Viagem de Moto: Troca de informações sobre viagens de moto. Destinos, roteiros, relatos de viagens, companhia para viajar e discussões técnicas sobre motos, peças e outros equipamentos relacionados

#420440 por IronPure
16 Nov 2009, 18:06
Nossa, tenho muito que aprender ainda então. Vou me informar com a minha financeira. Vou precisar desta autorização, ou então quitar a moto, mas isso estava fora dos meus planos.

Existe custo para esta autorização da financeira? Considerando que eles cobrar até por um bom dia! rsrs
#420478 por LiCo
16 Nov 2009, 19:06
Intão, olha só o que diz o site da embaixada Uruguaia (por exemplo)

VIAJE DE MOTO
En viajes de moto son necesarios el documento del vehículo, el RG del propietario y la habilitación para conducir. Si el documento del vehículo se encuentra a nombre de una tercera persona será necesario obtener autorización del propietario, de la misma forma si el propietario tiene personalidad juridica. El mencionado documento deberá estar con la firma registrada ante escribano y por último deberá legalizarse en el Consulado uruguayo mas cercano a su residencia, las direcciones de dichas oficinas podrá encontrarlas en la página www.emburuguai.org.br

En el caso de viaje de moto ES NECESARIO EL SEGURO CARTA VERDE.

Fonte: http://www.emburuguai.org.br/requisitos.htm

Acredito que nos outros países não seja diferente, mas é preciso confirmar.

Intééé
#420501 por IronPure
16 Nov 2009, 19:57
Vou me precaver mesmo, ligar pro Banco e me informar, mas vejam só: A moto não foi financiado em leasing, ou seja, não está em nome do Banco e sim em meu nome. claro que em observaççoes consta que é alienada ao Banco tal...

So site diz o seguinte:
VIAGENS DE MOTO

Para viagens de moto ao Uruguai é necessário o documento do veículo, o RG do proprietário e a carteira de motorista. Se o documento do veículo não estiver no nome do motorista ou se encontre em nome de pessoa jurídica, será obrigatório obter autorização do proprietário para realizar a viagem, o documento deverá ter a firma reconhecida em cartório. Esta autorização deverá ser legalizada no Consulado mais próximo da sua residência, os endereços constam na página www.emburuguai.org.br

Bom, é a minha interpretação, de qualquer forma ligo pro Banco e posto o resultado aqui.
Abraços
#420507 por LiCo
16 Nov 2009, 20:11
É isso aí IronPure.

Eu disse que é preciso confirmar porque a alienação vai constar somente nas observações do documento, já que ela está ALIENADA, como diz no tópico.

Se fosse o caso do financiamento, aí sim seria necessário a autorização mencionada.

Quanto menos você precisar se explicar na fronteira, maior são as chances de você não ter que pagar propina (propina com o significado brasileiro hehehehe). Então é melhor sobrar documentação do que faltar.

Aguardamos o resultado da sua pesquisa ::otemo::

Intééé
#420508 por LeoRJ
16 Nov 2009, 20:16
Eu passei pela Argentina, Chile, Bolívia e Peru de moto. Se é o seu nome que está no documento, não existe problema nenhum.

Nem se preocupe com isso ::cool:: ::cool:: ::cool::

Aliás... Ninguém confere chassi, revista bagagem, nem nada. Pelo menos eu passei batido por todos os lugares e sempre muito bem tratado.

Teve aduana que não demorou nem 5 minutos.

Iron... Nem se preocupa com isso, pois não existe um sistema de banco de dados que identifique isso.

Mas pode fazer o que o LiCo disse, pois seria um bom desencargo de consciência.

Quanto a propina, na Argentina e Bolívia é certo te pedirem. Mesmo vc estando 100% certo. Dica: Diz que é policial no Brasil e não fazemos isso quando nossos irmãos bolivianos ou argentinos vem ao Brasil. Eles ficam com a cara no chão !!!

Abraço,
Leo
#420639 por LiCo
17 Nov 2009, 07:07
LeoRJ escreveu:Dica: Diz que é policial no Brasil e não fazemos isso quando nossos irmãos bolivianos ou argentinos vem ao Brasil. Eles ficam com a cara no chão !!!


::lol4:: ::hahaha:: ::lol3::

Essa é boa!
#420671 por thelittle
17 Nov 2009, 09:02
Eu já rodei pela argentina e uruguai com carro alienado no meu nome e nada ocorreu. Nao busquei essa tal autorização, porque como os demais falaram, os caras da aduana e os carabineros só conferem o nome do documento e se tem a carta verde.

Quanto à propina, depende do tamanho da sua paciencia. Se voce tem tempo e disposição, nao aceite pagar a propina e fique parado ali no acostamento com cara de bobo. Os carabineros nao poderao parar os proximos trouxas e começam a ficar nervosos pedindo a voce que vá embora. Na ultima vez eu fiquei uma hora parado e ganhei os caras no cansaço mas nao dei um centavo a eles. Pra começo de conversa, quando eles levam teus documentos embora pra viatura deles (sempre é assim), nao vá atrás. fique sentado dentro do carro, ou então se sente do lado de fora como quem nao quer nada. Eles ficam nervosos, acho que vivem só destas proprinas que cobram dos turistas. Fiquei lendo um livro na boa. Aí eles vieram atras de mim dizendo que estava errado, e eu "tudo bem...tenho todo o tempo do mundo pra resolver esta situação..."
#420793 por beier
17 Nov 2009, 13:18
Um dica: quando for viajar leve também o documento do carro/moto do ano anterior. Se os corruptos da caminera argentina pedirem entregue estes ao policial e fique com os documentos válidos bem guardado, a única coisa que eles vão verificar é o nome e a placa. Caso eles queiram alguma proprina ameaçando reter o documento tudo bem, o documento quente estará com vc ::lol3::
#421057 por IronPure
17 Nov 2009, 23:01
Liguei pro Banco hoje e fui surpreendido com a seguinte pergunta: Autorização pra que? Como assim? rsrs
Disseram nunca ter emitido esta autorização para veiculos comprados com CDC, cujo o nome do proprietário no documento é o adquirinte (ou seja, meu nome). Já no caso de leasing, disseram ser necessário, pois vem em nome do banco e na parte de observações vem: Arrendado a fulano de tal...

Senti muita firmeza nos atendentes não, vou sondar mais um pouco e mantendo todos informados aqui...
Abração e obrigado pelas dicas.

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes