol, economizamos a grana da passagem.

     

     

    SAB 15/JAN/2005, km 13,2 Na beira da praia, a sensação de desafio era absoluta, os surfistas nos chamaram de loucos, mas não estávamos preocupados com opiniões contrárias estávamos apenas decididos a ir, Ewerton pegou uns materiais que havia deixado na barraca de um amigo e lanchou, eu tb me alimentei, enchemos as garrafas de água, passamos mais um pouco de Bloqueador solar, e após um leve alongamento, colocamos nossas mochilas nas costas e seguimos. Nos primeiros passos, a mochila parecia leve, Joel nos cedeu o GPS dele que foi fundamental ao longo da expedição, ele nos indicava o tempo médio de chegada em nosso primeiro destino: Barra de São Muguel-AL, cidade onde a maioria das casas é de veraneio.

     

     

    SAB 15/JAN/2005 Km 18,7. Caminhamos, nos afastamos do Francês, em alguns minutos estávamos sozinhos, só o Oceano como companhia, e a marca de nossos pés que ficava na areia, a maré aos poucos baixava. No mini gravador Ewerton fazia alguns depoimentos sobre as condições da praia e tb tirava muitas fotos, a faixa de areia aumentava com a maré seca, assim ficava mais fácil de andar, ao longe a frente avistávamos casas grandes, do condomínio de luxo Barramar, tb havia alguns pescadores por lá, e alguns quadriciclos barulhentos, somente 4 pessoas na praia e muitos carrões estacionados mais a cima. Passamos por lá sem problemas. Alguns Km a frente "mauricinhos" brincavam de raly no meio das pessoas, subindo e descendo a faixa de areia da maré com 1m de altura, eram 2 jipes Troler novos e fumacentos, provavelmente presente do papai.

     

     

    SAB 15/JAN/2005 km 21,6. Chegamos a parte urbanizada da praia da barra de São Miguel, naquele dia de sol muito forte a praia estava particularmente lotada, muitos banhistas e mesas pela areia, que olhavam desconfiadamente para nós com mochilões enormes nas costas, não entendiam o que estavam vendo. Por lá, havia muito lixo, principalmente plástico espalhado pela faixa de areia, paramos em uma barraca, pois nossa água já havia acabado, pedimos a um barraqueiro para completar, e perguntamos a ele sobre a travessia da laguna do Roteiro, um dos principais acidentes geográficos do litoral sul de Alagoas, que estava a 2km a nossa frente. Nos disse que só de barco seria possível atravessa-lá.

     

    SAB 15/JAN/2005 . km 23,4. Passamos pela foz do Rio Niquim, ainda na cidade Barra de São Miguel, na maré seca a água chega um pouco abaixo dos joelhos, o sol escaldante não dava trégua, mais a frente uma área de manguezal, o GPS perdeu o sinal sob a vegetação, saímos rapidamente. Encontramos duas mulheres que catavam peixinhos por lá, perguntaram pra onde íamos, respondemos e ficaram surpresas, pedi para que ela tirasse uma foto nossa.

     

    SAB 15/JAN/2005 km 24,1 . As margens da lagoa do Roteiro, estudamos a melhor maneira de passar, para a praia do Gunga do outro lado, tentamos uma carona com um Sr. Que estava de lancha parado mais a frente, falamos com ele sem sucesso. Seguimos até o porto e lá ficamos sabendo que o passeio até o Gunga custava 20 reais ida e volta, barganhamos com a dona da escuna, explicamos que não iríamos voltar com o grupo. Depois de muito papo a travessia ficou por 10 reais nós dois.

     

    Continua....

     

    icon_paperclip.gifDownload Attachment: shot0122.JPG

    90,44 KB

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  7 mais
    2. Aloisio Neto

      Aloisio Neto

      Poxa Ewerton, tbm sou de maceio cara, e esse seu relato me instigou muito a fazer essa caminhada tbm, vou ficar esperando o fim do relato pra colher mais informacoes, esses primeiros km foram muito bons hein, mas se vc aceitar uma dica, inclui datas e horarios durante o percurso, onde acampou, onde conseguiu agua e etc...

      abs e parabens...

      •  
    3. Anderson.Mola

      Anderson.Mola

      CONTINUANDO CAP 3

       

      SAB 15/JAN/2005 km 24,1 . As margens da lagoa do Roteiro, estudamos a melhor maneira de passar, para a praia do Gunga do outro lado, tentamos uma carona com um Sr. Que estava de lancha parado mais a frente, falamos com ele sem sucesso. Seguimos até o porto e lá ficamos sabendo que o passeio até o Gunga custava 20 reais ida e volta, barganhamos com a dona da escuna, explicamos que não iríamos voltar com o grupo. Depois de muito papo a travessia ficou por 10 reais nós dois.

       

      SAB 15/JAN/2005 km 26. Naquela manhã de sábado a praia do Gunga uma das mais famosas de Alagoas estava razoavelmente cheia, nós no meios dos paulistas branquelos destoávamos de cor de pele, já queimada pela caminhada e nosso sotaque não nos deixava negar nossas origens, afinal, nós estávamos em casa, passeando pelo quintal. Nossa caminhada por entre as barracas e tendas a beira mar foi tranquila e rápida, algumas pessoas olhavam desconfiadamente para aqueles dois malucos com mochilas enormes nas costas e um caminhar constante, em poucos minuto nós saimos de perto da multidão em direção ao horizonte dos coqueirais. Ja passava da hora do almoço e paramos no farol de são Miguel, uma construção metálica a beira-mar mas que não é visível de longe por seu pequeno porte, em sua base fizemos um rápido lanche as 13:45hs o que era para ser nosso almoço, acabou sendo apenas aquele pequeno lanche. Ewerton comentou comigo sobre os carros que víamos as vezes passar na areia da praia, eram pescadores com BUggys que estavam por ali.

       

       

      SAB 15/JAN/2005 km 29,5 . Já se aproximava das 15 horas quando avistamos a nossa frente grandes paredões de argila avermelhada, eram as falésias que agora davam lugar a costa coberta por coqueiros, ja não havia mais ninguém e o mar era nossa única companhia a nossa esquerda, e a nossa direita paredões de 15m de altura tocavam as águas do mar e se desmanchavam suavemente com a maré lambendo sua base, tornando o colorido ainda mais bonito, era a praia de Jacarecica do Sul, pouquíssimo conhecida até pelos nativos de Alagoas

       

      Foto original da expedição: Praia de Jacarecica do Sul:

      Praia de Jacarecica do Sul

       

      Continua...

      •  
    4. Rafael_Hipólito

      Rafael_Hipólito

      BOA TARDE, EM QUANTOS DIAS VOCÊ FEZ ESSA EXPEDIÇÃO E QUAIS FORAM AS MAIORES DIFICULDADE?

      •  
  13. Oi Rogério:

     

    O relato está ótimo. Parabens. mandei um e-mail dizendo pra colocar no tópico relatos de viagens, mas depois vi que já estava nele. ´Valeu mesmo. Um abraço Odilio

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  21 mais
    2. fufel

      fufel

      Velho achei show de bola seu relato eim!!!

      Fiz algo parecido em fevereiro desse ano...sai de Dourados-MS e fui até Vitoria-ES,,

      em janeiro agora..to querendo fazer de novo..mas to querendo ir até Porto seguro!!! e aproveitar mais..ou seja naum beber tanto!!

      Te adicionei no meu msn!! pra te pedir...umas dicas..blzs.

      valeu...

      •  
    3. ana carolzinha

      ana carolzinha

      oi Rogério, estou indo pra Bahia dia 25/01/06... nossa trip será quase a mesma , mas 1º vou a Prado e de lá até Península de Maraú.

      Acho que nesta tua trip de itacaré conheceu uns amigos aqui de Brasília: Lailson, Zé henrique, Beto...eles moram lá e tem uma lojinha de artesanato...

      Se tiver mais alguma dica desta viagem, por favor me repasse...

      Um abraço. Carol

      •  
    4. soparalokos

      soparalokos

      no rogerio....

      eu ja tinha visto o seu relato.. e ainda por cima eu me inspirei na sua viajem pra fazer a minha cara.. na boa..

      abraço

      •  
  14. Rodrim: o custo de vida no sul seguramente é maior que no nordeste. Quanto a emprego só consegue quem tem qualificação técnica. Numa emissora de TV local passou uma reportagem sobre Nova Prata,onde as industrias estao com dificuldade de encontrar empregados,em virtude da falta de mao-de-obra especializada e qualificada. Portanto ter somente o segundo grau não serve para nada,pois isto não é qualificação.Quanto a festas,em Bento tem casas noturnas e cinemas, além das associações culturais italianas que promovem apresentações e bailes tipicos e também há os CTGs para quem curte fandangos e a cultura gauchesca.

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  47 mais
    2. carolineduarte

      carolineduarte

      Estive recentemente em Bento e conto-lhes que encontrei outro restaurante por quilo 100% recomendável: o Don Pepe. Ele fica na mesma rua do Hotel Dell Onder... Espaçoso, com bom atendimento, bom preço, boas opções, comida gostosa e sobremesa livre pra quem come livremente ou por quilo.

       

      A cidade é meio complicadinha pra caminhar porque tem muuuuitas subidas, então 3km podem parecer 10km!

       

      O transporte público existe, mas aos domingos e feriados pode ser cansativo, já que os intervalos entre os ônibus podem chegar a horas...

       

      Oi Mari!

       

      Primeiramente obrigada pela valiosa dica! Acho que vou alugar um carro, assim tenho mais liberdade de sair para lugares próximos a noite!

       

      Queria saber se pode me informar qual o gasto médio, digo entre consumo local, compras (de vinhos!) e passeios básicos.

       

      Vou para um congresso lá agora em outubro e queria ter uma média de gasto, ficarei 4 dias.

       

      Valeu!!! ::otemo::

      •  
    3. Ivan.cpgomes

      Ivan.cpgomes

      Pessoal, estou montando meu roteiro que inclui Bento Gonçalves, quero contribuir com o pouco que tenho.

      Gastei um certo tempo mapeando minhas rotas para baixar em meu celular e usar o Wikiloc para deslocar aos pontos.

      No mapa que segue, fiz o roteiro do Vale dos Vinhedos.

      Nas marcações, adicionei descritivos de cada ponto para saber um pouco do lugar que vou visitar.

      Como tem marcações de todos os pontos do Vale dos Vinhedos, claro, vou escolher alguns durante o passeio.

      Irei usar o Wikiloc, mas nada impede de usar o aplicativo do MyMaps para o GPS do celular te guiar, o único problema do MyMaps, é que tem limitações de pontos.

      Casa prefira, pode imprimir o mapa.

      Roteiro Vale dos Vinhedos

      https://www.google.com/maps/d/edit?mid=zrYSJfCPfFHo.kNqPkvhrMaw8&usp=sharing

      Caso alguém consiga fazer o mapa do Caminho das Pedras, eu agradeço, pois estou tendo muita dificuldade

       

      Para ajudar futuras trips segue meu roteiro completo (em construção)

      01 - Deslocamento Belo Horizonte a Curitiba

      https://www.google.com/maps/d/edit?mid=zrYSJfCPfFHo.kPnbFNSbifvM&usp=sharing

       

      02 - Roteiro de Carro Curitiba

      https://www.google.com/maps/d/edit?mid=zrYSJfCPfFHo.kCMZiqxK_RVA&usp=sharing

       

      03 - Roteiro a pé Curitiba

      https://www.google.com/maps/d/edit?mid=zrYSJfCPfFHo.kofbiTbEbDGQ&usp=sharing

       

      04 - Curitiba a Foz

      https://www.google.com/maps/d/edit?mid=zrYSJfCPfFHo.ksMbm2175q7g&usp=sharing

       

      05 - Lado Argentina - Foz do Iguazú

      https://www.google.com/maps/d/edit?mid=zrYSJfCPfFHo.kyX5xVQ1DUqg&usp=sharing

       

      06 - Lado Brasil - Foz do Iguaçu

      https://www.google.com/maps/d/edit?mid=zrYSJfCPfFHo.ksOvMSnSLaw4&usp=sharing

       

      07 - Roteiro cidade de Foz

      https://www.google.com/maps/d/edit?mid=zrYSJfCPfFHo.kotBe29Xz8JQ&usp=sharing

       

      08 - Foz a Bento Gonçalves

      https://www.google.com/maps/d/edit?mid=zrYSJfCPfFHo.kMTLhTYl1qeA&usp=sharing

       

      09 - Bento Gonçalves - Vale dos Vinhedos

      https://www.google.com/maps/d/edit?mid=zrYSJfCPfFHo.kNqPkvhrMaw8&usp=sharing

       

      Em construção....

      Vou fazer ainda, Gramado e Canela, Bauneário do Camburiú, Paraty e retorno a BH

      No meio desses deslocamentos, vai ter alguns pontos que quero visitar, mas tenho que terminar.

      •  
    4. Pablo Marcelo Rigon

      Pablo Marcelo Rigon

      Oi, para quem interessar, seguem algumas sugestões de roteiros, com fotos e mapas, que percorri a pé pela região de Bento Gonçalves:

       

      Caminhada Linha Zemith à Leopoldina - 12,5km

      https://www.facebook.com/pablorigon/media_set?set=a.4531778565509.175513.1022344512&type=3

       

      Caminhada São Pedro, São Miguel e Barracão - 12,5 km

      https://www.facebook.com/pablorigon/media_set?set=a.4756532024205.179079.1022344512&type=3

       

      Caminhada Eulália - 16,5 km

      https://www.facebook.com/pablorigon/media_set?set=a.4984203875859.181074.1022344512&type=3

       

      Caminhada Barracão e Salgado - 12,75 km

      https://www.facebook.com/pablorigon/media_set?set=a.10200113079042710.181524.1022344512&type=3

       

      Caminhada Caravaggio, Dist. São Marcos, Farroupilha - 14 km

      https://www.facebook.com/pablorigon/media_set?set=a.10201193936743477.1073741831.1022344512&type=3

       

      Caminhada Bento, Garibaldi, Bento - 30 km (fotos no meu face)

      http://www.strava.com/activities/528594653

       

      Caminhada Faria Lemos, Vale Aurora - 20,4 km (fotos no meu face)

      http://www.strava.com/activities/535132412

       

      Caminhada Eulália Baixa - 12,7 km

      http://www.strava.com/activities/541734939 (fotos no meu face)

      •  
  15. Beija-flor,

    Antes de mais nada obrigado pelas dicas...

    Quanto a Matilde existem 3 campings: Prainha (o mais tranquilo), Brasil de Papel (intermediario) e o Balacobaco (agitação 24 hs) os preços variam em R$15 a R$25 o final de semana.

    Há tb os chales e pousadas com preço em média de R$40 a R$60 a diaria.

    Espero que vc anime e organize uma trip, farei questão de ser o guia.

    Bjos

    Bruno

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  59 mais
    2. RodrigoNicoli

      RodrigoNicoli

      Estive no camping prainha de Matilde, um Lugar de clima agradável, tranquilidade, contato com a natureza de um preço inestimável. Comida boa, café da manhã excelente, porém possui algumas falhas, como poucos pontos de energia e os que existem, as tomadas são irregulares, quando não possuem energia. Os banheiros possuem uma estrutura defasada, não oferecem papel higiênico e tão pouco sabonete para mãos; não são como descritos no site do camping; apenas os banheiros femininos possuem chuveiro elétrico. Enfim, tirando esse problema com os pontos de energia e os banheiros, o resto é show! Recomendo, é tanto que voltarei em breve, é claro mais precavido!

      : )

      •  
    3. Roberto Sarti

      Roberto Sarti

      Bom galera, Mathilde continua linda, bem como toda a região de Alfredo Chaves. Tem até telefonia celular a e internet agora. Segue álbum de vários pontos de Mathilde e região a serem visitados. Vlw...

       

      As fotos mais recentes estão no final do álbum...

       

      https://www.flickr.com/photos/robertosarti/albums/72157662038782004/page2

      •  
    4. Roberto Sarti

      Roberto Sarti

      Álbum atualizado em abril de 2017.

       

      https://www.flickr.com/photos/robertosarti/albums/72157662038782004/page5

       

      O camping Prainha está melhorando a infraestrutura, porém o valor está em 40,00 por pessoa. Há opções de alugar uma casa para até 10 pessoas por 500,00.

       

      027 3269 4020

       

      Mathilde também conta com internet e telefonia celular.

      •  
  16. Valeu, Dete... relatos eu tenho zilhoes, escolho a dedo o q postar aqui. Alias, duvido q alguem tenha saco e paciencia de lê-los ate o fim; ser breve e suscinto não é uma das minhas virtudes..

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  21 mais
    2. Anselmo SP

      Anselmo SP

      Boa tarde viajantes,

      Sou morador do Extremo Sul da Bahia e pretendo fazer essa travessia em Fevereiro, alguma dica atualizada sobre o trajeto?

      Abraços!

      Henrique, vou me atrever mais uma vez a postar um comentário aqui no relato do Jorge.

      Acredito que diferente de trilhas que podem se fechar, sumir com o mato, esta por ser pela praia não deve ter muita diferença com o passar dos anos, o que pode ter acontecido é estar tudo um pouco mais urbanizado.

      Vamos ver se alguem tem novidades, pois eu fiz a travessia em 2006 ou 2007, faz tempo.

      •  
    3. Otávio Luiz

      Otávio Luiz

      Aqui mesmo no fórum tem um relato sobre este percurso, mais atual. Tem que dar uma pesquisada...

      •  
    4. MarcosJ70

      MarcosJ70

      Boa noite amigos!

       

      Fiz "recentemente" [fim de 2013 e início de 2014] algo um pouco parecido. Segue o link do meu relato:

       

      trekking-do-descobrimento-com-fotos-dez-2013-e-jan-2014-t91575.html

       

      Sds.

      Marcos.

      •  
  17. Olá Nilox,

     

    já visitei a fábrica da Manaslu e realmente os equipamentos fabricados por eles são de qualidade profissional. Recentemente pedi a tabela de preços de barracas pois estava interesado no modelo Voyager ou no Trip e definitivamente estavam bem acima do meu orçamento, com valores beirando os R$ 1000,00.

    Sem dúvida tem qualidade, mas os preços assustam um pouco.

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  71 mais
    2. Ducati Monster

      Ducati Monster

      Notícias ruins sempre chegam de tremzinho, tenho que fazer uma cirurgia em uma das minhas ferrets, 600 Reais + diarias de internação, e pra piorar é a vista hehehe

       

      É uma pena, eu conversei com a Paula e ela não me comentou nada sobre isso, mas quem sabe se la por Março fazem um preço legal, porque pra mim era 100% certo a compra da barraca pra mim poder acampar no inverno na serra gaúcha.

      •  
    3. LeoRJ

      LeoRJ

      É... Eu só fiquei sabendo na véspera da reunião.

       

      O reajuste acabou ficando 15% nas barraca e 5% nas roupas.

       

      Quando for mesmo comprar, avisa pra ver se dá pra baixar alguma coisa.

       

      Abraço

       

      Leo.

      •  
    4. Silnei

      Silnei

      •  
  18. Conheci a região de Fussen e o castelo Neuschawstein; absolutamente indescritível a beleza do lugar. É difícil colocar em palavras a sensação de passar boa parte da sua vida sonhando em conhecer um lugar através de fotos, posters e comentários de pessoas que já estiveram lá, e um belo dia vc poder contemplar com os seus próprios olhos tudo aquilo. [:)]

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  267 mais
    2. tonelato

      tonelato

      @yuri_CE Na rota romântica há vários castelos, o mais famoso é o que fica no final: Neuschwanstein, muito turístico, é bonito, mas não gostei muito. Os outros castelos que ficam no meio da rota, assim como as cidadezinhas medievais, são muito lindas!

      •  
    3. Nádia Portes

      Nádia Portes

      Olá Pessoal,

      Eu e meu noivo vamos fazer a rota romântica na 2ª quinzena de setembro desse ano, será uma viagem de no máximo 3 dias (obviamente não vamos conhecer tudo.. rsrs). Sairíamos de Frankfurt até Munique. A ideia inicial seria alugar um motorhome/trailler/campervan.

      O que vocês acham, alguém já fez a rota de motorhome? Indicam onde alugar?

      Ah, sugestões de quais cidades podemos ignorar são muito bem-vindas.. rs

      Muito Obrigada! 

      •  
    4. poiuy

      poiuy

      18 horas atrás, Nádia Portes disse:

      Olá Pessoal,

      Eu e meu noivo vamos fazer a rota romântica na 2ª quinzena de setembro desse ano, será uma viagem de no máximo 3 dias (obviamente não vamos conhecer tudo.. rsrs). Sairíamos de Frankfurt até Munique. A ideia inicial seria alugar um motorhome/trailler/campervan.

      O que vocês acham, alguém já fez a rota de motorhome? Indicam onde alugar?

      Ah, sugestões de quais cidades podemos ignorar são muito bem-vindas.. rs

      Muito Obrigada! 

      Uma vez eu fui tentar alugar um motorhome aqui em Düsseldorf onde eu resido para devolver em Munique, de onde pegaríamos um voo para a Italia.

      Uma das locadora simplesmente nem permitiu devolver o motor home em outro local, e a outra locadora queria cobrar uma taxa de retorno bem alta, que deixa a história toda salgada demais.

      Devido isto desistimos da ideia e fomos com o carro comum e dormimos em hotel de beira de estrada, pagar hotel ficou mais barato do que pagar a taxa de retorno do motor-home.

      Então confira direitinho se a locadora permite devolver em um local diferente de onde retirou o motor-home, e se não cobram uma taxa adicional altíssima por causa disto.

      •  
  19. É possível chegar a praia do sono navegando de barco a partir do pier de Paraty?

     

    Alguém já fez este trajeto de barco ?

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  232 mais
    2. Gabikxuera

      Gabikxuera

      Boa tarde galera, estamos planejando de ir para a praia do sono num fds, gostaria de informações sobre estacionamento ( onde e valor) camping (valor), alimentação....

      Até mais

      •  
    3. ISABELA DA S S LIMA

      ISABELA DA S S LIMA

      @Carol Carteli @Deise F. 

      Oi Carol e Deise, tudo bem??

      Só vi o post agora :|, mas de qualquer maneira segue o que tem pra fazer na Praia do Sono e arredores, para as próximas visitas:

      - Trilha do Poço do Jacaré, é uma trilha fácil de 1,1 km que começa pelo "interior" da comunidade, tem uma placa com a indicação do início dela ao lado da igreja.

      - Trilha para as Praias de Antigos e Antiguinhos, uns 30 minutos caminhando saindo da Praia do Sono.

      - Praia e Cachoeira das Galhetas, de Antiguinhos até a Cachoeira das Galhetas é cerca de 1,3 km.

      - Além de Antigos, Antiguinhos e das Galhetas, os arredores da praia do Sono são igualmente lindos e possuem povoados ainda menores. Dentre os lugares para visitar estão: a praia de Ponta NegraCairuçu das Pedrascachoeira do Saco BravoMartim de Sá, e Pouso da Cajaíba. Elas compõem a Travessia da Juatinga.

      Tem mais dicas no artigo http://instintoviajante.com/praia-do-sono-paraty-rj-dicas/, como: como chegar, preços, onde ficar, etc.

      Espero ter conseguido ajudar, para as futuras idas à Praia do Sono.

      Beijos, Isabela

      •  
    4. Will Ribeiiro

      Will Ribeiiro

      Olá mochileiros, estou indo para Martim de SÁ no feriado de finados, alguém poderia me ajudar com algumas perguntas? 

      • Quanto é o barco para a praia de pouso saindo de paraty?
      • Quanto está atualmente o camping? (tem algum meio de entrar em contato com o Maneco)
      • O barco tem horário certo pra sair ou é de acordo com a demanda? 

      Desde já agradeço galera !!

      •  
  20. Eu nunca fui, mas tenho um amigo que morou em Boa Vista e me disse que é uma viagem meio complicada... Em todo caso, as respostas para essas perguntas estão todas no Guia Criativo para o Viajante Independente na América do Sul (cerca de R$ 70), muito bom !!!

     

    Marcio

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  22 mais
    2. plokaq

      plokaq

      E aí Mochileiros!

       

      Vou fazer a rota entre Georgetown e Boa vista em Agost/2014, de moto. Alguém tem uma informação atualizada sobre as condições desta estrada? Quando mais ou menos de terra e quanto está pavimentada? Tem postos de gasolina no meio do caminho?

       

      Na verdade, minha trip de moto começará em Belém e vai até Boa Vista, passando pelas Guianas. Os outros trechos me parecem mais "fazíveis". Estes entre GT e Boa Vista é que me preocupa mais.

       

      Um abraço

      •  
    3. willylbarros

      willylbarros

      ola donwloade, olha pelas minhas ultimas informacoes a meta parou de voar de boa vista ate GT, mas voce pode ir de van, vai te custar un 200 ou 300 reais e leva muito tempo, mas ate o momento pode ser a unica opção....

       

      Olá Andre, beleza?

      Vi que ajudou alguns viajantes aqui no tópico.

      Eu pretendo fazer a trip Guiana, Suriname e Guiana Francesa (caso consiga o visto) no final desse ano.

      Mas confesso estar com bastante dificuldade em pesquisa e achar informações sobre os destinos.

      Gostaria de saber se você conhece, se tem algum roteiro?

      Por onde é melhor começar? Por onde entrar?

      É caro viajar para esses paises?

       

      Inicialmente é isso.

      Desde já agradeço man.

       

      Abraço.

      •  
    4. plokaq

      plokaq

      Fala Willy

       

      Fiz o trecho passando pela Guiana Francesa - Suriname - Guiana em Ago/2014, de moto. Mais detalhes no meu blog: http://www.standby16.blogspot.com.br/2014/09/belem-boa-vista-de-moto-passando-pelas.html

       

      Seguinte, achei os 3 países bem roots pra viajar. O interior dos 3 países é bem pouco desenvolvido. Até na Guiana Francesa, praticamente só Floresta e as cidades morrem no final de semana. Nem posto de gasolina abre.

       

      Guiana Francesa: Moeda é o euro e é caro. Hotel não saí por menos do que 50 euros na capital Caiena. Tive que acampar fora do perímetro urbano, o que não é fácil pra quem não está motorizado. No mais, tem o

      A travessia de Oiapoque a Saint Georges é por barco, 10 - 20 min a depender de onde vc sair.

       

      Suriname: É mais barato do que no Brasil. Encontra-se hotel por 40 reais a diária (quarto individual). Taxi também é barato em Paramaribo. O resto é caro (comida, bebida, festa)... O centro antigo da cidade é legal, com a arquitetura holandesa.

       

      Guiana: Os tours mais indicados levam sempre dias de viagem em veículos 4x4 ou são bem caros, via avião ou helicóptero. O mais popular agora é para as cataratas de Kaieteur. Eu não fui. O centro de Georgtown também é interessante, com arquitetura Inglesa e Holandesa. Recomendo ficar no Jerrys all night long, um hotel em cima de um bar. O Jerry é uma figuraça, gente finíssima.

       

      Como fiz o roteiro de moto, a trip em si é a aventura, principalmente no trecho linden-Lethem, Guiana, já no caminho para Roraima.

       

      Instagram: @MochileiroDoBrasil #MochileiroDoBrasil

      www.standby16.blogspot.com

      https://www.facebook.com/MochileiroDoBrasil

      •  
  21. Tópico sobre hospedagem na Itália.

     

    Caso você já tenha se hospedado na Itália deixe aqui as dicas sobre o local onde ficou. Diga se gostou ou não e porquê.

     

    Se você vai à Itália tire aqui as suas dúvidas sobre onde ficar.

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  273 mais
    2. angeloroncally

      angeloroncally

      Eu não conheço. :(

      •  
    3. Dellai

      Dellai

      Pessoal to caçando algum ap. em Roma, apareceram boas opções na região da tiburtina, Pietralata, Quintiliani, alguem conhece esses bairros?

       

      Tiburtina eu conheço bem ruim fuja.

       

      Eu fiquei no monti numa viela perto do coliseu achei tranquilo ficaria ali novamente.

      •  
    4. angeloroncally

      angeloroncally

      Fui em abril, fiquei no Trastevere, muito bom. Andei muito no bodinho que levar até a Piaza Venezia. E de la ia a pé ou pegava outro ônibus. Mas o melhor de Roma é bater perna...

      •  
  22. ... o litoral da Bahia deve ser o mais extenso do Brasil. Em 20 dias dá pra você conhecer apenas alguns points legais a não ser que queira passar apenas um dia em cada lugar. O litoral também tem mais ou menos o mesmo visual desde o sul até o norte... longas prais de areia com coqueirais, algumas vezes com algum resquício de mata nativa, umas falésias aqui e ali.

    Os principais pontos de divisão são Porto Seguro no sul, Ilhéus ao centro, Salvador (a baía e áreas ao redor), e o Norte (Praia do Forte pra cima ). Acho que eles chamam de costa verde, costa do cacau, costa do dendê e costa do côco.

    Os lugares mais legais pra visitar na minha opnião são Alcobaça, Cumuruxatiba, Caraíva, Trancoso, Arraial d´Ajuda, Itacaré, Boipeba, Morro de São Paulo, Salvador, Praia do Forte, Mangue Seco.

    Defina melhor o seu roteiro e com certeza o pessoal vai poder te dar dicas de pousadas e o que fazer em casa trecho por onde pretende passar.

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  178 mais
    2. CrisGoSan

      CrisGoSan

      Galera, vou para a Bahia em novembro, uns 10 dias, dá para incluir no roteiro Salvador, Morro de São Paulo, Porto Seguro e Arraial d´Ajuda ? Há mais alguns lugares que eu poderia incluir no roteiro, toda dica será bem vinda. Vlw !

      Corrido héim? Nem 2 dias e meio em cada local. E aí? Deu tudo certo??

      •  
    3. Frederico Pires

      Frederico Pires

      ALGUÉM PODE INDICAR UMA POUSADA BOA E BARATA EM CUMURUXATIBA?

       

      OBRIGADO

      •  
    4. Jessicadgomes

      Jessicadgomes

      @Pedrada Estou pesquisando sobre a Praia do Espelho, as pousadas achei bem caras. Vc sabe se tem a opção de hostel ou camping para ficar lá?

       

      •  
  23. SAUDAÇÕES GALERA MOCHILEIRA, eu tenho uma CANON PRIMA As-1 p/ mergulho , comprei usada mas sem a capa (q é vermelha c/ zíper de abertura total) ótima máquina tira belíssimas fotos,mas naum acho a bendita capa, será q alguém aí sabe de alguma loja especializada em acessórios CANON ou qualquer outra q tenha essa capa??

     

    ABRAÇOS

     

    [}:)] Rafael [}:)]

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  38 mais
    2. Arlindo Fernandes

      Arlindo Fernandes

      Tem uma empresa em Sao Paulo que comercializa manuais canon cobra de 15 a 20 reais mais frete:

      Cine Camera Service Telefone(11) 3259 7888.

      Eu sempre compro dela toda vez que adquiro equipamento novo.Arlindo Fernandes.

      •  
    3. Ihering

      Ihering

      Olá pessoal, gostaria de saber se alguém pode me dizer como faço para achar o manual em português da câmera PowerShot A410 [A], sem ter que pagar por este. Afinal, estou indo no próximo sábado à Ilha Grande e todo o recurso tem que ser bem aproveitado na Ilha. Um grande abraço. Ihering

      •  
    4. aldesco

      aldesco

      [info]Este tópico é um arquivo com mensagens de 2005 e 2006. Para acessar o tópico mais recente sobre o assunto clique aqui[/info]

       

      Pessoal,

       

      caiu em meu colo uma canon eos 3000. Sem manual. Quem pode me enviar um. De grátis. Desculpe, mas acho um absurdo vender manual.

      Obrigado, turma!

       

      Aldesco.

      •  
  24. Fala Rodrigo,

     

    a dica e sugestão que eu tenho é pra voce colar o relato aqui também se for possível, que acha? Estamos esperando!

     

    Valeu,

     

    Thiago de Sá

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  1 mais
    2. rodrigoschemes

      rodrigoschemes

      Fala Thiago.. blz?

       

      Vou colocar somente o texto então.. quem quiser ver as fotos pode dar um pulo lá no http://diarionamochila.zip.net

       

      Travessia Salesópolis - Boiçucanga

      Sábado frio e chuvoso, assim começava a aventura. A nossa intenção era fazer a travessia Salesópolis - Boiçucanga, também conhecida como Trilha das Cachoeiras do Ribeirão de Itú.

       

      A trilha possui aproximadamente 8 km em mata fechada, conta com travessias de rios, cachoeiras e poços para mergulho e o tempo todo segue pelo Rio Boiçucanga, nome indígena, que significa "Cobra de Cabeça Grande" devido a sinuosidade do percurso dele e no final ter um formato alargado, dando a impressão de ser a tal cobra. Essa trilha tem grande importância histórica, foi palco de muitas batalhas entre os índios Tupiniquins e Tupinambás que dividiam a ocupação da área e lutavam pelo domínio do caminho, pois era importante rota de mercado que ligava as cidades de Ubatuba e Santos.

       

      Continuado com a aventura, lá pelas 5 horas da matina estávamos de pé com as malas arrumadas e com o encontro marcado as 6 horas no metro Tatuapé com o restante dos corajosos aventureiros. Corajosos mesmo, porque de um grupo de 9 pessoas, em cima da hora 3 desistiram! O que poderia complicar um pouco nossa aventura, não desanimou nenhum pouco a galerinha que estava mesmo afim de atolar o pé na lama e curtir umas cachoeiras. As 6:30 estávamos na estrada, optamos seguir pela Rodovia Ayrton Senna passando pelas cidades de Mogi, Bertioga e enfim chegando aos limites de São Sebastião passando por algumas praias até chegar em Boiçucanga as 8:30.

       

      Nossa meta era ir até o centro de São Sebastião, onde nos encontraríamos com o guia e um veículo rural que nos levaria para o início da trilha que fica no km 18,5 da Estrada do Rio Claro, mas infelizmente chegamos com algum tempo de atraso e por recomendações do guia não seria possível realizá-la por completo pois sairíamos muito tarde da mata, o que colocaria em risco a travessia devido a dificuldade dela.

       

      Com a mudança de planos,fizemos a trilha ao contrário, partindo de Boiçucanga, passando pelas quedas até chegar ao Poço dos Macacos e retornar. A empolgação continuava grande pois sabíamos que trilharíamos a parte mais bonita apesar de abrirmos mão de conhecer alguns pontos interessantes da trilha como um antigo posto de vigilância da Petrobrás, o sítio do tal Dito do Cachimbo, figura quase lendária da trilha que mora isolado no meio da mata há 40 anos e também uma figueira de 40 m² considerada uma das maiores da Serra do Mar.

       

      O novo ponto de encontro com o guia era o bar do Seu Caetano em frente à ponte de Madeira, em Boiçucanga, na Estrada do Cascalho e também próximo ao inicío da trilha.

       

      Passando das 10:30, com um forte mormaço, os borrachudos em plena atividade, e uma incrível poluição sonora provocada por um cd do Sandy e Junior que insistia em tocar repetidamente no bar do Seu Caetano surge uma figura que a distância confunde-se com o Rambo! Calsa e camisa camuflada e uma faca de dar inveja a qualquer açougueiro. Era ele, Gláubio o guarda-parque responsável e indicado pela prefeitura e seu ajudante Marcos e que nos acompanhariam durante a trilha.

       

      A seguir, rumamos pela trilha e após 10 minutos de caminhada já tivemos a primeira travessia de riacho. O caminho de ida iria contornar a primeira queda, sendo ela visitada somente no final. Iríamos direto para a segunda queda, o Poço da Samambaia-Açu.

       

      Pude perceber a presença de turistas mesmo com o tempo ruim que tinham a intenção de ficar na primeira queda, o que não exigia muito esforço para se chegar até lá. Durante temporada e feriados prolongados essa primeira queda chega a receber a visita de mais de 300 turistas. Sorte da trilha que poucos se arriscam a subir para as demais quedas o que minimiza o impacto ambiental. Outro fator que complica a ida para os despreparados é a intensidade da subida para a segunda queda, são aproximadamente 40 minutos de intensa subida de tirar o fôlego de qualquer um.

       

      Fizemos uma parada rápida na segunda queda, o Poço do Sambaia-Açú com 20 metros de altura e um belíssimo porém perigoso Canyon no final do poço, somente para recuperar o fôlego e continuar a subida beirando barrancos estreitos.

       

      Mais vinte minutos e a subida dá o lugar a um terreno mais plano onde começaríamos agora a seguir o rio mais de perto com constantes travessias. De longe, vemos uma belíssima queda de água sinuosa e com um volume enorme, daí o nome da terceira queda, a Cachoeira da Serpente.

       

      Passava do meio dia e a fome já batia, tinhamos em mente parar no Poço dos Macacos para fazer nosso primeiro lanche mas no caminho uma surpresa. Avistamos, ou melhor, fomos avistados por uma cobra que tentara dar o bote no nosso amigo Daniel, que por sua sorte conseguiu desviar do pequeno réptil de mais ou menos 1 metro de altura, espessura fina e cor preta com listras amarela. Com meus conhecimentos de biologia de 6ª série não consegui identificar o animal, mas por sorte nada de mais aconteceu e de tudo isso ficou a frase "A cobra pica o segundo!" ou seria uma premonição do Daniel? O qual estaria em segundo, atrás do Rambo que sua função era ir na frente pra ver se encontrava cobras, bichos ou algo estranho. Particularmente a trilha para mim, já ficaria marcada na história, pois foi a primeira vez em que encontrei uma cobra no meio do caminho e ainda mais na tentativa de bote.

       

      Mais surpresas ainda viriam ao encontrarmos um cágado no Poço dos Macacos, lugar onde se forma uma bela piscina natural e tem uma pedra no alto que serve para um trampolim de aproximadamente 2 metros de altura. Lá foi nosso primeiro mergulho nas águas geladas do Ribeirão.

      O divertimento no poço encerrou-se com a presença da chuva que aumentara nos causando preocupação o que poderia provocar a chamada tromba d' água nas travessias do rio.

       

      Por sorte, a chuva forte de verão logo passou e deu lugar ao sol que passou a nos acompanhar na volta da trilha. Como nosso objetivo, chegar ao Poço dos Macacos, estava cumprido tínhamos em mente relaxar e aproveitar para se banhar nas outras quedas como a da Samambaia Açú que tem um belo trampolim de 4 metros de altura excelente para mergulhos.

       

      Aproveitamos para ir até a primeira queda também, a Cachoeira da Pedra Lisa, com aproximadamente 35 metros é com certeza a mais bonita.

      Após 20 travessias de rios e riachos, com os pés encharcados e 6 horas de caminhada pela Mata Atlântica, voltamos ao bairro de Boiçucanga com a sensação de que realmente valeu a pena.

       

      Agradecemos muito a companhia do piadista metido a Rambo e Guarda Parque Gláubio e seu ajudante. Também quero agradecer a galerinha ponta firme que contra tudo e contra todos resolveram se arriscar e fazer a trilha, Amarildo, Rafael, Marza especialista em mergulho em cachoeira, Daniel, vulgo Peruquinha que afirmou ter sentido a cobra no meio das pernas e claro a Bobs minha namorada companheirinha que está em todas.

      •  
    3. Visitante

      Visitante

      valeu mesmo amigo... Agora todos nós poderemos apreciar seu relato diretamente nos Mochileiros.. e olha que a família é imensa!!!

       

      Muito boa sua descrição. Parabéns.

      •  
    4. MarciMinerva

      MarciMinerva

      Olá, será que tem como realizar a trilha Salesopolis - Boiçucanga sem guia turistico?

       

       

       

      valeu mesmo amigo... Agora todos nós poderemos apreciar seu relato diretamente nos Mochileiros.. e olha que a família é imensa!!!

       

      Muito boa sua descrição. Parabéns.

      •  
  25. entre neste site:

     

     

    www.visitmalta.com/

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  155 mais
    2. Tati_Lita

      Tati_Lita

      Tenho um mês de férias e pretendo fazer 3 semanas de aula e uma semana livre em algum Lugar... Não sei onde... Itália, Grécia... Qualquer um será ótimo pq não conheço nada mesmo... Já tenho que marcar data por causa do trabalho... Estou meio sem tempo então adoraria opiniões, dicas 0, conselhos, Idéias! Será agora maio ou junho 2017... Obg Gente!

      •  
    3. simone.gonçalves

      simone.gonçalves

      Pessoal,

       

      Estou indo pra MALTA EM maio-2017 vou ficar 30 dias estudando na Iels em Sliema.

      Se alguém tb for nesta data e quiser trocar dicas meu cel é 61-982034445

       

      Sugestões sao bem vindas!

      •  
    4. simone.gonçalves

      simone.gonçalves

      Tenho um mês de férias e pretendo fazer 3 semanas de aula e uma semana livre em algum Lugar... Não sei onde... Itália, Grécia... Qualquer um será ótimo pq não conheço nada mesmo... Já tenho que marcar data por causa do trabalho... Estou meio sem tempo então adoraria opiniões, dicas 0, conselhos, Idéias! Será agora maio ou junho 2017... Obg Gente!

       

       

      Tatiana,

      Irei em maio com mais três amigos

      Vamos trocar dicas!

      Temos um grupo

      Meu numero é 61-98203-4445

      •  
  26. Espectacular!!!

    É a única coisa que me ocorre dizer sobre o relato!

     

    É o tipo de aventura que espero um dia vir a fazer, se bem que acompanhado e nao fazendo tanto km duma só vez!

     

    Mais uma vez... espectacular! DETONOU!!! [8D]

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  8 mais
    2. Dalila bióloga

      Dalila bióloga

      Muito bom o seu relato, agora gostaria de saber qual local mais bonito destes tr~es,: Subaúma, Baixio ou Siribinha?

      Por favor manda umas dicas e se dá pra ir andando da praia de Subaúma para a Lagoa azul ou de Siribinha para o Cavalo russo...

      Abraços,

      •  
    3. DaiBatista

      DaiBatista

      Gente, que cansativo!! Muita coragem sua! Isso que é uma caminhada!

      •  
    4. hhelioalves

      hhelioalves

      Já estava planejando fazer uma aventura parecida, saída da Praia de Itapuã em Salvador até a Praia de Atalaia em Aracajú, são 272km em 13 dias, hoje já existem muito mais pousadas no percurso, como será em baixa estação pretendo dormir nas pousadas do caminho.

      Depois de ler seu relato já está decido vou fazer a caminhada a partir do dia 27/06/2015, na volta conto o relato com as fotos.

      •  
  27. Boa pergunta... não conheço bem a Esfinge, mas já tive dois Green Hill, uma Supertrek e agora comprei uma Trilogia (tudas estas da Snake) e acho uma marca espetacular. Só estou achando que esta trilogia está machucando um pouco em longas caminhadas, coisa que não acontecia com as outras, nem com a Bull Terrier que ainda tenho também.

     

    Quando fui comprar fiquei em dúvida entre a Alpinist e a Trilogia, principalmente pela questão da impermeabilização.

     

    Agora, o melhor é testar e ver com qual o seu pé se acostuma melhor... boas compras!

    •   
    1. Mostrar comentários anteriores  544 mais
    2. valderes

      valderes

      o que eu já li a respeito sobre botas é q não deveriam ser guardadas em locais fechados e por muito tempo, pois isto meio que diminui a vida útil da bota. Acredito que não seja este o caso dos comentários anteriores, pois em muitos casos simplesmente temos azar ou o produto é ruim mesmo...

      Mas o caso é q se guardar a bota por muito tempo em um local fechado como dentro da caixa no fundo do armário o material da bota começa a se degradar, isto somado à possibilidade de já ter se comprado um produto velho na loja (fisica ou online, pq os produtos são caros e demoram a acabar o estoque) isto pode gerar o fato de se ter uma bota "nova" que na verdade já está velha...

      •  
    3. rapha_bio

      rapha_bio

      Olá pessoal!

      Sou novo por aqui, apesar de ser um apaixonado por trilhas.

      Fiquei bastante surpreso com o relato dos colegas.

      Tenho atualmente duas botas da snake. Uma tem mais de 5 anos e eu nunca tive problema.

      Eu digo mais, o uso que eu faço das mesmas é intenso. Faço pesquisa em campo e elas molham e secam no sol o tempo todo.

      É óbvio que elas descoloriram com o uso, mas o solado e a costura continuam intactos.

      Abraços!

      •  
    4. Clebson Melo

      Clebson Melo

      PANELA VELHA AINDA É A QUE FAZ COMIDA BOA


      Tive duas Snakes Trilogia. A última já foi reposição da primeira que apresentou um problema.

      Surpreendentemente até segurou a onda por um tempo.

      Tenho uma antigona: Super Trek (ver foto).

      SURPREENDENTEMENTE está inteiraça!!!!!!!!!!

      Essa bota foi adquirida por volta de 1995!

      Ou seja, está comprovado que a Snake optou em utilizar produtos de péssima qualidade quando poderia adotar bons produtos!

      P7273391-min.JPG.411108218e9a667d48a7fc3f10c74f79.JPG

      P7273392-min.JPG.a9ced6647e243b642bacc3a0250b61a4.JPG

      •  
  28. O objetivo deste tópico é trocar informações e reunir depoimentos e dicas sobre hospedagem em Santiago. Campings, albergues, pousadas e hotéis. Se você já se hospedou em algum estabelecimento da região conte para nós como foi sua experiência, seja ela negativa ou positiva. Para isso basta clicar no Botão Responder.

     

     

    •   
      • Gostei! 1
    1. Mostrar comentários anteriores  1.133 mais
    2. Ana Tereza Viana

      Ana Tereza Viana

      Oie! Muito obrigada pelas dicas de todos aqui!

      Pretendo passar uma rápida temporada em Santiago, procuro um hostel barato e bem localizado. Depois de ler bastante aqui e em alguns blogs, fiquei em dúvida entre os seguintes:

      - Che Lagarto

      - Plaza de Armas

      - Providência

      - Ventana Sur Hostel

      Alguém sabe me dizer as qualidades de cada um, levando em conta que prezo pela segurança, e pela proximidade a locais turísticos? Quais desses são mais movimentados e quais são mais tranquilos? Aceito outras sugestões, mas gostaria de não sair dessa ideia (algo em torno do Centro ou de Providência, baixo custo, quarto compartilhado, etc).

      Desde já, obrigada :)

      •  
    3. Gonzalez Matheus

      Gonzalez Matheus

      @Ana Tereza Viana  Olá, vou para Santiago dia 26/06 e ficarei até 06/07. Fazendo bastante pesquisa, escolhi o Hostel Providencia, é muito bem localizado,  fica a 15 minutos a pé da praça principal da cidade e 2 quarteirões do metrô.

      Acho que o estilo dele é mais movimentado, rola um happy hour e tem um pessoal mais jovem. Vou ficar em quarto compartilhado também.

      •  
    4. Victor Fonseca

      Victor Fonseca

      Amigos, eu estou buscando um hostel bem badalado em Santiago.

      Podem me indicar algum?

      Já vi que a galera aqui teve diversas experiencias boas por causa da localização ou do conforto, mas quero algo animado, com festa e interação, não ligo muito para o resto rsrs

      •  
  29. Bruxelas (em neerlandês Brussel e em francês Bruxelles) é a capital da Bélgica, capital da comunidade flamenga e, desde 2003, capital oficial da União Europeia.

     

    Além de capital do país, Bruxelas constitui igualmente uma região administrativa separada da Bélgica, tal como a Flandres e a Valónia, mas é um enclave de Flandres. A Região de Bruxelas-Capital (em neerlandês "Brussels Hoofdstedelijk Gewest") tem fronteiras coincidentes com as da cidade. Enquanto região autônoma, possui os órgãos de soberania próprios a cada uma das regiões, em conformidade com a organização federal do Estado. Assim, além de albergar o Parlamento Nacional belga, o Supremo Tribunal e os diversos ministérios federais, Bruxelas acolhe igualmente um parlamento e um executivo regionais e tribunais próprios. A cidade é igualmente capital da Região Flamenga (em neerlandês "Vlaanderen") e sede das respectivas instituições.

     

    Pelo século X, as leis de sucessão dos francos impunham que o império fosse dividido entre os netos de Carlos Magno: Luís o Germânico, Carlos II e Lotário I. A fortaleza de Lotário, fundada em 979, assinala a fundação oficial de Bruxelas. Anos mais tarde, o condado de Bruxelas foi atribuído a Lambert I de Leuven, conde de Leuven, por volta do ano 1000. Em 1047, o seu filho Lambert II de Leuven fundou a Catedral de Saint-Gudula.

     

    COMO CHEGAR LÁ?

     

    Estação Central é conectada à França e Holanda através do Thalyss (trem bala), possui também trens expresso para Luxemburgo e Suíça!

     

    De avião:

     

    * Adria Airways (Ljubljana)

    * Air France (Bordeaux, Clermont-Ferrand, Lyon)

    * Air Malta (Malta)

    * Air One (Milan-Malpensa, Rome-Fiumicino)

    * airBaltic (Riga, Vilnius)

    * Alitalia (Milan-Linate, Milan-Malpensa, Rome-Fuimicino)

    * Austrian Airlines (Vienna)

    * British Airways

    o operated by Sun Air of Scandinavia (Billund)

    * Brussels Airlines (Athens, Barcelona, Berlin-Tempelhof, Bilbao, Bologna, Budapest, Cagliari, Catania, Copenhagen, Faro, Frankfurt, Florence, Gothenburg-Landvetter, Geneva, Hamburg, Helsinki,Krakow, Lisbon, Ljubljana, Lyon, Madrid, Malaga, Marseille, Milan-Bergamo, Milan-Malpensa, Munich, Murcia, Naples, Nice, Oslo, Palma de Mallorca, Porto, Rome-Fuimicino, Stockholm-Bromma, Strasbourg, Toulouse, Turin, Venice, Vienna, Warsaw)

    * Czech Airlines (Prague)

    * easyJet (Berlin-Schönefeld, Milan-Malpensa, Nice)

    * Estonian Air (Tallinn)

    * Finnair (Helsinki)

    * FlyLal (Vilnius)

    * Iberia Airlines (Madrid)

    o operated by Air Nostrum (Asturias)

    o operated by Clickair (Barcelona)

    * Jetairfly (Almeria, Bourgas, Brindisi, Malaga, Toulon, Zaragoza)

    * KLM Royal Dutch Airlines

    o operated by KLM Cityhopper (Amsterdam)

    * LOT Polish Airlines (Łódz, Poznań, Warsaw, Wrocław)

    * Lufthansa (Berlin-Tegel, Frankfurt, Hamburg, Hanover, Munich, Nuremberg, Stuttgart)

    * Malév Hungarian Airlines (Budapest)

    * MyAir (Bari)

    * Olympic Airlines (Athens)

    * Ostfriesische Lufttransport (Bremen)

    * Scandinavian Airlines System (Copenhagen, Oslo, Stockholm-Arlanda)

    * SkyEurope (Vienna, Prague)

    * Sterling Airlines (Copenhagen, Oslo, Stockholm-Arlanda)

    * TAP Portugal (Lisbon, Porto)

    * Thomas Cook Airlines (Belgium) (Alicante, Almeria, Athens, Barcelona, Bourgas, Cagliari, Catania, Chania, Chios, Corfu, Faro, Fuerteventura, Funchal, Gerona, Heraklion, Ibiza, Jerez De La Frontera, Kos, La Palma, Las Palmas, Lesbos, Lisbon, Mahon, Malaga, Menorca, Mykonos, Napels, Olbia, Palma de Mallorca, Palermo, Rhodos, Rimini, Reus, Santorini,Tenerife, Venice, Zakynthos)

    * VLM Airlines (London-City)

    * Vueling Airlines (Barcelona, Seville, Valencia)

     

    Pier B

     

    * Aer Lingus (Dublin)

    * Aeroflot (Moscow-Sheremetyevo)

    * Afriqiyah Airways (Tripoli)

    * Air Algérie (Algiers, Oran [seasonal])

    * Air Transat (Montréal, Toronto-Pearson) [both seasonal]

    * Air Zimbabwe (Harare, Kinshasa) [begins Summer]

    * American Airlines (Chicago-O'Hare, New York-JFK)

    * Atlas Blue (Al-Hoceima, Marrakech, Oujda, Tangier)

    * BlueAir (Bucharest-Băneasa, Constanta [begins August 12])

    * bmi (London-Heathrow)

    o bmi Regional (East Midlands, Edinburgh, Leeds/Bradford)

    * British Airways (London Heathrow)

    o operated by Sun Air of Scandinavia (Bern)

    * Brussels Airlines (Abidjan, Banjul, Birmingham, Bristol, Bujumbura, Conakry, Douala, Dakar, Entebbe, Freetown, Geneva, Kigali, Kinshasa, London-Gatwick, Luanda, Manchester, Monrovia, Moscow-Domodedovo, Nairobi, Newcastle, Prague, St. Petersburg, Tel Aviv, Yaoundé)

    * Bulgaria Air (Sofia)

    * Bulgarian Air Charter (Bourgas, Varna) [seasonal]

    * Continental Airlines (Newark)

    * Corendon Airlines (Antalya)

    * Croatia Airlines (Split [seasonal], Zagreb)

    * Cyprus Airways (Larnaca)

    * Delta Air Lines (Atlanta, New York-JFK)

    * Eastern Airways (Southampton)

    * easyJet

    o operated by easyJet Switzerland (Geneva)

    * EgyptAir (Cairo, Luxor)

    * El Al (Tel Aviv)

    * Ethiopian Airlines (Addis Ababa)

    * Etihad Airways (Abu Dhabi)

    * Flybe (Exeter, Manchester, Southampton)

    * Free Bird Airlines (Bodrum, Antalya) [seasonal]

    * Hainan Airlines (Beijing)

    * Jat Airways (Amsterdam, Belgrade)

    * Jet Airways (Chennai, Delhi, Mumbai, New York-JFK, Newark, Toronto-Pearson)

    * Jetairfly (Agadir, Aqaba, Boa Vista [begins 26 October], Cairo, Cancun, Dubrovnik, Djerba, Hurghada, Luxor, Marrakech, Monastir, Montego Bay, Nador, Orlando-Sanford [begins 22 June], Oudja, Puerto Plata, Punta Cana, Sal [begins 26 October], Sharm el-Sheik, Tabarka, Tangier, Tel Aviv, Tunis, Varadero, Varna)

    * Koral Blue Airlines (Sharm el-Sheik)

    * MyAir (Bucharest-Băneasa)

    * Onur Air (Antalya, Istanbul-Atatürk) [seasonal]

    * Pegasus Airlines (Antalya, Bodrum) [seasonal]

    * Royal Air Maroc (Casablanca, Nador, Oujda, Tangier)

    * Swiss International Air Lines (Basel/Mulhouse, Zürich)

    * Syrian Arab Airlines (Aleppo, Beirut, Damascus)

    * TAROM (Bucharest-Otopeni)

    * Thomas Cook Airlines (Belgium) (Agadir, Antalya, Bodrum, Bourgas, Cairo, Choayang, Dalaman, Dubrovnik, Hurgada, Istanbul, Izmir, Kusadasi, Larnaca, Luxor, Malta, Marrakech, Marsa Alam, Monastir, Phapos, Sharm-El-Sheik, Split, Taba, Tivat, Tunis, Varna)

    * Tunisair (Djerba, Monastir, Tunis)

    * Turkish Airlines (Ankara, Istanbul-Atatürk)

    * Ukraine International Airlines (Kiev-Boryspil)

    * United Airlines (Washington-Dulles)

    * US Airways (Philadelphia)

     

    Aeroporto de Charleroi (sul de Bruxelas)

     

    * Jet4you (Casablanca)

    * Jetairfly (Gran Canaria, Nador, Oujda, Tenerife-South)

    * On Air (Pescara)

    * Ryanair (Alicante, Bergerac, Bologna-Forlì, Carcassonne, Dublin, Faro, Fez, Gdansk, Girona, Glasgow-Prestwick, Grenoble, Krakow, Limoges, Madrid, Malaga, Manchester, Marrakech, Marseille, Milan-Orio al Serio, Montpellier, Nîmes, Palma Mallorca, Pau, Perpignan, Pisa, Porto, Poznan, Rome-Ciampino, Santander, Shannon, Tanger, Turin, Valencia, Valladolid, Venice-Treviso, Zaragoza)

    * Wizz Air (Bucharest-Băneasa, Budapest, Katowice, Sofia, Warsaw)

     

    ACOMODAÇÃO

     

    Hostel Van Gogh - 14 eur, café incluso (até 2007 era hehe)

    http://www.couchsurfing.com" onclick="window.open(this.href);return false;

     

    CLICHÉS

     

    Todos falam francês em Bruxelas! - Nada disso! passei quase uma hora pra achar o albergue e no caminho encontrei mais flamengos (que falam holandês) do que os francophones!

     

    Todo marroquino é perigoso? hmmm os moradores de bruxelas sempre vão te dar esse "toque", mas acho que a velha generalização não vale, embora tenha passado por situações estranhas lá!

     

    N-Ã-O C-O-M-A N-A G-R-A-N-D P-L-A-C-E os preços são ridiculamente altos!

     

    é verdade que os belgas são chatos? - Eu acho que eles reclamam muito sem ter motivos!

     

    HIGH LIGHTS

     

    ATgAAAACwFHr7EBmt-_0-m1F8lo5U53A9mezQRji86h6LLAV-xvyyz8g5t22olSEiVoGOeZ2oiFf9aFapsM2FGSTXCE6AJtU9VDoeEaw5NbDGEhlBk52JnsLaE7TQA.jpg

     

    ATgAAAAdkZzLOpB8E5sdO6Tue8iim_xDdLfRbe-eUlE81ECgpKkIWx82hLO1PpJm0X28vqiXuMOlQ65_jWMyHBa5Gr1aAJtU9VDicCvv4AiD0yygUlU0yvZifl2LjQ.jpg

     

    Brussels_downtown.jpg

     

    ATgAAACYC5p41HF5v3a0L4Kj_tdg8sMLP7Zbx70C_3uv9TZOeaDTorp4gIs6fvXgH2urFPSxKrGZ9_G7xsb0gBMVoObEAJtU9VAk7L6MRL98I6g-FqdQM4-5kFE9uw.jpg

     

    Por André

     

    ------------------------------///-------------------------------------------------------------------------------------------------------

     

     

    Suenir, vc vai ficar em Bruxelas por 1 semana para algo especial ou pra turismo mesmo? Se for para turismo, te aconselho a gastar no máximo 2 dias em Bruxelas. A cidade é pequena e o centro histórico da pra conhecer bem a pé. O ponto turístico principal é a Grand Place, pra mim a praça mais bonita que eu já vi. Vc pode visitar Brugges, que é uma cidadezinha medieval linda.

    •   
      • Gostei! 1
    1. Mostrar comentários anteriores  251 mais
    2. Eliana Costa de Oliveira

      Eliana Costa de Oliveira

      @Marcos H. O. Souza Olá Marcos, já terei passado por Bruxelas indo para Amsterdam mas achei interessante a sua sugestão de ir de Bruxelas para Alemanha-Colônia porque no meu roteiro eu ia de Amsterdam para Alemanha - Colônia e de lá faria outras cidades da Alemanha. Como será a 1a. vez que vou para a Europa, agradeço se puder responder se fica com Bruxelas - Colônia ou mantenho o plano Amsterdam - Colônia. Um fraterno abraço.

      •  
    3. Eliana Costa de Oliveira

      Eliana Costa de Oliveira

      @kadnfes Oi, agradeço antecipadamente se puder esclarecer minha dúvida. Pretendo de Amsterdam ir para Colônia e ficar 1 ou 2 dias e depois ir para Frankfurt e ficar 1 ou mais dias e depois ir para Berlim e ficar alguns dias e depois ir para Dresden. Você acha viável? Se sim, entendi que devo usar o trem THALYS que é caro mais é o mais recomendável, é isso ou você tem outra sugestão de transporte/locomoção entre essas cidades? Um fraterno abraço.    

      •  
    4. Marcos H. O. Souza

      Marcos H. O. Souza

      Oi Eliana, depende do roteiro que vc planeja. Bruxelas estava originalmente no seu roteiro? Não é uma cidade apaixonante, como Amsterdam ou Paris, tem gente que não vê graça nela, assim como tem gente que adora, principalmente pela relevância dos belgas em histórias em quadrinhos (Tin Tin, Asterix, Smurfs, etc); mas, caso vc realmente tenha interesse em Bruxelas, eu recomendo fazer Amsterdam-Bruxelas e Bruxelas-Colônia

      •  
        • Obrigad@! 1
  30. Dani, obrigada por sua informações. Preciosas para quem desconhece o lugar....

     

    valeu, amiga

    •   
    1. Visitante

      Visitante

      Dani, obrigada por sua informações. Preciosas para quem desconhece o lugar....

       

      valeu, amiga

      •  
    2. PedrodePortugal

      PedrodePortugal

      é... Natal tem um certo poder de atracção!

       

      É com muitas saudades que me lembro das férias que lá passei em Novembro passado; calor, paisagens, alto astral... resumindo, e usando uma expressão vossa, "Show de Bola"! [:D]

      •  
    3. G1C2

      G1C2

      Que bom DANI MARANHÃO que gostou da cidade em que eu moro e amo!!!!!!!!!!!!!Venha mais vezes e conheça Baia Formoso, São Miguel do Gostoso, Touros, Zumbi........as praias da minha cidade maravilhosa são belissimas.

       

      Abraços

      •  


×
×
  • Criar Novo...